Fato inédito, procuradores do Estado promovem paralisação de advertência nesta quarta-feira

Publicado em terça-feira, setembro 3, 2013 ·

sannyPela primeira vez na história, os procuradores de Estado da Paraíba vão iniciar uma série de paralisações de advertência, a partir desta quarta-feira, 4. Por 24 horas, a categoria vai cruzar os braços, como forma de advertir o Governo e alertar a sociedade sobre os graves problemas que ameaçam a carreira.

 

O ponto de concentração de atividades será o Centro de Convivência da Associação dos Procuradores do Estado da Paraíba (Aspas)

, no térreo da Ordem dos Advogados do Brasil – Secção Paraíba, no centro de João Pessoa

. A partir das 9

h

oras

, os procuradores da ativa associados à entidade darão início a uma série de atividades, incluindo a entrega oficial de um documento no Palácio da Redenção, com pedido de audiência com o governador Ricardo Coutinho (PSB) e a apresentação de uma pauta de reivindicações da categoria. 

Entre as reivindicações, destacam-se a construção de uma sede própria para a Procuradoria Geral do Estado (o prédio onde está instalado o órgão está interditado pela Justiça Trabalhista), realização urgente de concurso público, melhores condições de trabalho, revisão salarial e respeito às prerrogativas constitucionais da carreira.

 

Além desta quarta-feira, os procuradores vão paralisar excepcionalmente suas atividades também nos próximos dias 11 e 18 deste mês. A mobilização faz parte de uma programação definida na última Assembleia Geral Extraordinária organizada pela Aspas, na semana passada.

No próximo dia 25, uma nova Assembleia Geral Extraordinária será realizada na sede administrativa da Aspas, no Bairro dos Estados, em João Pessoa. Na oportunidade, será avaliada uma eventual resposta do Governo do Estado à pauta de reivindicações e, não havendo avanços no processo de negociação, ser discutido um indicativo de greve da categoria.

 

Mobilização em Brasília

A Aspas esteve presente também, durante todo o dia desta terça-feira, 3, em Brasília. Lá, através de comitiva liderada pela presidente Sanny Japíassú, a entidade se integrou ao Movimento Nacional pela Advocacia Pública, organizado por praticamente uma dezena de entidades, dentre elas a Associação Nacional dos Procuradores de Estado (Anape).

 

Assessoria de Comunicação da Aspas

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS













ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627