Bombeiro e agente penitenciário são detidos fazendo uso de anabolizantes para cavalos

Publicado em sexta-feira, setembro 14, 2012 ·

Agentes públicos de Alagoas foram detidos em uma operação policial – desencadeada pela Delegacia Regional de Narcotráficos – enquanto usavam anabolizantes em um local que funcionava como clínica clandestina.

Na operação –que foi desencadeada no final da tarde de terça-feira (10), no bairro do Ouro Preto, em Maceió– a polícia apreendeu 273 fracos de Potenay, anabolizantes para cavalos, além de seringas, agulhas e mais de R$ 1 mil, em espécie.

Na ocasião os agentes policiais detiveram o sargento do Corpo de Bombeiros Militar, José Roberto Mendonça Lima, 30 anos, o agente penitenciário, Rodrigo Antônio Castelo Branco, 38 anos, e um engenheiro Elson Cox Rodrigo Oliveira Junior, 32 anos.

Os três foram liberados após a confecção de um Termo Circunstancial de Ocorrência (TCO), mas a Polícia Civil encaminhou um ofício para os órgãos públicos, no qual os dois servidores –o sargento e o agente– prestam serviços.

“Eles vão responder penalmente e administrativamente, porque o que eles cometeram foi um crime, uma vez que eles são agentes de segurança pública e deveriam coibir essa prática e dar exemplos”, relatou o delegado da DRN, Jobson Cabral, destacando ainda que os acusados serão enquadrados no artigo 28 da lei 11.343.

O militar foi ouvido na manhã de quarta-feira (11) pela corporação e de acordo com o Sargento Omena, do CBM, medidas punitivas estão sendo estudadas. A reportagem tentou contato com a Superintendência Geral de Administração Penitenciária, mas não obteve sucesso.

Operação

Além dos agentes públicos e do engenheiro, também foram autuados em flagrante o casal Luania Nunes da Silva e José Alberto dos Santos Barbosa. De acordo com o delegado da DRN, Jobson Cabral, o casal há quatro anos traficava, vendia e aplicava a substância, movimentando mais de R$ 18 mil ao mês.

“A lei é bem clara se houve qualquer desvio do procedimento de uma determinada medicação para outro fim é encarada como entorpecente”, relatou, enfatizando ainda que a clientela do casal era da parte nobre da capital.

O casal foi autuado em flagrante sob a acusação de tráfico e interceptação de entorpecentes e substâncias ilegais.

brasildefato

Comentários

Tags : , , , , ,

REDES SOCIAIS











ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627