Donas de casa de baixa renda têm alíquota previdenciária reduzida

Publicado em sexta-feira, agosto 12, 2011 ·


previdencia1As donas de casa de famílias de baixa renda podem usufruir dos benefícios da previdência social mediante a contribuição de apenas 5% do salário mínimo. A medida foi aprovada pelo Senado Federal (MP nº 529). Com a contribuição, elas podem ter direito a aposentadoria por idade, auxílio-doença, salário-maternidade e pensão por morte.

O secretário-executivo do Ministério da Previdência Social, Carlos Eduardo Gabas, disse que a redução da alíquota é uma forma de reconhecer o valor das trabalhadoras. “Esta foi a segunda alteração que nós fizemos. A dona de casa já podia contribuir, mas o valor ainda era alto. Era 20% do salário mínimo. Em 2006, criamos o modelo simplificado e passamos a cobrar 11%. Mas, ainda assim, cerca de R$ 60 para quem não tem renda, nós entendemos que é muito”, afirmou.

Para se enquadrar como baixa renda, a família deverá estar inscrita no cadastro único para programas sociais do governo federal. A renda mensal total não pode superar dois salários mínimos, que representa R$ 1.090. O secretário-executivo espera que a medida aumente o número de donas de casa protegidas pelo seguro social. “A promulgação da lei deverá incluir mais cidadãos na proteção previdenciária”, disse Gabas.
Em julho, o texto da MP já havia sido aprovado na Câmara dos Deputados e agora segue para a sanção da presidenta, Dilma Rousseff.

Portal Brasil
Focando a Notícia

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS













ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco







Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627