Arquivo da tag: veneno

Menina de 4 anos morre após ingerir veneno de rato, na Paraíba

Uma menina de 4 anos morreu na tarde da quinta-feira (22) após ingerir veneno de rato, em Patos, no Sertão paraibano. De acordo com a direção do Hospital Infantil Noaldo Leite, para onde a criança foi levada, a mãe da menina relatou que a criança teria encontrado o veneno na rua. Ingrid Vitória Laurentino Lopes de Oliveira chegou a receber atendimento médico, mas não resistiu e morreu na unidade de saúde.

Segundo relato da mãe de Ingrid Vitória aos médicos, na tarde da quarta-feira (21) a menina estava fora de casa quando pegou algo do chão e colocou na boca. Minutos depois a criança teria passado mal e foi socorrida e levada para o hospital, onde foi constatado que ela havia ingerido veneno de rato.

Conforme o diretor clínico do hospital, Eulâmpio Dantas, a criança deu entrada na unidade de saúde por volta das 19h39 da quarta-feira (21). “Ela deu entrada com um histórico de que, duas horas antes, teria ingerido veneno de rato. A mãe contou que a menina encontrou o ‘chumbinho’ na rua, pensou que era uma balinha e engoliu”, relatou.

O diretor clínico do hospital disse que foram feitos os cuidados médicos iniciais na criança. “Houve o atendimento inicial, depois a criança teve um rebaixamento do nível de consciência, dando entrada na UTI, após isso ela foi entubada e foram feitos os procedimentos pra estabilizar. Na tarde da quinta-feira (22), ela apresentou um quadro de sangramento digestivo e veio a óbito”, explicou Eulâmpio Dantas.

Mostra do veneno entregue à polícia

Ainda segundo o hospital, a mostra do veneno que a criança ingeriu foi encaminhada para a Central de Polícia Civil de Patos. Na manhã desta sexta-feira (23), o delegado Ronis Feitosa informou ao G1 que o caso está sendo apurado pela Delegacia Seccional da cidade. “Apesar de não haver denúncia, a polícia recebeu o material e está fazendo diligências para esclarecer o caso”.

Foto: Rafaela Gomes/TV Paraíba

G1

 

Óleo de coco é veneno puro, diz professor da Harvard

Apesar de ser considerada uma escolha saudável, o óleo de coco é “uma das piores coisas que você pode comer”, diz Karin Michels, da Universidade de Harvard.

Michels é epidemiologista da Escola de Saúde Pública da faculdade e criticou o movimento da supervalorização do produto. De acordo com o The Guardian, para ele, a substância é tão boa quanto “veneno puro”.

Isso porque a alta proporção de gordura saturada da substância pode elevar os níveis do chamado colesterol LDL. E assim, o risco de doença cardiovascular.

O óleo de coco contém mais de 80% de gordura saturada. Mais do que o dobro da quantidade encontrada na gordura do porco, e 60% a mais do que é encontrado na gordura da carne bovina.

Os comentários foram feitos recentemente em palestra intitulada “Óleo de coco e outros erros nutricionais” na Universidade de Freiburg, na Alemanha. Seu discurso já foi assistido quase um milhão de vezes no YouTube.

Alguns especialistas já tinha alertado sobre os riscos do óleo de coco. E ele até pode ser incluído na dieta, mas com cuidado.

“Entretanto, como é rico em gorduras saturadas só deve ser incluído em pequenas quantidades. Além disso, tem que fazer parte de uma dieta saudável e equilibrada”, disse a Fundação Britânica de Nutrição.

A organização também ressaltou que, na verdade, ainda não há evidências científicas fortes que apoiem os supostos benefícios da substância.

“O que sabemos é que a substituição de gorduras saturadas por gorduras insaturadas como a do azeite de oliva extra-virgem pode ser um meio eficaz de reduzir os níveis de colesterol LDL. Por isso, talvez possa ser uma escolha mais saudável”, explicou a nutricionista Victoria Taylor, da Fundação.

runnersworld

Imagem: Africa Studio/Shutterstock

Crianças são intoxicadas por veneno e mãe aponta pai delas como suspeito, na PB

(Foto: Maurício Melo/G1)

Três crianças foram internadas no Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande, na noite desse domingo (22), vítimas de intoxicação por veneno de lagarta. Elas são da cidade de Livramento, Cariri paraibano, a 243 km de João Pessoa.

Segundo a assessoria de comunicação do hospital, com base no relato da mãe, o pai das crianças seria o responsável pela intoxicação. Ela contou que o homem teria espalhado veneno em um pano e, em seguida, colocado o tecido na cabeça das crianças – duas meninas e um menino, que têm três, seis e sete anos de idade.

A mãe das crianças também informou que o homem tentou agredir funcionários do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) que atuaram no socorro às vítimas.

Ainda conforme a assessoria do hospital, as crianças estão internadas na ala de observação infantil, com quadro clínico estável.

Em contato com o Portal Correio, o delegado de Livramento, Ariosvaldo Adelino, disse que a Polícia Civil ainda não foi acionada sobre o caso. “Estamos aguardando o comunicado para iniciar o processo de investigação e procura por esse homem que está sendo apontado como suspeito”, informou.

Portal Correio

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Laudo confirma que suco tomado por criança na PB tinha veneno, diz IPC

lagoa-secaUm laudo divulgado na manhã desta segunda-feira (31) pelo Instituto de Polícia Científica (IPC) confirmou que o suco industrializado tomado por uma criança em Lagoa Seca, no Agreste paraibano, estava com veneno. O que deve ter ocorrido, segundo os peritos, foi um acidente ou aplicação do veneno de forma criminosa, ainda conforme o Instituto de Polícia Científica.

O menino de sete anos ingeriu o produto no dia 19 de outubro e teve que ser hospitalizado, mas recebeu alta médica no domingo (30). Segundo o IPC, o pesticida carbofuran foi encontrado no suco que foi ingerido. Em outro produto do mesmo lote nada foi encontrado. Os peritos descartaram uma toxicação na fabricação.

A criança deu entrada no Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande no dia 21 de outubro, de acordo com a direção. Ele teve uma crise convulsiva após se sentir mal depois de tomar a bebida. Devido ao quadro clínico grave, o menino precisou da ajuda de aparelhos para respirar.

Um primeiro exame do Centro de Assistência Toxicológica (Ceatox) havia indicado negativamente para a presença de veneno no produto. A unidade de medida que índice o envenenamento estava entre os percentuais de 5.320 U/l e 12.920 U/l, mas a amostra de sangue da criança indicou 4.977 U/l, descartando essa possibilidade.

G1 PB

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Vigilante de escola toma veneno no município de Guarabira-PB

vigilanteNa manhã desta terça-feira (11), na cidade de Guarabira-PB, Rainha do Brejo Paraibano, o senhor Cristiano Alves da Silva, de aproximadamente 35 anos de idade, residente no Distrito de Cachoeira dos Guedes, no município de Guarabira-PB,  foi encontrado desacordado nas dependências do Colégio Estadual Antenor Navarro, depois de tentar se matar ingerindo Chumbinho, veneno usado para matar ratos.

Segundo informações,  Cristiano é vigilante da instituição de ensino e estava trabalhando no momento do ato.

A escola está em reforma e havia apenas mais uma pessoa na escola quando Cristiano ingeriu o veneno.

Colegas ligaram para ele, como não tiveram sucesso, foram até a escola e visualizaram Cristiano no chão e com um vidro de veneno “Chumbinho” em uma das mãos.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

O Corpo de Bombeiros foi acionado e socorreu Cristiano as pressas para o Hospital Regional de Guarabira. Ele está na sala de emergência em observação e reage bem as medicações.

Chumbinho (no BR) é um produto clandestino, irregularmente utilizado como raticida. Não possui registro na Anvisa, nem em nenhum outro órgão de governo.

Andeson Santos

Após dias internada, jovem que tomou veneno de rato não resiste e morre, em Guarabira

(Foto: Reprodução/Facebook)
(Foto: Reprodução/Facebook)

Morreu na manhã deste domingo a jovem que havia sido internada em estado grave após ter tomado veneno de rato, na última quinta-feira (16), em Guarabira, no Agreste paraibano. A informação foi divulgada pelo Hospital Regional de Guarabira por volta das 7h.

Ela morreu devido as complicações de seu quadro clínico. Segundo a mãe, em visita na noite deste sábado (18), o médico a alertou do alto risco de morte, já que ela não estava conseguindo reagir aos tratamentos aplicados. “Estive em contato com o médico que está de plantão no Hospital Regional e o mesmo disse que só um milagre pode salvar sua filha”, revelou.

Angelica Florentino Pereira, de 24 anos, havia tomado chumbinho (veneno utilizado para matar roedores) na quinta-feira (16). De início, ela foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros e levada para a Unidade de Pronto Atendimento, onde teve uma parada cardiorrespiratória. Em seguida, foi transferida para o Hospital Regional de Guarabira e estava internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

Segundo familiares, a jovem estaria atravessando conflitos na relação com seu esposo, de quem estava separada havia alguns dias, e devido a isso teria tentado contra a própria vida.

Informações sobre velório e sepultamento ainda não foram divulgadas pela família.

 

manchetepb

Jovem tenta o suicídio ingerindo veneno para matar ratos

jovemA jovem Angélica Florentino Pereira, foi internada na UTI do Hospital Regional de Guarabira, na tarde desta quinta-feira (16), vitima de envenenamento. De acordo com as informações repassadas, ela tentou o suicídio ingerindo “chumbinho”, veneno para matar ratos.

O estado de saúde dela é considerado grave. Ainda não há uma versão oficial de parentes no que diz respeito a motivação para a tentativa de suicídio.

Várias versões para o caso estão sendo dadas, uma é de que a mesma teria passado por uma decepção amorosa. A mãe dela confirmou essa versão e disse que Angélica não tava se entendendo bem com o marido. O casal está separado há alguns dias.

Muitos amigos de Angélica, usaram as redes sociais para manifestar apoio e solidariedade.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

Por Michele Marques

7 motivos pelos quais a pílula anticoncepcional é um veneno para o corpo feminino

pilulaanti1) a libido despenca: os principais hormônios responsáveis pela libido feminina são: ocitocina, progesterona, estradiol, DHEA, DHT e, principalmente, a testosterona (o hormônio masculino, sim, existente também em mulheres). a testosterona é inibida pelo uso da pílula, fazendo com que muitas mulheres sequer saibam como é a sua real libido. mesmo que muitas utilizando a pílula continuem sentindo tesão, é bem provável que sem ela este aumente drasticamente.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

2) causa flacidez, celulite, diminuição de massa muscular, aumento de gordura localizada… acarretando em: mais gastos com cosméticos: com a diminuição do hormônio testosterona, o corpo não CONSEGUE desenvolver massa muscular. fica MUITO difícil, mesmo praticando exercícios físicos. o tônus muscular fica enfraquecido e as celulites aumentam devido ao inchaço e acúmulo de gordura nos tecidos causados pelos hormônios estrogênio e progesterona, presentes em grande quantidade na pílula, que retém líquido.

3) pode acarretar diversas complicações cardiovasculares: o coração é o órgão possui mais receptores para esse hormônio específico – a testosterona; depois vem o cérebro e os ossos. sendo assim, quem possui níveis baixos de testosterona fica mais suscetível a doenças do cardíacas e complicações no cérebro e nos ossos.

4) podem ser cancerígenos: você sabia que contraceptivos hormonais foram classificados pela Organização Mundial de Saúde como potencialmente carcinogênicos? isso devido às doses (muitas vezes cavalares) de hormônios depositados DIARIAMENTE na corrente sanguínea. pra você ter uma noção, eles estão enquadrados na mesma classe do tabaco e amianto.

5) você está enganando o seu corpo: a pílula anticoncepcional é composta por dois hormônios sintéticos: um imita o estrógeno e o o outro a progesterona, ambos hormônios naturais da mulher, responsáveis por controlar seu ciclo. esses hormônios “falsos” presentes na pílula “enganam” o seu organismo, fazendo com que a mulher não produza os hormônios naturais e, consequentemente, não ovule. a menstruação também é “falsa”, pois não há óvulo sendo expelido.

6) aumenta o risco de trombose: usuárias da pílula contraceptiva tem até quatro vezes mais chances de desenvolver trombose venosa profunda quando comparadas à população em geral. em mulheres fumantes acima de 35, esse número aumenta drasticamente; essas tem cerca de 10 vezes mais chance que as que utilizam esse método e não fumam (!!!). esse problema é gerado pela coagulação do sangue no interior das veias, principalmente nos membros inferiores. caso um dos coágulos entrar na corrente sanguínea e chegar ao pulmão, pode causar embolia pulmonar – risco fatal.

7) desencadeia vários outros problemas: dores de cabeça, alterações bruscas de humor, DEPRESSÃO, enjôos, mal-estar, ansiedade (…) tudo isso consta na bula. por favor leiam, se informem, e decidam de forma consciente.

 

corpoinconsciencia

Sobrinho de Beto Meireles toma veneno e é levado para o Hospital de Trauma em João Pessoa

Thulio ao lado de Beto Meireles
Thulio ao lado de Beto Meireles

O jovem Thulio Meireles, sobrinho do vereador da cidade  de Guarabira, Beto Meireles, tentou suicídio na noite desta quinta-feira (30). De acordo com as informações preliminares chegadas à nossa redação, através de amigos do jovem, ele teria ingerido algum tipo de veneno, após passar mal foi levado ao hospital Regional de Guarabira-PB.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

thuliooDe acordo com informações repassadas por funcionários do hospital, ele foi transferido para o Trauma em João Pessoa para ser submetido a exames.

Os amigos do rapaz se surpreenderam com o ocorrido e desde que tomaram conhecimento do caso, postam várias mensagens de solidariedade nas redes sociais, principalmente no perfil do facebook dele.

Nossa reportagem conversou com alguns dos amigos de Thulio, que estavam online no facebook e todos disseram não saber o motivo que o levou a cometer tal ato.

Veja algumas postagens no facebook:

tulio

 

 

 

 

 

 

 

 

tului

 

portalmidia

2º vídeo íntimo vaza e amiga de Julia toma veneno; primo mostrou enterro

juliasDepois que amigos comentaram sobre a tentativa de suicídio da estudante que aparece com Julia Rebeca no primeiro vídeo de sexo que se espalhou, a polícia constatou a informação, e descobriu que a jovem ingeriu veneno na tentativa de tirar a própria vida. O caso teria acontecido ainda no início da semana, quando soube da morte de Julia, cujo corpo foi encontrado dentro do próprio quarto, enrolado no fio da chapinha.

A adolescente chegou a ser internada na UTI, mas reabilitou-se e conseguiu se recuperar da ingestão do veneno. Ela ficou chocada com a notícia da morte de Júlia, que ocorreu ainda no domingo, dia 10 de novembro, e tentou repetir a história.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

A polícia já confirmou também a existência de um segundo vídeo íntimo protagonizado por Julia. Este também teria cenas de sexo entre a jovem e um rapaz. O jovem que aparece no primeiro vídeo, que provocou toda tragédia, já teria se apresentado à polícia para prestar depoimento, já que o delegado que acompanha o caso busca saber como as imagens se espalharam na internet.

CASO FOI PARAR NO FANTÁSTICO
O programa dominical da TV Globo vai contar histórias de jovens que tiveram suas vidas destruídas após a divulgação de vídeos com cenas íntimas de sexo, e a história de Julia, que anunciou a própria morte no Twitter, será exemplo das graves consequências de filmar relações sexuais. O alerta da reportagem a ser exibida neste domingo é justamente pela frequência, cada vez maior, de vítimas da exposição indevida na web. Jovens e adolescentes registram momentos íntimos, e por falta de cuidados mínimos, acabam sendo expostos, sem pudor nenhum, nas redes sociais como Facebook, Instagram, Twitter, e ainda mais com a chegada o WhatsApp, aplicativo que deixou a comunicação mais rápida, mas que vem mostrando seus malefícios advindos da forma inconsequente com que é usado.

Fantástico vai mostrar dramas como os de Julia, que acabou tirando a própria vidaFantástico vai mostrar dramas como os de Julia, que acabou tirando a própria vida

ENTENDA O CASO JÚLIA REBECA
A jovem de 17 anos foi achada morta dentro do quarto no último dia 10 de novembro, enrolada no fio da chapinha. Horas antes, em seu perfil do Twitter e no Instagram, ela deu aquele que seria o dia de sua morte, e pediu desculpa para a família, lamentando “não ter sido a filha perfeita”. Julia soube naquele dia que um vídeo com cenas de sexo entre ela, outra adolescente e um jovem, vazaram pelo WhatsApp. Nas imagens, cuja reportagem do 180graus teve acesso, é possível ver que as cenas foram gravadas pela própria Julia.

Segundo vídeo de sexo vazou nas redes sociais após repercussão do casoSegundo vídeo de sexo vazou nas redes sociais após repercussão do caso

AMIGOS E PARENTES FAZEM HOMENAGENS
De família conhecida em Parnaíba, Julia Rebeca vem recebendo todos os dias, homenagens nas redes sociais, vindas de amigos e familiares. O “luto forçado”, como relata um primo da adolescente, que no Facebook se denomina como Daniel Aranha, é a expressão mais clara do que todos estão vivendo. Ele chegou a postar uma foto do enterro de Julia, no último dia 12, como forma de homenagem à jovem.

Primo posta foto do sepultamento, como forma de homenagem à jovem de 17 anosPrimo posta foto do sepultamento, como forma de homenagem à jovem de 17 anos

Publicado Por: Apoliana Oliveira

180 Graus