Fifa homologa decisão, e croata não enfrenta o Brasil após cântico nazista

Publicado em segunda-feira, Maio 12, 2014 ·

fifaO croata Josip Simunic perdeu as esperanças de disputar a Copa do Mundo. Nesta segunda-feira, a Fifa homologou decisão da Corte Arbitral do Esporte (CAS), que havia punido o jogador com 10 partidas de suspensão após ato racista protagonizado Simunic em duelo pelas eliminatórias do Mundial. O atleta entoou canto nazista durante celebração da vaga ao torneio, em novembro de 2013.

Na festa, Simunic segurou o microfone e começou a gritar palavras que seriam slogans do período da guerra. Ele afirmou que foi baseado no “amor ao povo e à pátria” e disse que essa foi sua única influência na hora de se dirigir aos torcedores.

Punido, Simunic não enfrenta o Brasil na abertura da Copa, marcada para dia 12 de junho, no Itaquerão.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Em comunicado nesta segunda-feira, a Fifa destacou que a CAS agiu corretamente ao penalizar Simunic, acrescentando que qualquer ato envolvendo racismo será combatido pela entidade.

O jogador havia apelado da decisão junto ao Comitê de Apelação da Fifa, mas sem sucesso.

“A Fifa trabalha com a colaboração de seus membros em todo o mundo para educar e inspirar mensagens de igualdade e respeito”, ressalta texto oficial da entidade.

O jogador não poderá estar no estádio e também recebeu uma multa de aproximadamente R$ 70 mil.

A Croácia tem outro jogador que não poderá enfrentar o Brasil. O atacante Mario Mandzukic, do Bayern de Munique, está suspenso por um jogo e ficará de fora da estreia do Mundial.

Uol

Comentários

Tags : , , , , , , , , ,

REDES SOCIAIS




















Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627