Arquivo da tag: solidariedade

Solidariedade: um caminho para a Paz

A Paz desarmada jamais resultará apenas dos acordos políticos, todavia, igualmente, de uma profunda sublimação do espírito religioso. Como grandes feitos muitas vezes têm suas raízes em iniciativas simples, mas práticas e verdadeiras, de gente que, com toda a coragem, partiu da teoria para a ação, com a força da autoridade de seus atos universalmente reconhecidos, valhamo-nos deste ensinamento de Abraão Lincoln (1809-1865): “Quando pratico o Bem, sinto-me bem; quando pratico o mal, sinto-me mal. Eis a minha religião”. Ora, ninguém nunca poderá chamar o velho Abe de incréu…

Dinheiro e fama podem tornar-se um pesado fardo para o ser humano. Dificilmente trazem felicidade. A não ser à medida que correspondam a benefícios promovidos em favor do coletivo. Eis um caminho para a Paz entre aqueles que tudo têm e os que necessitam de auxílio: Solidariedade.

Quando você compreende o sentido da renúncia, aprende a amar. É nesse momento que a felicidade genuinamente se apossa do seu coração. Lição do Bhagavad-Gita“Conhece a Paz quem esqueceu o desejo”.

Pensamento firmado na Paz

Transformações perenes com frequência surgem nos instantes de grande agitação histórica. Os tenazes crescem em tempos de refrega. Se o fizerem com o pensamento firmado na Paz, o efeito de seus esforços marcará sua passagem pela Terra com o sinete da Luz. O ilustre médico brasileiro Dr. Adolfo Bezerra de Menezes Cavalcanti (1831-1900) ensinava que, “se aspiramos transmitir a Paz, se queremos elevar o coração da criatura, não podemos prescindir, em nossas vidas, de uma profunda e radical mudança na busca do fortalecimento da Fé e do entendimento dela”.

O efeito da Justiça será a Paz

Os povos geralmente conseguem sobreviver às maiores confusões que lhes atravessam o caminho. É muito boa essa teimosia, esse bom senso de tanta gente que fundamenta as suas ações na Coragem, como também no Amor, no Bem, na Solidariedade, na Fraternidade e na Razão esclarecida pelo raciocínio iluminado por Deus. No entanto, nunca no fanatismo.

Tamanho denodo é que tem feito a Humanidade subsistir a tanta loucura. A seguinte lição de Isaías, no seu livro do Antigo Testamento da Bíblia Sagrada (32:17), referenda essa realidade quando afirma: “O fruto da Justiça será Paz, e a operação da Justiça, repouso e segurança para sempre”.

 

José de Paiva Netto, jornalista, radialista e escritor.

paivanetto@lbv.org.br – www.boavontade.com

 

 

PSB da Paraíba divulga nota de solidariedade a Lula

A direção estadual do PSB na Paraíba divulgou, na tarde deste sábado (7), uma nota de solidariedade ao ex-presidente Lula (PT), que teve sua prisão expedida por ordem do juiz Sergio Moro. “Este é o momento de mobilizar, reunir e unificar todas as forças democráticas e responsáveis da sociedade brasileira para resistir à desconstrução das conquistas democráticas”, diz o manifesto.

Leia abaixo a íntegra da nota:

A direção estadual do Partido Socialista Brasileiro (PSB) na Paraíba vem a público manifestar sua mais profunda solidariedade ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, agora vítima de ordem de prisão expedida sem que estivessem esgotadas todas as etapas recursais asseguradas constitucionalmente.

O fato – arbitrário e exorbitante – é mais um gesto da escalada totalitária e da sanha de perseguições seletivas agravadas com o golpe institucional de 2016, aplicado por setores inconsequentes da mídia, do judiciário, do parlamento e do poder econômico.

Além do ex-Presidente, sofre e sofrerá toda a Nação. A onda de retrocesso, de intolerância, de violências, práticas e simbólicas, alcançará, direta ou indiretamente, todos os segmentos da sociedade. As violações crescentes ao estado democrático de direito por elites e estamentos privilegiados ameaçam mergulhar o país na escuridão moral, na insegurança jurídica e na incerteza política.

A história não deixa dúvidas. Este é o momento de mobilizar, reunir e unificar todas as forças democráticas e responsáveis da sociedade brasileira para resistir à desconstrução das conquistas democráticas e ético-políticas arduamente alcançadas pela luta e pelo sacrifício de muitos brasileiros.

O PSB-PB reitera seus compromissos invioláveis com as lutas, os valores e as conquistas democráticas de nosso povo ao mesmo tempo em que conclama todos os setores democráticos – de modo organizado, pacífico e unitário – para que se mobilizem a fim de resistir ao arbítrio e à dissolução da cidadania e dos institutos da democracia.

João Pessoa, 07 de abril de 2018

José Edvaldo Rosas

Presidente Estadual do PSB/PB

 

PB Agora

 

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Procuradoria Eleitoral investiga propaganda eleitoral antecipada da Solidariedade

benjamimA Procuradoria Regional Eleitoral na Paraíba (PRE/PB) abriu investigação, em 4 de junho de 2014, para apurar eventual prática de propaganda eleitoral antecipada por parte de políticos como Benjamim Maranhão e  Paulinho da Força, em propaganda do Partido Solidariedade (SDD), nos meses de abril, maio e junho de 2014.
Segundo o procurador eleitoral auxiliar José Godoy Bezerra de Souza,responsável pelo caso, a PRE vai analisar se houve desvirtuamento da
propaganda partidária, em violação ao artigo 45 da Lei nº 9.096/95 (que dispõe sobre Partidos Políticos), bem como, se houve propaganda eleitoral antecipada em favor de Benjamim Maranhão, o que viola a legislação eleitoral, que só admite propaganda, no ano das eleições, após o dia 5 de julho (artigo 36 da Lei nº 9.504/97 – Lei Geral das Eleições).

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

 

Após finalizadas as investigações, eventual representação será analisada pelo Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba.
A data prevista para finalização das investigações referentes à Notícia de Fato nº 1.24.000.001373/2014-14 é o dia 3 de agosto de 2014.

Paraiba.com.br com Assessoria

Embaixador da ONU desembarca na Capital para participar de evento da Fundação Solidariedade

Jorge Chediek e Beatriz Ribeiro
Jorge Chediek e Beatriz Ribeiro

A Fundação Solidariedade receberá, nesta sexta-feira (5), representantes de governos, instituições parceiras e voluntários que integram o Núcleo Nós Podemos Paraíba, em evento especial com a presença do representante maior das Nações Unidas no Brasil, o embaixador da ONU no Brasil, Jorge Chediek e um representante da Secretaria-Geral da Presidência da República. Serão apresentadas iniciativas realizadas pelos parceiros no ano de 2013, além dos 12 embaixadores dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio na Paraíba. O evento ocorrerá na Maison Blunelle, a partir das 17h.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

“Temos a imensa satisfação em receber os representantes das instituições e governos que integram o Núcleo Nós Podemos Paraíba e trabalham em prol da melhoria da qualidade de vida dos paraibanos. Reconhecemos que através das suas iniciativas e disposição a Paraíba tem sido destaque no contexto nacional em prol das Diretrizes das Nações Unidas”, declarou Beatriz Ribeiro, secretária-Executiva do Nós podemos Paraíba.

Na oportunidade, o embaixador da ONU no Brasil, falará para os gestores municipais a importância de executar políticas públicas voltadas aos Objetivos do Milênio, como também destacará a participação de cada voluntário e instituição no processo de fortalecimento do Núcleo Estadual. Pela secretária-geral da Presidência da República os Objetivos de Desenvolvimento são disseminados em todo o Brasil e trabalha a da Agenda de Compromissos dos ODM para o município, uma ferramenta que relaciona políticas públicas federais voltadas aos ODM aplicáveis nos municípios.

Serão apresentadas as ações realizadas pelos parceiros no ano passado, bem como os Embaixadores dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio na Paraíba: Jogador Hulk (virá o representante, visto que o jogador está em preparação para os jogos da Copa do Mundo), Álvaro Filho, Caio Márcio, Mayssa Pessoa, Liss Albuquerque, Lucy Alves, Diana Miranda, Yegor Gomes, Renata Arruda, Jurandy do Sax, Patrick e Fabiano Moura de Moura.

Por Jornal Correio da Paraíba/ Márcia Dementshuk

Solidariedade faz Natal de catador de latas ser inesquecível em Cabo Frio

solidariedadeO Natal de 2013 vai ser inesquecível para o catador de latinhas Marinô Pascoal de Melo, de 45 anos, morador de Cabo Frio, na Região dos Lagos do Rio. Há quatro meses vivendo a incerteza de quem perdeu todas as economias, ele agora pode voltar a sorrir. Após todo o dinheiro que tinha guardado em uma mochila no quarto ser furtado pelas próprias sobrinhas, de 13 e 14 anos, acompanhadas de uma amiga de 14 anos e da mãe da amiga, Marinô viu uma grande mobilização se formar em torno de seu sofrimento. O resultado desta rede de solidariedade foi uma surpresa para ele e a mãe, Neide Pascoal de Melo, de 76 anos. Ao conferirem o extrato do banco na sexta-feira (20), eles tiveram a boa notícia: agora Marinô tem quase R$ 43 mil em sua conta no banco.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

“Nem sei o que dizer. Quero apenas agradecer a tantas pessoas que me ajudaram”, disse ele, ao lado da mãe, ao ver o saldo da conta.

Extrato Marinô (Foto: Tomás Baggio/G1)Extrato da conta mostra os depósitos da campanha e
o saldo atual (Foto: Tomás Baggio/G1)

A história do homem simples que juntou
R$ 28 mil em casa e teve o dinheiro furtado comoveu moradores de Cabo Frio e internautas de todo o país. Marinô tinha o sonho de comprar um imóvel para alugar e viver com a renda. Ele é deficiente físico, mora com a mãe e economizou quase tudo o que ganhava como catador de latinhas e guardador de carros ao longo de dez anos. O dinheiro ficava em uma mochila guardada no armário do quarto, mas ao procurá-lo para pagar a quitinete de R$ 25 mil que decidiu comprar, Marinô deu conta do sumiço do dinheiro.

A campanha na web tinha o objetivo de devolver toda a quantia e fazer com que ele pudesse adquirir o imóvel desejado. A organizadora da campanha, Fabiana Andrade, chegou a viajar 580 Km de Baependi, em Minas Gerais, até Cabo Frio para conhecer Marinô e a família. O saldo desejado foi preenchido por meio de financiamento coletivo em aproximadamente dois meses. Mas, segundo Fabiana, problemas na documentação de Marinô atrasaram a entrega do dinheiro.

Fabiana (esquerda) viajou 580 quilômetros para conhecer Dona Neide e Marinô (Foto: Tomás Baggio/G1)Fabiana Andrade (esquerda) viajou 580 Km para
conhecer Marinô (Foto: Tomás Baggio/G1)

“O financiamento foi feito por meio de um site que transfere automaticamente o dinheiro para a conta indicada. Como eu criei a campanha, tive que fazer um termo de transferência de propriedade para o dinheiro ser depositado na conta do Marinô. Mas para esse termo ter validade, o site precisava das informações de todos os documentos do Marinô, e isso demorou a chegar. Assim que as informações foram repassadas, o site iniciou a operação de transferência, que tem prazo de 15 dias úteis para ser concluída. Fico feliz que ele possa ter recebido o dinheiro antes do Natal”, disse ela por telefone.

Doações e promessas não cumpridas
Dois depósitos foram feitos pela campanha: um de R$ 4.999,99 e outro de R$ 22.494,19, que entrou após a confirmação do primeiro. O total desta campanha é de R$ 27.494,58, já descontadas as taxas de operação bancária. Entretanto, além do financiamento coletivo, Marinô também recebeu doações diretas na conta dele, cujo número foi divulgado na imprensa local. De acordo com a mãe de Marinô, as doações diretas na conta chegaram a cerca de R$ 13 mil. Além disso, a venda de parte do material comprado com o dinheiro do furto, como móveis e equipamentos eletrônicos, que foram entregues a Marinô após a descoberta da autoria, também rendeu mais um trocado. O resultado é um saldo de R$ 42.994,18 na poupança dele.

Nos levaram até um terreno no Jardim Esperança para uma reportagem na televisão e disseram que o terreno era meu. Um homem foi lá, disse que era empresário e que eu era um guerreiro. Ele prometeu me doar o terreno para recomeçar o meu sonho ali mas, depois que a reportagem foi ao ar, ele nunca mais voltou e nem a equipe de reportagem da televisão”
Marinô Pascoal de Melo

Mas, apesar da felicidade pelo sucesso da campanha, Marinô e dona Neide também ficaram ressentidos com a forma que a história deles foi tratada. Eles reclamam de compromissos não cumpridos, e garantem que um terreno prometido nunca foi realmente doado. “Nos levaram até um terreno no Jardim Esperança (bairro de Cabo Frio) para uma reportagem na televisão e disseram que o terreno era meu. Um homem foi lá, disse que era empresário e que eu era um guerreiro. Ele prometeu me doar o terreno para recomeçar o meu sonho ali mas, depois que a reportagem foi ao ar, ele nunca mais voltou e nem a equipe de reportagem da televisão”, conta o cabofriense. “Isso não foi certo”, emenda a mãe dele.

Decepção dentro da própria família
Foram muitas surpresas na vida de Marinô nos últimos meses. O furto do dinheiro de dentro da mochila que ficava no armário do quarto deu início a uma série de acontecimentos que envolveram toda a família. Na semana seguinte à descoberta do furto, os investigadores da 126ª DP (Cabo Frio) chegaram até as sobrinhas de Marinô. Em depoimento, elas confessaram o furto e deram detalhes. De acordo com o delegado responsável pelo caso, Luiz Cláudio Cruz, o dinheiro foi furtado aos poucos.

“Esta versão foi confirmada após os depoimentos prestados na delegacia. As duas sobrinhas descobriram que ele tinha o dinheiro e começaram a furtá-lo aos poucos. Elas envolveram uma amiga e, posteriormente, a mãe desta amiga descobriu o que estava acontecendo ao ver as coisas que a filha estava comprando. Só que a mãe incentivou o crime e as meninas continuaram furtando até a vítima descobrir, um mês depois”, explicou o delegado.

Só temos a agradecer de todo o coração às pessoas que nos ajudaram desta forma. Gente que fez isso por nós mesmo sem nos conhecer. Desejo que Jesus possa abençoar a todos. E que tenham um Natal com a mesma felicidade que nós vamos ter”
Neide Pascoal de Melo, mãe de Marinô

Segundo ele, o dinheiro foi usado para comprar roupas, produtos domésticos e de informática, além de bancar passeios e jantares. As menores foram autuadas por furto, enquanto a mulher identificada como Marcely, mãe de uma delas, responde por corrupção de menores. Os processos estão em andamento e todos os envolvidos respondem em liberdade.

“Estamos muito decepcionados, é claro. Jamais poderíamos imaginar isso”, disse, na época, a irmã de Marinô e mãe das outras duas meninas que participaram do furto, Ednéia Pascoal de Melo.

Marinô Pascoal de Melo mostra o armário e a mochila que guardavam o dinheiro roubado (Foto: Tomás Baggio/G1)Marinô mostra o armário e a mochila onde guardava o dinheiro roubado (Foto: Tomás Baggio/G1)

Arrecadação por financiamento coletivo
O sucesso da campanha foi motivo de comemoração também para os diretores do site em que a campanha foi hospedada. Para eles, o resultado é mais um indício da consolidação deste tipo de financiamento.

“Esta campanha fugiu um pouco do que estamos acostumados a fazer pelo valor expressivo do financiamento. Isso mostra o crescimento e a consolidação desta atividade. Cada vez mais o financiamento coletivo estará presente no dia-a-dia das pessoas”, afirma Fabrício Milesi, co-fundador do Vakinha.

Marinô e dona Neide conferem o saldo da conta no banco (Foto: Tomás Baggio/G1)Marinô e dona Neide conferem o saldo da conta no
banco (Foto: Tomás Baggio/G1)

Promessa de não repetir o descuido
Humilde, com pouca instrução e dificuldade para lidar com equipamentos eletrônicos, Marinô Pascoal de Melo afirma que juntava o dinheiro no quarto por não saber realizar operações bancárias. Mas o susto pela perda do dinheiro, seguido da surpresa por ver o dobro do valor ser recuperado, foi uma lição para ele.

“O dinheirinho do meu trabalho agora vai para o banco”, diz ele, que pretende contar com a ajuda de familiares para fazer a movimentação financeira.

Apesar da quitinete que ele queria antes do dinheiro ser furtado não estar mais disponível, Marinô não desiste do sonho e faz planos. Como tem mais dinheiro agora do que tinha antes, ele cogita comprar um terreno e construir o imóvel aos poucos. Já a mãe dele, que não acreditava que o dinheiro pudesse ser recuperado, agora é só alegria. Para ela, o resultado da campanha solidária “é um milagre”.

“Só temos a agradecer de todo o coração às pessoas que nos ajudaram desta forma. Gente que fez isso por nós mesmo sem nos conhecer. Desejo que Jesus possa abençoar a todos. E que tenham um Natal com a mesma felicidade que nós vamos ter”, disse dona Neide.

G1

Cuba convoca 3º Encontro Mundial de Solidariedade com a ilha

 

O Instituto Cubano de Amizade com os Povos (Icap) e outras organizações do país caribenho convocaram para o 3º Encontro Mundial de Solidariedade com a ilha, fórum previsto para ocorrer de 27 a 31 de outubro de 2014.

 

Bandeira de Cuba O fórum está previsto para ocorrer de 27 a 31 de outubro de 2014.

“No 54º aniversário de sua revolução, convidamos as forças, movimentos, grupos, personalidades e pessoas de bem, para ressaltar tudo o que nos une, respeitando nossas diferenças”, diz a convocatória.
CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

O convite lembra que Cuba vive sob uma constante agressão e desinformação midiática, enquanto atualiza seu modelo socioeconômico. Espera-se que formem parte da agenda temas como o bloqueio dos Estados Unidos, a liberdade dos cinco antiterroristas cubanos e o apoio para as transformações em andamento.

O caso de Gerardo Hernández, Antonio Guerrero, Ramón Labañino, Fernando González e René González – detidos em 1998 por seguirem grupos violentos radicados em Miami contra Cuba – a convocatória destaca que continuará a luta pelo regresso cos cinco patriotas.

Segundo os organizadores do encontro “Cuba Solidariedade 2014” será uma ocasião que facilitará um espaço de construção de iniciativas, propostas e intercâmbios de estratégias a favor da solidariedade com a ilha.

“Este fórum, dá continuidade de suas duas anteriores, confirmará o apoio internacional para a vigência do modelo de justiça social que Cuba simboliza e sua viabilidade como alternativa para este outro mundo melhor e possível que lutamos os povos do planeta”, reflete o chamamento.

Além da Icap, a convocatória foi realizada pelos movimentos sociais e de massa e o capítulo cubano da Rede em Defesa da Humanidade.

Fonte: Prensa Latina
Tradução da Redação do Vermelho

Nota: solidariedade com a família de José Ismar Eugênio Pompeu (Palhaço Pirulito)


ismar
HOJE NÃO TEVE ESPETÁCULO

“Sei que é doloroso um palhaço se afastar do palco… 
Volta que a platéia te reclama, sei que choras, palhaço… 
Hoje não vai ter espetáculo!” 

A Secretaria de Estado da Mulher e da Diversidade Humana solidariza-se com a família e amigas/os de José Ismar Eugênio Pompeu, o Palhaço Pirulito, e com o movimento social na luta pelo respeito aos direitos de LGBT, manifestando indignação com a violência ocorrida.
A Paraíba se despediu com pesar de José Ismar Eugênio Pompeu, ator e professor de educação física, que foi encontrado morto, no dia 27 de janeiro, em seu apartamento. Noticiou-se que seu corpo apresentava várias perfurações e a letra “A” escrita com arma branca.
Mais uma vez instala-se, na sociedade e no âmbito legal, o debate acerca da natureza do assassinato, que, pelas suas características, sugere um perfil de crime com motivação  homofóbica. São características: requinte de crueldade,  possibilidade de que o agressor seja conhecido da vítima e a assumida homossexualidade de José Ismar.
O desaparecimento de objetos da casa de José Ismar e a subtração de considerável soma de dinheiro levaram a policia a investigar a possibilidade de latrocínio. Todavia, o Secretário de Estado da Defesa Social e Segurança Pública, Cláudio Lima Coelho, afirma que é preciso concluir o inquérito policial para se pronunciar sobre o crime. E, ao mesmo tempo, compromete-se a dar ao trabalho da polícia a agilidade possível.
Segundo dados do Grupo Gay da Bahia (GGB), em 2012 foram assassinados 338 travestis, transexuais, gays e lésbicas no Brasil, um assassinato a cada 26 horas. O Nordeste, com 28% da população brasileira, concentra 45% das mortes, destacando-se como a região mais homofóbica do país. A Paraíba ocupa o segundo lugar, com 19 assassinatos, da mesma forma que João Pessoa, em relação às outras capitais brasileiras.
Diante da realidade, afirmamos que a veemência na apuração é fundamental para o enfrentamento à homofobia, considerando a real vulnerabilidade e o risco de morte que assombra gays, travestis e lésbicas que vivenciam a sua expressão sexual com visibilidade.
Repudiamos qualquer forma de expressão da homofobia na sociedade paraibana. Afirmamos a importância do respeito à diferença e a defesa dos direitos de LGBT como condição inerente à consolidação da democracia brasileira.
Por fim, afirmamos o compromisso do Governo do Estado em promover políticas públicas de enfrentamento à homofobia e de promoção da cidadania LGBT com ações como implantação do Centro de Referência dos Direitos de LGBT e Combate à Homofobia (Espaço LGBT), garantia do uso do nome social por travestis e transexuais no âmbito do Poder Executivo Estadual (Decreto n.º 32.159/11), realização da II Conferência Estadual LGBT da Paraíba, promoção de cursos de capacitação sobre Direitos Humanos e  cidadania LGBT para policiais militares e civis, profissionais da educação, saúde e assistência social e o lançamento da campanha “Tire o Respeito do Armário”.
Nossas condolências à família, amigos e movimento LGBT pela morte de José Ismar.

Secom/PB para o Focando a Notícia

Anape e todas as entidades estaduais prestam solidariedade a Sanny Japiassú

Associações emitem nota de desagravo à presidente da Aspas

 por conta de matéria distorcida no Blog de Luis Torres

 

NOTAPresidente da Associação Nacional dos Procuradores do Estado da Paraíba (Aspas), Sanny Japiassú recebeu a solidariedade unânime de todos os seus colegas dos 26 Estados da Federação e do Distrito Federal, além do presidente da Associação Nacional dos Procuradores de Estado, Marcello Terto, durante a reunião realizada nesse dia 30, em Brasília.

A solidariedade nacional em torno de Sanny Japiassú se deu em repúdio à matéria do jornalista Luis Torres, no blog que leva seu nome, em que “faz uma série de insinuações pessoais e infundadas contra a dignidade de Sanny Japiassú”. No citado post, são feitas críticas à iniciativa de Sanny na defesa das prerrogativas dos procuradores paraibanos, que vêm sofrendo tentativas de enquadramento no controle de presença por parte da Corregedoria Geral da Procuradoria Geral do Estado da Paraíba.

Na Nota de Repúdio, as entidades estaduais e a Anape destacam que “Sanny Japiassú é uma reconhecida defensora da advocacia pública e atuante Procuradora do Estado, agindo sempre em defesa das questões de interesse do Estado da Paraíba, não se rendendo jamais a meros interesses circunstanciais de governos de ocasião”.

Na nota, fica registrada que a matéria em referência “traz uma avaliação distorcida a respeito das iniciativas da Aspas, com o claro propósito de atingir pessoalmente a representante classista e denegrir a imagem dos Procuradores do Estado da Paraíba”.

De forma contundente, a nota esclarece que a atuação da ASPAS, no caso, decorre de seu dever de garantir o respeito às prerrogativas dos Procuradores do Estado e o exercício independente de suas funções, que são essenciais à administração da Justiça.

Finalizando o texto oficial, é destacado que a nota de desagravo tornou-se justificada após “atingida a honra da integrante do seu Conselho Deliberativo, com o objetivo de “restabelecer a verdade dos fatos e resguardar a imagem dos Procuradores dos Estados e do Distrito Federal”.

 

Veja a nota, na íntegra:

 

NOTA DE REPÚDIO

 

A Associação Nacional dos Procuradores de Estado– ANAPE – e os representantes das delegações estaduais presentes na reunião do Conselho Deliberativo do dia 30 de janeiro de 2013, por decisão unânime deste último, manifestam seu repúdio à matéria do jornalista Luis Torres publicadano blog “Política a quem interessa”, em que faz uma série de insinuações pessoais e infundadas contra a dignidade da Procuradora do Estado Sanny Japiassú, Presidente da Associação dos Procuradores do Estado da Paraíba – ASPAS.

A Presidente Sanny Japiassú é uma reconhecida defensora da advocacia pública e atuante Procuradora do Estado, agindo sempre em defesa das questões de interesse do Estado da Paraíba, não se rendendo jamais a meros interesses circunstanciais de governos de ocasião.

A matéria em referência traz uma avaliação distorcida a respeito das iniciativas da Aspas com o claro propósito de atingir pessoalmente a representante classista e denegrir a imagem dos Procuradores do Estado da Paraíba.

Esclareça-se que a atuação da ASPAS, no caso, decorre de seu dever de garantir o respeito às prerrogativas dos Procuradores do Estado e o exercício independente de suas funções, que são essenciais à administração da Justiça.

Dessa forma, atingida a honra da integrante do seu Conselho Deliberativo, a ANAPE torna público seu REPÚDIO, emitindo a presente NOTA DE DESAGRAVO, a fim de restabelecer a verdade dos fatos e resguardar a imagem dos Procuradores dos Estados e do Distrito Federal.

Brasília/DF, 30 de janeiro de 2013.

 

 

 

Marcello Terto e Silva     –               Presidente da Anape

Cristovam Pontes de Moura             Acre

Roberto Tavares Filho                     Alagoas

Julhiano César Avelar                      Amapá

Kleyson Nascimento Barroso            Amazonas

Cléia Costa dos Santos                    Bahia

Leoanardo Gonçalves S.Borges –     Ceará

Helder de Araujo Barros                             Distrito Federal

Santuzza da Costa Pereira               Espírito Santo

Valentina Jugmann Cintra               Goiás

Daniel Blume                                   Maranhão

Gláucia Anne Kelly R. do Amaral    Mato Grosso

Fábio Jun Capucho                         Mato Grosso do Sul

Jaime Nápoles Villela                       Minas Gerais

Antonio Carlos Benardes Filho                 Pará

Eunice Fumagalli Martins e Scheer Paraná

Frederico José Matos de Carvalho   Pernambuco

Francisco Lucas Costa Veloso                   Piauí

Rafael Rolim                                    Rio de Janeiro

Francisco Wilkie R. Chagas Jr.                   Rio Grande do Norte

Telmo Lemos Filho                          Rio Grande do Sul

Valdecir da Silva Maciel                             Rondônia

Temair Carlos de Siqueira               Roraima

Fabiana Guardini Nogueira            Santa Catarina

Márcia Maria B. Fernandes Semer  São Paulo

Pedro Durão                                    Sergipe

Sérgio Rodrigo do Vale                    Tocantins

 

 

Assessoria

Dra. Zilda Arns Neumann: testemunho de amor e solidariedade

“A Pastoral da Criança, desde o início, teve a preocupação não só de reduzir a mortalidade infantil e a desnutrição, mas também de promover a paz nas famílias e comunidades, pelas atitudes de solidariedade e a partilha do saber a todas as famílias”.

drzildaass

No mês de janeiro recordamos o falecimento da Dra. Zilda Arns Neumann, Fundadora da Pastoral da Criança, que morreu vítima do terremoto ocorrido na cidade de Porto Príncipe, Haiti, no dia 12 de janeiro de 2010. A ela, nosso carinho e eterna gratidão. Nessa edição, vamos recordar os principais fatos e ações que marcaram seu trabalho após a fundação da Pastoral da Criança em 1983.

 

 

 

drzilda21983 • Fundação da Pastoral da Criança, juntamente com Dom Geraldo Majella Agnelo, em Florestópolis – Paraná.

 

1987 • Lançamento do Primeiro Guia do Líder da Pastoral da Criança.

 

1987 • Campanha do Soro Caseiro.

 

1987 • Lançamento do Jornal da Pastoral da Criança.

 

1990 • Lançamento do Programa de Rádio Viva a Vida.

 

1991 – 2009 • Dra. Zilda foi Conselheira no Conselho Nacional de Saúde.

 

1993 – 1995 • Coordenadora Materno-infantil do Ministério da Saúde.

 

1995 • A Pastoral da Criança se torna Organismo de Ação Social da CNBB.

 

2003 • Realização do Primeiro Congresso Nacional da Pastoral da Criança.

 

2004 • Fundação da Pastoral da Pessoa Idosa.

 

2007 • Segundo Congresso Nacional da Pastoral da Criança.

 

2008 • Fundação da Pastoral da Criança Internacional, com sede no Uruguai.

 

2010 • Falece na cidade de Porto Príncipe – Haiti.

 

Dra. Zilda Arns Neumann recebeu o título de Cidadã Honorária de 11 estados e 37 municípios brasileiros. Recebeu ainda 19 prêmios, nacionais e internacionais, e dezenas de homenagens pelo trabalho realizado na Pastoral da Criança.

 

“Quando vejo, depois de anos de intenso trabalho, como a Pastoral da Criança se expandiu, como formou uma rede de solidariedade, como formou uma verdadeira família, acredito sempre mais no amor de Deus por nós, em sua sabedoria e graça ao conduzir tão bem a Pastoral da Criança!”

(Dra. Zilda Arns Neumann)

 

Missa em memória da Dra. Zilda Arns Neumann

Informamos que em diversas comunidades do Brasil serão rezadas missas em memória aos 3 anos de falecimento da Dra. Zilda Arns Neumann.

 

pastoraldacrianca.

Multidão inunda centro de Caracas em solidariedade a Hugo Chávez

Milhares de simpatizantes chavistas se uniram a autoridades venezuelanas e internacionais para apoiar Hugo Chávez (Imagem: VTV)

Uma “maré vermelha”, nas palavras de jornais opositores ao governo venezuelano, ocupam nessa quinta (10) as redondezas do Palácio de Miraflores, no centro de Caracas, para engrossar o ato internacional de solidariedade a Hugo Chávez no dia em que, se não estivesse doente, iniciaria oficialmente seu quarto mandato constitucional como presidente do país. A cerimônia simbólica de posse é liderada pelo vice-presidente Nicolás Maduro, que após setença do Tribunal Supremo de Justiça (STJ) venezuelano assumiu as funções temporárias de chefe de Estado.

O canal de tevê estatal Telesur transmite o evento ao vivo. Ao lado de Maduro, à primeira fila, se posicionaram os presidentes latino-americanos que se deslocaram até Caracas para brindar apoio pessoal a Chávez: Daniel Ortega, da Nicarágua, Evo Morales, da Bolívia, e José Mujica, do Uruguai, que na ocasião também representa o Mercosul. O ex-presidente paraguaio, Fernando Lugo, destituído em junho por um impeachment relâmpago, também marcou presença.

Um a um, líderes políticos e representantes de governos amigos discursaram para a população que se deslocou até o centro da cidade para expressar seu apoio ao presidente venezuelano. O líder bolivariano se recupera de uma cirurgia em Havana – a quarta desde que foi diagnosticado com câncer. “Chávez representa a luta anti-imperialista dos povos do mundo”, bradou Evo Morales. “Fidel Castro começou sozinho, então veio Chávez para liderar com ele essa luta.” Além do povo, setores das forças armadas também se fizeram presentes na manifestação, inclusive com caças.

Como havia garantido ontem o governador do estado de Miranda, Henrique Capriles, a oposição se absteve de medir forças nas ruas com os chavistas. No entanto, a Mesa de Unidade Democrática (MUD), que agrega siglas políticas contrárias a Chávez, já convocaram para o próximo dia 23 manifestação na qual pretendem demonstrar “massivamente” seu rechaço à sentença judicial que permitiu ao presidente ausentar-se indefinidamente do governo para tratar de sua saúde.

“Essa decisão se dá num país paralisado, onde todos os dias os cidadãos protestam por seus direitos básicos”, defende o documento da oposição. “A atual situação cria incertezas sobre quem está governando a Venezuela.” Os líderes da MUD dizem que continuarão comprometidos na defesa de seus direitos e pelo respeito à Constituição. “Convocamos o povo a que se incorpore a esta luta cívica, pacífica e democrática.”

: Tadeu Breda, da Rede Brasil Atual