Agente de saúde é agredida enquanto trabalhava em João Pessoa

Publicado em quinta-feira, junho 28, 2018 ·

Agente de saúde foi agredida em condomínio durante o trabalho, em João Pessoa (Foto: Reprodução/TV Cabo Branco)

Uma agente de saúde de 49 anos foi agredida por uma moradora no bairro de Mussumago, na Zona Sul de João Pessoa, na quarta-feira (27). De acordo com a Polícia Militar, as viaturas foram acionadas por volta das 11h40 pela filha da vítima, que informou a agressão.

Quando a PM chegou no local, a mulher que teria agredido a agente de saúde havia fugido. Foram feitas algumas rondas na região, mas ela não foi encontrada.

De acordo com a filha da vítima, que preferiu não se identificar, a mãe estava trabalhando no condomínio onde moram, local que faz parte da área de trabalho da agente, quando os vizinhos escutaram um barulho. “Achamos que era um assalto e trancamos a porta”, contra a filha. Até que uma das vizinhas chegou até a casa da filha e avisou o que estava acontecendo.

Quando a filha chegou até o local em que a mãe estava, ela estava no chão e desacordada. Os vizinhos tentaram segurar a mulher que estava agredindo a agente, mas ela ainda teria chutado a cabeça da vítima e quebrado o celular dela.

A Polícia Militar e o Samu foram acionados e registraram o ocorrido. A vítima foi levada para o Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa, onde foi diagnosticada com traumatismo craniano de grau leve. Passou doze horas em observação e recebeu alta ainda na noite da quarta-feira.

Nesta quinta-feira (28), a filha foi até a delegacia para prestar um boletim de ocorrência, orientada pela PM, e levar a mãe para fazer um exame de corpo delito.

Agente de saúde de João Pessoa é agredida por moradora

Agente de saúde de João Pessoa é agredida por moradora

Possível motivação

De acordo com a filha da agente de saúde, uma intimação do Conselho Tutelar recebida pela agressora poderia ter provocado as agressões. “Ela idealizou que a denúncia pudesse ter sido feita por minha mãe, acredito que por ela ser agente de saúde da área”, conta. O filho da agressora foi vista dias atrás brincando próximo a piscina, e a gente interfonou para alertar. A filha da vítima suspeita que isso tenha motivado a agressora a acreditar que a mãe dela teria feito a denúncia.

G1

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS




















Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627