UFPB vai cortar ponto de servidores grevistas com base na decisão do Supremo Tribunal Federal

Publicado em terça-feira, novembro 1, 2016 ·

ufpbA Universidade Federal da Paraíba (UFPB) deve cortar o ponto dos servidores técnico-administrativos que tenham aderido à greve na instituição, com base na decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), que considerou constitucional o desconto dos dias parados em razão de greve dos funcionários.

Pelo menos essa foi a recomendação da Procuradoria Federal da instituição, em parecer emitido pelo Procurador-Chefe, Carlos Octaviano Mangueira.

No documento, Carlos Mangueira orienta a reitora Margareth Diniz proceder em conformidade com o entendimento do STF. Segundo ele, cabe agora a instituição notificar o sindicato da categoria sobre a decisão e exigir de todas as chefias responsáveis pelo controle de ponto no âmbito da UFPB a informação diária acerca de eventual ausência em razão de greve dos servidores.

MaisPB

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

 

Comentários

Tags : , , , , , , ,

REDES SOCIAIS














INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627