Arquivo da tag: sítio

Bebê é encontrado morto dentro de panela de pressão em um sítio na Paraíba

A Polícia Civil investiga a morte misteriosa de um recém-nascido, cujo o corpo foi encontrado dentro de uma panela de pressão. O caso aconteceu na manhã desta segunda-feira (2) no sítio Tabuleiros, zona rural da cidade de Pedra Branca (PB).

Algumas pessoas que residem na região encontraram o corpo do bebê, do sexo masculino, dentro da panela. A própria mãe da criança é suspeita ter causado a morte do menino. Moradores relataram que a mulher, após ter dado a luz, teria feito isso com a criança por não querer criá-la.

O corpo do já foi removido do local e encaminhado para a realização da perícia. A genitora encontra-se no hospital.

 

Catolé Agora

 

 

Empresário morre em emboscada em sítio, na PB

Um empresário de Piancó, Sertão da Paraíba, foi morto a tiros em uma emboscada na noite de sexta-feira (17), de acordo com a Polícia Militar do município. O crime aconteceu na zona rural e os suspeitos estavam encapuzados.

De acordo com a Polícia Militar, o empresário Geraldo Erismar Leite, de 53 anos, estava saindo de um sítio quando foi abordado por suspeitos encapuzados e morto a tiros.

As testemunhas na área ouviram os disparos mas não deram mais informações sobre o crime. A Polícia Civil da região irá investigar o crime.

G1

 

Morre Zé dos Montes, aposentado que construiu castelo por 36 anos em Sítio Novo, no Agreste do RN

Morreu na segunda-feira (6) o aposentado José Antônio Barreto, ou simplesmente Zé dos Montes, aos 88 anos. Criador do Castelo Zé dos Montes, um dos monumentos mais famosos do Rio Grande do Norte, localizado em Sítio Novo, o sargento aposentado do Exército foi sepultado na manhã desta terça-feira (7) em Natal.

A cerimônia modesta e silenciosa foi restrita a alguns familiares por causa dos protocolos de contenção da Covid-19, contrastando com o legado deixado por Zé. O aposentado teve uma morte natural e descansou após ter enfrentado dois AVCs, problemas cardíacos e falência respiratória ao longo dos 88 anos de muita história.

Zé seguiu carreira militar até a aposentadoria na década de 1980, quando passou a se dedicar exclusivamente a construção do castelo. Nascido em São José de Mipibu, na Região Metropolitana de Natal, Zé se criou em Pedro Avelino e também morou em Natal, mas foi em Sitio Novo que o sargento reformado firmou sua fortaleza.

Construção começou em 1984 — Foto: Canindé Soares

Construção começou em 1984 — Foto: Canindé Soares

A obra faraônica erguida no meio das serras do Agreste do Rio Grande do Norte começou a ser construída em 1984 após uma visão espiritual, que Zé afirma ter recebido. Nela, uma senhora de vestido azul se revelou ao menino de 8 anos que apanhava lenha em um monte. Nesse momento nasce o projeto pelo qual José Antônio Barreto seria eternizado como Zé dos Montes.

Antes, Zé tentou dar forma a visão celestial em dois bairros de Natal: Igapó e Quintas. Porém, a ideia não prosperou porque ele sentiu que os lugares não eram apropriados para o castelo. Depois de muita peregrinação, Zé chega a Sítio Novo e encontra na Serra de Tapuia o terreno ideal para o castelo, cujo projeto estava todo desenhado na cabeça depois de 13 visões com a mulher de vestido azul.

Desafiando engenheiros e arquitetos, Zé iniciou a construção da sede do seu “reinado” – que tem mais de 100 compartimentos – sem nenhum projeto no papel. “Foi tudo da cabeça dele”, dizem familiares. O militar-engenheiro-profeta se dedicou a construção até os últimos anos de vida. Foram 36 anos de obras do monumento que ainda não tem data para acabar.

Zé dos Montes tinha 88 anos — Foto: Arquivo familiar/Cedida

Zé dos Montes tinha 88 anos — Foto: Arquivo familiar/Cedida

A finalização do “reinado” ficará por conta do filho de Zé, o empresário Joseildo Gomes. “O castelo tem algumas coisas para reparar e outras para construir. Ele é tão grande que nem eu sei direito quantos compartimentos tem, mas vou fazer de tudo para continuar a missão do meu pai. Vou dar meu sangue para que a história dele não seja apagada e para que todos conheçam a pessoa que ele foi e o legado dele”, conta.

Joseildo trabalha como guia do castelo, que colocou a cidade de Sítio Novo na rota turística do RN. “A ideia do meu pai era fazer o castelo por causa da visão e não que ele virasse um ponto turístico, mas isso inevitavelmente aconteceu. O castelo chamava atenção do povo e ele começou a cobrar ingresso, justamente pra ver se as pessoas paravam de vir. No entanto, aconteceu o contrário”, diz Joseildo.

Joseildo no aniversário de 87 anos do pai Zé dos Montes — Foto: Arquivo familiar/Cedida

Joseildo no aniversário de 87 anos do pai Zé dos Montes — Foto: Arquivo familiar/Cedida

O filho de Zé dos Montes foi adotado quando tinha 4 anos e acompanhou toda a trajetória do pai pela realização do sonho do castelo. “Ele construiu uma história linda. Me criou, não deixou faltar nada. Quando tentavam me menosprezar por ser filho adotivo, ele repreendia. Sempre me senti muito acolhido e abraçado por ele. Era um afeto sem tamanho”, lembra o herdeiro do castelo.

O Castelo de Zé dos Montes está fechado para visitações por causa do novo coronavírus. As visitações estão suspensas e serão retomadas nas próximas semanas, a depender do comportamento da pandemia. O monumento fica em uma serra entre os municípios de Sítio Novo e Tangará, a cerca de 100 quilômetros de Natal.

G1

MPF pede que TRF-4 anule condenação de Lula no processo do sítio de Atibaia

O Ministério Público Federal do Rio Grande do Sul solicitou nesta quarta-feira (23) que o Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) anule a condenação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no caso do sítio em Atibaia. No processo, Lula foi sentenciado a 12 anos e 11 meses de prisão pela primeira instância da Justiça.

O procurador Mauricio Gotardo Gerum pede que a ação volte para a fase de alegações finais (última etapa de manifestações no processo) e cita a decisão do STF que definiu que réus delatados devem fazer as suas alegações finais depois dos réus delatores.

Em agosto, a Segunda Turma do STF anulou a condenação do ex-presidente da Petrobras Aldemir Bendine com base nesse argumento.

Para Gerum, é necessário anular a sentença de Lula “tanto para salvaguardar a coerência do sistema jurídico quanto para evitar futuras alegações de nulidade que certamente conduzirão a um grande prejuízo em termos processuais”.

A decisão cabe ao desembargador João Pedro Gebran Neto, relator da Lava Jato no TRF-4.

Antes mesmo da manifestação do MPF, Gebran já havia marcado o julgamento do caso do sítio para o próximo dia 30 de outubro. Na ocasião, será analisado um recurso da defesa de Lula que pede que o processo retorne para a primeira instância, também com base no entendimento do STF sobre as alegações finais de réus delatores e delatados.

Caso o TRF-4 anule a sentença, na semana que vem, o processo voltará à primeira instância da Justiça para nova decisão do juiz.

Julgamento não foi concluído

O julgamento do STF, que definirá em quais situações pode haver anulação de sentenças de processos em que há réus delatores e delatados, foi adiado no início deste mês. Não há nova data para apreciação do tema.

Os ministros já haviam decidido, por 7 votos a 4, que as alegações finais de réus delatores têm de ser apresentadas antes das alegações dos réus delatados, a fim de se assegurar o amplo direito de defesa.

Primeira condenação

A sentença do sítio de Atibaia é a segunda condenação de Lula na Lava Jato. O ex-presidente cumpre pena na Polícia Federal de Curitiba por corrupção e lavagem de dinheiro no caso triplex do Guarujá (SP), desde abril do ano passado.

Em abril deste ano, o Superior Tribunal de Justiça (STJ) manteve condenação e reduziu pena para 8 anos e 10 meses, em decisão unânime.

Antes disso, o recurso em segunda instância havia sido negado no TRF-4, que aumentou a pena da primeira instância, de 9 anos e 6 meses, para 12 anos e 1 mês.

A prisão do ex-presidente ocorreu após o esgotamento dos recursos no TRF-4. O andamento do processo tramitou durante cinco meses na segunda instância, até a decisão.

Denúncia do sítio de Atibaia

De acordo com o Ministério Público Federal, Lula recebeu propina do Grupo Schain, de José Carlos Bumlai, e das empreiteiras OAS a Odebrecht por meio da reforma e decoração no sítio Santa Bárbara, em Atibaia (SP), que o ex-presidente frequentava com a família. Outras 12 pessoas foram denunciadas no processo.

A acusação trata do pagamento de propina de pelo menos R$ 128 milhões pela Odebrecht e de outros R$ 27 milhões por parte da OAS.

Para os procuradores, parte desse dinheiro foi usada para adequar o sítio às necessidades de Lula. Segundo a denúncia, as melhorias na propriedade totalizaram R$ 1,02 milhão.

O MPF afirma que a Odebrecht e a OAS custearam R$ 850 mil em reformas na propriedade. Já Bumlai fez o repasse de propina ao ex-presidente no valor de R$ 150 mil, ainda conforme o MPF.

Segundo o MPF, Lula ajudou as empreiteiras ao manter nos cargos os ex-executivos da Petrobras Renato Duque, Paulo Roberto Costa, Jorge Zelada, Nestor Cerveró e Pedro Barusco, que comandaram boa parte dos esquemas fraudulentos entre empreiteiras e a estatal, descobertos pela Lava Jato.

Foto: Hélvio Romero/Estadão Conteúdo

G1

 

Polícia Militar apreende explosivos em sítio

Um material explosivo foi encontrado no Sítio Camurim, na zona rural do município de Mogeiro, na manhã dessa quarta-feira (31). Ao todo, havia seis bananas de dinamite dentro de uma sacola plástica.

A suspeita é de que o material tenha sido destinado às explosões de agências bancárias e dos correios ocorridas durante a madrugada na cidade.

De acordo com informações da Polícia Militar, eram 10h30 quando  o núcleo de inteligência localizou o material. Além da dinamite, foram encontradas cápsulas de calibre 9mm e calibre 12.

A hipótese da PM é de que, após os crimes, os suspeitos fugiram para o sítio.O material apreendido foi conduzido a delegacia de Mogeiro para as devidas providencias.

 

MaisPB

Bandidos assaltam moradores do Sítio Lagoa do Mato, em Solânea

sireneDois bandidos abordaram moradores do Sítio Lagoa do Mato, em Solânea, e roubaram R$ 1.600. Foram duas as vítimas, uma de 44 anos e outra de 77. Do primeiro foi levado a quantia de R$ 300 e da segunda, R$ 1.300.

Por volta das 09h30 a Polícia Militar foi acionada por um popular, que relatou que após o crime os indivíduos fugiram e tomaram destino ignorado.

Compareceram ao local as viaturas 6932, 6886 e 6471, todas coordenadas pelo 1º sargento Edimilson, que efetuaram rondas por toda aquela localidade, porém sem êxito.

Focando a Notícia

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

Homem é encontrado morto no sítio Boca de Tanque, em Arara

imlA Polícia Militar encontrou o corpo do pedreiro Josinaldo Celestino Xavier, de 37 anos, no sítio Boca de Tanque, município de Arara, nessa terça-feira (30).

O homem foi encontrado morto por volta das 15h30, após a polícia Polícia ser acionada por populares, que na ocasião informaram que havia sido encontrado o corpo de um homem na localidade.

Compareceu ao local a guarnição na viatura 6192, que constatou a veracidade das informações e isolou o local até a chegada da perícia.

Segundo informações repassadas pelo pai do pedreiro, o mesmo apresentava problemas de saúde. O corpo foi removido para Gemol.

Focando a Notícia

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Enxame de abelhas ataca moradores de um sítio em Pirpirituba-PB

abelhasAs informações chegadas através da Polícia Militar, são de que pessoas foram atacadas por um enxame de abelhas. O local do incidente é no Sítio Suspiro, zona rural de Pirpirituba.

Ainda segundo informações, há pessoas passando mal, e entrando em convulsão. Equipes de resgates dos bombeiros e Samu estão indo  ao local fazer os primeiros atendimentos.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

O Sítio Suspiro fica nas proximidades do engenho da Cachaça de Dill.

As vítimas dos ataques das abelhas foram; um mototaxista e uma senhora. Ela estaria tendo convulsões.

Picadas de abelhas podem levar a morte

Com a chegada das altas temperaturas, acidentes com abelhas tendem a ser mais comuns. “O ataque é um mecanismo de defesa do inseto, pois ajuda a proteger o restante da colmeia, afugentando possíveis predadores do raio de localização da colônia”

Dentro das casas e quintais, os locais mais comuns para a instalação de colmeias são os beirais de edificações, postes de iluminação pública, ocos de troncos de árvores, fendas em muros e paredes. Os acidentes também podem ocorrer durante o processo de migração da colônia, quando as abelhas se aglomeram em enxames para procurar outro local para estabelecer a colmeia.

Quando o acidente ocorre com poucas picadas, o quadro clínico pode variar de uma inflamação local até uma forte reação alérgica (choque anafilático). Já no de caso de múltiplas picadas pode ocorrer uma manifestação tóxica mais grave e, às vezes, ser até mesmo fatal.

 

 

portalmidia

Paulista preso tinha plantação de maconha em sítio no sertão da Paraíba

Divulgação/ PM
Divulgação/ PM

Mais de 200 pés de maconha, quase 3kg da droga pronta para consumo, duas espingardas e vários quilos de sementes do entorpecente para serem cultivadas foram apreendidos na manhã desta sexta-feira (26) na cidade de Juru, no Sertão paraibano, durante uma operação. A ação contou com cerca de dez policiais da Ronda Ostensiva Tática com Apoio de Motocicletas (Rotam) da 5ª Companhia Independente da Polícia Militar e da Polícia Civil de Princesa Isabel, que chegaram até o sítio de Antônio Burgos de Campos, de 45 anos.

Ele é natural da cidade de São Paulo, onde já responde por latrocínio e tráfico de drogas. Antônio Burgo, como é conhecido na região, vinha sendo monitorado pelos policiais que receberam denúncias sobre o cultivo da droga. O entorpecente foi encontrado em um sítio.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

De acordo com o tenente Fábio Cassiano, que comandou a operação, o suspeito não quis revelar para onde a droga seria fornecida. “Ele alegou que era pra consumo próprio, mas a Polícia Civil vai investigar o destino das drogas cultivadas por ele. Encontramos também vários quilos de sementes, o que mostra que a plantação seria renovada e conseguimos desarticular esse local de cultivo.”, detalhou.

O suspeito foi autuado por tráfico de drogas e porte ilegal de armas na Delegacia da Polícia Civil, em Princesa Isabel. Ele deve ser encaminhado ainda nesta sexta-feira para a cadeia Pública no município.

 

Portal Correio

Criança morre afogada dentro de cisterna em sítio no município de Queimadas

sireneUma criança com três anos de idade morreu vítima de afogamento na noite de quinta-feira (8), na zona rural de Queimadas, Agreste paraibano. De acordo com o Centro Integrado de Operações Policiais (CIOP), o menino estaria brincando próximo a uma cisterna quando caiu dentro do reservatório.

O acidente aconteceu por volta das 18h no sítio Torrões. Segundo a polícia, o garoto foi retirado da cisterna por moradores. A Polícia Militar e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) de Queimadas foram acionados, mas não houve atendimento à vítima. O menino morreu no local.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

O corpo dele foi removido para perícia no Núcleo de Medicina e Odontologia Legal (Numol) de Campina Grande e já foi liberado na manhã desta sexta-feira (9).

 

G1 PB