Lula pede cuidado com divulgação de acusações falsas pela internet

Publicado em sexta-feira, outubro 18, 2013 ·

RICARDO STUCKERT/INSTITUTO LULA
RICARDO STUCKERT/INSTITUTO LULA

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva enviou mensagem na quarta (16) por e-mail e redes sociais pedindo que os apoiadores se utilizem da internet para divulgar informações e que deixem de se queixar da falta de espaço nas mídias tradicionais. “Crie os seus canais de comunicação, escreva, grave vídeos e debata nas redes sociais. E lembre sempre de checar as informações antes de divulgá-las. Não vamos colaborar com a criação de uma série de informações e acusações falsas que têm surgido na rede”, diz o petista.

Lula inicia a mensagem recordando que as mídias sociais têm cada vez mais força para debater o que acontece no país. O texto diz que “nós temos que estar presentes também nesse espaço, explicando nosso projeto”, sem explicar exatamente a quem se refere o “nós”, acrescentando em seguida dados positivos sobre os dez anos de governo do PT. “Não devemos ficar apenas reclamando que não temos espaço em outras mídias. Vamos utilizar essa ferramenta fantástica que é a internet para falar do nosso projeto, mostrar o que já fizemos e, claro, ouvir críticas, sugestões e questionamentos. Esse debate é essencial para consolidarmos ainda mais a trajetória de crescimento, democracia e diminuição de desigualdades que nosso país vem percorrendo.”

Em seu perfil no Facebook, o petista tem difundido notícias positivas sobre os projetos do PT. Entre ontem e hoje, por exemplo, compartilhou reportagens sobre o prêmio internacional recebido pelo Bolsa Família e a mensagem enviada por Dilma Rousseff por conta do Dia Nacional do Professor. “Quanto mais gente participar, quanto mais a política for debatida,mais consolidada estará a nossa democracia e mais nosso país avançará em direção a uma sociedade mais justa para todos”, defendeu.

Nas últimas semanas, a presidenta da República voltou a utilizar as redes sociais, que havia abandonado após a vitória eleitoral, em 2010. Além de reativar o canal no Twitter, Dilma abriu uma página no Facebook e a equipe de comunicação voltou a utilizar o blog do Planalto para difundir informações positivas sobre o governo, prática que havia sido abandonada após o fim do governo Lula.

 

por Redação RBA

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS













ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627