ALPB intensifica coleta de assinaturas de apoio a Campanha SOS Seca Paraíba

Publicado em quarta-feira, janeiro 23, 2013 ·

Foto: Nyll Pereira
Foto: Nyll Pereira

A Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) intensificou, nessa terça-feira (22), as ações da Campanha SOS Seca Paraíba, lançada pela ALPB na última terça-feira (15), com a instalação de pontos fixos, nas cidades de João Pessoa e Campina Grande, para coletar assinaturas para o abaixo-assinado de apoio a Campanha. O objetivo do abaixo-assinado é reforçar, junto às autoridades federais e estaduais, a “Carta da Paraíba”, documento oficial da campanha – que é fruto da “Caravana da Seca”, realizada pelos deputados estaduais no mês de dezembro de 2012.

A Caravana da ALPB teve como objetivo verificar in loco a situação de calamidade enfrentada pela população em diversas regiões da Paraíba, em decorrência da seca, e cobrar soluções urgentes das autoridades para o problema. O presidente da ALPB, deputado Ricardo Marcelo (PEN), destaca que a Campanha é um movimento suprapartidário e regional para chamar a atenção do Governo Federal para ações emergenciais e duradoras sobre a convivência com a seca.

Em João Pessoa, foram montados postos fixos da campanha para o recebimento de assinaturas na Lagoa do Parque Solon de Lucena, das 08h00 às 11h00 e das 14h00 às 18h00; no Ponto de Cem Réis, das 08h00 às 11h00 e das 14h00 às 18h00; no Busto de Tamandaré, das 17h00 às 21h00; no Largo da Gameleira; no Mercado de Mangabeira, das 08h00 às 15h00; na Praça da Paz, nos Bancários, das 16h00 às 21h00. Já em Campina Grande, as tendas foram montadas no calçadão da Maciel Pinheiro, Praça da Bandeira e Terminal de Integração.

No período da manhã, a aceitação da população a Campanha foi muito boa, com diversas pessoas assinando o abaixo-assinado nos pontos de coleta instalados na Capital. Na Lagoa, o estudante universitário Ruan Cabral disse que a iniciativa da ALPB é muito importante, pois o processo de desertificação no Nordeste é grande e as autoridades precisam se posicionar contra o problema.

“A nossa região é viável, falta apenas vontade política. Imagine se existisse um projeto bem estruturado, com políticas públicas adequadas para o Semiárido? Com certeza a região seria muito prospera e o sofrimento do sertanejo acabaria. O Nordeste tem um potencial enorme de produção e muita mão de obra. Então, só falta vontade política para que possamos ser um forte meio de produção para a economia brasileira. A Assembléia está de parabéns por iniciar este processo”, sustentou.

Já a assistente Social, Sonisa Monteiro, considera a iniciativa da Casa de Epitácio Pessoa louvável e destacou a importância da sociedade apoiar a campanha participando do abaixo-assinado de apoio ao SOS Seca Paraíba. “A seca é um problema grave, sem a devida atenção das autoridades, mas juntos poderemos mudar esta triste realidade. A população deve sempre participar e colaborar com ações como esta da Assembleia paraibana”, afirmou.

No Ponto de Cem Réis, o psicanalista Robson Pasteur de Araújo disse que as pessoas precisam se engajar na Campanha e tomar coragem de cobrar ações estruturantes para o Nordeste. “A região precisa de água e dinheiro tem aos baldes para realizar obras no semiárido. Apenas os recursos são mal investidos. Políticas publicas adequadas vai evitar o êxodo rural, pois é muito difícil para os sertanejos viverem em outras regiões, a exemplo da Sul e Sudeste, lá o sofrimento será maior. Enfim, a região Nordeste é viável e o povo nordestino poder viver muito na região”, enfatizou. Também no Ponto de Cem Réis, a promotora de vendas Ana Maria Medeiros disse que a Campana da ALPB é uma forma de lutar pelos que não “tem vez e voz”.

Durante toda semana, os moradores de toda a Paraíba, poderão aderir à campanha assinando o abaixo-assinado em locais de grande circulação, a exemplo de shoppings centers, terminais rodoviários e universidades, e também através da internet, no site www.al.pb.gov.br. Os voluntários também irão percorrer locais de missas e cultos para o recolhimento de assinaturas. A pretensão é reunir 400 mil assinaturas para encaminhar à Presidência da República, junto à Carta da Paraíba e o Relatório da Caravana da Seca, realizada no mês de dezembro.

O deputado Francisco de Assis Quintans (Democratas), presidente da Frente Parlamentar da Seca da Casa de Epitácio Pessoa, disse que a coleta de assinatura está superando as expectativas, com a população aderindo em massa a Campanha. “O abaixo-assinado está muito positivo em João Pessoa, está tendo bastante adesão. No interior, os prefeitos, deputados e a população em geral estão muito engajados nesta Campanha, que volto a ressaltar, não é da Assembleia paraibana e sim de todo o povo nordestino”, declarou.

Assinaturas – Na sexta-feira (18) e sábado (19), equipes da Campanha SOS Seca Paraíba estiveram no Ponto de Cem Réis e Busto de Tamandaré e neste final de semana a coleta continuará no Extremo Cultural. Na próxima sexta-feira (25), a coleta acontecerá, das 17h00 ás 21h00, no Ponto de Cem Réis; e no sábado (26) e domingo (27) as tendas, para o recebimento de assinatura, serão montadas na Feirinha de Tambaú.

Carta da Paraíba – Na Carta da Paraíba constam as principais ações estruturantes para o Semiárido, a exemplo de ampliar a operação carro-pipa; aumentar a distribuição de ração animal; limpar barragens; recuperar e instalar poços; distribuir cestas básicas; reativar e desburocratizar o Programa do Leite; revitalizar perímetros irrigados; encontrar solução definitiva para o endividamento dos produtores do Semiárido com o BNB; implantar adutoras; massificar a construção de cisternas; criar programa de geração de renda para o sertanejo e driblar o êxodo rural; despoluir rios e açudes que receberão águas da transposição do Rio São Francisco.

Assessoria 

Comentários

Tags : , , , , , ,

REDES SOCIAIS











ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627