Arquivo da tag: secretário

João nomeia Hervázio secretário de Esportes e Jutay pode voltar à ALPB

A esperada nomeação do deputado Hervázio Bezerra (PSB) para o secretariado do governador João Azevêdo foi publicada no Diário Oficial do Estado do último sábado (30), mas só foi disponibilizada nesta terça-feira (2). O parlamentar foi escolhido para assumir a Secretaria da Juventude, Esporte e Lazer.

Apesar de a articulação pretender contemplar o ex-deputado Lindolfo Pires (Podemos), que ficou na 2ª suplência da coligação, com a convocação de Hervázio, quem deve assumir a Assembleia é o suplente Jutay Meneses (PRB).

No início da legislatura, o socialista perdeu a disputa pela presidência da Assembleia para o deputado Adriano Galdino, também do PSB. À época, Hervázio era tido como o ‘preferido’ do Palácio da Redenção para o posto.

Após o revés, Hervázio deu sinais de que poderia se afastar para tentar retribuir o gesto do colega Lindolfo, que também já havia se licenciado na legislatura passada para lhe contemplar.

Nas eleições de 2018, Hervázio obteve 31.288 votos, e garantiu a eleição para o seu primeiro mandato. Ele já havia exercido o cargo em outras oportunidades após assumir como suplente.

 

portalcorreio

 

 

Secretário anuncia melhorias na iluminação pública de Solânea

 Em entrevista para Rádio Correio da Serra, Secretário de infraesrtutura de Solânea falou sobre investimentos em iluminação pública e ações da pasta.


Cerca de 80% da iluminação pública, na área urbana de Solânea, já foi trocada por lâmpadas de led. Essa mudança, segundo o Secretário de Infraestrutura do município, Marcus Cordeiro, é uma das prioridades do prefeito Kayser Rocha e acarreta em economia de energia para o município, mais qualidade nos serviços prestados à população e agilidade na manutenção do sistema.

Em entrevista hoje (20/03) pela manhã, Marcus falou sobre o trabalho da secretaria e enfatizou as ações nas áreas de iluminação, limpeza urbana, transporte e obras do município. Durante a entrevista, o secretário explicou à população como funciona o trabalho da secretaria e chamou a atenção em relação às notificações feitas aos proprietários das residências, que deixam escoar na via urbana seu esgoto de cozinha e banheiro. “A prefeitura vai e notifica esses moradores. São dados 60 dias para que façam as alterações quanto ao escoamento das suas águas servidas”, contou. Ele disse que além do mal cheiro e sujeira essas águas nas vias urbanas trazem outros constrangimentos para a população como o desgaste do calçamento e que busca a resolução caso a caso.

Investimentos em iluminação beneficiam comunidades

Para o prefeito Kayser Rocha, a meta é que toda a zona urbana seja atendida até o fim deste ano com as trocas de lâmpadas. “É nosso compromisso deixar 100% da área urbana ainda este ano iluminada com lâmpadas Led e seguir com o trabalho para zona rural”, enfatizou.

Sobre iluminação pública, Marcus informou que duas mil lâmpadas comuns já foram trocadas por Led, o que gera em média, uma economia de 40% no consumo de energia. “A lâmpada de Led custa quatro vezes mais do que a comum, mas com planejamento já sentimos essas mudanças nas comunidades, onde diminuíram os problemas de iluminação”. Entre os locais que já foram beneficiados estão os dois lados do entorno do Binário, os Conjuntos Epifânio Plácido, Santa Mônica e Padre Leonardo, Loteamento Jardins, Distrito de Santa Fé e Ruas Padre Pinto, Belízio Pessoa, Cinco de Agosto, João Lali, Jatobá entre outras. Além das comunidades Bela Vista e Baixio.

Ascom-PMS

 

Governador anuncia novo secretário de Administração Penitenciária

O governador Ricardo Coutinho anunciou em sua conta pessoal no Twitter, os novos nomes na Secretaria de Administração Penitenciária. São eles, o Tenente-Coronel Sérgio Fonseca, para o cargo de Secretário e o Agente Penitenciário João Paulo Ferreira Barros, para o cargo de Secretário Executivo.

O anúncio ocorreu após o delegado Wagner Dorta ter se desligado do cargo. Foram três anos e quatro meses à frente da Secretaria.

“Quero agradecer aos guerreiros que estivem ao meu lado, porquanto, só pude exercer um bom papel, em virtude de possuir uma equipe competente e movida pelo mesmo espírito que me move, qual seja, trabalhar sempre em busca dos melhores resultados”, afirmou Dorta na sua carta-renúncia.

G1

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

MP pede exoneração de secretário que autorizou morte de mais de 30 cães

A Promotoria de Justiça de Piancó, no interior da Paraíba, instaurou um inquérito civil público, na tarde desta quarta-feira (07), para apurar as mortes a pauladas de aproximadamente 50 cachorros no interior de um imóvel público da cidade de Igaracy, interior do Estado. O caso aconteceu na terça-feira (6) e repercutiu nas redes sociais com o compartilhamento de imagens e vídeos.

De acordo com a instituição, a matança teria ocorrido sob a responsabilidade direta e pessoal do secretário José Carlos Maia, que teria autorizado ou permitido o ato, ainda que por omissão. Em entrevista , Maia admitiu que os animais foram mortos por uma medida em defesa da saúde dos habitantes da cidade, na terça, e que nesta quarta-feira mais bichos seriam sacrificados. “Eles estavam moribundos, todos enfermos. Outros foram abandonados pelos moradores e traziam prejuízo para a saúde da população”, disse.

Entretanto, para a promotoria, o secretário cometeu, em tese, infração penal e ato de improbidade administrativa decorrente do exercício do cargo. ‘Por isso, foi encaminhado ofício ao prefeito de Igaracy, José Carneiro Almeida da Silva, requisitando a exoneração imediata de José Carlos Maia do cargo de secretário de Saúde, haja vista a flagrante violação aos princípios da legalidade, moralidade e legitimidade, inerentes ao cargo público, bem como para não atrapalhar as investigações’, afirma a publicação realizada no site do Ministério Público da Paraíba.

De acordo com o texto, foi concedido prazo de cinco dias para que o prefeito da cidade preste informações referentes ao levantamento do número de animais nas ruas, com as respectivas zoonoses e laudos veterinários, comprovando as doenças, bem como, quanto à retirada e transporte, detalhando ainda como se procedeu a matança dos animais, de acordo com as normas sanitárias.

O Ministério Público também encaminhou ofício para a Delegacia de Polícia Civil, requisitando a instauração de inquérito policial, inclusive para preservação e realização de imediata perícia no local do crime.

Ainda de acordo com informações da promotoria, considerando as primeiras informações de que o Secretário Municipal de Saúde é médico veterinário, foi determinada a expedição de ofício para o Conselho Regional de Medicina Veterinária da Paraíba, requisitando a instauração de procedimento administrativo com vistas à aplicação das sanções administrativas e disciplinares inerentes à atividade de médico veterinário. As informações são do Portal T5.

PB Agora

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Secretário diz que chuvas se concentraram no Litoral e situação da Paraíba ainda é crítica

As fortes chuvas que têm caído no Litoral paraibano não adentraram o estado e de acordo com o secretário de Estado de Infraestrutura, Recursos Hídricos, Meio Ambiente e Ciência e Tecnologia, João Azevedo, a situação de muitos municípios ainda é crítica.

Azevedo destacou em entrevista ao programa Rádio Verdade da Arapuan FM, nesta quinta-feira (06) que com as chuvas no litoral o sistema Gramame-Mamuaba, Marés, Araçagi acumula água e há uma tranquilidade grande. “Em toda questão de abastecimento do estado, o litoral é o que menos preocupa porque chove com frequência e as barragens se mantém”, disse, destacando que o que é necessário é o investimento na distribuição das águas.

Porém, o secretário lembrou que nas regiões onde normalmente não chove continuam com problemas seríssimos como a parte mais noroeste do estado onde a adutora de Capivara que abastece cidades como Uiraúna, Poço de Zé de Moura e Triunfo, está com 4% ou 5% da capacidade.

“O Curimataú graças a Transposição hoje nos dá uma tranquilidade e já entrou em operação a captação no rio para levar água a cidades do Cariri. Já chegou a Monteiro, Caraúbas e o sistema está pegando água para levar até Sumé e de lá para Ouro Velho, Serra Branca, Gurjão e outras”, disse lembrando que a transposição deixa o governo mais tranquilo mesmo que Campina Grande ainda esteja enfrentando racionamento. “A partir de agora não teremos racionamentos mais sérios em Campina Grande.

Marília Domingues

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Secretário Walber Virgolino se envolve em acidente na BR-101, em Mamanguape

O secretário de Justiça e Cidadania do Rio Grande do Norte, Walber Virgolino, sofreu um acidente na manhã desta quarta-feira (03) quando viajava de João Pessoa para Natal. O carro em que o paraibano estava aquaplanou na pista, que estava molhada devido às chuvas, e derrapou para fora da rodovia BR-101, nas proximidades de Mamanguape.

Além do secretário do Rio Grande do Norte, estavam no carro o motorista e o coronel Américo, que trabalha com Walber Virgolino.

Apesar do susto, os ocupantes do veículo sofreram apenas pequenas luxações e pancadas. Eles foram levados para receber atendimento no Hospital da Unimed, em João Pessoa.

clickpb

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

 

Secretário de segurança dos EUA descarta deportação em massa, mas insiste em muro

Johan Ordonez/AFP Photo
Johan Ordonez/AFP Photo

O secretário americano de Segurança Interna, John Kelly, descartou – em declarações na Guatemala nesta quarta-feira (22) – que vá haver deportações em massa de imigrantes em situação ilegal, mas confirmou a construção de um muro para reforçar a vigilância na fronteira com o México.

“Não estamos fazendo deportações em massa, mas temos leis que temos de respeitar. Então, vamos nos concentrar primeiro naqueles que cometeram crimes nos Estados Unidos para expulsá-los”, afirmou Kelly, em entrevista coletiva antes de seguir para o México.

Kelly visitou a Guatemala um dia depois de sua pasta publicar duas circulares internas que reforçam a captura e a deportação de imigrantes em situação clandestina.

Ele explicou que inclui um processo legal mais ágil, quando se entra em contato com um imigrante nessa situação, o qual será devolvido “para seu país de uma forma mais rápida do que se fez em uma década”.

O secretário afirmou ainda que a diretiva do presidente Donald Trump dá a seu departamento mais recursos para reforçar a fronteira com o México.

“Isso significa mais oficiais para o controle da fronteira, mais recursos para detenções na fronteira e também a construção de uma barreira física” na fronteira, acrescentou.

“O presidente Trump me ordenou que restabeleça o controle na fronteira. Então, vamos construir uma barreira física, vamos realizar patrulhas não militares, mas com homens e mulheres que estão no âmbito da aplicação da lei e de metodologias tecnológicas”, completou.

Kelly criticou os traficantes de imigrantes clandestinos – os chamados “coiotes”.

“São mentirosos. A vida humana não lhes interessa. Simplesmente são predadores que buscam tirar o dinheiro das pessoas”, apontou.

“Muitas vítimas sofrem torturas, estupro e outras vergonhas. O terreno é brutal, perigoso e não perdoa. Muitos homens, mulheres e crianças perderam a vida ao tentar cruzar esse trajeto para os Estados Unidos”, lamentou.

Durante sua visita, ele se reuniu com o presidente Jimmy Morales e com os ministros do Interior, Francisco Rivas, e das Relações Exteriores, Carlos Morales.

Esta é a primeira visita de um funcionário americano de alto escalão à América Central desde que Trump assumiu a Presidência em 20 de janeiro passado.

Depois da Guatemala, Kelly segue para o México, onde fará uma visita ao lado do secretário de Estado americano, Rex Tillerson, que já está lá.

AFP

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

 

Mais de 80 municípios da Paraíba ainda estão sem secretário de Saúde e podem ter FPM suspenso

saudeLevantamento feito pela Confederação dos Municípios mostra que 83 prefeitos da Paraíba ainda não solicitaram alteração dos dados do gestor no Sistema de Informações sobre Orçamentos Públicos em Saúde (Siops). Com isso, as prefeituras constam como sem secretários.

A CNM alerta ainda que no país 2.713 municípios ainda não fizeram a mesma solicitação. A entidade lembra os gestores que essa medida é necessária e obrigatória, uma vez que o prazo para registro das receitas totais e despesas em ações e serviços públicos em saúde encerrou na segunda-feira, 30 de janeiro.

Todos aqueles que não homologarem as informações de 2016 dentro do prazo serão notificados e poderão ter suas transferências constitucionais suspensas a partir de 2 de março.

O processo funciona da seguinte maneira: caso o prefeito seja reeleito, o cadastro atual não sofrerá modificações. Entretanto, quando se trata de um novo prefeito, este deve cadastrar o novo gestor do SUS, o secretário de Saúde, no sistema, utilizando a certificação digital. Por sua vez, o gestor já incluído no sistema, deverá cadastrar o responsável pelo preenchimento e envio de dados ao Siops, validando também a informação com o certificado digital. O login e a senha são enviados por e-mail para o responsável pelo preenchimento designado pelo gestor.

Penalização

A CNM lembra que o prazo para envio dos gastos em saúde do exercício passado já foi encerrado e que, a partir de 2 de março, Municípios que não se regularizarem poderão ter suas transferências constitucionais, como o Fundo de Participação dos Municípios (FPM), suspensas. Não deixar para última hora é fundamental.
Confira os municípios da Paraíba que apresentam pendência:

Água Branca, Alagoa Grande, Algodão de Jandaíra, Amparo, Araçagi, Araruna, Areial, Baía da Traição, Baraúna, Barra de Santana, Barra de São Miguel, Bayeux, Belém do Brejo do Cruz, Bom Sucesso, Brejo do Cruz, Caaporã, Cachoeira dos Índios, Cacimba de Dentro, Cajazeiras, Camalaú, Capim, Carrapateira, Casserengue, Conde, Coremas, Cuité, Cuité de Mamanguape, Desterro, Diamante, Dona Inês, Itabaiana, Itapororoca, Jacaraú, Juazeirinho, Lastro, Manaíra, Mari, Massaranduba, Mataraca, Mogeiro, Mulungu, Nova Olinda, Nova Palmeira, Olivedos, Piancó, Pilar, Pilõezinhos, Pombal, Princesa Isabel, Queimadas, Riachão do Bacamarte, Riachão do Poço, Rio Tinto, Salgadinho, Salgado de São Félix, Santa Cecília, Santa Cruz, Santa Rita, Santana de Mangueira, Santana dos Garrotes, Santa Teresinha, São Bento, São José de Caiana, São José de Piranhas, São José de Princesa, São José do Brejo do Cruz, São José do Sabugi, São José dos Cordeiros, São Mamede, São Sebastião de Lagoa de Roça, São Sebastião do Umbuzeiro, Serra Branca, Serra Redonda, Serraria, Sertãozinho, Solânea, Sousa, Sumé, Tenório, Triunfo, Umbuzeiro, Vieirópolis, Zabelê.

MaisPB

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

 

‘Facções existem em presídios da PB há 14 anos’, diz secretário e vê construção de novas unidades

wagner-dortaO secretário de Administração Penitenciária da Paraíba, Wagner Dorta, admitiu nesta segunda-feira (16) a existência de facções dentro dos presídios do Estado e destacou que o Governo Federal liberou o Fundo Penitenciário Nacional destinando ao estado recursos na ordem de R$ 44,7 milhões.

Dorta lembrou que facções delituosas com grupos rivais no Estado. “Isso é um fato, não tem como dizer que não é. Já de 12, 14 anos atrás”, disse, apontando que tem trabalhado bastante para o controle desses grupos.

Os recursos liberados pelo governo federal já estão na Paraíba e a ideia inicial do secretário é construir duas novas unidades prisionais, uma em João Pessoa e outra em Campina Grande, já que são as cidades que enfrentam maior superlotação, porém ele apontou que a proposta precisa ser melhor discutida.

Desativação do Roger – O secretário afirmou ainda que não vê como na atual situação penitenciária brasileira há condições de desativar a penitenciária Flósculo da Nóbrega, o Roger. Ele afirmou que apesar de ser antigo e estar superlotado, o presídio ainda é necessário. Porém mais necessária ainda é a construção das novas unidades para diminuir a superlotação. A perspectiva é de tirar ao menos uma parcela.

Com informações da CBN João Pessoa. 

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

30 cidades estão com agências sem operar. Secretário já apresentou propostas a Febraban

bancoOs assaltantes de banco não só levaram terror e ameaça aos paraibanos, durante o ano passado, como deixaram um rastro de transtornos para os moradores de várias cidades. Nos grandes centros, onde existem várias agências, os clientes dispõe de muitas alternativas para o serviço bancário. Mas, na maioria das cidades atacadas, a agência explodida era a única que existia e os moradores ficaram sem banco.

Somente nas regiões metropolitanas de João Pessoa e Campina Grande, 13 cidades estão nessa situação, e os clientes sendo obrigados a se deslocar para municípios vizinhos, sacrificando tempo e dinheiro de transporte, toda vez que precisar fazer uma operação financeira.

Os bancos e a Empresa de Correios e Telégrafos, que atua como correspondente bancário em vários municípios, não deram informações oficiais sobre as agências que continuam inoperantes por causa da destruição. Mas, ouvindo moradores e clientes bancários, a reportagem catalogou pelo menos 30 cidades na Paraíba com agências ou correspondentes que estão sem operação.

De acordo com os Sindicatos dos Bancários e dos trabalhadores dos Correios, mais de 150 ataques aconteceram em 2016, sendo mais de 80 explosões, 63 somente em bancos oficiais. Cidades sem serviço de correios: Alagoa Grande, Alcantil, Barra de Santa Rosa, Bayeux, Cabaceiras, Cruz das Armas (João Pessoa), Cubati, Junco do Seridó, Massaranduba, Puxinanã, Salgadinho, Santo André e Umbuzeiro.

“Já fizemos várias propostas para a Febraban, a última delas sugerindo a implantação de uma tecnologia já existente, que destrói as cédulas no momento em que o caixa é explodido. Medidas como essas iria desestimular a procura dos bandidos por esse ramo criminoso” Cláudio Lima. Secretário de Estado da Segurança.

Febraban

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br