Magistério comemora recuperação do PCCR com reajuste de RC e destaca valorização da categoria

Publicado em quinta-feira, Janeiro 30, 2014 ·

antonio-arrudaO Sindicado dos Trabalhadores e Trabalhadoras em Educação do Estado da Paraíba (SINTEP) sinalizou positivamente ao reajuste concedido ao magistério pelo Governo do Estado. Em entrevista a rádio CBN na manhã desta quinta-feira (30), o presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação na Paraíba, Antonio Arruda afirmou que houve também uma valorização de 35% do nível um para o nível três.

De acordo com Arruda, durante todo o governo ele deu um reajuste de 70%. “Foi mais ou menos dentro da expectativa, não é que o governo repôs o que nós tínhamos para receber. Digamos que num geral durante todo o seu governo ele deu um reajuste em 70%. Que isso na prática é verdade, mas ele se esqueceu de dizer que incorporou  gratificação GED/GEAD . E equivale a 40% aos vencimentos, na verdade foi 30% em termo de valor real,  aí nós vamos atingir os 10%, é isso o que ocorreu durante o seu governo,” completou Arruda.

 

Com o novo reajuste o magistério recuperou o Plano de Cargos, Carreiras e Remuneração (PCCR) conquistado em 2003 durante o governo de Cássio Cunha Lima afirmou Arruda. Ele afirmou que a diferença em relação à classe A, B, C, D e E era de 15%. O penúltimo reajuste a diferença foi de 14%. “Quando assumiu a diferença ficou em 20% da classe B para a classe A e o governo deixou a gente com 14,44% essa era a diferença. Com o reajuste ele recuperou isso a diferença entre as classes de A para E é de 35%”, conclui.

Wagner Mariano

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS


















INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627