Casal do RN é preso na Paraíba por suspeita de estuprar duas filhas

Publicado em domingo, setembro 11, 2011 ·

pedofiliaA Polícia Civil prendeu um casal do Rio Grande do Norte suspeito de estuprar uma criança de 12 anos de idade na cidade de Lucena, no Litoral Norte paraibano. O auditor fiscal da Receita Federal de 56 anos e a esposa de 33 anos são, respectivamente, padrastro e mãe natural da menina. O caso foi encaminhado à 1ª Delegacia Distrital, na capital João Pessoa.

De acordo com a delegado Paulo Martins, a denúncia foi feita pela garota à diretoria da escola que ela frequenta em Lucena. Ela informou aos diretores e professores que estaria sofrendo abuso sexual do padrasto desde os nove anos de idade. Ainda conforme a polícia, a mãe da vítima também teria participação nos atos com a menina e outros filhos, forçando-os a presenciar relações sexuais do casal.

Parentes da menina compareceram à 1ª Delegacia Distrital para prestar depoimento. Segundo a Polícia Civil, eles informaram que o casal é de Natal, no Rio Grande do Norte, e teria fugido para a Paraiba depois de serem apontados como responsáveis pelo estupro da filha mais velha da mulher, uma adolescente de 17 anos. Ela já teria um filho de dois anos de idade com o padrasto.

Após a abertura do inquérito e o interrogatório, o casal foi transferido para a Central de Polícia. Conforme Paulo Martins, por se tratar de um estupro de vulnerável, o crime é considerado hediondo, por isso o casal não teria direito a pagar fiança e permanece preso preventivamente.

A criança foi entregue ao pai natural e encaminhada para fazer exame de corpo de delito. Em seguida, ela será levada de volta para o Rio Grande do Norte.

Do G1 PB

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS


















Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br