Mais de 70% das rádios da Argentina são piratas e não possuem licença para transmitir

Publicado em domingo, janeiro 13, 2013 ·

Na Argentina, qualquer pessoa que ouve rádio tem conhecimento das interferências existentes, já que cresce cada vez mais o número de rádios pirata no país, que são na grande maioria comerciais, musicais ou religiosas, noticiou o Clarín.
Para cada rádio “devidamente licenciada” existem três FM e uma AM que estão operando a qualquer hora do dia, mas que nunca foram autorizadas a transmitir, segundo dados coletados no censo de 2010 da Autoridade Federal de Serviços de Comunicação Audiovisual (AFSCA).
Metade das rádios AM não autorizadas estão localizadas na província de Buenos Aires, que também conta com um quarto das 7.448 rádios FM não autorizadas existentes no país.
Esta situação se amplifica na TV aberta, onde existem 1.906 canais de “baixa potência”, sendo que a maioria não possui autorização para emitir sinal e muitos sequer estão funcionando.
A situação está tão crítica que, em 2012, a AFSCA começou a promover concursos para entregar 769 licenças de rádio FM em 11 províncias da Argentina, onde já existem mais de duas mil rádios funcionando sem autorização.[bb]
Portal IMPRENSA

Comentários

Tags : , , , ,

REDES SOCIAIS











ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627