Bernardo marca, e reservas do Vasco vencem a 2ª no Brasileiro

Publicado em segunda-feira, Maio 30, 2011 ·

vasco2Finalista da Copa do Brasil, Ricardo Gomes novamente poupou os titulares do Vasco no Campeonato Brasileiro. A medida tomada pelo treinador, mesmo sendo arriscada, rendeu ao clube da Colina a seguinda vitória na competição. Neste domingo, com mais uma atuação inspirada de Bernardo, autor de um gol, a equipe alvinegra bateu o América-MG por 3 a 0 e manteve a perfeição neste início de Série A, mesmo com toda a concentração voltada para o torneio de mata-mata.

Na final da Copa do Brasil, o Vasco estreou contra o Ceará na semana passada com uma formação reserva e venceu por 3 a 1. Neste domingo, novamente com uma equipe repleta de suplentes, o time da Colina alcançou os seis pontos e assumiu a liderança da Série A no final desta segunda rodada ao lado do Atlético-MG. Em contrapartida, o América-MG segue com três pontos na tabela.

Diante do América-MG, os reservas do Vasco sofreram contra uma equipe bem armada por Mauro Fernandes. Entretanto, por intermédio das individualidades, o clube de São Januário conquistou a vitória. Primeiramente com Leandro, que disparou pela direita e sofreu um pênalti bobo cometido por Thiago Carleto. Na cobrança, Bernardo marcou seu terceiro gol na competição.

Na segunda etapa foi a vez de Jéfferson brilhar. O meia fez grande jogada individual e deixou Enrico na cara do gol. Com categoria, o camisa 17, que entrou no intervalo, passou pelo goleiro Flávio e balançou as redes rivais com menos de 2min em campo. No final, o clube alvinegro ainda aumentou o placar com Elton, aproveitando ótima jogada de Misael pela ponta esquerda.

Depois da segunda vitória no Campeonato Brasileiro, o Vasco retoma todas as atenções para a Copa do Brasil. Na próxima quarta-feira, às 21h50 (de Brasília), a equipe de Ricardo Gomes recebe, em São Januário, o Coritiba, no primeiro confronto válido pela final da competição – o campeão conquistará uma vaga à próxima edição da Copa Libertadores da América.

Pelo Campeonato Brasileiro, o Vasco volta a campo no próximo domingo, às 16h, justamente diante do Coritiba, no Estádio Couto Pereira, palco do segundo duelo da decisão. O América-MG, por outro lado, buscará a reabilitação diante do Internacional, às 18h30, também no dia 5 de junho, no Morenão.

O jogo

O Vasco começou a partida de forma tímida enquanto o América assumia uma postura agressiva. Logo no primeiro minuto, Leandro Ferreira cruzou e Fábio Júnior cabeceou com perigo. Aos dois, foi a vez de Eliandro concluir com grande perigo.

O Vasco que estava representado pela equipe reserva tinha imensa dificuldade para trocar passes e chegar na área mineira. Aos 6min foi a vez de Carleto bater falta e obrigar Fernando Prass a praticar boa defesa.

No primeiro bom ataque, o Vasco acabou abrindo o marcador.Aos 9min, Leandro invadiu a área pela direita e foi derrubado. O árbitro marcou pênalti que Bernardo converteu com categoria.

O time visitante não se abateu e criou outra boa oportunidade aos 10min em conclusão de Amaral que foi bem defendida pelo goleiro Fernando Prass. Depois de estabelecer a vantagem, o Vasco melhorou um pouco a sua produção e Bernardo obrigou o goleiro Flávio a uma boa defesa aos 15min. A resposta mineira foi imediata com um chute de Rodriguinho que obrigou Fernando Prass a praticar outra boa defesa.

O Vasco dificilmente conseguia construir jogadas de ataque e o América seguia pressionando em busca do gol de empate. Aos 26 e 27min, o goleiro Fernando Prass fez mais duas intervenções em conclusões de Sheslon e Rodriguinho. Só aos 32min é que o time cruzmaltino voltou a incomodar em cobrança de falta de Felipe Bastos que Flávio defendeu com segurança.

O Vasco continuou sem conseguir segurar a bola no ataque e o América continuava exigindo muita atenção do goleiro Fernando Prass, o destaque da equipe da casa. Só aos 37min é que o time comandado por Ricardo Gomes levou perigo ao gol de Flávio em chute colocado do meia Jéferson que se chocou com a trave direita.

Nos minutos finais da primeira etapa, o América aumentou a pressão mas não conseguiu chegar ao empate por méritos de Fernando Prass que fez mais uma grande defesa em chute de Rodriguinho.

O Vasco voltou sem o meia Bernardo, substituído por Enrico. E o substituto deixou sua marca logo aos dois minutos. Ele recebeu um ótimo passe de Jéferson e tocou na saída do goleiro Flávio, ampliando a vantagem vascaína.

Sem ter outra opção, a equipe mineira partiu para o ataque numa tentativa de diminuir a vantagem do adversário. E quase marcou aos sete minutos quando Rodriguinho bateu de fora da área, Fernando Prass deu rebote e Fernando afastou o perigo antes que o atacante chegasse para aproveitar a sobra.

O América chegou a colocar a bola nas redes com Rodriguinho, mas a arbitragem marcou impedimento. O técnico Mauro Fernandes decidiu colocar mais dois atacantes em campo para tentar chegar ao gol com mais facilidade já que a equipe não repetia a boa atuação do primeiro tempo. As mudanças deram novo gás ao time visitante. Aos 22min, Alessandro concluiu com perigo e, no minuto seguinte, foi a vez de Kempes obrigar Fernando Prass a praticar outra defesa difícil.

O Vasco atuava recuado e apenas preocupado em segurar a vantagem. Aos 28min, Kempes desperdiçou outra boa chance ao receber no bico da pequena área e chutar por cima do travessão. Aos 32 foi a vez de Luciano obrigar Fernando Prass a defender outra vez um chute com endereço certo. Aos 33min, Dudu fez falta violenta sobre Jéferson, recebe o segundo cartão amarelo e deixa o América com dez jogadores em campo.

Em superioridade numérica, o Vasco finalmente se animou a partir para o ataque e poderia ter chegado ao terceiro gol aos 37min em chute de Fellipe Bastos que Flávio defendeu com muita dificuldade. Dois minutos depois, Enrico lançou Elton mas o chute do atacante saiu à direita do gol mineiro. Aos 45min, Misael fez ótima jogada individual e rolou para Elton empurrar para as redes e definir o placar da partida.

FICHA TÉCNICA

Vasco 3 x 0 América-MG

Gols:

Vasco: Bernardo, aos 9min do primeiro tempo; Enrico, aos 2min do segundo tempo; e Élton, aos 45min do segundo tempo

Vasco
Fernando Prass; Fágner, Fernando, Jomar e Max; Jumar, Fellipe Bastos, Jéfferson (Misael) e Bernardo (Enrico); Leandro (Chaparro) e Élton
Técnico: Ricardo Gomes

América-MG
Flávio; Shelson, Anderson, Gabriel e Carleto; Dudu, Amaral (Luciano), Leandro Ferreira e Rodriguinho (Kempes); Eliandro e Fábio Júnior (Alessandro)
Técnico: Mauro Fernandes

Cartões Amarelos
Vasco: Jumar
América-MG: Eliandro, Dudu, Fábio Júnior e Gabriel Santos

Cartões Vermelhos
América: Dudu

Árbitro
Francisco Carlos Nascimento (AL)

Local
Estádio de São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)

Com informações da Gazeta Esportiva

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS













ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627