Arquivo da tag: transferido

Lucélio é transferido para São Paulo após apresentar piora no estado clínico

O secretário-chefe de Gabinete da Prefeitura de João Pessoa, Lucélio Cartaxo, precisou ser transferido, no início da noite desta segunda-feira (15) para São Paulo após apresentar piora em seu estado clínico.

A decisão da transferência teria partido da própria família Cartaxo.

A justificativa para a decisão foi a garantia de um maior aparato de tecnologia no tratamento do traumatismo crânio encefálico.

O irmão gêmeo do prefeito de João Pessoa foi levado para o Hospital Sírio Libanês. Lucélio sofreu um acidente no dia 6 de julho enquanto pilotava um quadriciclo no condomínio onde reside no bairro do Altiplano, na Capital.

O secretário, que já havia deixado a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital da Unimed, no último sábado (13) voltou para a UTI devido ao diagnóstico de diminuição da taxa de sódio no sangue. Ele precisou realizar uma reposição progressiva.

Após o acidente, Lucélio foi socorrido pelo SAMU para o Hospital de Emergência e Trauma. No Trauma, o paciente foi diagnosticado com um traumatismo craniano de grau leve. O secretário ficou em observação e no dia 7 (domingo) foi transferido para o Hospital da Unimed, no bairro da Torre, onde permaneceu em observação até a tarde de hoje.

Lucélio deverá passar por novos exames na Capital paulista e, segundo nota, a transferência já estava prevista pela família desde o dia do acidente.

 

PB Agora

 

 

Lucélio Cartaxo é transferido para hospital particular de João Pessoa após acidente

O secretário-chefe de Gabinete da Prefeitura de João Pessoa, Lucélio Cartaxo, foi transferido do Hospital de Trauma para um hospital particular, na manhã deste domingo (7), após sofrer um acidente de quadriciclo neste sábado (6). O filho dele também ficou ferido e foi levado para o hospital, mas recebeu alta.

De acordo com o diretor do Hospital de Emergência e Trauma, Leonardo Leite, Lucélio Cartaxo sofreu um traumatismo cranioencefálico moderado, o que significa que houve lesão no cérebro, mas não precisou passar por cirurgia.

O secretário-chefe ficou em observação neurológica e também chegou a sofrer uma lesão na lombar, bem como fraturas em algumas partes da coluna. No entanto, também não precisou de cirurgia. Após o período de observação, por volta das 11h deste domingo, Lucélio foi transferido para um hospital particular. O estado de saúde dele é considerado estável.

De acordo com a prefeitura, Lucélio e o filho estavam andando de quadriciclo em um condomínio quando o veículo derrapou. Os dois foram encaminhados para o Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa.

Além de chefe de gabinete, Lucélio é irmão gêmeo do prefeito Luciano Cartaxo. Ele foi candidato ao governo do estado em 2018, pelo PV.

Foto: Zuíla David/TV Cabo Branco

G1

 

Eike Batista é transferido para a penitenciária Bangu 9, no Rio de Janeiro

eikeO empresário Eike Batista, preso na manhã desta segunda-feira pela Polícia Federal, foi transferido para a penitenciária Bandeira Stampa, na zona oeste do Rio de Janeiro. A cadeia é conhecida como Bangu 9 e integra o complexo de Gericinó. Antes da transferência, ele ficou por cerca de duas horas no presídio Ary Franco, na zona norte da capital fluminense, e teve a cabeça raspada.

No período da manhã, Eike Batista passou por triagem no presídio Ary Franco. A Seap (Secretaria de Estado de Administração Penitenciária) informa o empresário foi transferido para Bangu 9 porque a unidade, de acordo com a pasta, atende a seu perfil. “Ele ingressou na porta de entrada para presos federais e, após ser avaliado, foi transferido para uma unidade de acordo com o perfil”, diz nota enviada pela secretaria.

Eike foi preso por policiais federais quando desembarcava no Aeroporto Internacional Tom Jobim, mais conhecido como Galeão, após voltar de Nova York. O avião da American Airlines pousou às 9h54. De lá, ele foi levado para passar por exame de corpo de delito no IML (Instituto Médico-Legal). A chegada ao presídio Ary Franco foi por volta de 11h20.

O pedido de prisão preventiva contra o empresário foi emitido pela Justiça Federal do Rio de Janeiro na última quinta-feira (26). Como Eike estava fora do Brasil, a Polícia Federal requereu a inclusão do nome dele na lista internacional de procurados pela Interpol .

Operação Eficiência

O ex-magnata, que já foi considerado como o homem mais rico do Brasil e sétimo mais rico do mundo, é investigado pela Operação Eficiência, que é um desdobramento da Lava Jato .  Proprietário do grupo EBX, é suspeito de lavagem de dinheiro em um esquema de corrupção que também atinge o ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral (PMDB), que também está preso.

Eike Batista e o executivo Flávio Godinho, seu braço direito no grupo EBX e vice-presidente do Flamengo, são acusados de terem pago US$ 16,5 milhões a Cabral em troca de benefícios em obras e negócios do grupo , usando uma conta fora do Brasil. Os três também são suspeitos de terem obstruído as investigações.
* Com informações da Agência Brasil

iG

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Marcos Valério é transferido da Papuda para presídio de Minas Gerais

Condenado como operador do esquema do mensalão do PT, o publicitário Marcos Valério foi transferido na manhã desta quarta-feira (28) de Brasília para a cidade de Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. Na semana passada, o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Joaquim Barbosa, atendeu ao pedido da defesa de Valério e autorizou sua transferência para uma penitenciária de Minas Gerais, seu estado natal.

Valério no aeroporto de Brasília (Foto: Reprodução/TV Globo)
Valério no Aeroporto de Brasília antes de embarcar
para Minas Gerais (Foto: Reprodução/TV Globo)

O empresário deixou o Complexo Penitenciário da Papuda, nos arredores de Brasília, por volta das 6h. Escoltado por policiais federais, mas sem algemas, o operador do mensalão chegou ao Aeroporto Internacional Juscelino Kubitschek por volta das 7h. Após pegar suas bagagens, Valério foi conduzido à sala da Polícia Federal para aguardar o embarque.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

A previsão é que o publicitário chegue ao aeroporto de Confins às 9h50. De lá, será conduzido pela PF até o presídio mineiro.

Ao todo, Valério cumprirá pena de 37 anos, 5 meses e 6 dias de prisão, e pediu transferência para a Penitenciária Nelson Hungria, em Contagem, a mesma que abriga atualmente o ex-goleiro Bruno Fernandes, condenado por mandar matar a ex-amante Eliza Samudio. O operador do mensalão estava no Complexo da Papuda desde novembro do ano passado.

No início de janeiro, a Procuradoria Geral da República (PGR) deu parecer favorável à transferência do condenado. A Vara de Execuções Penais de Contagem, porém, desaconselhou a transferência por conta de um suposto plano de extorsão que existiria no presídio da cidade.

No despacho em que avalizou a ida de Valério para Minas Gerais, Barbosa lembrou que consultou a defesa do condenado sobre se, mesmo diante do alerta, ele queria ser transferido. Os advogados informaram ao STF que seu cliente queria ficar mais perto de onde vive sua família.

Diante da resposta, o presidente do Supremo autorizou a transferência e citou que a administração pública informou que garantirá a segurança do condenado. “Defiro o pedido de transferência formulado pela defesa, tendo em vista que não há, até o momento, notícia da existência de interesse público a tal ponto relevante que imponha a aplicação do princípio da supremacia do interesse público sobre o particular, de modo a neutralizar o interesse manifestado pelo apenado de cumprir a pena em local próximo ao da residência de sua família, tal como previsto no art. 103 da Lei de Execuções Penais (garantia de permanência do preso em local próximo ao seu meio social e familiar).

 

Menino que teve 80% do corpo queimado é transferido e continua na UTI

Reprodução Rede Record

O menino de um ano e meio que teve 80% do corpo queimado após um acidente doméstico em Baliza, cidade de Goiás, foi transferido para o Hospital de Queimaduras de Goiânia e está na UTI (Unidade de Terapia Intensiva).

O pai da criança foi queimar uma teia de aranha no teto da casa e as faíscas atingiram o colchão em que a criança dormia. O fogo se alastrou e o menino teve 80% do corpo atingido.

Ele chegou a ser levado para o hospital Infantil de Goiânia, mas foi transferido no fim da segunda-feira (4). Ele aguardou na fila de espera para uma vaga na UTI.  O hospital informou que o estado de saúde dele é gravíssimo.

 

 

Do R7, com Rede Record

Péricles é transferido para hospital no Rio e continua em observação

Péricles participou do quadro 'Dança dos Famosos' (Foto: Ag News)

O cantor Péricles – que desmaiou durante um show na quadra da escola de samba Grande Rio, em Duque de Caxias, na noite desta sexta-feira, 10 – foi transferido no fim da tarde deste sábado, 11, para o hospital Quinta D’Or, em São Cristóvão, na Zona Norte do Rio.

Segundo a assessoria de imprensa do ex-Exaltasamba, ele está “sendo reexaminado, mas está bem, lúcido, conversando e se alimentando normalmente”. O cantor ainda permanece no Centro de Terapia Intensiva (CTI).

Durante o tempo em que ele ficou internado num hospital de Duque de Caxias, exames apontaram uma infecção, mas não foi divulgada em que órgão do corpo. No Quinta D’Or, foram refeitos os exames e os resultados só saem na manhã deste domingo, 12, quando será divulgado um boletim médico. Péricles ficará em observação por mais 36 horas, informou sua assessoria.

O cantor se sentiu mal e desmaiou faltando apenas duas músicas para terminar sua apresentação na quadra da Grande Rio, que estava lotada e muito quente por conta da madrugada de verão em pleno inverno no Rio. Ele mesmo se levantou em seguida, mas foi logo levado por sua equipe para o hospital mais próximo.

Os shows que ele faria neste fim de semana (sábado, 11, em Belo Horizonte, e domingo, 12, na Quadra da Escola de Samba Rosas de Ouro, em São Paulo) foram cancelados.

EGO

Após cinco horas de interrogatório, prefeito é transferido para o presídio

Já está no Presídio Regional de Patos, distante 299km da Capital, o prefeito de Cacimba de Areia, Inácio Roberto de Lira Campos, conhecido como Betinho Campos do PMDB. A transferência ocorreu no início da tarde desta terça-feira (8).

Prefeito sendo transferido

Prefeito sendo transferido ( Foto: Cícero Araújo)

Ele foi encaminhado para a penitenciária porque os seus advogados não conseguiram o beneficio do Habeas Corpus. Inácio estava de com prisão preventiva decretada. O ex-gestor foi interrogado na sede da Polícia Federal em Patos por cerca de cinco horas.

A delegada Mariana Cavalcante não divulgou detalhes do depoimento justificando que o processo corre em segredo de Justiça.

Foto: Cícero Lucena

Foto: Cícero Lucena ( foto: Cícero Araújo)

Inácio Roberto estava foragido desde a semana passada, quando teve mandado de prisão expedido por participação em esquema de notas frias para desviar recursos federais. Ele se apresentou na manhã de hoje (8) acompanhado de vários advogados.

Hyldo Pereira

Portalcorreio