Ministério Público pede na Justiça ressarcimento de prejuízos causado por apagão na Paraíba

Publicado em quinta-feira, agosto 29, 2013 ·

Aguinaldo Mota
Aguinaldo Mota

O Ministério Público Estadual da Paraíba entrará com ação na Justiça pedindo aos responsáveis pelo apagão, provocado nessa quarta-feira (28) em toda região Nordeste, o ressarcimento dos prejuízos causados devido à interrupção de energia na Paraíba.

De acordo o procurador do consumidor do MPPB, Gualberto Bezerra, eletrodomésticos queimados e até acidentes de carros causados por causa da falta de energia poderão ser indenizados.

O Procon Estadual da Paraíba também já tomou medidas para responsabilizar a empresa que causou os danos. Nesta quinta-feira (29), o Procon notificou a distribuidora de energia elétrica, Energisa, para que a empresa apresente justificativa sobre o blecaute que atingiu a Paraíba. A distribuidora tem prazo de dez dias para apresentar justificativas.

O secretário executivo do Procon-PB, Marcos Santos, alertou que os consumidores que tiveram equipamentos danificados por causa da interrupção no fornecimento de energia elétrica devem entrar em contato inicialmente com a empresa.

“O consumidor deve solicitar uma visita técnica da empresa. Caso a Energisa se recuse a resolver o problema, o consumidor deve procurar o Procon”, orientou.

A Energisa estabeleceu o prazo de 30 dias para indenizar os consumidores que tiveram equipamentos danificados devido ao apagão. De acordo com o diretor técnico e comercial Energisa, Luís Eduardo de Oliveira, até a manhã desta quinta-feira, a concessionária recebeu mais de 50 reclamações de clientes através de ligações telefônicas. Para o diretor, esse número está dentro do previsto.

Ele orientou que os consumidores que tiveram os equipamentos danificados devem ligar para a Energisa informando o ocorrido. Segundo ele, os clientes devem apresentar pelo menos três opções de orçamento.

Apagão

Todos os 223 municípios paraibanos já voltaram à normalidade do fornecimento de energia e do abastecimento de água, interrompidos por mais de quatro horas, na tarde desta quarta-feira (28), por conta do apagão que ocorreu na região nordeste. De acordo com a Energisa, 100% dos municípios paraibanos tiveram a energia normalizada até as 18h40 desta quarta. A Cagepa informou que restabeleceu o fornecimento de água até às 22h00.

O fornecimento de água na Paraíba foi atingido devido ao apagão e alguns bairros de João Pessoa e Campina Grande, assim como várias cidades no estado, foram prejudicados. A companhia de água e esgoto da Paraíba explicou em nota que o retorno do abastecimento foi sendo aos poucos, porque as bombas demoram a funcionar em 100% de suas capacidades.

O ministério de minas e energia informou, que o ‘apagão’ iniciado às 15h27, desta quarta-feira, foi provocado por queimadas e consequente desligamento da linha de transmissão de 500 kv Ribeiro Gonçalves no município de São João do Piauí, distante a 516 quilômetros da capital Teresina.

 

Por Naira Di Lorenzo

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS













ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627