Empresa Rio Tinto proibe usuário de viajar em ônibus e caso vai parar na Delegacia

Publicado em quarta-feira, Maio 2, 2012 ·

A Viação Rio Tinto, empresa que presta serviço de transporte coletivo intermunicipal atendendo as linhas que antes pertenciam a ‘falida’ Guarabirense, se envolveu no início da tarde  da terça-feira (01) em uma confusão que paroiu na Delegacia e deve chegar aos Tribunais nos próximos dias.

O usuário André Antonio da Silva ao tentar usar o transporte da empresa entre as cidades de Mari e Sapé para ir ao trabalho, foi impedido de adentrar ao ônibus, placa DJS 2863 – Prefixo 1413,  pelo Motorista Marcos Antonio da Silva, residente em Dona Inês e pelo Cobrador Clóvis dos Ramos de Oliveira residente na cidade de Belém. Ambos alegaram ao passageiro que a determinação da proibição partiu da direção da Empresa Rio Tinto.

O episódio aconteceu por volta das 12h30 no Terminal Rodoviário do município de Mari quando o usuário André iria embarcar com destino a cidade de Sapé onde lá trabalha como Vendedor de passagens da empresa concorrente, a Jonas Turismo.

A Polícia Militar foi acionada ao local onde realizou as diligências de praxe e a vítima foi encaminha para a delegacia de Sapé onde fez o Boletim de Ocorrência (BO).

Em contato com a Equipe do Expresso PB, André Antonio, disse que irá representar a empresa na justiça por danos morais, ofensa a honra já que o mesmo foi injuriado na presença de todos e infração grave contra a constituição federal já que ao impedir seu deslocamento a empresa infringiu o direito de  ir e vir, ainda assim Antonio disse que também cobrará na justiça os danos materiais causados a ele já que ao chegar com atraso no seu local de trabalho terá seus proventos descontados.

O fato é que as empresa de ônibus possuem concessão públicar para operar as referidas linhas, linhas essas construídas e/ou recuperadas com o dinheiro do contribuinte e do usuário do serviço.

Outros  casos de denúncias contra a empresa

 A Empresa Rio Tinto parece já está acostumada com denúncias contra ela e sua direção não se preocupa com a imagem da mesma perante seus usuários e a opinião pública.

Em agosto do ano passado a empresa foi denunciada por um usuário no Portal Focando a Notícia de que a empresa estaria cobrando de Bananeiras ao distrito de Roma o mesmo valor para quem viajava de Belém a Bananeiras e vice-versa. Já de Solânea a Roma os passageiros seriam obrigados a pagar como se estivessem indo até Belém (veja matéria original). A Rio Tinto nunca se pronunciou sobre o assunto.

Em abril desse ano a empresa foi denunciada pelo Deputado Estadual Gervásio Filho (PMDB) por descumprimento da nova Lei da Meia-Passagem, o que nesse caso a empresa refutou tal informação.

O Expresso PB tentou um contato com a empresa via telefone a respeito do episódio ocorrido no início da tarde deste dia 1º, mas não conseguiu falar.

Fonte: ExpressoPB
Focando a Notícia

Comentários

Tags : , , , , , , ,

REDES SOCIAIS




















Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627