Tolerado e muito consumido, álcool é a droga mais perigosa; entenda o motivo

Publicado em domingo, junho 19, 2011 ·

bebida1Bem aceito socialmente e com presença frequente nas rodas de amigos, o álcool é apontado por especialistas como a droga mais perigosa para a sociedade.

Na Grande João Pessoa, o Centro Integrado de Operações Policiais (Ciop), registrou 5,8 mil ocorrências de brigas envolvendo pessoas embriagadas. “Pelo menos 80% dos casos de violência contra mulheres são causadas por homens alcoolizados”, é o que diz a delegada de Crimes contra a Mulher de João Pessoa, Ivanisa Olímpio. De acordo com Batalhão da Polícia de Trânsito, a maioria dos acidentes é causada por pessoas sob efeito de álcool.

Por ser considerada uma substância lícita, o álcool está bastante acessível aqueles que o desejam consumir, seja nos bares ou nos supermercados. “Se livrar do vício do álcool é muito mais difícil do que sair da maconha”, disse o taxista Josean Leite de Oliveira, que passou 15 anos na dependência da droga.

Substância que causa prazer e é protagonista nas comemorações, o álcool também provoca danos muitas vezes irreparáveis às vidas daqueles que se viciam e de suas famílias, que precisam enfrentar junto com eles todos os problemas decorrentes do vício. O administrador Renato Arcúrio perdeu o pai para a dependência na substância. “Há muitos anos já sentia que o álcool estava tirando ele de mim, tentava todos os dias falar para ele parar de beber e mostrava o meu apoio, mas o vício foi mais forte do que ele”, lembrou.

“Minha vida se tornou uma escuridão e cada dia é uma luta para não voltar a beber”. O auxiliar de serviço Jailson Costa é dependente alcoólico e faz tratamento há cinco anos, mas assume que já teve várias recaídas neste período de tempo.

A cada dia, uma pessoa se interna por doença alcoólica do fígado na Paraíba. Segundo dados do Datasus, do Ministério da Saúde entre 2006 e 2010, 1.949 pessoas foram internadas no Estado por causa da doença e, destas, 319 não resistiram ao tratamento e morreram. Em cinco anos, foram gastos mais de R$ 1,5 milhão com assistência hospitalar de paraibanos que abusaram do álcool.

Mais detalhes você pode conferir no Jornal Correio, edição de domingo (19).

Edição deste domingo (19), do Jornal Correio da Paraíba

Comentários

Tags :

REDES SOCIAIS













ARTICULISTAS
Ramalho Leite
Karlos Thotta
Padre Bosco





INSTAGRAM @focandoanoticia


Focando a Notícia - CNPJ: 11.289.729/0001-46
Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio
jornalismo@focandoanoticia.com.br
(83) 99301.2627