Justiça concede liminar e determina que Ricardo devolva estrutura de trabalho à vice-governadoria

Publicado em quarta-feira, julho 2, 2014 ·

TJPBO Tribunal de Justiça concedeu uma liminar, nesta quarta-feira (02), onde determina que toda a estrutura da vice-governadoria seja restabelecida. No último sábado (28), o vice-governador, Rômulo Gouveia (PSD), acordou e descobriu que seu trabalho como agente público estava totalmente inviabilizado, porque todos os seus assessores haviam sido exonerados. Além disso, os veículos à disposição do trabalho da vice-governadoria haviam sido recolhidos e até o telefone de Rômulo havia sido cortado. O fato aconteceu um dia depois de Rômulo ter anunciado rompimento com o governador Ricardo Coutinho (PSB).

O vice-governador, então, entrou com um Mandado de Segurança, no Tribunal de Justiça, e nesta quarta-feira o juiz Miguel de Britto Lyra Filho, acatou a liminar em favor de Rômulo Gouveia por entender que “a exoneração de todos os servidores comissionados e o corte do fornecimento de estrutura básica inviabilizam o funcionamento adequado das tarefas incumbidas à vice-governadoria, como também no atendimento dos interesses da sociedade, podendo, inclusive, acarretar prejuízos à população”.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Ao todo, foram exonerados 23 assessores de Rômulo Gouveia. Entre eles, chefe de gabinete, secretário e coordenador jurídico, funcionários primordiais para o funcionamento da vice-governadoria.

liminar_romulo

 

 

 

BlogdoGordinho

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS











ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco







Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br