Delegacia de PMs está à procura de morena que faz sexo em UPPs

Publicado em quarta-feira, Abril 16, 2014 ·

 

O celular, que fez, pelo WhatsApp, a fama da morena de cabelos longos que percorre as UPPs, agora pode ser o meio de denunciar os crimes cometidos pela tropa com quem ela manteve relações sexuais. Através do número do aparelho pelo qual Patty agendava com os PMs encontros em bases e viaturas, agentes da 8ª Delegacia de Polícia Judiciária (DPJM) estão tentando encontrar a moça. Desde a última segunda-feira, porém, as ligações para o celular não podem ser completadas.Patty em ação: farda da PM

Patty em ação: farda da PM Foto: Via WhatsApp

 

 

Na sindicância, que foi aberta pela Coordenadoria de Polícia Pacificadora para apurar as fotos e os vídeos que se circulam pelos bate-papos virtuais, os agentes buscam detalhes das relações sexuais que envolveram os militares. A investigação tem se atentado as características das imagens, como possíveis fardas ou locais identificáveis. Ontem, os responsáveis pela sindicância foram até UPPs do Complexo do Alemão para checar lugares de possíveis encontros.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Em uma das fotos que circulam na internet, Patty segura um fuzil

Em uma das fotos que circulam na internet, Patty segura um fuzil

 

Na internet, mulheres de policiais militares criaram um perfil em retaliação a Pattyficação. “Sou esposa de PM e quero fazer parte desse grupo. Temos que se unir!”, diz uma das mensagens. Outra mulher adverte: “Identifique seu homem e meta o pé na bunda dele. Esquece a Paty e as outras. Não adianta ficar com raiva dele. O safado é ele”.Patty, com a boina da Polícia Militar

 

 

Extra Online

 

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS




















Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627