Três prefeitos paraibanos voltam ao banco dos réus do TRE-PB e podem ter mandatos cassados

Publicado em terça-feira, Maio 10, 2011 ·

tre-pb2Três prefeitos paraibanos voltam ao banco dos réus nesta terça-feira (10) no Tribunal regional Eleitoral (TRE). Estão na mira da Justiça Eleitoral os gestores de Juru, José Orlando Teotônio (PR); Picuí, Rubens Germano (PSDB); e a prefeita de Itabaiana, Eurídice Moreira da Silva (PTB).

O julgamento dos políticos deveria ter ocorrido na última sexta-feira (6), no entanto, mais uma vez eles escaparam de ver seus mandatos cassados, porque os julgamentos foram adiados a pedido dos advogados e em um dos casos pela ausência do relator.

O prefeito José Orlando Teotônio teve o mandato cassado no ano passado pelo juiz Rúsio Lima de Melo, da 34ª Zona Eleitoral, que julgou procedente uma Ação de Impugnação de Mandato Eletivo (Aime), por suposta prática de abuso de poder econômico e captação ilícita de sufrágio mediante a doação de três mil telhas e material de construção a um casal de eleitores, nas eleições de 2008.

O processo relativo ao prefeito de Picuí, Buba Germano, é um recurso interposto pelo PT do município, contra a decisão do juiz da 25ª Zona Eleitoral que julgou parcialmente procedente uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral (Aije) e o livrou da cassação. Entre as denúncias estão suposta prática de abuso de poder econômico e captação ilícita de sufrágio durante a campanha eleitoral de 2008.

Já o processo de Dona Dida é o resultado de Inquérito Policial da Polícia Federal, referente à apuração de suposta prática de fatos tipificados nos artigos 309 e 299 do Código Eleitoral e do artigo 288 do Código Penal, que tratam respectivamente, de fraude em eleições, compra de votos e formação de quadrilha.

PolíticaPB

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS













ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco







Focando a Notícia -
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627