Estado minimiza alagamento de vestiários: ‘foi só entupimento’

Publicado em terça-feira, setembro 9, 2014 ·

almeidaoO secretário estadual de Recursos Hídricos e superintendente da Suplan, João Azevedo, minimizou, nesta terça-feira (09), o alagamento do túnel que dá acesso aos vestiários do estádio José Américo de Almeida (O Almeidão), na noite desta segunda-feira (08), urante partida entre Botafogo-PB e Paysandu válida pela Série C do Campeonato Brasileiro de Futebol. O assunto foi alvo do noticiário esportivo nacional.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Em contato com a reportagem do Portal MaisPB, João Azevedo disse que o problema foi um simplesmente entupimento por lixo na galeria de drenagem que liga os vestiários ao gramado. O secretário explicou que a água é bombeada da galeria para o fosso, que rodeia o gramado, e em seguida vai para o lado externo do estádio.

“Como houve o entupimento por lixo do canal, a água não teve como ser bombeada para fora do estádio. Mas, o problema está sendo resolvido, o local está sendo limpo. É claro que é um transtorno e não deveria ter acontecido. Mas, foi um simples entupimento da galeria”, arfimou.

O secretário também lamentou o fato da imprensa explorar apenas o alagamento da galeria e esquecer de mostrar que com mais de 100 milímetros de chuva, em apenas dois dias, o gramado do estádio ficou em perfeitas condições de jogo e que o sistema de impermeabilização das arquibancadas funcionou normalmente.

“Esta chuva anormal, de mais de 100 milímetros em apenas dois dias, mostra que a qualidade do gramado é excelente, com poucas poças de agua. A drenagem do gramado funcionou perfeitamente, mas ninguém comenta nada”, disse.

O secretário disse também que o projeto, do ano de 1980, tem um erro de concepção e normalmente a galeria, que fica abaixo do nível do gramado, alaga, sendo esvaziada pelas bombas para o fosso. “Como o canal do fosso estava entupido a água não eteve como escoar para o lado externo do campo”, explicou.

Recentemente, o estádio Almeidão foi reformado. A obra foi inaugurada no último dia 03 de julho.

MPPB investigará o caso

O promotor da Curadoria do Cidadão, Valberto Lira, informou que o Ministério Público Estadual (MPPB) irá formar uma comissão para investigar o caso. No entanto, ressaltou que o MPPB só poderá adotar alguma providência após a confecção de um laudo técnico.

“Vamos analisar o que aconteceu, verificar se é um problema de engenharia, ou se de muita chuva. Só um laudo técnico vai constar a falha”, afirmou.

Valberto Lira acrescentou que, caso seja constatado algum um problema técnico, a empresa responsável pela obra no estádio vai ter que responder pela falha.

Cristiano Teixeira – MaisPB

Comentários

Tags : , , , ,

REDES SOCIAIS


















INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627