Arquivo da tag: Semana

Sem acordo, Senado só deve votar reforma da Previdência em Plenário na próxima semana

O esforço do presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), para antecipar o calendário de votação da reforma da Previdência em Plenário não teve o apoio de todos os líderes da Casa. Com isso, as discussões que poderiam ser iniciadas nesta quarta-feira (11) só devem ocorrer na semana que vem, após o prazo regimental de cinco sessões de discussão. A previsão é que a votação seja concluída até 10 de outubro.

A inserção dos estados e municípios, que inicialmente ficariam de fora da reforma, é um tema que, na avaliação dos senadores, deve ser discutido sem pressa. Nesta terça-feira (10), o Senado debateu o assunto em uma sessão temática.

“De maneira coletiva, estamos dando a oportunidade para reconstrução desse país que todos nós defendemos diariamente. A gente sabe que uma reforma da Previdência, que mexe com a vida das pessoas, não é um debate fácil. Estamos votando essa matéria, que há muitos anos é debatida no Brasil, votando por conta da nossa responsabilidade”, afirmou Alcolumbre na sessão.

Em dez anos, a reforma deve gerar uma economia de R$ 1,2 trilhão aos cofres públicos, de acordo com dados do governo federal. O Regime Geral de Previdência Social (RGPS) seria responsável por economizar cerca de R$ 810 bilhões no período.

Para o senador Marcelo Castro (MDB-PI), o modelo de aposentadorias que dá privilégios a poucos brasileiros demonstra a urgência na aprovação da reforma. “Eu não tenho a menor dúvida de que é uma reforma imprescindível, indispensável, improrrogável. O Brasil precisa dela e nós, do Congresso Nacional, devemos isso à sociedade brasileira, sobretudo no aspecto de que penaliza os mais pobres. A população de uma maneira geral não sabe, mas é essa parcela que vive em maior dificuldade que paga as maiores aposentadorias do Brasil”, criticou o parlamentar.

De acordo com dados do Tesouro Nacional, o rombo da Previdência ultrapassou os R$ 100 bilhões no ano passado. O número é 8% maior que o contabilizado em 2017, quando o déficit atingiu R$ 93,4 bilhões.

“Os números mostram que o Brasil precisa reformar seu sistema previdenciário. Esse sistema não se sustenta matematicamente. Então, primeiro é uma etapa de construção, de um resgate fiscal do Brasil, mas esse é apenas o primeiro passo. A expectativa é de ter o trâmite o mais rápido possível, no limite do regimento. Então, acredito que no início de outubro já vamos ter tudo finalizado”, considera o senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE).

PEC paralela

O Senado Federal tem avançado com a chamada PEC paralela para inserir estados e municípios na reforma, trecho que ficou de fora do texto aprovado na Câmara. A ideia dos senadores é que o texto alternativo substitua as alterações que seriam feitas na redação original da PEC 06/2019, o que evitaria atraso na tramitação e uma nova rodada de análise por parte dos deputados.

Além da inserção dos entes federados, a PEC paralela prevê também a garantia de que a pensão por morte não seja inferior a um salário mínimo e que o percentual acrescido à pensão, por dependentes menores de idade, seja ampliado para 20%. Para ser aprovada, a matéria precisa do apoio de, pelo menos, 27 dos 81 senadores.

PB Agora

 

 

Tambaba sedia Aberto de Surf e Encontro de Naturismo no final de semana

A praia de Tambaba, conhecida nacionalmente pela prática do naturismo, vai sediar neste final de semana (dias 7 e 8) dois importantes eventos: a 12ª Tambaba Open de Surf Naturista e o VIII Encontro Norte-Nordeste de Naturismo (ENNN). A expectativa dos organizadores é da participação de um grande número de naturistas, surfistas e visitantes. Idealizado durante o 31º Congresso Internacional de Naturismo, em 2008, o Open de Surf tem a finalidade de promover a filosofia naturista por meio desse esporte, que representa muito bem o conceito de liberdade, harmonia com a natureza e respeito mútuo, características presentes no naturismo.

O campeonato é homologado pela Federação Paraibana de Surf e serão disputadas três categorias: Iniciante – Categoria destinada aos iniciantes, sem limite de idade e que esteja devidamente habilitado pela Comissão de Credenciamento. Local – Categoria destinada aos residentes ou frequentadores da praia de Tambaba, sem limite de idade e que esteja devidamente habilitado pela Comissão de Credenciamento; e a Open – Categoria aberta e sem limite de idade. As inscrições devem ser efetuadas na secretaria do evento, que será  instalada na Praia de Tambaba, nos dias 07 e 08,  das 9h às 11h e custarão R$ 30,00  por categoria.

Premiação – Os campeões de cada uma das categorias receberão pranchas, troféus e brindes, enquanto que as demais colocações serão premiadas com troféus e brindes. O participante tem ciência que a competição transcorrerá em área naturista e que deverá cumprir as normas naturistas e as regras do campeonato.  O Campeonato é organizado pelo Movimento NU, Sociedade Naturista de Tambaba e o Território Macuxí e conta com o apoio da PBTur, Prefeitura de Conde, Sebrae, FBrN/INF, Naturistas do Interior Paulista – NIP, Plume Comunicação Visual, Tekinn, Arca de Bilú Pousada e Restaurante, Tambaba Camping, FPbS, ASCC, Pranchas WM, Surf Rasta, Cut Back, R3 Surf, Loja do Motociclista, Supermercado Novo Mundo,  3Corações, Açaí Arachá e Tasco.

COMPETIÇÃO

Sábado, 07/09 – Setor Naturista

12h00 – Abertura/Congresso técnico.
13h00 – Categoria Iniciante (classificatórias).
14h00 – Categoria Local (classificatórias).

Domingo, 08/09 – Setor Naturista

12h – Categoria Iniciante( Final).
13h – Categoria Local ( Final).
14h – Categoria Open ( Classificatórias e Final).
15h – Premiação dos vencedores.

EVENTO CULTURAL

Sábado: 08/09
21h – Show Congraçamento – Bar e Restaurante A Arca de Bilú – Tambaba.

Informações:
Geilson Silva (G)
Comissão de Credenciamento/Técnica
(83) 9.8754-1240

Carlos Santiago
Coordenação Geral:
E-mail: movimento.nu@gmail.com

Organização:
Movimento NU
Sonata
Território Macuxí

Secom PB

 

 

Bebês que choram mais de 3 horas por dia por, pelo menos, três dias a cada semana podem sofrer com cólicas

Saiba como aliviar este incômodo do recém-nascido

As bebês geralmente começam por volta do 15º dia de vida e podem perdurar por até 3 meses de idade.  Ela é causada simplesmente pela imaturidade do intestino, mas sem uma fisiopatologia específica. O trato intestinal do bebê ainda está se formando, por isso faz movimentos descoordenados que provocam a dor. Outro fator é a presença de ar no sistema digestivo. A pega incorreta na hora de mamar pode fazer com que o bebê acabe engolindo ar, que pode ser eliminado na forma de arroto ou se transformar em gases, fazendo pressão no intestino e dando origem às cólicas. Isso também pode acontecer com o uso da chupeta.

Nessas horas, é comum as mamães de primeira viagem ligarem para as vovós para saber o que fazer atrás de uma “receitinha caseira”, entre elas o famoso chazinho de camomila e erva-doce. E foi pensando nessa receita da vovó que a Algoducci criou a “Bolsinha Térmica com Sementes Terapêuticas” que contém erva-doce, camomila, linhaça e capim-santo para dar um cheirinho especial.

Além de ser recomendável para amenizar o desconforto tanto das cólicas quanto dos gases dos bebês, a bolsinha também é indicada para cólicas menstruais, informa a empresária Regina Villanueva, idealizadora da marca. Quanto a forma de utilização Regina explica: “A bolsinha deve ser aquecida no micro-ondas em média 30 a 40 segundos, mas é aconselhável que a mãe teste a temperatura antes de colocar na barriguinha do bebê, por cima da roupinha, até que os sintomas passem”.

Se a crise de cólica é rotineira no seu dia a dia, enquanto o choro parece que nunca vai terminar, a ocorrência desses incômodos abdominais pode estar relacionada com o local no qual vocês vivem. Um estudo publicado no portal Journal of Pediatrics, feito a partir da análise de 28 pesquisas com dados de 8.700 crianças de diferentes nacionalidades, buscou analisar e comparar a ocorrência de cólicas em bebês de até três meses em diferentes regiões do mundo.

Para realizar o estudo, foi considerado que crianças que choram mais de 3 horas por dia por, pelo menos, três dias a cada semana, são as que mais padecem. E, adivinhe só: os ingleses, canadenses e italianos são os que mais choram de dores abdominais. Já os bebês dinamarqueses, alemães e japoneses são os menos acometidos por esse mal-estar.

Muitas são as dúvidas e inseguranças quanto aos motivos do choro do bebê, que servem de alerta para as mães. E para falar sobre esse assunto, consultamos a pediatra Dra. Loretta Campos, que esclarece: “As cólicas podem ser identificadas quando o bebê chora com intensidade, encolhe as perninhas e arqueia as costas para trás, estica-se e se espreme, além de soltar puns. Normalmente a cólica ataca no final da tarde e à noite, mas em casos mais difíceis o bebê chora a qualquer hora do dia. Pode ficar difícil dar de mamar para o bebê quando ele está tão desconfortável, algumas vezes a cólica pode aparecer durante a amamentação”, explica a médica.

Os pesquisadores dizem não haver nenhuma explicação, já que as variáveis durante a análise foram muitas. “Isso [a ocorrência da dor abdominal] pode variar conforme as condições econômicas, como a desigualdade social, cuidados parentais e comportamento. No entanto, também pode haver diferenças genéticas populacionais, considerando que as crianças herdam os genes de seus pais”, explicam os cientistas.

 

Algoducci – luxuosa confecção de mantas em tricot italiano e enxovais para casa e bebê, no mercado desde 2012, representa um convite ao bem-estar, às melhores memórias afetivas e à sensibilidade. Evoca estes sentidos através de formas, cores e texturas. A marca é liderada pela arquiteta e urbanista Regina Villanueva, que desde a infância sonhava em unir duas paixões: a arquitetura e os negócios. Cada peça recebe em seu DNA, a exclusividade e a assinatura de um projeto único. Os elementos de cada coleção criam atmosferas leves e aconchegantes, revelando um conceito elegante e sofisticado, sem perder a inocência e a leveza dos detalhes.

Loretta Campos

Pediatra pela Universidade de São Paulo (USP), Consultora Internacional em Aleitamento Materno (IBCLC), Consultora do sono, Educadora Parental pela Discipline Positive Association e membro das Sociedades Goiana e Brasileira de Pediatria. A médica aborda temas sobre aleitamento materno com ênfase na área comportamental da criança e parentalidade positiva.

Assessoria de Comunicação 

Fim de semana: acidentes com moto lideram entradas no Trauma/CG

O Hospital Estadual de Emergência e Trauma Dom Luiz Gonzaga Fernandes, em Campina Grande, atendeu 446 pacientes, durante o último fim de semana (31/08 e 1º/9). O balanço tem como base as entradas realizadas a partir da zero hora do sábado (31) até as primeiras horas desta segunda-feira (2). Os casos envolvendo motos lideraram as entradas nos plantões durante o período.

De acordo com a assessoria de imprensa do hospital, dos 446 atendimentos, 59 foram vítimas de acidentes de moto. Ainda foram registadas vítimas de acidente de automóvel (seis), agressão física (12), projéteis de arma de fogo (quatro) e arma branca (cinco). Os demais atendimentos médicos foram na clinica médica e na pediatria.

De acordo com relatório, o município de Campina Grande registrou 22 acidentes de motos nesse fim de semana, seguido por Barra de Santana (três), Alagoa Nova (três) e São Sebastião de Lagoa de Roça (três).

A unidade de saúde disponibiliza 292 leitos, 340 médicos, sendo 64 em regime de plantão presencial 24 horas. O hospital dispõe de seis salas no bloco cirúrgico. O Trauma é referência para 203 municípios da Paraíba, além de alguns municípios do Rio Grande do Norte, Pernambuco e Ceará.

PB Agora com Secom-PB

 

 

Caminhos do Frio em Alagoa Nova, PB, tem show de Luciene Melo neste fim de semana

A cantora Luciene Melo se apresenta neste sábado (24), na rota cultural Caminhos do Frio, em Alagoa Nova, no Brejo paraibano. A programação do evento ainda conta com passeios, feiras e outros shows.

No sábado (24), acontece no Pavilhão Cultural, das 9h às 23h, a exposição “Alagoa Nova no Túnel do Tempo” e uma feira de artesanato. Também no pavilhão, das 18h às 2h, haverá uma feira de gastronomia.

Os shows começam a partir das 21h, na praça 26 de novembro. A primeira atração é a banda Raio de Sol Vip e, em seguida, às 23h, se apresenta a cantora Luciene Melo.

No domingo (25), a exposição “Alagoa Nova no Túnel do Tempo” e a feira de gastronomia e de artesanato continuam, das 6h às 16h. No Centro da cidade, às 6h, haverá saída para trilha ecológica e, às 6h30, para mototrilha; às 8h haverá saída para visitação ao Engenho Vitória.

A programação conta com a II Expo Rural, a partir das 9h30 na Fazenda Maranata. O encerramento do Caminhos do Frio em Alagoa Nova acontece a partir das 14h, no Pavilhão da Cultura.

O Caminhos do Frio já passou por Areia, Pilões, Matinhas, Solânea, Serraria, Bananeiras e Remígio. A próxima cidade é Alagoa Grande, que encerra a rota cultural no dia 1º de setembro.

Trilhas ecológicas fazem parte da programação do 'Caminhos do Frio' em Alagoa Nova, na Paraíba — Foto: Reprodução/TV Paraíba

Trilhas ecológicas fazem parte da programação do ‘Caminhos do Frio’ em Alagoa Nova, na Paraíba — Foto: Reprodução/TV Paraíba

 

G1

 

 

Palestra do Proerd abre a Semana do Estudante da CMB no Distrito do Tabuleiro

A Câmara Municipal de Bananeiras (CMB) tem promovido a Semana do Estudante, uma ação do Projeto Câmara na Escola. O projeto visa integrar o Legislativo e a Escola, promovendo ações educativas e de liberdade de expressão.

O cenário que recepcionou o projeto foi à Escola Municipal Miguel Filgueira Filho, acolhendo de modo especial o Presidente da Casa Odon Bezerra, Kilson Dantas (PSB), servidores da CMB, representante da Afink, o coordenador do Proerd Guarabira, Tenente Coronel Brandão da Policia Militar e demais policiais.

A palestra sobre prevenção às drogas proferida pelo Proerd vem de encontro com o caráter educativo, alertando sobre todos os malefícios que os entorpecentes podem causar no ser humano e ainda no ambiente familiar.

Além de contribuir com palestras educativas, o Câmara na Escola buscará garantir a participação dos alunos no processo de conhecimento do poder legislativo.

Ascom-CMB

 

Bolsonaro diz que vai acabar com radares móveis na semana que vem

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta segunda-feira (12), em Pelotas (RS), que pretende acabar com os radares móveis no país já na semana que vem.

“A partir da semana que vem, não temos mais radares móveis no Brasil”, disse Bolsonaro. A declaração foi dada no evento de liberação de um trecho de 47 km e de duplicação da Rodovia BR-116, no Rio Grande do Sul.

Perguntado sobre como pretende colocar a medida em prática, Bolsonaro disse que “é só determinar à PRF que não use mais”, referindo-se à Polícia Rodoviária que atua nas estradas federais e está sob o comando do Ministério da Justiça e Segurança Pública. Nas demais estradas, os aparelhos estão sob responsabilidade de estados e municípios.

“O radar é decisão minha, Presidente da República. É só determinar a PRF que não use mais e ponto final. Se alguém me provar que esse trabalho é bom, eu posso voltar atrás, mas todas as informações que eu tenho, inclusive dos caminhoneiros que botam na conta final do que você vai comprar no mercado o preço do trajeto que ele faz pra entregar a mercadoria, abusaram do sistema eletrônico de controle de velocidade no Brasil, virou caça-níquel”, afirmou.

Esta não é a primeira vez que Bolsonaro dá uma declaração do tipo. Em maio, ele havia dito que gostaria de acabar com este tipo de fiscalização em rodovias federais.

Também nesta segunda-feira, na cidade de Barra do Ribeiro, Bolsonaro afirmou ter consultado “muita gente” sobre a retirada dos radares móveis de circulação. “Chega de estudiosos e especialistas”, disse.

“E aquele que se excede, a Polícia Rodoviária pode pará-lo, sim, e aplicar a multa que ele merece”, completou, sem detalhar como seria a fiscalização nestes casos.

O presidente também declarou que está “tentando acabar com os radares fixos também”, mas que está “com problema na justiça” – referindo-se ao acordo validado no último dia 30.

Impasse dos radares

Radar na BR-210, instalado pelo Dnit em rodovia do Amapá — Foto: John Pacheco/G1

Radar na BR-210, instalado pelo Dnit em rodovia do Amapá — Foto: John Pacheco/G1

A polêmica com a instalação e manutenção de radares no país começou em abril, quando o Ministério da Infraestrutura suspendeu a instalação de aparelhos que monitorariam 8 mil faixas em rodovias federais não concedidas à iniciativa privada após ordem de Bolsonaro.

Dez dias depois, a juíza Diana Wanderlei, da 5ª Vara Federal em Brasília, determinou que a União não poderia retirar radares eletrônicos, e que deveria renovar contratos com concessionárias para fornecer aparelhos cujos contratos estavam prestes a vencer.

No último dia 30, o governo firmou acordo com o Ministério Público Federal, se comprometendo a instalar 1.140 novos radares em rodovias federais não concedidas à iniciativa privada.

Pesquisa mostra população contrária

Em julho, o Datafolha realizou uma pesquisa para saber sobre propostas do governo federal relacionadas a regras de trânsito. Na época, 67% dos 2.006 entrevistados, ouvidos em 130 municípios brasileiros, disseram ser contra o fim dos radares.

67% dos entrevistados é contra e 30%, a favor do fim dos radares, segundo Datafolha — Foto: Reprodução/Jornal Hoje

67% dos entrevistados é contra e 30%, a favor do fim dos radares, segundo Datafolha — Foto: Reprodução/Jornal Hoje

EUA e Europa defendem eficácia

A fiscalização eletrônica é defendida por entidades internacionais como uma forma de prevenir acidentes.

O Insurance Institute for Highway Safety (IIHS), organização independente financiada pelas seguradoras americanas, apontou em 2014 que a instalação de radares levou a uma mudança de longo prazo no comportamento de motoristas e à “redução substancial” de mortes e ferimentos no condado de Montgomery, próximo a Washington, nos Estados Unidos.

A localidade começou a receber mecanismos de controle de velocidade em 2007 e, em 2014, contava com 56 câmeras fixas, 30 câmeras portáteis e 6 vans de controle. Na área residencial, o limite de velocidade permitido era de 35 mph (56 km/h).

O IIHS analisou o programa durante o seu primeiro ano e constatou que, já nos primeiros 6 meses, houve redução da proporção de motoristas que dirigiam a ao menos mais de 10 mph (16 km/h) acima do limite nas ruas onde as câmeras foram instaladas.

O estudo também comparou os acidentes ocorridos nessas estradas monitoradas com estradas similares nas proximidades de Virgínia que não tinham câmeras. Foi constatado que a probabilidade de morte ou lesão incapacitante nas colisões era 19% menor em Montgomery.

A London School of Economics and Political Science (LSE) obteve resultados parecidos com o do instituto norte-americano.

O universidade britânica analisou cerca de 2,5 mil pontos monitorados na Inglaterra, na Escócia e no País de Gales, baseado em órgãos locais e no Departamento de Transporte (DfT).

Segundo a universidade britânica, de 1992 a 2016, o número de acidentes nesses países caiu em até 39%, enquanto o número de mortes diminuiu até 68% no perímetro de 500 metros dos novos radares de velocidade instalados.

G1

 

Veja previsão do tempo na PB e clima para o fim de semana, 10 e 11 de agosto

A previsão do tempo na Paraíba para este sábado (10) tem variação da temperatura de 15ºC no Cariri e Curimataú, até a máxima de 32ºC no Sertão. No Litoral, as temperaturas oscilam entre 21°C e 29°C, enquanto no Agreste a variação é de 17°C e 25°C. O Brejo tem variação de 17°C a 23°C.

Segundo dados da Agência Executiva de Gestão das Águas (Aesa), no decorrer do sábado, podem ser registradas chuvas ocasionais na faixa litorânea, enquanto que nas demais áreas, o céu deverá variar entre parcialmente nublado a claro.

Litoral tem céu parcialmente nublado, com possibilidade de chuvas ocasionais. Brejo e Agreste têm previsão de céu parcialmente nublado, podendo ocorrer chuvas a qualquer hora. Cariri, Curimataú, Sertão e Alto Sertão têm céu parcialmente nublado.

Em João Pessoa, a previsão para sábado e domingo é de sol e aumento de nuvens de manhã, com pancadas de chuva à tarde. À noite o tempo fica aberto. No sábado, a temperatura varia entre 22°C e 29°C, enquanto no domingo a mínima sobe um pouco, com variações entre 24ºC e 29°C.

Em Campina Grande, a previsão para o sábado é de sol com algumas nuvens, sem chuva. A temperatura oscila entre 19°C e 30°C. No domingo, o tempo é de sol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite o tempo fica aberto. As temperaturas devem ficar 19°C e 27°C.

G1

 

Rota Caminhos do Frio em Solânea, envolveu escolas na Semana Cultural

Programação nas escolas encerrou com a “I Mostra Cultural das Escolas Municipais” que homenageou Jackson do Pandeiro.

Programação da Rota Cultural Caminhos do Frio em Solânea teve atividades culturais e educativas com as escolas do município e encerrou com a “I Mostra Cultural das Escolas Municipais de Solânea” no último sábado (27) que apresentaram o projeto “Nossas Raízes: Vida e Obra de Jackson do Pandeiro”, em comemoração aos 100 anos do Rei do Ritmo, homenageado da Rota Cultural 2019.

Centenas de pessoas entre estudantes, pais, mães, familiares, comunidade e professores estiveram presente na Mostra Cultural que aconteceu no Ginásio da Escola Municipal José Menino de Oliveira sábado (27) a tarde. O diretor de Cultura Tiago Salvador, contou que foi uma das prioridades da coordenação do evento envolver os estudantes em atividades culturais durante a Semana Cultural. “Com o apoio do prefeito Kayser, levamos essas experiências culturais e da nossa identidade para as escolas. Fortalecendo o evento e deixando seus frutos nos jovens e crianças” explicou, ressaltando o grande envolvimento que houve já que as escolas também foram ao teatro assistir as apresentações. Durante a Mostra, o Prefeito Kayser Rocha, parabenizou os estudantes e aos que trabalharam na preparação do evento, através da Secretária de Educação. “Parabéns a todos que fazem a educação do nosso município que fizeram um evento grandioso. Para mim é um privilégio participar junto com vocês e um público tão importante que apoiou o projeto”, disse. Os jovens e crianças apresentaram músicas, poesias, histórias e danças relacionadas à vida e obra de Jackson.

Programação Educativa

Durante a semana a programação nas escolas iniciou na terça-feira quando foram apresentados Teatro de Bonecos com “Geraldo do Babau” nas Escolas Ernestina Pinto, Padre Ibiapina e Sítio Saco dos Campos.  Os estudantes da escola Padre Ibiapina também assistiram a Esquete Teatral “Sarau das Artes” e na escola Sítio Saco dos Campos participaram da esquete “O Cabeça Virada”, ambas apresentadas pela Cia. Fascinart. Houve também “Contação de Histórias” para as crianças do Jardim de Infância Lobinho. Na quinta, ocorreu programação nas creches municipais “Adélia de Araújo” e Padre Geraldo, além da Escola Cidadã Integral Alfredo Pessoa de Lima, onde foi realizado um bate papo cultural.

Assessoria PMS

 

Programa que vai rever Mais Médicos será lançado na próxima semana

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, afirmou, no Rio de Janeiro, que será lançado na próxima semana o programa que vai reestruturar o Mais Médicos.

“A Casa Civil e a Presidência da República deram o OK. Na semana que vem, a gente lança o Médicos pelo Brasil, que é o novo programa que vai rever o programa Mais Médicos”, disse.

Segundo o ministro, o dia do anúncio na próxima semana depende da agenda do presidente Jair Bolsonaro. “Isso também é reforçar a atenção primária. É basicamente direcionado para a atenção primária, praticamente voltado para o que a gente chama de Brasil profundo, as cidades mais vulneráveis”, destacou.

Ele acrescentou que nas cidades do interior é onde, muitas vezes, as campanhas públicas têm “menos apelo”. “É no interior do Brasil que eu tenho mais dificuldades para usar capacete para motocicleta”, exemplificou.

 


Com informações da Agência Brasil
Portal WSCOM