Lados opostos: 2º turno causa racha familiar em importante clã da PB

Publicado em segunda-feira, outubro 13, 2014 ·

familiaaAs alianças  formadas para o segundo turno das eleições estão trazendo várias divergência políticas, uma delas foi dentro do PMDB. A família Paulino, importante clã político do Estado, está rachado depois que o ex-governador Roberto Paulino (PMDB) e sua esposa, ex-prefeita de Guarabira, Fátima Paulino (PMDB) anunciaram apoio ao projeto de reeleição do governador Ricardo Coutinho (PSB).

O motivo do racha é que o filho do casal Paulino, o deputado estadual Raniery Paulino (PMDB) sempre pregou a oposição ao governador e também ao outro candidato ao Governo, Cássio Cunha Lima (PSDB) e assim apostou na neutralidade neste segundo turno.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Outra família que ficou rachada foi a Motta, em Patos. A prefeita Francisca Motta (PMDB) e Nabor Wanderley (PMDB) estão apoiando a reeleição de Ricardo e o deputado federal Hugo Motta vai seguir neutro neste segundo turno.

Indo por outra direção, a família Toscano segue unida em prol da eleição a governador de Cássio Cunha Lima (PSDB). Zenóbio Toscano, prefeito de Guarabira, sua esposa, a deputada Lea Toscano e sua filha Camila Toscano, deputada estadual eleita estão juntos pró Cássio desde o primeiro turno e seguindo no segundo turno.

PB Agora

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS




















Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627