Arquivo da tag: Suplente

Morre em João Pessoa o advogado e suplente de senador, Roosevelt Vita

O advogado e suplente de senador, Roosevelt Vita, morreu na noite desta quarta-feira (24) em João Pessoa, no Hospital Memorial São Francisco, vítima de parada cardíaca, aos 74 anos. Vitta lutava contra um câncer há alguns anos.

O advogado Raoni Vita, afilhado, lamentou a morte do homem a quem considerava um pai. “Aquele que me acolheu como pai, cuidou de mim e me ensinou tudo o que sei na minha profissão e na vida, meu eterno padrinho. Sem palavras para descrever esse momento de tanta dor e tristeza”, postou nas redes sociais.

Roosevelt Vitta era um advogado brilhante, considerado intelectual, e chegou a ocupar diversos cargos importantes no Estado da Paraíba nos governos de Ivan Bichara, Antônio Mariz e José Maranhão.

A família ainda não decidiu sobre o velório e sepultamento.

 

portalcorreio

 

 

Após morte de vereador, suplente eleito com sete votos assume vaga em Curral Velho, PB

Um vereador na cidade de Curral Velho, localizada a 371 km de João Pessoa, tomou posse no Câmara de Vereadores da cidade na segunda-feira (8) após um outro vereador, de quem ele era suplente, morrer em um acidente de motocicleta no fim de junho. Um trâmite comum a todas as câmaras do país se não fosse fato de João Bernardino Pereira (PR), de 49 anos, ter recebido apenas sete votos na eleição de 2016, correspondente a 0,39% dos votos válidos no município.

O presidente da Câmara de Curral Velho, Cleonaldo Leite (PSB) confimou que a solenidade de posse aconteceu em uma sessão realizada na Câmara na segunda-feira, com a presença dos demais colegas de casa. O vereador conta que, mesmo com a peculiaridade, foram seguidos os ritos legais para que Bernardino, como é conhecido o policial militar que tinha sido eleito suplente, assumisse a cadeira deixada por Antônio Jailson Alves, popularmente conhecido como Antônio Carnaúba (PR).

“Cumprimos o regimento e empossamos Bernardino. Sabemos que ele teve menos de 1% dos votos válidos, mas a legislação eleitoral havia indicado que ele era o suplente”, comentou o presidente da câmara de Curral Velho.

Bernardino, que é policial militar, tomou posse como vereador após ter apenas sete votos na eleição de 2016 — Foto: Eduarda Costa/Câmara de Vereadores de Curral Velho

Bernardino, que é policial militar, tomou posse como vereador após ter apenas sete votos na eleição de 2016 — Foto: Eduarda Costa/Câmara de Vereadores de Curral Velho

A vaga ocupada por Bernardino, eleito suplente a partir do coeficiente eleitoral, que soma os votos obtidos pela coligação e distribui entre os candidatos mais votados dentro da aliança entre os partidos, determinou que após Antônio Carnaúba, vereador mais votado no pleito de 2016 em Curral Velho, com 237 votos (13,17% dos votos válidos), o próximo na linha de sucessão seria o policial militar com apenas sete votos.

A coligação da qual o Partido da República (PR), legenda de Bernardino e de Antônio Carnaúba, tinha também os partidos PC do B e DEM. Na eleição de 2016, segundo dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a coligação de Bernardino obteve 541 votos, elegendo no total três vereadores.

Vereadores da coligação PR / PC do B / DEM em Curral Velho em 2016

Vereador Partido Votos Situação eleitoral
Antônio Carnaúba PR 237 votos (13,17%) Eleito (morto em acidente)
Rijailson Diniz PC do B 157 votos (8,73%) Eleito
Nogueira DEM 138 votos (7,67%) Eleito
Bernardino PR 7 votos (0,39%) Suplente (empossado vereador)
Amanda PC do B 1 voto (0,06%) Suplente
Dona Lúcia PC do B 1 voto (0,06%) Suplente

G1 tentou entrar com Bernardino, mas o vereador não atendeu as ligações.

Morte em acidente

O vereador Antônio Jailson Alves (PR), conhecido como Antônio Carnaúba, morreu na madrugada do dia 28 de junho deste ano, no Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande. De acordo com a assessoria de imprensa da unidade de saúde, Carnaúba, permaneceu um dia internado após sofrer um acidente de moto, mas não resistiu aos ferimentos. O acidente foi registrado na PB-370, na saída da cidade de Curral Velho, localizada na região do Sertão da Paraíba.

Câmara de Vereadores de Curral Velho mantém sessões quinzenais — Foto: Eduarda Costa/Câmara de Vereadores de Curral Velho

Câmara de Vereadores de Curral Velho mantém sessões quinzenais — Foto: Eduarda Costa/Câmara de Vereadores de Curral Velho

Outra suplente quer vaga de vereador

Cícera Mota dos Santos, conhecida como Cicinha de João Paulo (PSDB), obteve 99 votos no pleito e foi a primeira candidata a ficar fora das vagas, no 10° lugar entre os mais votados. Ao tomar conhecimento da posse de Bernardino, decidiu dar entrada no Tribunal Eleitoral da Paraíba (TRE-PB) para requerer a vaga deixada pelo vereador morto em acidente.

De acordo com Cicinha de João Paulo, seu advogado deu entrada na ação pela vaga de Antônio Carnaúba na terça-feira (9). “A gente está esperando o resultado. Por lei era pra ser quem obteve mais votos, mas a gente aguardou a posse para pegar os documentos e buscar na justiça essa cadeira. Na cidade é só o que se comenta”, comentou.

Curral Velho

Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a cidade de Curral Velho tem 2,5 mil habitantes, de acordo com Censo realizado em 2010. A Câmara de Vereadores da cidade é composta por nove vereadores.

Cada um deles recebe um salário mensal de R$ 3 mil, segundo dados do Sagres do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB) e as sessões para discutir leis e requerimentos do município, pertencente à região imediata de Itaporanga, acontecem quinzenalmente.

Ainda de acordo com o Sagres, o custo mínimo pra manter a Câmara de Curral Velho funcionando é de cerca de R$ 55 mil reais por mês em 2019. Somente em 2018, a Câmara de Curral Velho gastou com pagamento da folha de pessoal mais de R$ 420 mil, incluindo vereadores e servidores.

Curral Velho, cidade no Sertão paraibano, tinha colégio eleitora de 1.867 eleitores em 2016, nas últimas eleições municipais — Foto: Reprodução/curralvelho.pb.gov.br

Curral Velho, cidade no Sertão paraibano, tinha colégio eleitora de 1.867 eleitores em 2016, nas últimas eleições municipais — Foto: Reprodução/curralvelho.pb.gov.br

 

G1

 

 

Suplente de vereador é preso suspeito de atuar em quadrilha de ataques a bancos

sireneUm suplente de vereador na cidade de Sousa, Sertão do estado, a 438 km de João Pessoa, foi preso, na noite dessa sexta-feira (7), suspeito de participar de quadrilha responsável por um ataque a banco em Ipaumirim, interior do Ceará.

O político foi preso por força de mandado expedido pela Justiça cearense, em operação conjunta das polícias dos dois estados.

Conforme as investigações, o suplente de vereador teria dado abrigo para os membros da quadrilha que participaram diretamente da explosão de caixas eletrônicos, ocorrida na quinta-feira (6).

Além da explosão, os bandidos fizeram pessoas reféns durante o ataque. Não houve troca de tiros com a polícia, nem pessoas feridas. Depois, eles teriam fugido para Sousa e se escondido na casa do suplente de vereador.

O suspeito foi candidato a vereador pelo PT do B nas Eleições Municipais deste ano. Ele recebeu 96 votos e não foi eleito.

portalcorreio

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

PSDB quer acabar reeleição, suplente de senador e prega eleição geral no Brasil

ReformaO presidente nacional do PSDB, senador Aécio Neves (MG), e o líder do partido no Senado, Cássio Cunha Lima (PB), apresentaram, nesta quinta-feira (16), na Comissão Especial de Reforma Política, na Câmara dos Deputados, as principais propostas do partido para a reforma política.

O PSDB defende sete mudanças básicas, a saber:

1) Adoção do sistema distrital misto;

2) Fim das coligações proporcionais;

3) Retorno da cláusula de desempenho (ou de barreira);

4) Fim da reeleição, com mandato de 5 anos; com coincidência de todas eleições num mesmo ano ou eleições municipais e estaduais num ano e nacionais no ano seguinte;

5) Tempo de TV proporcional às bancadas eleitas apenas dos partidos do titular e do vice;

6) Financiamento misto de campanha (público e privado) com delimitações de doações de pessoas físicas (para candidatos e partidos) e empresas (apenas para partidos);

7) Definição de regras na produção do programa eleitoral de rádio de TV, simplificando o formato, barateando custos e priorizando apresentação de propostas.

Cássio e Aécio defendem a “descriminalização do debate político”, para que a manifestação possa ser feita “em qualquer tempo, como ocorre em outros países.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

 O PSDB também sugere mudança na legislação para proibir institutos de pesquisa que trabalhem para o governo e candidatos realizarem pesquisas para veículos de comunicação, conforme o PLS 498/2013, do senador Cássio Cunha Lima, que justifica.

Outro ponto, defendido pelo senador Aécio Neves é acabar com a possibilidade do suplente de senador ser contemplado com o mandato do titular.

De acordo com o tucano, apenas um suplente será eleito e não dois como prega a atual legislação, sendo que este assumirá o cargo de forma temporária em caso de vacância.

Segundo a proposta do PSDB, quando houver vacância permanente, será realizado um novo pleito para que o eleito termine o mandato.

MaisPB

Suplente de vereador não resiste aos ferimentos e morre após ser baleado no Distrito Mecânico de João Pessoa

hospital emergencia traumaO suplente de vereador de João Pessoa, Edson Carlos dos Santos Sales, 37 anos, o Índio do Distrito, morreu na tarde deste domingo (3), no Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, na Capital paraibana. Índio do Distrito foi socorrido em estado grave para a unidade de saúde após ser ferido com três disparos de arma de fogo, na tarde do último sábado (2).

De acordo com informações do repórter Aguinaldo Mota, da TV Correio, o velório de índio será na sede da Associação dos Comerciantes do Distrito Mecânico, entidade que ele presidia. O local do enterro ainda não foi divulgado pela família.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Na hora que foi atingido, Índio estava reunido com membros da associação planejando um evento em comemoração ao Dia dos Pais, que seria realizado hoje.

A vítima foi surpreendida por desconhecidos em um veículo. Um deles já chegou atirando. O comerciante foi baleado na cabeça e em outras partes do corpo

Familiares não souberam explicar a motivação do crime pois, de acordo com eles, Índio não tinha inimigos.

Índio do Distrito foi candidato a uma das 27 vagas de vereador nas eleições 2010. Ele era filiado ao PT do B.

MaisPB

com O cabuloso

Deputada estadual desmente suplente sobre licença na Assembleia Legislativa

gilmaA deputada estadual, Gilma Germano (PPS) desmentiu, nesta quarta-feira (12), o primeiro suplente de deputado estadual do PPS, Monaci Marques, de que ela iria tirar licença para ele assumir mandato na Assembleia Legislativa.“Eu não tomei conhecimento disso. Não fui consultada”, disse Gilma Germano acrescentando: “Não existe essa possibilidade. A gente vai conversar sim, mas não tem nada de concreto”, afirmou a socialista em entrevista ao Correio Debate, da 98 FM ao ser questionada sobre o assunto.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Monaci também havia confirmado a licença de 121 dias no Correio Debate.

“É um compromisso comigo dela tirar licença de 121 dias para eu permanecer na Assembleia. Existem também uma articulação do vice-governador Rômulo Gouveia de junto com o governador Ricardo Coutinho dela fazer parte do governo e eu fazer parte dos trabalhos na Assembleia Legislativa”, afirmou.

Roberto Targino – MaisPB

Residente em Guarabira, filha de suplente de Cícero assessora Vitalzinho

vitalzinhoEmpresário com atuação na confecção de roupas, venda de carros e serviço de radiodifusão, João Rafael de Aguiar é um homem realizado. Entre seus talentos para os negócios está o de conquistar amigos, a ponto de lidar com diferentes correntes políticas. Prova disso foi ter conseguido, em menos de 30 dias, emplacar suas duas filhas nos gabinetes dos senadores Vital do Rêgo (PMDB) e Cícero Lucena (PSDB).

 

De uma das nomeações, em junho de 2011, já se sabia. O Jornal O Globo, em fevereiro do ano passado, denunciou o caso como sendo de servidor fantasma. Segundo a publicação, o senador Cícero Lucena, de quem João Rafael é 2º suplente, nomeou Jaqueline Aguiar, filha dele, dias antes do seu casamento, como uma espécie de presente. Morando na Espanha, ela ocupava um cargo comissionado de assistente parlamentar, com salário de R$ 2.042 mensais. Depois da denúncia, foi exonerada.

 

Passada a repercussão do escândalo, o blog descobriu que outra filha de João Rafael também é assistente parlamentar no Senado. Jarbelly Cristina de Lucena Aguiar foi nomeada pelo senador Vital do Rêgo em 30 de maio de 2011. A informação pode ser comprovada no próprio site do Senado, que disponibiliza o quadro dos servidores efetivos e comissionados do Senado. Morando em Guarabira, Jarbelly é servidora comissionada sob regime especial de frequência.

 

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Em Guarabira, sua atividade é de empresária. No contrato social, seu nome aparece como sócia da Vince Confecções, indústria que emprega dezenas de operários na cidade.

 

À época das nomeações das filhas do suplente de Cícero, ele estava de saída do PSDB para o PMDB, o que se consumou.

 

Blog de Célio Alves

Paraíba ganha quatro novos deputados estaduais na sexta e vereador que é suplente vive dilema para posse na ALPB

A Assembleia Legislativa da Paraíba dá posse a novos deputados nesta sexta-feira (04), às 8h30, no Hotel Verde Green, em Manaíra, na Capital. Três deles assumem o cargo em virtude dos titulares terem sido eleitos prefeitos, um por pedido de licença e outro aguarda confirmação.

O deputado Jutay Meneses (PRB), que já esteve na Casa em 2012 durante licença do deputado Anísio Maia (PT), volta agora na condição de titular do mandato herdado do petista Luciano Cartaxo, que foi eleito prefeito de João Pessoa. Os outros nomes que assumem as cadeiras devido ao resultado das eleições municipais são Carlos Batinga (PSC) e Ivaldo Morais (PMDB) que assumem nos lugares deixados por Francisca Motta (PMDB) e André Gadelha (PMDB), eleitos prefeitos de Patos e Sousa, respectivamente.

Iraê Lucena (PMDB) é a quarta parlamentar a retornar à Casa de Epitácio Pessoa, ainda na condição de suplente, devido ao afastamento do deputado Guilherme Almeida (PSC), que pediu licença para assumir a Secretaria Municipal de Agricultura, em Campina Grande.

Uma quinta posse ainda está com o nome indefinido, tendo em vista que o suplente Reginaldo Pereira (PRP) foi eleito prefeito de Santa Rita, e o titular Toinho do Sopão (PEN) está de licença.

A saída de Reginaldo Pereira, para assumir a prefeitura de Santa Rita, deixou vago o cargo que pertence ao deputado Toinho do Sopão – que está em licença médica de 121 dias, desde outubro passado. O suplente da vez é o vereador reeleito de Campina Grande Joia Germano (PRP), porém, ele teria de renunciar ao mandato conquistado na Câmara Municipal campinense. Caso ele renuncie à vaga de deputado, quem deve assumir é o suplente Monaci Marques (PPS). Até a tarde desta quarta-feira (02), não havia comunicação oficial sobre a posição de Germano.

MaisPB com Assessoria

Acordão em Serraria: prefeito reúne bancada para antecipar eleição da câmara e vereador mais votado se afastará para suplente assumir

Prefeito Brizola (PSDB) e o vereador Ronaldo Santos, do PSD. Foto: Balbino Silva (Mídia Paraíba)

O prefeito Severino Ferreira da Silva, conhecido por Brizola, do PSDB, do município de Serraria, no Brejo paraibano, reuniu na tarde do domingo (09) a sua bancada de vereadores, onde foram definidas várias questões, dentre elas, a antecipação da eleição para a escolha do presidente da câmara municipal do segundo mandato, para o dia 1º de janeiro, quando todos tomarão posse.

Ficou decidido durante a reunião, que após tomarem posse, os vereadores farão duas eleições para presidente do poder legislativo serrariense.

O acordão entre o prefeito Brizola e os vereadores que pertencem ao seu grupo político decidiu que após tomarem posse, os parlamentares mirins, farão duas eleições para eleger a mesa diretora para o biênio 2013/2014, e em seguida realizarão a segunda eleição na Casa Duarte Lima, para eleger o presidente que assumirá a presidência no biênio 2015/2016.

O prefeito indicou para o primeiro mandato, o vereador Robério Duarte (China), do PSDB,  e para o segundo mandato o vereador Ronaldo Santos, do PSD.

Segundo informações, os vereadores eleitos Gil Alves, PR, e Alcides Carneiro, do PMDB, saíram da reunião magoados e não aprovaram esse acordo político do prefeito Brizola e os demais vereadores.

Ainda ficou estabelecido na reunião, que o vereador Ronaldo Santos, do PSD, se afastará após tomar posse, para que a vereadora, Selma Maria Pereira de Góis, que não conseguiu se reeleger nas últimas eleições, e que é a primeira suplente da coligação, assuma a vaga na câmara municipal de Serraria. Por ter aceitado essa proposta do prefeito Brizola, o vereador Ronaldo Santos será contemplado com a Secretaria de Planejamento.

Nas eleições municipais, foram eleitos oito vereadores da bancada do prefeito Brizola, apenas o vereador Cícero Romão, do PSB, foi reeleito pela oposição. Há quem diga que poderá ainda ser lançada uma chapa para concorrer com o vereador China, com o vereador Gil Alves, Alcides Carneiro e Cícero Romão.

O atual presidente da câmara municpal, que foi eleito vice-prefeito Gilvan Costa, PSL, também participou da reunião e concordou com a proposta da antecipação da eleição da mesa diretora do legislativo serrariense.

Resta esperar para saber, o que a população serrariense, eleitores e correligionários desses vereadores acharão desse acordão inédito na política de Serraria.

[bb]

Balbino Silva

MÍDIA PARAÍBA

Imediato: Após publicação de decisão, suplente toma posse na Câmara Municipal de Solânea

 

Carmézia

Após a publicação da decisão do juiz da 48ª Zona Eleitoral, Osenival dos Santos Costa, determinando a cassação da vereadora Giseliane Azevedo Fernandes de Melo (PSD), a suplente da coligação, Josefa Rodrigues do Nascimento (Carmézia), do PRTB, seguiu para a Câmara Municipal de Solânea, onde foi empossada nesta quinta-feira (09).

A posse de Carmézia de forma imediata também foi determinação do juiz zonal e ocorreu cerca de apenas uma hora após a publicação no Diário de Justiça do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB).

A Ação de Impugnação de Mandato Eletivo (AIME) foi impetrada contra Giseliane porque, segundo a acusação, ela teria supostamente doado materiais de construção em troca de votos nas eleições de 2008. O fato configuraria captação ilícita de sufrágio.

Redação/Focando a Notícia