Litoral Sul cria rede de cooperação para integrar ações de seis municípios

Publicado em terça-feira, Março 28, 2017 ·

Seminário de Desenvolvimento reuniu cerca de 200 pessoas para discutir as oportunidades e potencialidades da região

seminarioSetor produtivo, empresários, gestores públicos e instituições parceiras criaram na manhã desta terça-feira (28) a Rede de cooperação para o desenvolvimento do Litoral Sul Paraibano durante o Seminário de Desenvolvimento do Litoral Sul, realizado pelo Sebrae, no município do Conde. O evento contou com a participação de 200 pessoas, entre prefeitos, representantes de instituições, além de agentes de desenvolvimento e líderes da governança local dos seis municípios que formam a região.

“O litoral sul paraibano tem diversas oportunidades e potencialidades. Além do turismo, há a agricultura familiar e as indústrias cimenteiras, de vidro, de cerâmica e o complexo da indústria automobilística. Para saber a vocação de cada município, é preciso fazer um diagnóstico e definir os eixos estruturantes”, destacou o diretor técnico do Sebrae Paraíba, Luiz Alberto Amorim, que participou de um debate com o prefeito de Bananeiras, Douglas Lucena, e o consultor de Políticas Públicas e Desenvolvimento Territorial do Sebrae, Arnaldo Júnior, durante o seminário. Juntos, eles discutiram as perspectivas, desafios e oportunidades da região, mostrando exemplos e casos de sucesso de outras regiões do Estado, como o Brejo e o Cariri.

Na segunda parte do Seminário, houve uma interação com os participantes e formação dos grupos de trabalho que irão contribuir para o desenvolvimento econômico e a transformação da realidade territorial. “A partir de agora vamos elaborar um aplano de ações estratégicas para o fomento e fortalecimento das atividades produtivas da região. Posteriormente vamos realizar encontros temáticos sobre o turismo, a agricultura familiar e a indústria”, explicou Arnaldo Júnior. O Litoral Sul Paraibano é formado por seis municípios (João Pessoa, Alhandra, Caaporã, conde, Pedras de Fogo e Pitimbu) que, juntos, possuem cerca de 115 mil habitantes, se considerarmos apenas os bairros da zona sul da Capital paraibana. “O que vocês precisam para começar a trabalhar, vocês já tem. É preciso apenas refletir sobre o que podemos transformar para construir a própria identidade. O Sebrae está junto de vocês para superarmos os desafios”, disse Luiz Alberto aos gestores públicos e líderes presentes ao evento.

A prefeita do Conde, Márcia Lucena, destacou que, diante de tantos desafios da região, é preciso estabelecer o que deve ser priorizado. “Temos aqui um solo fértil, mas estamos desorganizados e desarticulados. Precisamos enxergar a região como uma unidade e, para isso, é fundamental a criação do consórcio dos municípios do litoral sul. Devemos construir ações conjuntas para mudarmos enquanto região e sermos exemplo para o Estado”, destacou a prefeita.

Caso de sucesso – Durante o seminário, o prefeito de Bananeiras, Douglas Lucena, falou sobre os desafios e soluções encontradas para desenvolver seu município. “Quando assumimos a prefeitura, primeiramente identificamos nossas potencialidades e os entraves. A partir daí, fizemos um plano de desenvolvimento econômico e social e diagnosticamos alguns problemas. Alguns deles, como a baixa qualificação da mão de obra local e a carência de informação e crédito dos microempreendedores, são comuns a todos os municípios da região. Por isso, a importância de se trabalhar integrado”, disse o prefeito.

Ele ainda explicou que, a partir deste diagnóstico, foram encontradas soluções e colocadas em prática, como a captação de recursos e convênios com foco no estímulo ao empreendedorismo e a qualificação da mão de obra, através de parcerias com instituições como Universidade Federal da Paraíba, Sebrae, Sesi, Senai, Senar e Senac. O prefeito também destacou que a gestão municipal começou a comprar a produção da agricultura familiar e, atualmente, 62% do alimento da merenda escolar é adquirido da produção local.

Além disso, inaugurou a Casa do Empreendedor, com auxílio do Sebrae, e criou o Empreender Bananeiras, para oferecer crédito aos empresários. Ele também falou de outras ações integradas com os demais municípios do Brejo paraibano, como o Caminhos do Frio. “O turismo é a nossa atividade de integração entre os municípios do Brejo, que conta com o apoio da gestão pública, mas também dos empresários da região”, completou.

Sebrae/PB

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

Comentários

Tags : , , , , ,

REDES SOCIAIS




















Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627