Dezoito famílias dominam a política na Paraíba e comandam um patrimônio de mais de R$ 32,4 mi

Publicado em domingo, Maio 29, 2011 ·

dinheiro3Bons nomes, sobrenomes fortes e enormes e gordas contas bancárias que há anos se fortalecem e permanecem no poder no Estado da Paraíba. De acordo com levantamento feito pelo PolíticaPB, as 18 famílias que dominam a política paraibana comandam um patrimônio de, nada mais nada menos, que R$ 32.456.479,44 milhões e fazem história a frente de mandatos nos poderes Legislativo e Executivo engrandecendo cada vez mais as suas riquezas.

São mães e filhos, pais e filhos, maridos e mulheres, avós e netos, etc. Wilson’s, Motta’s, Vital’s, Cunha’s Lima, Roberto’s, Efraim’s, Paulino’s, Maranhão’s, Carneiro’s, Ribeiro’s, Feliciano’s, Abreu’s, Henrique’s, Toscano’s, Germano’s, Braga’s, Henrique’s, Odilon’s, Gouveia’s e Júnior’s.

Das mais abastadas as mais “simplórias” nenhuma dessas famílias possuiu menos de R$ 250 mil em patrimônio e algumas chegam a R$ 5,4 milhões. Individualmente esses valores variam entre R$ 50 mil e R$ 4,8 milhões por pessoa. Alguns deles sequer revelam sua fortuna, mas, imagina-se, deva ser bem maior que a aparente.

No topo da lista das famílias políticas e milionárias na Paraíba está a do senador Wilson Santiago e seu filho, o deputado fereral Wilson Filho, ambos do PMDB. Juntos eles possuem uma fortuna avaliada em R$ 5.460.280,00 milhões. Somente o filho declarou ter uma riqueza de R$ 4.800.471,00 milhões. Já o pai apresentou uma prestação de contas ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) onde revela ter apenas R$ 659.809,28 mil.

Em segundo lugar no ranking das famílias políticas mais ricas do Estado está a Cunha Lima na qual se apresentam três integrantes, Ivandro Cunha Lima (tio), Cássio Cunha Lima (sobrinho) e Romero Rodrigues (primo), todos do PSDB. Ainda a espera de tomar posse no Senado Federal o senador eleito Cássio declarou possuir um patrimônio de R$ 642.654,00 mil. Seu segundo suplente Ivandro, que também aguarda ser diplomado, tem bens avaliados em R$ 3.456.485,01 milhões e o deputado federal Romero, R$ 794.694,00 mil.

Logo em seguida aparece a família Ribeiro com uma fortuna avaliada em R$ 3.775.153,32 milhões. O mais rico é o deputado federal Aguinaldo Ribeiro (PP) que declarou ao TSE possuir uma riqueza avaliada em R$ 3.575.094,34 milhões. A irmã dele, deputada estadual Daniella Ribeiro (PP) tem um patrimônio declarado em R$ 72 mil. Poucas pessoas sabem, mas a mãe dos parlamentares, Virgínia Velloso, é prefeita do município de Pilar e tem uma riqueza de R$ 128.058,98 mil.

Fonte: Os valores dos bens dos devidos políticos citados na matéria do PolíticaPB foram retirados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). No caso de senadores, vice-governador, deputados federais e estaduais os dados são de 2010, já os valores do patrimônio dos prefeitos são de 2008. Apenas Veneziano Vital do Rêgo e Zenóbio Toscano, este último candidato pela última vez em 2006, não tiveram seus bens declarados.

Confira na sequência o ranking das famílias políticas mais ricas da Paraíba:

4º lugar – Família Roberto

Wellington Roberto (Deputado Federal) – R$ 1.981.809,26 milhão

Caio Roberto (deputado estadual) – R$ 1.690.138,03 milhão

5º lugar – Família Henrique

João Henrique (deputado estadual) – R$ 1.851.920,43 milhão

Edna Henrique (prefeita de Monteiro) – R$ 287.191,25 mil

6º lugar – Família Motta

Hugo Motta (deputado federal) – R$ 141 mil

Francisca Motta (deputada estadual) – R$ 1.788.876,26 milhão

Nabor Wanderley (prefeito de Patos) – R$ 94.978,37 mil

7º lugar – Família Maranhão

Benjamim Maranhão (deputado federal) – R$ 1.271.805,00 milhão

Olenka Maranhão (deputada estadual) – R$ 474.525,23 mil

8º lugar – Família Efraim

Efraim Morais (secretário de Infraestrutura do Estado) – R$ 573 mil

Efraim Filho (deputado federal) – R$ 718.782,40 mil

9º lugar – Família Vital do Rêgo

Vital do Rêgo Filho (senador) – R$ 888.842,05 mil

Nilda Gondim (deputada federal) – R$ 243.937,66 mil

Veneziano Vital do Rêgo (prefeito de Campina Grande) – não declarou bens ao TSE

10º lugar – Família Maroja

Marcus Odilon (prefeito de Santa Rita) – R$ 770.429,93 mil

Quinto de Santa Rita (gestor do Programa de Fomento ao Produto Turístico do Estado) – R$ 348.268,17 mil

11º lugar – Família Gouveia

Rômulo Gouveia (vice-governador) – R$ 951.285,99 mil

Eva Gouveia (deputada estadual) – R$ 96.131,81 mil

12º lugar – Família Júnior

Manoel Júnior (deputado federal) – R$ 892.127,00 mil

Maria Clarice (prefeita de Pedras de Fogo) – R$ 70 mil

13º lugar – Família Carneiro

Ruy Carneiro (deputado federal) – R$ 815.825,00 mil

Janduhy Carneiro (deputado estadual) – R$ 145.994,65 mil

14º lugar – Família Feliciano

Damião Feliciano (deputado federal) – R$ 818.530,57 mil

Renato Feliciano (secretário de Turismo e Desenvolvimento Econômico do Estado) – por não ter sido candidato não tem bens declarados no TSE

15º lugar – Família Paulino

Raniery Paulino (deputado estadual) – R$ 484.384,00 mil

Fátima Paulino (prefeita de Guarabira) – R$ 86.613,82 mil

16º lugar – Família Braga

Wilson Braga (deputado estadual) – R$ 264.816,00 mil

Vani Braga (prefeita de Conceição) – R$ 170 mil

17º lugar – Família Germano

Gilma Germano (deputada estadual) – R$ 120 mil

Buba Germano (prefeito de Picuí recenetemente cassado) – R$ 162 mil

18º lugar – Família Toscano

Léa Toscano (deputada estadual) – R$ 124 mil

Zenóbio Toscano (presidente da PBGás) – candidato pela última vez em 2006 não teve o valor dos bens encontrados no TSE

Nice Almeida

PolíticaPB

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS













ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627