Alunos fecham acesso a campus da UFPB por melhorias em residência

Publicado em terça-feira, Abril 24, 2012 ·

Alunos do campus da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) no município de Areia, no Brejo paraibano, fecharam os portões de acesso à instituição nesta terça-feira (24) durante uma manifestação. A maioria deles mora na residência universitária do Centro de Ciências Agrárias. As principais reivindicações dizem respeito à infraestrutura das moradias, superlotação e à segurança dentro da instituição.

De acordo com o estudante Arthur Mendonça, integrante do Diretório Central dos Estudantes (DCE) e aluno de Agronomia, os portões devem ser reabertos às 17h, quando está marcada uma reunião dos representantes com a diretoria do campus. Apesar do bloqueio, alguns funcionários técnico-administrativos e professores conseguiram entrar no campus para trabalhar.

Ainda segundo Arthur, os problemas vêm acontecendo há mais de um ano. Uma das principais dificuldades enfrentadas pelos estudantes seria a falta d’água potável. Apesar da diretoria ter conseguido uma parceria para abastecer o centro por meio de dez carros-pipa por dia, a água entregue seria de má qualidade para o uso humano. “A água é escassa e quando chega na torneira, é suja”, explicou.

Os estudantes também reivindicam mais segurança no campus, dizem que a alimentação é precária e cobram a presença de um médico no posto de saúde. “Ele só vem uma ou duas vezes por semana”, reclamou o representante dos alunos.

O G1 entrou em contato com a direção do Centro de Ciências Agrárias às 10h50, mas a secretaria informou que o diretor Djail Santos estava resolvendo outras pendências fora do campus. O vice-diretor também disse estar atendendo às demandas do setor e não atendeu o telefonema.

G1 PB

Comentários

Tags : , , , , ,

REDES SOCIAIS




















Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627