Arquivo da tag: virtual

Mãe faz visita virtual a filho preso em outra cidade; encontro por videochamada é o primeiro da PB

Uma mãe da cidades de Patos, no Sertão da Paraíba, conseguiu ver o filho preso há nove meses na Cadeia Pública de Belém, no Agreste, por meio de uma visita virtual. Essa foi a primeira vez que um detento recebeu uma visita por meio de videoconferência, na Paraíba, de acordo com o Secretário Executivo de Administração Penitenciária, João Paulo Ferreira. Maria do Socorro, que estava a 310 km de distância do filho, o reencontrou também pela primeira vez desde a prisão. A visita foi autorizada pelo Judiciário e aconteceu no último dia 23 de agosto.

Conforme explica João Paulo, a iniciativa faz parte de um projeto piloto para começar a realizar as visitas virtuais em outras penitenciárias. Desde que foi preso preventivamente, no dia 8 de dezembro de 2018, o jovem nunca havia recebido a visita de familiares, em razão do alto custo de deslocamento.

Diante disso, a defensora pública da Comarca de Belém, Diana Guedes, resolveu pedir o benefício à juíza responsável pela Comarca de Belém, que autorizou. Ela contou com a ajuda da defensora pública Carollyne Andrade, que acompanhou a videochamada ao lado da mãe, no Núcleo de Atendimento da DPE em Patos.

O encontro virtual durou aproximadamente 30 minutos. Além das defensoras públicas das respectivas comarcas, a visita virtual também contou com a presença da tia do preso e teve a supervisão de agentes penitenciários.

Mãe e tia do detento participaram da vida, intermediada pela Defensoria Pública da Paraíba — Foto: Defensoria Pública da Paraíba/Divulgação

Mãe e tia do detento participaram da vida, intermediada pela Defensoria Pública da Paraíba — Foto: Defensoria Pública da Paraíba/Divulgação

A defensora pública Carollyne Andrade ressalta que a punição que o Estado impõe aos presos é relativa à privação da liberdade. “Outros direitos, pelo menos teoricamente, continuam assegurados, como o direito à saúde, à religião e a ter contato com a família – conforme dispõe o art. 41 da Lei de Execução Penal”, complementa.

A defensora salienta que a maioria das famílias de pessoas detidas, em razão da exclusão social, não possui condição financeira de percorrer longas distâncias territoriais, mesmo dentro do mesmo Estado. “Acreditando que os familiares do preso não podem ser punidos com esse afastamento, intermediamos essa visita virtual. Por ser uma Instituição que atende os mais vulneráveis, essa iniciativa da Defensoria, acredito, orgulha a todos”, afirma Carollyne.

Para a defensora pública Diana Guedes, a iniciativa deveria ser repetida em outros estabelecimentos penais. Ela lembra, inclusive, que a Gerência Operacional de Articulação com Estabelecimentos Penais (Goaep) da DPE-PB já encaminhou para o Departamento Penitenciário Nacional (Depen) a minuta do convênio de um projeto que prevê a realização de visitas virtuais no Sistema Prisional da Paraíba.

“É importante para amenizar a ansiedade das famílias e dos presos, inclusive para que eles possam cumprir de maneira mais satisfatória os deveres impostos pela Lei de Execução Penal”, ressaltou.

G1

 

Idosa perde R$ 200 mil após golpe do ‘namoro virtual’ com inglês

contaUma aposentada de Mogi das Cruzes, de 69 anos, procurou a Polícia Civil para denunciar um golpe sofrido por ela durante um namoro virtual com um homem que dizia ter nacionalidade inglesa. Em seis meses, ela perdeu R$ 200 mil que teria emprestado ao namorado para pagar os estudos dos filhos.

A vítima contou que conheceu o homem pela internet. Ele se identificou como Ray Roberto e dizia ter nacionalidade inglesa. Durante o relacionamento, que começou no dia 20 de julho deste ano, o homem pediu ajuda financeira para pagar os estudos dos filhos na África do Sul, além das taxas bancárias. A aposentada começou a depositar dinheiro que, até o começo de dezembro, somou R$ 200 mil. Os pagamentos foram feitos através dos sites Moneygram e Ego Brown, do  Quênia, que facilitam transferências internacionais.

O caso foi registrado no 2º Distrito Policial de Brás Cubas. Cópias dos extratos bancários foram entregues à Polícia Civil.

G1

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

Dia Mundial da Internet Segura alerta jovens para cuidados no ambiente virtual

internetDiversas instituições brasileiras públicas e privadas fazem hoje (10) uma programação para lembrar o Dia Mundial da Internet Segura, que ocorre nesta terça-feira. Com o tema “Vamos criar uma internet melhor juntos”, a ação é feita em mais de 100 países e tem como proposta mobilizar crianças, adolescentes, pais e educadores para criar um ambiente virtual seguro e alertar os internautas para os perigos de expor informações pessoais na rede.

No Brasil, a data será marcada pela apresentação de 61 atividades como palestras, aulas, debates e exibição de filmes, com o engajamento de 40 instituições. A expectativa é reunir cerca de 42 mil pessoas em 44 cidades de todos os estados.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Na página do evento, há jogos e vídeos sobre segurança na internet. A ação também disponibiliza a Cartilha de Segurança para Internet, que contém recomendações e dicas sobre como os usuários podem aumentar a segurança na rede. A cartilha traz informações sobre privacidade, redes sociais, contas e senhas, entre outros temas. O material é acompanhado de um conjunto de slides que podem ser usados em palestras e aulas.

As ações alusivas à data são promovidas no Brasil pela SaferNet, organização não governamental (ONG) criada para combater crimes e violações dos direitos humanos na rede, com patrocínio do Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR, do Comitê Gestor da Internet no Brasil e das empresas Google e GVT. O evento tem apoio de instituições como a Polícia Federal, o Ministério Público Federal, o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), a Secretaria de Direitos Humanos da Presidência, além de colégios e ONGs.

A pesquisa TIC Kids Online Brasil 2013,  feita pelo Centro Regional de Estudos para o Desenvolvimento da Sociedade da Informação, mostrou que 79% dos usuários brasileiros de internet, entre 9 anos e 17 anos, têm perfil nas redes sociais, sendo o Facebook o canal mais utilizado.

Em relação às situações de risco vividas online, 38% das crianças e dos adolescentes, entre 11 anos e 17 anos, adicionaram pessoas que nunca conheceram pessoalmente à sua lista de amigos ou contatos nas redes sociais. Quando o assunto é a mediação para o uso seguro da internet, apenas 8% dos pais e responsáveis dos jovens consultados na pesquisa acreditam que seu filho tenha passado por alguma situação de incômodo ou constrangimento na rede – percentual semelhante ao verificado em 2012 (6%).

Agência Brasil

Plataforma virtual de auxílio ao eleitor é lançada em parceria com o TSE

TSEEm parceira com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o Google lançou uma plataforma digital para auxiliar os eleitores, intitulada “Google Política & Eleições: Pesquise; Descubra; Vote Consciente”. O site traz informações oficiais sobre candidatos (a presidente e a governador) a partir de informações do sistema “Divulgacand” da Justiça Eleitoral.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Também estão disponíveis informações como agenda de eventos, entrevistas ao vivo de candidatos a cargos majoritários e as mais recentes notícias sobre as eleições divulgadas por mais de 30 parceiros de mídia, entre jornais, revistas, TVs e sites jornalísticos, além de vídeos relacionados.

O site informa que em breve oferecerá informações completas sobre candidatos aos cargos de senador, deputado federal e deputado estadual ou distrital, no caso do Distrito Federal. A ONG Transparência Brasil também é parceira neste projeto.

Assessoria

Sexo sem fronteiras: Veja prós e contras do campo virtual

sexo virtualFaz dias que você está longe e a saudade da parceira começa a bater mais forte. Ou vocês estão perto e querem esquentar o encontro de logo mais. Nessas horas a tecnologia é aliada: instantaneamente possibilita conversas apimentadas e envio de fotos muito quentes. “A troca de imagens sensuais ou eróticas tem a ver com exibicionismo e narcisismo. E se sentir desejável é importante afrodisíaco e saudável ao relacionamento”, explica consultor.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Você tem outro motivo para investir nessa ideia. Um estudo recente da Sociedade de Terapia e Pesquisa Sexual (EUA) comprovou que mais da metade das fantasias sexuais das mulheres são relacionadas com o desejo de ser sexualmente irresistíveis aos homens. É o que ela busca ao se exibir por webcam ou fotos para deixar você excitado.

Prepare o terreno para aproveitar a “tecnologia sexual” e divirta-se com a garota. Mas, por ser uma brincadeira arriscada, siga nossas dicas de segurança.

COMO FAZER
Saiba conduzir o jogo. Mande mensagens sugestivas. Se ela responder no mesmo tom, diga que está com saudade e peça com jeitinho para a parceira mandar a você uma foto de lingerie depois do banho. Se a garota entrar na brincadeira, acrescente que seria maravilhoso se ela tirasse o sutiã – sempre reforçando o quanto a parceira é linda. “Peça para ela tirar uma foto com ajuda do espelho (sem flash, é claro). Assim, você consegue conduzir a garota e excitá-la”. Se ela não pedir, não precisa retribuir as fotos do mesmo jeito. “Mulheres não se excitam com o nu da mesma maneira que os homens”, explica Carrion. Seu papel é mostrar o quanto acha que ela é gostosa. Sugira ações dizendo o que gostaria que vocês fizessem juntos depois, como uma preliminar. “Isso fará com que ela se solte mais com você”.

COM QUEM FAZER
O melhor é começar a brincadeira com quem você já tem uma relação – nem que seja só sexual –, pois a garota pode ficar ofendida. “Aceitar um risco desse depende do grau de confiança que você inspira. Só depois de um tempo de relação a mulher vai se sentir à vontade”.

FIQUE ALERTA
“Sempre vai existir uma chance de fotos e chats se tornarem públicos se seu celular cair na mão errada ou alguém invadir o seu PC”. O melhor é fazer isso em casa, não no computador da firma ou em lugares em que algum espertinho pode pegar seu telefone.Se pedir um show pelo Skype, certifique-se de que não está sendo gravado e de que você não está on-line para mais alguém (imagine sua mãe vendo a cena…). Se o presente for uma foto, aproveite, mas depois apague a prova do crime, principalmente se a imagem identificar a garota (bundas podem ser parecidas, mas o rosto não vai ser confundido). “E lembre-se de que só o delete não é suficiente, porque existe a lixeira. Delete o arquivo lá também. Guardar uma foto ou um vídeo numa pasta no seu computador também é um risco imenso, mesmo que você ache que escondeu bem. Então, aproveite e depois detone o material”.

Fonte: Com informações da Menshealth

Publicado Por: Fábio Carvalho

Telexfree bloqueia acesso de divulgadores a escritório virtual

Diretor Carlos Costa com telefone VoIP(Foto: Reprodução/ Facebook)
Diretor Carlos Costa com telefone VoIP
(Foto: Reprodução/ Facebook)

O acesso ao escritório virtual do site da empresa Telexfree está bloqueado desde esta segunda-feira (15) e, dessa forma, os associados não conseguem visualizar seus ganhos. Um comunicado foi feito na página do Facebook da companhia. De acordo com o advogado Horst Fuchs, a medida precisou ser tomada porque hackers tentaram invadir o sistema. Ainda não há prazo para a situação se normalizar.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

A Telexfree está sendo investigada por suspeita de pirâmide financeira, e desde o final de junho estão proibidos os pagamentos de comissões, bonificações e quaisquer vantagens oriundas da companhia aos divulgadores, além de novas adesões à rede, conforme decisão judicial. O descumprimento a qualquer das determinações pode gerar o pagamento de multa de R$100 mil por cada novo cadastramento ou recadastramento e por cada pagamento indevido.

O advogado explicou que o bloqueio do escritório virtual não tem ligação com decisão judicial. “Essa parte do portal continua bloqueada enquanto algumas medidas são tomadas pelos departamento de segurança e tecnologia de empresa. Hackers estavam tentando invadir o sistema e até que não esteja seguro, vamos manter como está, mas garantimos que os ganhos dos divulgadores continuam congelados”, disse.

Divulgadores
Com o bloqueio do escritório virtual, muitos divulgadores usaram a página da Telexfree do Facebook para reclamarem ou, ainda assim, apoiarem a empresa. Uma mulher escreveu que pretende sair da companhia. “Acabou! Pra mim não dá mais, chega de farsa Telexfree! Na hora entrar nessa pirâmide (…) foi muito rápido e agora na hora de me pagarem é uma novela mexicana! Exigimos transparência.”

Outra divulgadora se mostrou desconfiada do bloqueio. “Não podíamos fazer nada mesmo, mas parece que fizeram [o bloqueio] de propósito, para aqueles que querem guardar provas não possa printar (sic) a tela, por exemplo, do valor da adesão paga, onde diz seu nome, e quando foi paga a adesão. Também printar (sic) a tela da parte de renda para verificar quanto o divulgador já recebeu e quanto falta, para qualquer coisa os que saíram no prejuízo receber da Justiça os valores (…) para nos indenizar caso a empresa não volte. Acredito na empresa, mas esta difícil. Não sei porque esta medida de travar o nosso acesso ao backoffice, estanho isso”, escreveu.

Justiça do Acre
A juíza Thaís Borges, da 2ª Vara Cível da Comarca de Rio Branco, no Acre, julgou favorável a medida proposta pelo Ministério Público do Estado do Acre para suspender as atividades da Telexfree, no último dia 18. Com a decisão, foram suspensos os pagamentos e a adesão de novos contratos à empresa até o julgamento final da ação principal, sob pena de multa diária de R$ 500 mil em caso de descumprimento e de R$ 100 mil por cada novo cadastramento. A magistrada afirmou que a decisão não configura o fim da empresa, apenas suspende as atividades durante o processo investigativo.

Os advogados da empresa chegaram a entrar com pedido de reconsideração após a decisão da juíza, mas que foi negado pelo Tribunal de Justiça do Acre.

Julgamento recurso Telexfree (Foto: Rayssa Natani / G1)Julgamento recurso Telexfree no Acre (Foto: Rayssa Natani / G1)
G1

Municípios ganham ferramenta virtual que auxilia no acesso a serviços públicos

Ferramenta desenvolvida pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), o Mapa de Oportunidades e Serviços Públicos, apresenta virtualmente, a localização dos serviços, órgãos e instituições voltados à superação da extrema pobreza nos municípios. O mapa foi desenvolvido com o intuito de beneficiar e orientar técnicos de assistência social de todo o Brasil.

Nele, estão disponibilizados endereços e telefones dos equipamentos públicos de assistência social, de segurança alimentar, postos de saúde e hospitais, entre outros. Alguns, inclusive, exibidos em mapas, de forma georreferenciada.

Segundo o secretário nacional de Avaliação e Gestão da Informação do MDS, Paulo Jannuzzi, o objetivo do Mapa é servir como um guia, apoiando o atendimento à população. A ferramenta também permite que os gestores tenham uma visão mais ampla da cidade para definir ações que gerem emprego e renda.

“O mapa fornece subsídios para que o gestor tenha informação organizada para pensar os projetos de inclusão produtiva. Isto facilita o encaminhamento de famílias que procuram os serviços de assistência social”, assinala Jannuzzi.

Atualmente, o Mapa é alimentado apenas com informações obtidas pelo MDS. Mas a ideia é intensificar o conteúdo com dados fornecidos pelos próprios gestores municipais, ainda neste primeiro semestre de 2013.

 

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Mapa de Oportunidades e Serviços Públicos

Divulgação/MDS 

  • Mapa de Oportunidades e de Serviços Públicos

O Mapa de Oportunidades e de Serviços Públicos é um portal que reúne e organiza informações de diferentes fontes, acerca de oportunidades de inclusão produtiva e disponibilidade de serviços, equipamentos e programas públicos identificados em municípios, microrregiões e estados no País.

Este Portal tem como objetivo auxiliar os técnicos dos Centro de Referência de Assistência Social (Cras) e Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) e outros parceiros do Plano Brasil Sem Miséria nas atividades de referenciamento de públicos aos serviços existentes. Também tem o propósito de sistematizar informações e indicações de instituições que possam auxiliar gestores públicos na definição de estratégias e ações de inclusão produtiva para população em extrema pobreza e públicos-alvo do Plano Brasil Sem Miséria pelo País.

 

 

Fontes:
Plano Brasil Sem Miséria
Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome

Termina nesta sexta o prazo para inscrições nos cursos de licenciatura a distância da UFPB-Virtual

 

No período das 09h00 do dia 21 de maio de 2012 às 23h59m do dia 25 de maio de 2012, estarão abertas as inscrições para o Processo Seletivo de Ingresso de Graduados para os cursos de licenciatura a distância da UFPB – UFPBVirtual, período letivo 2012.2. (Pessoas que já tem uma graduação e querem ter outra, ou tem o bacharelado e querem fazer a licenciatura)

 

O Formulário específico para inscrição  encontra-se disponível até a data e hora acima referidas, na Internet, no endereço www.virtual.ufpb.br, o qual deve ser preenchido e entregue no Polo de Apoio Presencial cuja vaga o candidato pleiteia. Este formulário deverá ser encaminhado ao  Protocolo Geral da UFPB (Campus I, térreo do prédio da Reitoria, João Pessoa/PB) pelo Coordenador do polo, até às 17h00 do dia 30 de maio  de 2012, com os seguintes documentos:

a) cópia do Diploma de Graduação ou da Certidão de Conclusão de Curso, esta última dentro do período de validade (até 06 meses a contar da data da expedição e não ultrapassado igual período da data de colação de grau);

b) original ou cópia do Histórico Escolar atualizado e devidamente firmado (a) pela autoridade competente do órgão emissor;

c) cópia do CPF, RG, Certificado de Reservista (este último para candidato do sexo masculino), Certidão de Casamento ou Nascimento e da prova de que votou nas últimas eleições (1º e 2º turnos) ou justificativa legal do não comparecimento à votação;

                    d) documentação exigida pela Coordenação do Curso no qual o interessado pleiteia a inscrição (ver critérios e exigências no Anexo Único deste Edital).


Confira edital:

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA

PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO

 

 

EDITAL/PRG/nº. 011/2012 – INGRESSO DE GRADUADOS  PARA OS CURSOS A DISTÂNCIA DA UFPB – UFPBVIRTUAL

 

PERÍODO LETIVO 2012.2

 

 

O PRÓ-REITOR DE GRADUAÇÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA torna público, através do presente Edital, que:

 

1. No período das 09h00 do dia 21 de maio de 2012 às 23h59m do dia 25 de maio de 2012, estarão abertas as inscrições para o Processo Seletivo de Ingresso de Graduados para os cursos de licenciatura a distância da UFPB – UFPBVirtual, período letivo 2012.2, relacionados no Anexo Único que integra o presente Edital, nos termos dos incisos I e II do artigo 71 do Regimento Geral da UFPB, da Resolução nº. 10/2008 do Conselho Universitário e nos termos deste Edital;

 

2. O Formulário específico para inscrição  encontra-se disponível até a data e hora acima referidas, na Internet, no endereço www.virtual.ufpb.br, o qual deve ser preenchido e entregue no Polo de Apoio Presencial cuja vaga o candidato pleiteia. Este formulário deverá ser encaminhado ao  Protocolo Geral da UFPB (Campus I, térreo do prédio da Reitoria, João Pessoa/PB) pelo Coordenador do polo, até às 17h00 do dia 30 de maio  de 2012, com os seguintes documentos:

a) cópia do Diploma de Graduação ou da Certidão de Conclusão de Curso, esta última dentro do período de validade (até 06 meses a contar da data da expedição e não ultrapassado igual período da data de colação de grau);

b) original ou cópia do Histórico Escolar atualizado e devidamente firmado (a) pela autoridade competente do órgão emissor;

c) cópia do CPF, RG, Certificado de Reservista (este último para candidato do sexo masculino), Certidão de Casamento ou Nascimento e da prova de que votou nas últimas eleições (1º e 2º turnos) ou justificativa legal do não comparecimento à votação;

                    d) documentação exigida pela Coordenação do Curso no qual o interessado pleiteia a inscrição (ver critérios e exigências no Anexo Único deste Edital).

3. Não será apreciado pedido com documentação incompleta o qual deve ser indeferido in limine;

4. Os casos omissos serão apreciados e decididos pela Coordenação do respectivo curso, para o qual o candidato se inscreveu ouvido a Coordenação Geral da UFPBVirtual.

5. A relação dos candidatos aprovados/classificados será disponibilizada nas respectivas Coordenações de Curso e Polo e no endereço www.virtual.ufpb.br, até 15 de junho de 2012, sendo disponibilizada pela CODESC, no mesmo endereço, a Ficha de Cadastro que deve ser preenchida e emitida para entrega obrigatória no ato do cadastramento no polo.

6. Os classificados deverão comparecer no período de 25 a 29 de junho de 2012, no horário de 08h00  às17h00 ao polo, para o cadastramento obrigatório, munidos da ficha de cadastro e documentos citados no item 2 deste edital e posterior matrícula nas disciplinas, também realizada nos respectivos polos.

7. O não comparecimento no período indicado implicará na perda dos resultados obtidos e, consequentemente, da vaga para a qual foi selecionado (a).

8. Na primeira matrícula em disciplinas não será concedido trancamento parcial ou total, nem matrícula institucional, aos candidatos aprovados/ classificados, ingressantes no respectivo curso, ressalvados os casos decorrentes de legislação específica.

 

João Pessoa, 10 de maio de 2012.


VALDIR BARBOSA BEZERRA

PRÓ-REITOR DE GRADUAÇÃO


 

 

PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO DE GRADUADOS

 

UNIDADE DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA – UFPBVIRTUAL

 

PERÍODO LETIVO 2012.2

 

 

 

ANEXO ÚNICO AO EDITAL PRG/nº011/2012

 

 

CÓDIGO

CURSO

 

CURSO

 

CÓDIGO

POLO

 

POLO

 

FINALIDADE*

 

 

VAGA

 

CRITÉRIO

91201110

CIENCIAS BIOLOGICAS (LIC)

22

CABACEIRAS – PB

 I e II (a, b, c, d)

05

Graduado em curso superior reconhecido pelo MEC; CRE igual ou superior a 7,0 (sete) – Classificação até o limite de vagas.

91201110

CIENCIAS BIOLOGICAS (LIC)

3

CONDE – PB

I e II (a, b, c, d)

05

Graduado em curso superior reconhecido pelo MEC; CRE igual ou superior a 7,0 (sete) – Classificação até o limite de vagas.

91201110

CIENCIAS BIOLOGICAS (LIC)

7

POMBAL – PB

I e II (a, b, c, d)

05

Graduado em curso superior reconhecido pelo MEC; CRE igual ou superior a 7,0 (sete) – Classificação até o limite de vagas.

91201110

CIENCIAS BIOLOGICAS (LIC)

24

SÃO BENTO – PB

I e II (a, b, c, d)

05

Graduado em curso superior reconhecido pelo MEC; CRE igual ou superior a 7,0 (sete) – Classificação até o limite de vagas.

91301110

LETRAS (LIC)

16

CAMAÇARI – BA

I e II (a, b, c, d)

05

Graduado em curso superior reconhecido pelo MEC; CRE igual ou superior a 7,0 (sete) – Classificação até o limite de vagas.

91301110

LETRAS (LIC)

17

ITAPICURU – BA

I e II (a, b, c, d)

05

Graduado em curso superior reconhecido pelo MEC; CRE igual ou superior a 7,0 (sete) – até o limite de vagas.

91301110

LETRAS (LIC)

18

JACARACI – BA

I e II (a, b, c, d)

05

Graduado em curso superior reconhecido pelo MEC; CRE igual ou superior a 7,0 (sete) – Classificação até o limite de vagas.

91301110

LETRAS (LIC)

19

MUNDO NOVO – BA

I e II (a, b, c, d)

05

Graduado em curso superior reconhecido pelo MEC; CRE igual ou superior a 7,0 (sete) – Classificação até o limite de vagas.

91302110

PEDAGOGIA (LIC)

2

CAMPINA GRANDE PB

I e II (a, b, c, d)

05

Graduado em curso superior reconhecido pelo MEC; CRE igual ou superior a 7,0 (sete) – Classificação até o limite de vagas.

 

91302110

PEDAGOGIA (LIC)

3

CONDE – PB

I e II (a, b, c, d)

05

Graduado em curso superior reconhecido pelo MEC; CRE igual ou superior a 7,0 (sete) – Classificação até o limite de vagas.

91302110

PEDAGOGIA (LIC)

14

IPOJUCA – PE

I e II (a, b, c, d)

05

Graduado em curso superior reconhecido pelo MEC; CRE igual ou superior a 7,0 (sete) – até o limite de vagas.

91302110

PEDAGOGIA (LIC)

15

LIMOEIRO – PE

I e II (a, b, c, d)

05

Graduado em curso superior reconhecido pelo MEC; CRE igual ou superior a 7,0 (sete) – Classificação até o limite de vagas.

91302110

PEDAGOGIA (LIC)

12

MARI – PB

I e II (a, b, c, d)

     05 Graduado em curso superior reconhecido pelo MEC; CRE igual ou superior a 7,0 (sete) – Classificação até o limite de vagas.

 

 

* FINALIDADES:

 

 

 

             I – Para realizar um novo curso de graduação;

 

II – Para obter, mediante complementação de estudos, uma nova habilitação do mesmo curso ou o Bacharelado,

 

se já possuir a Licenciatura respectiva, e vice-versa, para candidatos que:

 

a) possuam diploma de outra instituição de ensino superior que permita complementação de estudos;

 

b) tenham concluído o curso na UFPB em semestre letivo imediatamente anterior (2011.2) ao semestre letivo  corrente;

 

c) sejam prováveis concluintes da UFPB do período letivo em que formaliza o pleito (2012.1);

 

d) sejam detentores de diploma da UFPB, cuja conclusão da graduação tenha ocorrido em períodos anteriores

 

(2011..1, 2010.2, 2010.1, 2009.2, …. ).

 

 

 

Critérios para desempate: na hipótese de empate entre os candidatos a qualquer um dos cursos objeto do presente Edital, o desempate se fará, necessariamente observando-se esta ordem: (1º) graduado em curso da mesma área de conhecimento do curso para o qual fez opção; (2º) maior número de disciplinas cursadas com aprovação vinculadas a mesma área de conhecimento do curso para o qual fez opção; (3º) ano da graduação mais recente; (4º) candidato mais idoso.

 

 

Vania Rezende para o Focando a Notícia

Nessa segunda-feira (14) começa o fórum virtual sobre Rio+20

 

A Rede Mobilizadores COEP promove, de 14 a 18 de maio (segunda a sexta-feira), um fórum virtual sobre a Rio+20. O objetivo é esclarecer aspectos como agenda, participação da sociedade, o que será debatido, desafios, assuntos polêmicos, entre outros.

O fórum terá como convidado o especialista em Políticas do Instituto Vitae Civilis, Gustavo Ferroni, e será realizado pela internet. Para participar, é preciso estar inscrito na Rede Mobilizadores Coep. O cadastro deve ser feito no sitehttp://www.mobilizadores.org.br/. O interessado deverá clicar na seção “Inscreva-se” e, em seguida, acessar o grupo “Meio Ambiente, Mudanças Climáticas e Pobreza”.

No site também haverá uma série de materiais relacionados à Rio+20, como entrevistas [leia entrevista “Os desafios da Rio+20”, concedida por Gleyse Peiter, secretária-executiva do COEP Nacional], textos, links e vídeos acessando o link – http://www.coepbrasil.org.br/portal/Publico/apresentarConteudo.aspx?CODIGO=C201259155940968&TIPO_ID=3

Mais informações pelo e-mail: faleconosco@mobilizadores.org.br ou pelo telefone: (21) 2528-3352.

Assessoria de Comunicação do COEP Nacional

Focando a Notícia