Arquivo da tag: suspeitos

Seis suspeitos morrem e outros são presos em tentativa de assalto a bancos, em Areia, PB

Seis suspeitos morreram em uma tentativa de assalto a duas agências bancárias na madrugada desta quarta-feira (17), na cidade de Areia, no Brejo paraibano. De acordo com a Polícia Militar (PM), armas de grosso calibre, munições e os veículos usados pelo grupo também foram apreendidos na ação. Dois dos suspeitos morreram em um hospital da cidade. Um outro suspeito foi socorrido sob custódia para o Hospital de Trauma de Campina Grande e outro foi encaminhado para a sede da Polícia Federal.

Ainda segundo a PM, os suspeitos estavam em uma caminhonete e uma moto. Eles haviam espalhado grampos ao redor da cidade e teriam derrubado árvores por onde passaram, para impedir o acesso da polícia. O município foi cercado e, por volta das 3h, foi iniciada uma intensa troca de tiros com o grupo.

Na troca de tiros, quatro suspeitos morreram, dois ficaram gravemente feridos, já outros dois foram baleados e não correm risco de vida. A ação contou com aproximadamente 40 policiais. Os suspeitos que foram detidos permanecem na cidade de Areia até o encerramento dos protocolos de segurança.

G1

 

Policiais do 4º BPM prendem suspeitos de tentativa de furto e ameaça

Dois homens foram presos por policiais do 4º BPM (Batalhão de Polícia Militar) nessa sexta-feira (12), em Guarabira, suspeitos de tentativa de furto e ameaça. A primeira prisão aconteceu no centro da cidade, quando algumas pessoas ligaram para o Copom informando que um homem teria tentado furtar alguns objetos de uma loja e foi detido por elas, mas teria conseguido fugir e estava sendo perseguido. Rapidamente, os policiais se dirigiram ao local e encontraram o suspeito escondido em um beco no bairro Santa Terezinha. Ele foi preso e,juntamente com o gerente do estabelecimento comercial, foi levado para Delegacia de Polícia Civil.

No Sítio Carrasco, localizado na zona rural do município, a Polícia Militar foi informada que um homem estaria ameaçando matar os próprios familiares. De imediato, os policiais estiveram no local e os parentes dele confirmaram a denúncia. Após diligências, o suspeito foi encontrado e preso, em seguida, juntamente com as vítimas, foi conduzido para a delegacia.

P/5 – Seção de Comunicação Social e Marketing Institucional do 4º BPM

 

 

Policiais prendem comerciantes suspeitos de receptação e apreendem mais de 800 kg de queijo roubado em Pernambuco

Dois comerciantes foram presos por policiais militares e civis nessa terça-feira (28), nas cidades de Guarabira e Mulungu, suspeitos de receptação de queijos roubados no município de Saloá, no Estado de Pernambuco, onde uma carga de aproximadamente 8 toneladas de quejo muçarela da marca Carajás foi roubada no dia 22 de abril.

A ação conjunta envolveu policiais da guarnição do Comando do 4º BPM (Batalhão de Polícia Militar) e do GTE (Grupo Tático Especial), além de policiais civis de Pernambuco e Sergipe, e as guarnições conseguiram recuperar 724 kg de queijo nos dois estabelecimentos comerciais dos suspeitos.

Na manhã desta quarta-feira (29), em Alagoinha, outros 100kg de queijo roubado foram apreendidos e o comerciante informou que teria adquirido de um dos dois que foram presos no dia anterior e foi intimado a prestar esclarecimentos na delegacia.

Os policiais chegaram até Guarabira, Mulungu e Alagoinha após obterem informações de que os produtos da marca roubada estariam sendo comercializados em estabelecimentos comerciais das três cidades. Todo o material apreendido e os suspeitos foram levados para a Delegacia de Polícia Civil.

 

Assessoria 4º BPM

 

 

Policiais do 4º BPM prendem neste domingo dois suspeitos de violência doméstica

Policiais do 4º BPM (Batalhão de Polícia Militar) registraram, neste domingo (26), dois casos de violência doméstica e, em ambos, os suspeitos foram presos. O primeiro caso aconteceu no Loteamento Pouso das Garças, em Guarabira, e a vítima compareceu pessoalmente à sede do Batalhão para informar que tinha sido agredida pelo próprio companheiro. De imediato, os policiais foram até o endereço informado por ela e, após rondas, conseguiram prender o suspeito. Os envolvidos foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil para serem tomadas as providências legais.

O outro caso de violência doméstica aconteceu na Rua Nova, em Belém, quando a vítima ligou para a Polícia Militar informando que teria se deslocado a um bar para buscar o companheiro, mas no local teria se desentendido com ele, que a agrediu fisicamente. Rapidamente os policiais chegaram ao local e constataram que a mulher havia sofrido lesões leves no braço, perna direita e cabeça, e que o suspeito havia se evadido do local. Após algumas rondas, ele foi localizado e preso, em seguida, conduzido para a delegacia.

 

Assessoria 4º BPM

 

 

Suspeitos de assaltos e arrombamentos são presos em quatro cidades da PB

Envolvidos em assaltos e arrombamentos a estabelecimento comerciais foram presos ou apreendidos nesse fim de semana, em quatro cidades paraibanas. Nas ações, a Polícia Militar deteve mais de dez suspeitos pela prática desses crimes, até a madrugada desta segunda-feira (20).

Na cidade de Araçagi, a PM prendeu em flagrante uma dupla que tinha acabado de assaltar um posto de combustíveis, no Centro. Com os homens, de 23 e 21 anos, foi recuperado todo o dinheiro roubado e apreendida a arma e a moto usadas no assalto.

Em Campina Grande, foram três suspeitos detidos – de 29, 22 e 27 anos – armados de faca, que estavam assaltando na rua Otacílio Nepomuceno, no bairro do Catolé. Ainda na cidade, no bairro Jardim Paulistano, foi preso um homem de 19 anos em flagrante, que assaltou uma farmácia na rua José Firmino da Silva.

E na Capital, foi preso um suspeito de 18 anos, que tinha assaltado um estabelecimento comercial e também uma pessoa que passava pela rua Professora Maria da Gloria, no bairro dos Funcionários IV. Com ele, foi recuperado um celular. Outros dois comparsas conseguiram fugir.

Presos por arrombamento de loja – Dois suspeitos, de 25 e 21 anos, foram presos por arrombar uma loja, na avenida Epitácio Pessoa, na madrugada deste domingo (19). Eles estavam tentando levar aparelhos eletrônicos, mas foram rendidos.

Preso por arrombamento de farmácia – No fim da noite desse domingo (19), foram presos em flagrante dois homens, de 42 e 33 anos, que arrombaram uma farmácia, na cidade de Cajazeiras, e estavam tentando levar medicamentos e outros produtos.

PB Agora

 

 

Polícia apreende adolescente e prende três homens suspeitos de assalto a motorista de aplicativo

A Polícia Militar recuperou um carro, apreendeu uma arma de fogo e deteve quatro suspeitos de assaltar um motorista de aplicativo, na cidade de Campina Grande. O crime ocorreu nesse sábado (11).

A equipe da 2ª Companhia do BEPMotos foi informada de um roubo a veículo e realizou cerco policial em conjunto com policiais da Cavalaria, 2º BPM e 10º BPM. Ao localizarem o automóvel, foi feita uma perseguição que se estendeu por várias ruas, chegando por fim ao bairro do Araxá.

Os militares conseguiram abordar o veículo, localizaram um revólver calibre 32 e deram voz de prisão aos homens.

Três dos suspeitos eram adultos e a quarta uma adolescente. Todos foram conduzidos para a Central de Polícia de Campina Grande.

 

clickpb

 

 

Policiais do 4º BPM prendem suspeitos de roubos e apreendem dois revólveres, motos e dinheiro das vítimas

Policiais do 4º BPM (Batalhão de Polícia Militar) prenderam, na noite desse sábado (4), em Guarabira, dois homens suspeitos de roubos e apreenderam dois revólveres e duas motos roubadas usadas por eles, além de recuperar a quantia de R$ 473 que tinha sido levada das vítimas. A ocorrência teve início quando os policiais, que realizavam as Operações Cidade Segura e Previna-se, foram informados de um assalto a um posto de combustíveis em Alagoinha que teria sido praticado por dois homens em uma moto de cor preta sem placa e que teriam fugido na direção de Guarabira.

Durante a tentativa de fuga, sabendo que já estavam sendo perseguidos pelas guarnições de Alagoinha e Cuitegi, eles roubaram outra moto, uma Honda CG 125 de cor verde, abandonando a que tinha sido utilizada para praticar o roubo ao posto. De posse das informações sobre as características dos suspeitos e da moto, os policiais deram início às diligências e, nas proximidades do Conjunto Areia Branca, já em Guarabira, conseguiram abordar os dois suspeitos, que estavam com os revólveres, calibres 32 e 38, com nove munições, o dinheiro e a moto roubada. A primeira moto utilizada por eles foi encontrada na manhã deste domingo (5), em Alagoinha.

Os dois suspeitos, presos em flagrante por roubo, além do material apreendido, foram levados à Delegacia de Polícia Civil para a devida autuação. Participaram da ocorrência as guarnições do CPU (Coordenador de Policiamento da Unidade), tenente Diniz, Força Tática, Motopatrulhamento, Patamos, Rádio Patrulha, Destacamentos de Alagoinha e Cuitegi, sob a supervisão do capitão Rodrigues.

Assessoria 4º BPM

 

 

Em Sousa: idosa de 70 anos morre com suspeita da Covid-19; município tem outros 11 casos suspeitos sendo investigados

Uma idosa de 70 anos, com histórico de diabetes, morreu na tarde de ontem, sábado (04), no município de Sousa, Sertão da Paraíba, com suspeita do novo coronavírus. Ela estava internada desde o início da semana no Hospital Regional de Sousa após apresentar os sintomas da Covid-19.

De acordo com o último boletim epidemiológico, essa é a segunda morte com suspeita do Covid-19 no município.

O município de Sousa tem um caso confirmado de Coronavírus, seis casos descartados e outros 11 sendo investigados.

PB Agora

 

 

Governo reforça necessidade de notificação imediata, pelos municípios, de casos suspeitos Covid-19

O Governo da Paraíba, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES), reforça aos municípios que a notificação de casos do novo coronavírus (Covid-19) deve ser imediata. Por determinação do Ministério Público Federal, o serviço de saúde e/ou a Secretaria Municipal deverá garantir essa informação ao Estado em até 24 horas para evitar a subnotificação.

De acordo com a gerente de Vigilância em Saúde da SES, Talita Tavares, a fase atual da pandemia é da mitigação, na qual se reconhece que já existe em todo o território nacional a transmissão comunitária ou sustentada (entre a população). Nesta fase a prioridade da vigilância está voltada para a identificação dos casos graves de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), visando garantir o tratamento adequado a fim de evitar o óbito, bem como a elucidação do diagnóstico laboratorial. Todos os casos de SRAG, que incluem os suspeitos de Covid-19, devem ser notificados em até 24 horas a partir do diagnóstico clínico. Para isso, é necessário que as notificações sejam inseridas no sistema de notificação oficial da vigilância das doenças respiratórias, o SIVEP-Gripe, que também é on-line.

Talita Tavares pontua que nesta fase ainda é mantida a vigilância das síndromes gripais nas unidades sentinelas. Os casos leves, atendidos pelos profissionais das unidades básicas de saúde e das UPAs,  deverão ser notificados no novo sistema que foi disponibilizado pelo Ministério da Saúde, o eSUS VE, também on-line, disponível em: https://notifica.saude.gov.br/login.

“Essa ferramenta é utilizada pela Atenção Primária, com o objetivo de registrar dados dos pacientes com síndrome gripal, o que permitirá conhecer a magnitude e distribuição da Covid-19 no nosso território”, explica.

A gerente afirma ainda que a não contabilização dos casos suspeitos decorre, também, da não notificação desses casos pelos profissionais de saúde, o que impede a Vigilância de seguir com o monitoramento.  “Por isso a exigência da notificação imediata”, observa. Talita Tavares reforça também que as Secretarias Municipais de Saúde que possuem aplicativos e sistemas de notificação diferenciado devem também trabalhar alinhada com a SES.

“A Secretaria de Estado da Saúde precisa ter a mesma base de notificação que os municípios para evitar assim a subnotificação e garantir a divulgação de casos consistentes”, completa.

PB Agora

 

 

Casos suspeitos de coronavírus na PB ficam estáveis, mas internações aumentam

A Paraíba permanece com 187 casos suspeitos de coronavírus, causador da Covid-19. Os dados atualizados foram divulgados na noite deste domingo (22) pela Secretaria de Estado da Saúde (SES). O estado segue com apenas um caso confirmado, de um homem com 60 anos, de João Pessoa, que já estaria curado. Quarenta casos foram descartados em toda a Paraíba.

O número de pessoas internadas com suspeitas de Covid-19 subiu de 17 para 20, entre esse sábado (21) e este domingo (22). Seis pacientes estão na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), sendo cinco em hospitais privados, e outros 14 estão na internação regular.

Segundo a Secretaria de Saúde do Estado, os pacientes internados estão nas cidades de João Pessoa, Patos, Cajazeiras, Sousa e Monteiro.

Sintomas e cuidados

Só são recolhidos materiais para teste do coronavírus apenas casos graves (pessoas que apresentem falta de ar, dificuldade para respirar, dor no peito e febre que se prolongue por mais de 72 horas, mesmo com o uso de antitérmicos). Recém-nascidos, gestantes e puérperas (até 45 dias pós-parto), idosos e pessoas com doenças crônicas devem procurar assistência médica para devida orientação e serem priorizados.

Os casos leves, que podem chegar a até 80% dos registros, irão se comportar como um quadro gripal, com cuidados como isolamento domiciliar, boa hidratação e alimentação e medidas de etiqueta respiratória (proteger a boca com o antebraço ao tossir ou espirrar).

Estrutura de atendimento

O governador João Azevêdo (Cidadania) anunciou, nesse sábado (21), a implantação de mais 300 leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) para atender demandas de atendimento para o coronavírus, representando um investimento de R$ 30 milhões. De acordo com o gestor, a medida vai reforçar a rede hospitalar, que já reservou 270 leitos de enfermaria e 90 leitos de UTIs, anunciados em um plano de contingenciamento.

Segundo a Secretaria de Saúde, a Paraíba conta com 205 hospitais e mais de 8 mil leitos, sendo 132 hospitais públicos, destes 32 estaduais e mais de 6 mil leitos são públicos.

Calamidade pública

O governador decretou, nesse sábado (21), estado de calamidade pública na Paraíba devido à grave crise de saúde pública decorrente da pandemia do coronavírus e de suas repercussões nas finanças públicas do Estado. A medida foi publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) e autoriza a adoção de medidas excepcionais para combater à disseminação da Covid-19 no território paraibano.

Estão impedidas atividades em academias, ginásios, centros esportivos púbicos e privados; shoppings, galerias comerciais, bares, restaurantes, casas de festas, casas noturnas, boates e estabelecimentos similares; cinemas, teatros, circos, parques de diversão e estabelecimentos congêneres, públicos e privados; e embarcações turísticas, de esporte e lazer, em todo o litoral paraibano. A recomendação das autoridades é permanecer em casa.

Em João Pessoa, o serviço de ônibus está suspenso, funcionando apenas para o deslocamento de profissionais da saúde, com horários específicos. Em Campina Grande, o sistema de transporte opera com 32% da frota.

Casos de coronavírus no Brasil

Dados divulgados neste domingo (22) pelo Ministério da Saúde mostram que o número de mortes em decorrência da Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus, subiu de 18 para 25 entre esse sábado (21) e este domingo (22). Já o número de pessoas que contraíram o vírus passou de 1.128 para 1.546.Os números foram apresentados pelo ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, em coletiva transmitida pela TV Brasil.

 

portalcorreio