Veja dez dicas fundamentais para ser aprovado no Enem

Publicado em quarta-feira, outubro 31, 2012 ·

Faltando pouco menos de uma semana para a realização do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), é natural que os alunos sintam-se nervosos em relação a prova. Para ajudar nesse momento de ansiedade, o R7 conversou com especialistas e separou algumas dicas que podem ajudar os candidatos antes e na hora do exame.

O primeiro dia de prova acontece no próximo sábado (3). Isso significa que restam três dias de preparação para os candidatos. Neste momento, a recomendação dos especialistas costuma ser a mesma: não saia da sua rotina nem tente correr atrás do tempo perdido, virando noites estudando.

Ronaldo Carrilho, professor de Física do curso pré-vestibular do Anglo, recomenda aos seus alunos que tentem resolver a prova dos dois últimos anos nesta reta final.

– Dessa forma, o candidato vai se familiarizando com as características da prova do Enem, além de identificar os pontos da matéria que estão mais fortalecidos e os que estão mais frágeis.

Descanse bem nos dias anteriores a prova, mas sem alterar demais a rotina. O psiquiatra Daniel Guzinski, especialista em vestibulandos, explica que a reta final de qualquer exame que gere um sentimento de competição “mexe com a cabeça de qualquer pessoa”.

– Acredito que o aluno deva manter sua rotina diária. O simples momento da prova já torna as coisas especiais, não é necessário mudar a rotina. Isso aumenta a ansiedade, deixa a angústia acima do normal.

A prática de exercícios físicos ajuda no relaxamento. Então, caso o aluno esteja acostumado a fazer atividades físicas, pode aproveitar para esquecer um pouco o nervosismo da prova. Mas Guzinski lembra: os exercícios devem ser leves.

– Não estamos falando de correr uma maratona, mas de uma sessão de alongamento, uma corrida de intensidade leve ajudam no processo de diminuição da ansiedade.

O aluno não pode esquecer de conferir onde fará a prova. É importante que candidato faça isso antes do dia do exame, para que não se perca tentando encontrar o lugar certo. Se for possível, tente visitar o local dias antes da realização do Enem.

É recomendável que o candidato chegue ao local do exame uma hora antes da prova, ou seja, às 12h. No dia, portanto, o candidato também não deve deixar de calcular o tempo que levará para chegar ao lugar considerando o trânsito ou possíveis atrasos no transporte público.

No dia da prova, o aluno deve prestar atenção à alimentação. A prova é longa (tem duração de quatro horas e meia no sábado e de cinco horas e meia no domingo), então é muito importante não sair de casa sem se alimentar corretamente.

O candidato deve ainda lembrar de levar comida e água para a hora da prova, para não correr o risco de ficar com fome bem durante o exame.

De acordo com Guzinski, os “alimentos que contenham carboidratos são os melhores, pois fornecem energia para o organismo”.

Fique atento: os portões se fecharão pontualmente às 13h, no horário de Brasília.

Não deixe o nervosismo tomar conta de você na hora da prova. Guzinski lembra que é normal ocorrer um aumento da ansiedade, e que esse nervosismo pode ser até saudável, pois aumenta a atenção e deixa o candidato mais “ligado”.

– O problema é quando essa ansiedade aumenta e torna-se prejudicial.

É fundamental reconhecer os sinais de ansiedade: sudorese, tremores, aperto no peito, sensação de perda do controle, batimentos cardíacos aumentados.

O médico recomenda aos alunos que, na hora do exame, se preocupem apenas com ele.

– Na hora da prova não é o momento de pensar no que vai acontecer caso as coisas não ocorram da forma esperada.

O professor Francisco Platão Savioli, que ensina redação no curso Anglo, recomenda aos alunos que deixem ao menos uma hora para realização da dissertação. Mas lembra que quanto mais tempo o candidato conseguir reservar, melhor.

E Platão dá outro conselho: “toda redação começa com um treino de leitura”. O aluno deve ler com  muita atenção ao texto da prova e refletir para entender o que a proposta de redação está pedindo.

– Muitas vezes, na pressa, o estudante olha o tema por cima, não reflete e faz a redação.

Ele alerta ainda para a “redação Kamikaze”, que são aqueles textos em que os alunos resolvem fazer poemas ou gracinhas. Plantão lembra que é preciso cumprir as instruções que a prova pede e fazer uma dissertação.

Ao se deparar com uma questão muito difícil e que não está obtendo resultados ao tentar resolve-la, o aluno deve deixá-la para depois.

Isso porque o Enem é uma prova longa e o candidato ainda terá que transcrever suas opções para o formulário de resposta. Então, o candidato não deve levar muito tempo em uma única questão.

O professor Ronaldo Carrilho diz que depois de ter resolvido as questões mais fáceis, o candidato deve tentar resolver as questões mais difíceis que forma deixadas para um segundo momento.

– Isso porque a prova do Enem é corrigida segundo a TRI (Teoria da Resposta ao Item), que, resumidamente, atritui pesos diferentes às questões, segundo seus graus de dificuldades. Portanto, candidatos ou candidatas que tiverem o mesmo número de pontos podem ter notas diferentes pelo fato de acertarem menos ou mais questões com maior grau de dificuldade.

Ronaldo Carrilho lembra que os candidatos devem dimensionar corretamente o tempo para as questões muito difíceis. E dá uma dica importante nas questões mais longas de exatas (nas quais a leitura de um texto mais extenso se faz necessário): “proceder à leitura da pergunta antes da leitura do texto”.

– Dessa forma, no texto, o candidato poderá identificar as informações relevantes de forma mais rápida e mais precisa.

Outra dica de Platão (na foto) para a prova é que o aluno acompanhe as notícias. Não só para realização da redação ela é fundamental, mas também para resolver as questões de atualidades. O professor recomenda que os alunos assistam ao noticiário ou façam a leitura de jornais.

– Mas a chamada leitura ativa. Os alunos devem examinar as notícias, imaginar os comentários que fariam sobre ela. Tentando pensar nas implicações que aquela notícia tem.

R7

Comentários

Tags : , , , ,

REDES SOCIAIS













ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco







Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627