na Paraíba

Abertas inscrições para 476 vagas na PB de agente censitário municipal e supervisor do IBGE

Publicado em sexta-feira, Fevereiro 19, 2021 ·

Estão abertas as inscrições para as funções de agente censitário municipal (ACM) e agente censitário supervisor (ACS) para realização do Censo 2021, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Na Paraíba, são 476 vagas somando os dois cargos.

Os interessados devem consultar o edital e realizar a inscrição online, no site da Cebraspe, a banca organizadora.

Para as vagas de agente censitário municipal e agente censitário supervisor, as inscrições vão até 15 de março pelo site da Cebraspe. A taxa de inscrição é de R$ 39,49.

De acordo com o edital, são ofertadas 197 vagas para agente censitário municipal, com remuneração de R$ 2.100, enquanto para agente censitário supervisor há 279 vagas, com remuneração R$ 1.700. As oportunidades estão distribuídas entre 179 municípios paraibanos, sendo João Pessoa (75), Campina Grande (37), Santa Rita (12), Patos (11) e Bayeux (8) as cidades com maior oferta.

O nível de escolaridade exigido para as duas funções é o ensino médio completo. No ato da inscrição, os candidatos devem escolher em qual município pretendem trabalhar e, após a prova objetiva, será oferecida a vaga de ACM àquele que obtiver a melhor colocação. Os demais classificados serão direcionados para a função de ACS.

O agente censitário municipal será responsável por gerenciar o posto de coleta do Censo e estar à frente das ações administrativas e técnico-operacionais, como supervisionar os recursos humanos e controlar os recursos materiais do local. Já o agente censitário supervisor terá a atribuição de acompanhar, avaliar e orientar os recenseadores durante a execução dos trabalhos de campo.

As provas, de caráter classificatório e eliminatório, devem ser aplicadas no dia 18 de abril. A divulgação do resultado final está prevista para o dia 27 de maio e a contratação deve ocorrer a partir do fim desse mês. A estimativa é que os contratos durem cinco meses, podendo ser prorrogados, desde que haja necessidade do trabalho e disponibilidade de recursos orçamentários.

G1

 

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS




















Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627