Xodó volta a decidir, líder Corinthians bate Inter e iguala recorde

Publicado em sexta-feira, julho 15, 2011 ·

wilianA impressionante fase do Corinthians foi mantida na noite desta quinta-feira com mais uma atuação decisiva do meia Willian, jogador que já virou o “xodó” da Fiel. Pela terceira vez no Campeonato Brasileiro, ele definiu a vitória do time: marcou aos 32min do segundo tempo, garantindo vitória por 1 a 0 sobre o Internacional, em resultado que aumenta a vantagem na liderança e ainda iguala recorde na competição.

Além de alcançar sua sexta vitória consecutiva, o Corinthians chega ao 18º jogo sem derrota, marca que foi iniciada ainda em 2010. Desde que o Brasileiro passou a ser disputado no sistema de pontos corridos, em 2003, apenas dois times tiveram feito igual: o Atlético-PR, vice-campeão em 2004, e o São Paulo, tricampeão em 2008.

A vitória serve para aumentar para seis pontos a vantagem na primeira colocação do Campeonato Brasileiro, com 25 pontos. A diferença para o Botafogo, primeira equipe fora do G-4, por exemplo, já e de nove pontos. O Inter, por sua vez, perde a chance de entrar, ainda que provisoriamente, na zona de classificação para a Copa Libertadores: fica com 15 pontos, na sexta posição.

O confronto entre Corinthians e Inter à 12ª rodada, mas foi adiantado porque o time gaúcho vai à Alemanha disputar a Copa Audi contra Bayern de Munique, Barcelona e Milan. Assim, o Corinthians passa a ter o mesmo número de jogo das demais equipes do Brasileiro, embora ainda tenha um clássico com o Santos adiado por causa da Copa Libertadores, que será disputado em 10 de agosto.

O Inter volta a campo no domingo, às 18h30 (de Brasília), quando vai enfrentar o São Paulo no Estádio Beira Rio, em Porto Alegre. Já o Corinthians só joga de novo depois de uma semana: vai ao Rio de Janeiro na próxima quarta-feira enfrentar o Botafogo, às 19h30, no Estádio São Januário.

O jogo

Os times entraram em campo em clima de grande confraternização. Tite e Alex, que recentemente trabalharam no Internacional, lideraram a troca de abraços, cumprimentos e os bate-papos no gramado do Pacaembu. Quando a bola rolou, no entanto, o clima esquentou com rapidez. Corinthians e Inter fizeram uma partida intensa, com entradas duras e discussões. E com poucas chances de gol.

Willian, destaque do Corinthians no Brasileiro, quase marcou aos 27min. Primeiro escapou de falta no meio-campo e tocou para Jorge Henrique, que conseguiu dominar e lançar na esquerda, onde o próprio Willian apareceu, depois de correr na diagonal. Ele acertou um forte chute, que passou com perigo à esquerda do gol. Pouco depois, o Inter quase abriu o marcador.

Aos 30min, o camisa 9 do Inter recebeu bom lançamento, invadiu a grande e driblou Chicão pela esquerda, mas não conseguiu cruzar para trás. Zé Roberto, que acompanhava de perto, estava pronto para marcar, mas Fábio Santos se adiantou e cortou o fraco passe feito. Aos 34min, outro susto do time gaúcho: D’Alessandro dominou na entrada da área e bateu com estilo, perto do gol.

O Corinthians voltou a assustar no final do primeiro tempo, em chute de Chicão bem defendido por Muriel. O goleiro iniciou o segundo tempo com outra boa intervenção, espalmando cobrança de falta feita por Alex. O Inter voltou a criar boas chances, e quase marcou aos 12min, quando Oscar bateu cruzado ao invadir a área pela direita, e aos 16min: o meia fez boa jogada, mas Leandro Damião não alcançou cruzamento.

O gol do Corinthians saiu aos 32min, novamente com o Willian, jogador que já virou o xodó da Fiel. Ralf recebeu passe de frente para o gol, dentro da área, se atrapalhou ao tentar dominar, mas conseguiu rolar de lado para a batida cruzada, rasteira e forte do jogador, definindo a partida. O Inter tentou evitar o tropeço, mas não mostrou força para reagir no Pacaembu eufórico.

Nos minutos finais, os mais de 35 mil corintianos presentes exaltaram Willian, que foi substituído por Edenílson aos 40min, e chegou a gritar “olé” enquanto a equipe administrava sua sexta vitória consecutiva no Campeonato Brasileiro, cada vez mais distante na primeira colocação.

Corinthians 1 x 0 Internacional

Gols

Corinthians:
Willian, aos 32min do segundo tempo
Corinthians: Julio Cesar; Welder (Wallace), Chicão, Leandro Castán e Fábio Santos; Ralf, Paulinho e Alex; Willian (Edenílson), Jorge Henrique e Liedson (Emerson). Técnico: Tite

Internacional: Muriel; Nei (Gilberto), Bolívar, Juan e Kleber; Guiñazu, Bolatti, Oscar e D¿Alessandro; Zé Roberto (Alex) e Leandro Damião. Técnico: Paulo Roberto Falcão

Cartões amarelos
Internacional: Zé Roberto e Gilberto

Árbitro
Ricardo Marques Ribeiro (Fifa-MG)

Renda/público:
R$ 1.197.674,50/ 35.158 pessoas Local
Estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP)

Terra

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS




















Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627