Arquivo da tag: suposto

Catadora cedeu nome em troca de R$ 350 para suposto esquema de desvio na merenda da Paraíba

Uma catadora de materiais recicláveis foi usada como ‘laranja’ em um suposto esquema de fraudes em licitações e desvio de recursos na merenda escolar, em Campina Grande, no Agreste da Paraíba. Edna Iara dos Santos, de 32 anos, tem três filhos e mora com eles em uma casa de um cômodo. Mas na investigação da Operação Famintos, o nome dela é apontado como dona de uma empresa.

Para a TV Paraíba, Edna disse teria sido abordada por um empresário e aceitou a proposta de ‘emprestar’ o nome para a abertura da empresa. Em troca, ela recebeu a quantia de R$ 350.

“Se eu soubesse que era para ser usado em uma coisa dessas, eu jamais teria feito. Eles nunca me disseram isso. Eu jamais iria querer fraudar a merenda e prejudicar as crianças porque meus três filhos estudam em escolas públicas”, desabafou a mulher, que não foi denunciada ao Ministério Público.

Além dela, o grupo de empresários investigados chegou a utilizar outros nomes de pessoas humildes. Em alguns casos, as empresas faturaram milhões em contratos com algumas prefeituras paraibanas, mas os ‘laranjas’ recebiam quantias que não ultrapassavam R$ 1 mil.

Famintos

A Operação Famintos foi desencadeada no dia 24 de julho em Campina Grande e outras cidades da Paraíba. Polícia Federal, Ministério Público Federal e Controladoria-Geral da União investigam um suposto esquema de desvios de recursos federais do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), geridos pela Prefeitura de Campina Grande. O prejuízo ultrapassa R$ 2,3 milhões.

G1

 

Polícia prende suposto chefe de organização criminosa na Paraíba

As investigações policiais foram iniciadas após informações repassadas pelo telefone 197 do Disque Denúncia da Secretaria de Estado da Segurança e Defesa Social (Foto: Reprodução/assessoria)

A Polícia Civil da Paraíba, por meio de um trabalho da Delegacia Secional de Esperança e da Delegacia Municipal de Alagoa Nova, com o apoio do Grupo Tático Especial e o Núcleo de Homicídios prendeu, em flagrante delito, Rosinaldo Ernesto dos Santos, suspeito de tráfico de droga.

A prisão aconteceu na cidade de Alagoa Nova, e com o investigado foram encontrados alguns pacotes de maconha, e ainda uma quantia de substância semelhante à cocaína e crack e algumas munições de calibre 38, além de uma balança de precisão. Segundo informações policiais, Rosinaldo chefiava o tráfico de entorpecentes do município de Alagoa Nova e intimidava a população local.

As investigações policiais foram iniciadas após informações repassadas pelo telefone 197 do Disque Denúncia da Secretaria de Estado da Segurança e Defesa Social, ocasionando a intervenção das autoridades policiais e a consequente prisão de mais um traficante na região. O suspeito está recolhido na Cadeia Pública de Esperança, e deverá passar por audiência de custódia.

Clickpb

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Suposto assaltante é assassinado com golpes de foice ao tentar invadir casa em Areia

Um suposto assaltante foi assassinado a golpes de foice na noite dessa quarta-feira (27) após tentar invadir uma casa na cidade de Areia, Agreste paraibano, a 130 km da Capital.

Segundo o Centro Integrado de Operações Policiais (Ciop) da Polícia Militar, o caso foi registrado por volta das 21h50. A suspeita é de que a vítima tenha tentado invadir a casa para praticar um assalto, mas acabou sendo surpreendido pelo morador da residência, que o atacou com uma foice.

O suposto assaltante foi atingido na face e no braço esquerdo. Ele não resistiu aos ferimentos e morreu antes mesmo de ser atendido por uma equipe médica. O local do crime foi isolado para realização de perícia.

O morador que matou o suposto assaltante fugiu do local. Rondas foram realizadas, mas até o início da manhã desta quinta (28) ele não havia sido localizado. A Polícia Civil vai investigar o paradeiro do suspeito.

portalcorreio

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Bananeiras: Jovem é morto e mulher fica ferida em suposto acerto de contas

vitimaUm jovem de 17 anos e uma mulher de 20 foram vítimas de um atentado, nesta segunda-feira (20), nas proximidades da Chã do Lindolfo, município de Bananeiras. O rapaz, Wesley Ferreira da Silva, não resistiu e morreu no local, já Severina Melo Fontes da Silva foi encaminhada para o Hospital de Trauma de Campina Grande. O estado de saúde dela ainda não foi divulgado.

O homicídio e a tentativa de homicídio ocorreu nas primeiras horas da manhã e até o momento nenhum acusado foi preso.

O delegado seccional de Solânea, Diogenes Fernandes, em contato com a equipe do Focando a Notícia, informou que a suspeita é de acerto de contas ou disputa de território do crime. “O jovem Wesley (Bananinha) tinha algumas passagens pela polícia por furto em Bananeiras e Solânea e recentemente foi apreendido com arma e drogas, aonde o mesmo era suspeito junto com sua companheira Silvinha de tráfico de drogas, por esse motivo a polícia trabalha até o momento com duas hipóteses, a de dívidas de drogas ou de disputa de território. Informo que a Polícia Civil está em diligência por isso ainda não temos mais detalhes”, disse.

 

Focando a Notícia

 

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Testemunha dá detalhes do caso onde suposto taxista atropelou e atirou contra ciclistas

videoUma testemunha, que preferiu não se identificar, contou como aconteceu o caso do taxista que atropelou e atirou contra ciclistas, em Manaíra, no último domingo  (11). De acordo com ele, que é morador da região, não há a possibilidade de ter ocorrido uma tentativa de homicídio, uma vez que os ciclistas esperaram a chegada da polícia e se identificaram.


Yves Feitosa

Suposto taxista atropela ciclistas e, irritado, atira em bicicleta no meio da rua; assista

videoUm suposto taxista atropelou três ciclistas por volta das 20h da noite deste domingo (11) no bairro de Manaíra, em João Pessoa.

Irritado com a reclamação dos ciclistas, o acusado saiu do veículo e atirou a esmo na direção de uma das bicicletas que estava no chão. Ele ainda recolhe os três veículos e os amontoa antes de ir embora.

O presidente do Sindicato dos Taxistas em João Pessoa, Adalto Braz, afirmou que não viu o vídeo, mas que ao questionar os taxistas de João Pessoa,todos negaram.

paraiba.com.br

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Espanha acusa polícia brasileira de deixar escapar suposto assassino de família paraibana

familia-de-paraibanosÉ uma das poucas vezes que um crime é dado como resolvido sem que o principal suspeito seja preso, e apesar de a polícia de seu país de origem, o Brasil, ter deixado escapar o suposto assassino. “Não temos dúvida de que foi ele, François Patrick Nogueira, o sobrinho das vítimas”, afirmou o comandante Reyes em uma coletiva de imprensa convocada pelos responsáveis pela Guarda Civil espanhola nesta quarta-feira, dia 5 de outubro, em Guadalajara. “Temos numerosos indícios e provas cabais”, acrescentou, sem poder dizer quais, “em função do segredo do sumário sobre uma parte importante da investigação”.

O caso pode estar resolvido, mas o suspeito passeou há alguns dias pelas dependência policiais de sua cidade natal, João Pessoa (capital do estado da Paraíba) e os agentes que tomaram seu depoimento deixaram que saísse por onde tinha entrado.

Foi o que afirmaram ontem os agentes do Instituto Armado, que há 15 dias se dedicam a esclarecer um dos crimes mais truculentos de que se tem notícia na Espanha. Em 18 de setembro passado foram encontrados os corpos do brasileiro de 30 anos Marcos Campos Nogueira e sua mulher Janaína, da mesma idade e nacionalidade – ambos esquartejados – e de seus dois filhos pequenos – de um e quatro anos, degolados. Todos estavam em sacos plásticos lacrados, no chalé recém-alugado da localidade de Pioz (Guadalajara). “Havia a intenção de se desfazer dos corpos e destruir provas”, afirmam os investigadores.

O suposto autor do crime, segundo os investigadores, é o sobrinho de Marcos, François Patrick, de 20 anos, que conviveu quatro meses com a jovem família e que antecipou uma passagem para voltar ao Brasil de Madri no dia 20 de setembro passado, exatamente dois dias depois que os corpos das vítimas foram encontrados. “Em nenhum momento se dirigiu às autoridades, nem espanholas nem brasileiras, para denunciar a morte/desaparição de seus familiares”, afirmam os investigadores.

“Supomos que foi localizado”, afirmaram os responsáveis pela investigação na Espanha, incapazes de responder a pergunta de por que não foi preso. Diante da situação de incerteza, e sabendo que “pessoas de nacionalidade brasileira não são extraditáveis para a Espanha”, a Guarda Civil “vai emitir uma comissão rogatória ao Brasil para poder enviar para lá uma equipe de investigadores” que colabore com seus colegas brasileiros para capturar o principal suspeito do crime brutal. No entanto, os investigadores afirmavam nesta quarta-feira que “três dias depois da descoberta horrível dos corpos já foi possível apontar o principal suspeito ao juiz” e que por isso, em 22 de setembro passado, o Tribunal de Instrução número 1 de Guadalajara apresentava uma ordem internacional de prisão.

Diante das hipóteses iniciais oferecidas pelos investigadores, de que devido às características do quádruplo assassinato tendia-se a pensar em “matadores profissionais” ligados ao narcotráfico, uma linha de investigação se destaca agora acima de todas. Seria o caso de um crime com componentes passionais, “apesar de único”. O possível autor supostamente estava obcecado por sua tia, Janaína. Ela própria teria se queixado de sua atitude a familiares no Brasil durante os quatro meses em que compartilharam do mesmo teto. Mas, diante do caráter violento do garoto – “agrediu de maneira muito grave um professor no Brasil quando menor de idade” – e de seu “perfil psicótico”, a família tinha decidido se distanciar dele. Fugir. Esconder-se em Pioz. Ali o sobrinho os teria encontrado um mês depois e os teria assassinado, de faca na mão e “de maneira sequencial”, um a um.

El Pais

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

PM é desarmada e sai ferida ao tentar conter suposto surto em clínica da Paraíba

Reprodução/Instagram/Emerson Machado
Reprodução/Instagram/Emerson Machado

Um homem de 49 anos foi preso, na manhã desta quarta-feira (10), suspeito de ter um surto em uma clínica odontológica no Centro de Campina Grande e desarmar uma policial militar. A polícia investiga se ele teria problemas mentais.

De acordo com a Polícia Militar, o homem aguardava atendimento na clínica quando começou a quebrar tudo que havia no local. Um odontólogo tentou contê-lo, mas não conseguiu. A policial militar que também aguardava atendimento na clínica junto com a filha tentou intervir, mas foi desarmada e saiu ferida ao entrar em luta corporal com o suspeito.

A polícia foi acionada e quando chegou à clínica, ouviu um tiro e viu o suspeito correndo para uma loja de informática. A PM constatou que a policial estava ferida, mas não pelo disparo. O tiro não atingiu ninguém.

Ainda conforme a PM, o suspeito se escondeu no banheiro da loja de informática, onde acabou sendo rendido e preso pelas equipes da Força Tática da Polícia Militar.

Ele foi levado para o Distrito Integrado de Segurança Pública (Disp), em Campina, onde prestou depoimento. Advogado e parentes dele já estavam no local.

portalcorreio

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Irmãos recebem ligação de ‘falso sequestro’ e enganam suposto sequestrador

A advogada e cantora Rebeca Nemer recebeu uma ligação sobre o suposto sequestro de uma irmã, no último sábado, e resolveu “virar o jogo”. Como só tem um irmão. o também advogado e comediante Jonathan Nemer, que estava com ela no momento, ela resolveu pregar uma peça no falso sequestrador junto com o irmão. O vídeo da conversa foi publicado nas redes sociais e teve mais de 334 mil compartilhamentos em dois dias.

Rebeca passa o telefone para Jonathan e os dois começam a falar com o suposto sequestrador. O homem do outro lado da linha pede R$ 20 mil pelo resgate de “Renata”, a tal irmã. Fingindo desespero, Jonathan oferece R$ 700, dizendo ser tudo o que tem em casa no momento.

– Foi a primeira vez que recebi esse tipo de ligação, mas já tinha ouvido muitas pessoas que passaram por isso, então não nos desesperamos. – disse Jonathan ao jornal EXTRA por e-mail.

Jonathan e a irmã, Rebeca, tiram sarro de suposto sequestrador
Jonathan e a irmã, Rebeca, tiram sarro de suposto sequestrador Foto: Reprodução / Facebook

O suposto sequestrador, que não parece desconfiar que tudo não passa de uma brincadeira, negocia, dizendo que “vai ajudar”: pede para o rapaz colocar mais R$ 300, para completar R$ 1 mil.

– Tenho certeza de que ele não desconfiou, porque eu fingia que estava chorando, e se ele tivesse desconfiado ele teria desligado e não ficado tanto tempo na linha. – comentou o humorista.

Jonathan, então, resolve ser mais radical: sugere que o sequestrador peça o dinheiro do resgate para a própria sequestada, que estaria devendo ao irmão. Depois de alguma conversa, ele coloca um ponto final no papo: “Ah, eu nem gosto tanto dela assim. Tchau, abraço!”.

O advogado, ciente de que esse tipo de crime é bastante comum, dá um conselho:

– Se alguém ligar, não se desespere, porque o fator que determina cair no golpe é o emocional, então o ideal é manter a calma, não dizer nomes e insistir pra falar com a pessoa, fazer perguntas pessoais, e por fim, tentar contato com a pessoa que ele diz ter sequestrado – recomendou Jonathas.

Extra

Suposto vídeo do Estado Islâmico mostra execuções de cristãos

mid-eastO grupo Estado Islâmico (EI) publicou neste domingo  (19) um vídeo mostrando cerca de 30 homens, supostamente cristãos etíopes, sendo executados por jihadistas na Líbia, segundo informou a agência de notícias France Press (AFP).

O vídeo, de 29 minutos, postado em sites jihadistas, mostra um grupo de pelo menos 16 homens decapitados em uma praia e um outro grupo de 12 pessoas baleadas à morte em uma área de deserto. Eles são identificados como membros da “Igreja etíope inimiga”.

Em meados de fevereiro, o EI divulgou um vídeo que mostra a decapitação em uma praia de 21 homens, a maioria confissão copta egípcia, com uma produção semelhante ao vídeo divulgado neste domingo.

Os 12 homens, com roupas laranja, são levados para a praia antes de serem colocado no chão e decapitados com uma faca. Enquanto isso, em uma área de deserto, 16 homens vestidos de preto são mortos à queima-roupa.

Um homem vestido de preto falou em inglês, enquanto os outros algozes, um atrás de cada prisioneiro, aparecem completamente vestidos em trajes militares, e permanecem em silêncio. Todos estão mascarados.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

As imagens das execuções concluem o vídeo de 29 minutos. Antes, homens apresentados como cristãos sírios aparecem explicando que os jihadistas lhes deram a opção de se converterem ao Islã ou pagar uma multa, e que eles decidiram dar dinheiro.

O EI controla áreas inteiras da Síria e do Iraque, onde proclamou um califado, em que multiplica assassinatos e execuções. Alguns desses atos são filmados em vídeo e transmitidos – como o deste domingo – como forma de propaganda para os jihadistas.

G1