Empresário do MT processa jornalista que ‘denunciou’ “Máfia dos Combustíveis” local

Publicado em terça-feira, Janeiro 10, 2012 ·

Plenário do SenadoO empresário Aldo Locatelli, proprietário de uma rede de combustíveis no Mato Grosso e presidente da Sindipetroleo-MT, está processando o jornalista José Marcondes, conhecido como Muvuca, por artigos escritos pelo profissional sobre a “Máfia dos Combustíveis” no estado, no qual Locatelli é apontado como um dos mentores do senador Pedro Taques (PDT/MT) no esquema de corrupção.
Além de exigir que Muvuca pague as despesas judiciais da ação, o empresário pede indenização de R$ 21 mil por danos morais. Em sua reportagem, o jornalista compara Locatelli a um ‘poderoso chefão’, que teria um patrimônio milionário não declarado.
Também o senador mencionado no caso processa Muvuca pelas acusações publicadas. Taques move uma ação cível contra o profissional e também acionou o Ministério Público Federal (MPF), para que tome medidas no âmbito criminal.

Com informações do site Midia News.

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS


















Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br