Arquivo da tag: socorrida

Mulher é socorrida com faca cravada na perna após incidente em Guarabira

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) socorreu na noite desta quinta-feira (12), uma mulher de 32 anos com uma faca cravada na perna direita após ser vítima de um incidente.

De acordo com as informações por volta das 18:00h no centro de Guarabira mulher e ferida com faca que seria instrumento de trabalho do esposo dela. Ele relatou que tinha saído do trabalho com a faca no bolso e sem proteção.

Testemunhas relataram que viram quando a mulher subiu na moto e ao sofrer a perfuração foi caindo ao solo.

Ela saia do trabalho quando sofreu o incidente.

A moradora do Bairro do Nordeste, recebeu os primeiros atendimentos no local e em seguida foi encaminhada para o Hospital Regional, onde iria ser submetida à retirada da arma branca.

Ela estava consciente, mas assustada diante da cena. O esposo foi convidado a comparecer à Delegacia de Polícia para esclarecimentos.

 

ROTA DA NOTÍCIA

 

 

Laudo confirma que criança socorrida com desnutrição e lesões foi torturada, na PB

O laudo finalizado pelo Núcleo de Medicina e Odontologia Legal (Numol) confirmou que o menino de 7 anos, vítima de maus tratos na cidade de Boqueirão, na Paraíba, foi torturado. De acordo com o chefe do Numol, Márcio Leandro, o prolongamento das agressões caracteriza a tortura.

A criança deu entrada no Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande, em estado de desnutrição e com ferimentos no dia 10 de julho, à noite. De acordo com a Polícia Civil, a criança estaria sofrendo maus-tratos praticados pela mãe, em Boqueirão, Cariri da Paraíba. O padrasto da criança também está sendo investigado

Conforme o laudo do Numol, já entregue à Polícia Civil, existem lesões abertas e cicatrizadas, comprovando que a criança foi agredida por um longo período de tempo. Conforme explica Márcio Leandro, no momento do exame o menino estava muito debilitado, desnutrido e com um quadro de anemia profunda.

“Tinha lesões por todo corpo, nas costas e lesões nos glúteos, o que indica que ele passou bastante tempo imóvel, imobilizado, por estar acorrentado. As agressões foram tão prolongadas que se tornou tortura”, explica o chefe do Numol.

A criança deve passar por cirurgias plásticas após tratamento dos ferimentos no Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande. Segundo informações repassadas pela unidade de saúde, o menino tem um ferimento tão grave na cabeça que vai precisar passar por uma cirurgia plástica para reconstituir o tecido lesionado. O diretor-técnico do hospital Gilney Porto, explicou que é preciso primeiro esperar a cicatrização dos ferimentos.

De acordo com Márcio Leandro, uma reavaliação precisa ser feita na criança para que sejam identificados os graus das lesões que devem permanecer no menino. No entanto, isso só vai acontecer após a cirurgia.

O menino de 7 anos permanece internado no Hospital de Trauma de Campina Grande, com estado de saúde considerado estável. Ainda não há previsão de receber alta médica.

Suspeitos ouvidos

A mãe e o padrasto da criança foram ouvidos pelo delegado Iasley Almeida, responsável pelo caso, e após depoimento, foram liberados. De acordo com o delegado, não havia situação de flagrante e por isso os suspeitos foram liberados. A polícia segue colhendo provas materiais e testemunhais sobre o caso.

O Conselho Tutelar informou à polícia ter recebido denúncias de que havia uma criança em estado de desnutrição e com ferimentos, devido a maus-tratos praticados pela própria mãe, como queimaduras com vela e acorrentada pelos pés. O problema foi percebido por professores e pela diretora da escola onde a criança estuda, depois que o menino chegou muito magro e sem forças para se manter em pé.

Iasley Almeida explicou que os indícios apontam que a mãe do menino estava tentando matá-lo mediante tortura. “A criança que veio morar com a mãe nos últimos dois meses estava sendo acorrentada pelos pés, sofrendo queimaduras, agredida com fios. Mostrando que estava sendo torturada psicologicamente. Não sendo alimentada. Tudo isso nos mostra que a mãe tinha a intenção de matar a criança mediante tortura”, contou Iasley Almeida.

G1

 

Mulher é agredida a pauladas e socorrida pela polícia, em Solânea

sireneUma mulher de 48 anos foi agredida a pauladas por um homem e por pouco não morreu. Ela foi socorrida por policiais que haviam sido chamados por populares. A polícia não informou se o agressor era companheiro da vítima.

Por voltas das 21h30, a guarnição foi informada pelo Copom, que segundo informações, um indivíduo conhecido como Oliveira estava armado de faca, e agredindo uma mulher a paulada. Ao chegar ao local, os policias, encontraram a mulher bastante machucada e com um hematoma na cabeça.

Os policiais compareceram ao local e constataram a veracidade do fato e conduziram o acusado, à Delegacia de Solânea, para as providências cabíveis. A vítima foi socorrida pelo Samu para o hospital local.

Focando a Notícia

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Jovem é baleada por comparsas após assalto na PB e é socorrida pela PM

(Foto: Reprodução / TV Cabo Branco)
(Foto: Reprodução / TV Cabo Branco)

Uma jovem de 18 anos suspeita de participar de um assalto foi encontrada baleada na zona rural de Lagoa de Dentro, no Agreste paraibano, na madrugada desta quarta-feira (11). Segundo informações repassadas pela vítima à Polícia Militar, ela foi baleada por comparsas e abandonada com uma motocicleta após o grupo assaltar um posto de combustíveis na cidade de Pedro Régis, no Litoral Norte da Paraíba.

Ainda de acordo com a Polícia Militar, a jovem foi socorrida e encaminhada para o Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa. Ela deu entrada na unidade de saúde por volta das 3h40 (horário local), com dois ferimentos causados por arma de fogo, na perna e no tórax.

De acordo com o hospital, a jovem passou por procedimentos médicos de emergência e até as 8h (horário local) seguia internada em estado considerado regular.

A Polícia Militar informou que, a princípio, está descartada a hipótese da jovem ter sido baleada em uma reação das vítimas ao assalto do qual ela é suspeita de ter participado. A jovem, que segue internada sob custódia, tem antecedentes criminais e envolvimento com o tráfico de drogas, segundo a polícia.

G1 PB

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

Mulher de ex-vereador é atropelada por motoqueiro em Serraria e é socorrida para Hospital de Trauma

MotociclistaUm acidente foi registrado na noite deste sábado (05) na cidade de Serraria. Um motoqueiro que trafegava pela Avenida Duarte Lima,atropelou dona Severina Pereira, viúva do ex-vereador Jurandir Pereira e mãe do ex-vereador Adriano Pereira, quando ela atravessava a rua em direção a sua residência.
O impacto foi bastante forte que derrubou a vítima no chão. Ela foi socorrida pela ambulância do Samu, para o Hospital de Trauma de João Pessoa. Segundo informações repassadas a nossa redação, dona Severina sangrava muito pelo nariz e boca.

O acidente deixou familiares e amigos da vítima preocupados devido a pancada ter sido forte. Por ela ser uma anciã, o estado de saúde inspira mais cuidados.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

Balbino Silva
MÍDIA PARAÍBA

Criança é atingida por bala perdida e socorrida para Hospital de Trauma, em João pessoa

traumaUma criança, com aproximadamente 10 anos, foi atingida por uma bala perdida na tarde deste sábado no bairro de Mandacaru, em João Pessoa. A vítima foi levada para o Hospital de Emergência e Trauma.

De acordo com o sargento Cardoso da Unidade de Polícia Solidária do bairro, os próprios moradores socorreram a criança para a unidade hospitalar. Segundo ele, a Polícia Militar não foi comunicada, vindo a saber do crime através do Hospital de Trauma. O Serviço de Atendimento Médico de Urgência também não foi acionado.

O sargento informou que uma guarnição esteve no local cerca de meia hora após o crime e testemunhas, que não quiseram ser identificadas, disseram que a criança foi vítima de bala perdida.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

A polícia fez diligência no local e um adolescente chegou a ser apreendido com uma arma, mas segundo o sargento, o menor não tem ligação com o crime.

O Portal Correio tentou, sem sucesso, conseguir informações com o Trauma sobre o estado de saúde da criança.

 

portalcorreio