Arquivo da tag: secretária

Teste para coronavírus no filho de presidente da TV Cabo Branco dá inconclusivo e Secretaria de Saúde aguarda contraprova

O exame para coronavírus feito com material do publicitário Mateus Zerbone Carlos, de 34 anos, teve resultado inconclusivo. O filho de Eduardo Carlos, presidente da TV Cabo Branco (afiliada Globo) e toda a Rede Paraíba de Comunicação, morreu nessa segunda-feira (30) com quadro de pneumonia, histórico de asma, e com a suspeita de infecção pelo Covid-19.

Após resultado inconclusivo no Laboratório Central da Paraíba (LACEN-PB), o material do publicitário foi enviado para o Instituto Evandro Chagas, em Belém do Pará. Lá, serão feitos exames para outros tipos de vírus e contraprova sobre o coronavírus.

A contraprova para coronavírus deve ter resultado divulgado em 10 dias.

Mateus Carlos estava internado no Hospital Clementino Fraga, na Capital. Havia sido entubado na sexta-feira (27). O publicitário de 34 anos estava na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) com pneumonia.

A morte causou comoção e o colunista do Jornal da Paraíba, Sílvio Osias, publicou artigo no qual contou que Eduardo Carlos telefonou para ele chorando, para contar que o filho tinha ido para o céu. “Os pais não nasceram para enterrar os filhos”, afirmou o jornalista.

Na nota enviada ao ClickPB, os herdeiros do Grupo Globo dizem que “a perda de um filho é uma dor que sentimos como parte de cada um de nós.”

 

clickpb

 

 

Secretaria de Saúde da Paraíba investiga 12 mortes suspeitas de síndrome respiratória

Após o anúncio da morte de Mateus Carlos, filho do presidente da Rede Paraíba de Comunicação, com suspeita de covid-19, em João Pessoa, a Secretaria de Estado da Saúde informou que atualmente investiga 12 mortes suspeitas de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG).

A covid-19, doença causada pelo novo coronavírus, é um tipo de SRAG, assim como os outros tipos de influenza (gripe) já conhecidos.

Até o momento, nenhuma morte por covid-19 foi confirmada no estado, que já tem 15 casos da doença.

 

clickpb

 

 

Secretaria de Educação da Paraíba esclarece que professores concursados substituíram prestadores de serviço

O secretário da Educação e da Ciência e Tecnologia, Claudio Furtado, se pronunciou sobre notícias de que a sua pasta teria demitido professores agora no mês de março, informando que em 2020 o ano letivo começou com a contratação de 1.000 novos professores que prestaram concurso público, os quais foram inseridos no sistema para pagamento dos salários. Com isso um certo número de prestadores de serviços teve que sair para que os novos efetivos pudessem assumir suas funções, conforme prevê a lei.

Outro problema, segundo o secretário, é que alguns gestores de escolas não informaram na plataforma Saber – ambiente virtual que auxilia as ações dos dirigentes e acompanha a situação das escolas estaduais da Paraíba – os encargos e dados corretamente dos professores, tanto dos prestadores de serviço como de efetivos.

“Nessa plataforma Saber, quando a folha vai ser fechada, em torno do dia 10 de cada mês, a Secretaria de Estado da Educação observa os dados e, a partir do momento que o professor não está com encargo, isso faz com que o salário não seja pago corretamente. E foi isso que gerou problemas para alguns professores, sendo que, no caso dos efetivos, foi a questão da produtividade, e para alguns prestadores de serviço a perda do salário, devido a falta da informação”, explicou.

Furtado adiantou que quando se percebeu a situação foi realizada uma reunião com todos os gerentes regionais, os quais receberam as planilhas de todos os professores que tinham ocorrido o problema para checar se realmente é professor excedente (devido à nomeação dos concursados), ou verificar se houve erro de informação, uma vez que tinha professor que esteve em sala de aula; e no caso dos efetivos para consertar o encargo, colocando a produtividade.

“Então os gerentes regionais estão fazendo uma espécie de auditoria – amanhã terá continuidade –, junto com os diretores, em todos os casos, e vão repassar para a Gerência de Recursos Humanos; e todos os que tiveram problemas por erro de informação do encargo vão ser corrigidos e estes professores receberão em folha extra que deve sair até dia 10 de abril. Os que forem excedentes ficaram sem salários por causa da entrada dos mil novos professores concursados”, observou.

O secretário enfatizou ainda que a plataforma Saber possui todas as informações e registra as atividades da escola e, caso os dados não sejam bem preenchidos e dentro do prazo (até o dia 10 de cada mês), ocorrem problemas como esse. E pontuou: “Além disso, teve o fato da contratação dos mil novos concursados, sendo necessário, portanto, o ajuste na quantidade de encargos dos dados do sistema, como por exemplo remanejar professores efetivos de um local para outro, teve a ampliação das escolas cidadãs, e tudo isso modifica o mapa de distribuição de encargos didáticos. Todos os anos existem problemas no sistema, mas nos anos anteriores não tinham mil novos professores sendo contratados e entrando no sistema”.

O professor que tiver alguma dúvida sobre sua situação pode entrar em contato com a Gerência de Recursos Humanos – GRH da Secretaria de Estado da Educação e da Ciência e Tecnologia pelo E-mail: grh@see.pb.gov.br ou pelo  WhatsApp: (83) 3612-5656.

 

clickpb

 

 

Guarabira já tem quase 80 confinados e monitorados pela Secretaria de Saúde

Em boletim divulgado na noite desta sexta-feira (27), a Secretaria de Saúde confirmou que 78 pessoas com histórico de viagem para locais onde tem infectados ou que apresentem sintomas leves da doença estão confinadas e monitoradas, mas sem coleta de material para teste até o momento.

As pessoas estão sendo acompanhadas permanentemente por profissionais de saúde e qualquer alteração no quadro clínico, as providências de protocolo serão tomadas pela Secretaria.

Numa rede social, o secretário de Saúde, Wellington Oliveira, postou a atualização dos números.

“Boletim de hoje, 27/03/2020, elevamos os casos em quarentena e mantemos os casos confirmados zerados. Nenhum habitante de Guarabira, apresentou sintomas graves e por isso não justificou a realização de testes. Seguimos na prevenção”.

Vacina para idosos

A campanha de vacinação para imunização do H1N1 está ocorrendo e iniciou para as pessoas que estão no grupo de risco, os idosos e profissionais de saúde, depois ampliou o raio de atuação para outros públicos. As vacinas estão sendo aplicadas em domicílio e as equipes dos postos de saúde da família é que estão indo às residências para realizar o serviço.

 

portal25horas

 

 

Covid-19: exame de secretária da Maternidade Frei Damião que faleceu ontem dá negativo

Negativo. Esse foi o resultado do exame para constatar a contaminação pelo novo coronavírus da assistente social Quezia Leite Batista. Ela faleceu nesta terça-feira (24) após apresentar sintomas da doença. A verdadeira causa da morte ainda não foi divulgada.

Quézia trabalhava na Maternidade Frei Damião, na Capital e estava afastada do trabalho desde o dia 13 de março, por recomendação médica. Ela foi internada em um hospital particular de João Pessoa e chegou a dar entrada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da unidade hospitalar. Quézia faleceu nesta terça-feira.

Após a morte da secretária, a Saúde do Estado determinou a desinfecção da Maternidade.

 

PB Agora

 

 

Paraíba tem quinto caso de morte de paciente com suspeita de coronavírus, afirma secretaria

Mais uma pessoa morreu na Paraíba com suspeita de infecção pelo novo coronavírus, elevando para cinco o número de mortes por suspeita de Covid-19, como é chamada a doença causada pelo coronavírus. De acordo com a Secretaria de Estado da Saúde (SES), a vítima foi uma mulher que era assessora administrativa da Maternidade Frei Damião. A morte foi nesta terça-feira (24).

Quézia Leite Batista estava internada em um hospital privado em João Pessoa, com notificação de suspeita para Covid-19. O material para exame do coronavírus já havia sido coletado e vai ser analisado no Laboratório Central de Saúde Pública da Paraíba (Lacen-PB).

De acordo com a SES, a previsão é de que o resultado do exame seja conhecido na terça-feira (24). A Secretaria de Estado da Saúde emitiu uma nota em que “se solidariza com a família e amigos pelo falecimento de Quézia Leite Batista”.

Com a morte da servidora pública, a Paraíba chegou a quatro mortes de pacientes com suspeita de infecção pelo novo coronavírus. Os dois últimos casos foram registados no domingo (22): um homem de 67 anos que estava internado no Hospital Regional de Monteiro, e uma mulher de 29 anos, farmacêutica, que morreu em um hospital particular de João Pessoa.

Os outros dois casos, o primeiro e o segundo, respectivamente foram uma mulher de 39 anos que apresentava mais de uma doença em um hospital particular de João Pessoa, e de uma mulher de 40 anos, que estava internada no Hospital Regional de Patos, que sofria de doença crônica renal.

Até a tarde de segunda-feira (23), a Paraíba tinha 25 pessoas internadas em hospitais com suspeita de Covid-19, como é chamada a doença causada pelo novo coronavírus, sendo 11 delas internadas em leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

G1

 

Secretaria de Saúde descarta quatro casos suspeitos de Coronavírus na PB, mas número de investigados sobe para 33

Mais quatro casos suspeitos de Coronavírus na Paraíba foram descartados após o resultado de exames divulgados na tarde desta segunda-feira (16). Até o momento, nenhum caso foi confirmado no Estado, que segue investigando 33 casos suspeitos.

Apesar dos casos descartados, o número de casos suspeitos sendo analisados e aguardando exames aumentou. Agora, estão sendo investigados 33 casos suspeitos de Coronavírus na Paraíba.

Os quatro casos descartados são de pessoas que moram nas cidades de Cabedelo, Cuité e João Pessoa, sendo dois nesta última.

Governo da Paraíba Secretaria de Estado da Saúde

Atualização COVID-19// 16/03 16h10

Paraíba exclui mais 4 casos suspeitos de Coronavírus e segue sem casos confirmados.

A Secretaria de Estado da Saúde recebeu os exames de 4 casos suspeitos para Coronavírus. 

Os casos descartados são nos município de Cabedelo, Cuité e dois em João Pessoa.

Desta forma, a Paraiba, que ainda não tem caso confirmado, passa a ter 15 casos decartados e o número de casos aguardando exame passa a ser 33. 

Assessoria de Comunicação SES-PB

pbagora

 

 

Secretaria de Saúde apura caso suspeito de Coronavírus no RN; autoridades em alerta

A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) do Rio Grande do Norte convocou uma entrevista coletiva nesta sexta-feira (14), para apresentar as informações apuradas ao longo desta quinta-feira (13) sobre o caso do paciente que está em observação no Hospital Giselda Trigueiro. A coletiva será realizada às 08h30, na Escola de Governo.

A Sesap informou que está apurando os fatos para que possa inferir se há ou não um caso suspeito de Infecção Humana pelo Novo Coronavírus, uma vez que para ser considerado caso suspeito esse deverá atender aos critérios estabelecidos pelo Ministério da Saúde.

A secretaria informou que no momento as investigações estão em curso e ainda não há informações precisas.

O caso

O paciente é um homem de 25 anos, que não teve a identidade revelada, e deu entrada no hospital nesta quarta-feira (12), por volta das 19h, com febre e sintomas gripais.

De acordo com a imprensa local, o homem teve contato com chineses na Praia de Pipa, no litoral sul potiguar, há cerca de uma semana. Depois disso começou a apresentar os sintomas. Ele já tem leucemia mieloide crônica.

O homem está em isolamento total, segundo um infectologista do hospital.

Nesta quarta-feira (12), chegou a 1.350 o número de mortes causadas por coronavírus no mundo. Somente na província de Hubei, epicentro do surto na China, já foram confirmados 48.206 casos da doença.

Até agora, nenhum caso da doença foi confirmado no Brasil, segundo o Ministério da Saúde. Onze casos são monitorados.

Em Natal, o Giselda Trigueiro tem ala de isolamento para casos suspeitos de coronavírus. Foi montada uma enfermaria, com 25 leitos, para o atendimento de possíveis casos coronavírus diagnosticados no Rio Grande do Norte, além do Hospital Giselda Trigueiro, também foi designado o Hospital Maria Alice Fernandes, na Zona Norte, para atuar na retaguarda para o tratamento de possíveis doentes.

O que é coronavírus?

Coronavírus é uma família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus (nCoV-2019) foi descoberto em 31/12/19 após casos registrados na China.

Os primeiros coronavírus humanos foram isolados pela primeira vez em 1937. No entanto, foi em 1965 que o vírus foi descrito como coronavírus, em decorrência do perfil na microscopia, parecendo uma coroa.

A maioria das pessoas se infecta com os coronavírus comuns ao longo da vida, sendo as crianças pequenas mais propensas a se infectarem com o tipo mais comum do vírus. Os coronavírus mais comuns que infectam humanos são o alpha coronavírus 229E e NL63 e beta coronavírus OC43, HKU1.

Os tipos de coronavírus conhecidos até o momento são:

  • Alpha coronavírus 229E e NL63.
  • Beta coronavírus OC43 e HKU1
  • SARS-CoV (causador da Síndrome Respiratória Aguda Grave ou SARS).
  • MERS-CoV (causador da Síndrome Respiratória do Oriente Médio ou MERS).
  • nCoV-2019: novo tipo de vírus do agente coronavírus, chamado de novo coronavírus, que surgiu na China em 31 de dezembro de 2019.

Novo coronavírus (nCoV-2019)

O novo agente do coronavírus, chamado de novo coronavírus – nCoV-2019, foi descoberto no fim de dezembro de 2019 após ter casos registrados na China. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), são 40,5 mil casos registrados em 18 países, com 910 mortes, o que mobilizou organismos internacionais e a comunidade científica na busca por respostas sobre prevenção, transmissão e tratamento desse novo tipo de coronavírus.

No Brasil, até 11de fevereiro de 2020, são 8 casos suspeitos em investigação para o coronavírus (nCoV-2019) em 5 estados. São Paulo é o que lidera em número de casos suspeitos, são 3 atualmente. Até o momento, 32 casos foram descartados e não há nenhum caso confirmado no país.

Alguns coronavírus podem causar doenças graves com impacto importante em termos de saúde pública, como a Síndrome Respiratória Aguda Grave (SARS), identificada em 2002, e a Síndrome Respiratória do Oriente Médio (MERS), identificada em 2012.

As precauções recomendadas para o público em geral são:

  • Lavagem de mãos frequente com água e sabão, com duração mínima de 20 segundos, ou usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;
  • Evitar tocar nos olhos, nariz e boca, com as mãos não lavadas;
  • Evitar contato próximo com pessoas doentes;
  • Ficar em casa quando estiver doente;
  • Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com lenço de papel descartável, jogando-o no lixo após uso;
  • Manter os ambientes bem ventilados;
    Limpar e desinfetar objetos e superfície tocados com frequência;
  • Não compartilhar objetos de uso pessoal (talheres, pratos ou garrafas);
  • Evitar aglomeração de pessoas;
  • Evitar contato próximo com animais selvagens e animais doentes em fazendas ou criações;
  • Evitar viagens à China e países com transmissão local do vírus, neste momento, e se possível evitar locais com casos suspeitos da doença.

paraiba.com.br

 

 

Secretaria de Educação de Solânea abre inscrição para transporte estudantil dos universitários

A Secretaria de Educação escreve a partir dessa quinta-feira (06) para o recadastramento dos estudantes universitários que irão utilizar o transporte de ônibus do município em 2020. Para os alunos veteranos as inscrições acontecem nos dias 06 e 07 de fevereiro e para os alunos novatos dias 11 e 12 também deste mês.

O cadastro será realizado no prédio onde funciona a Secretaria Municipal de Educação no horário das 08h00 às 12h00. Para a inscrição os alunos veteranos deverão entregar a seguinte documentação: Carteirinha do semestre anterior para os alunos da noite, Campina e Guarabira; Documentos pessoais; 2 fotos 3×4; RDM atualizado; Comprovante de residência atualizado. Já para os alunos novatos, estão sendo solicitados documentos pessoais, 2 fotos 3×4, RDM e comprovante de residência atualizado.

 

 Assessoria de Comunicação

 

 

Regina Duarte aceita convite e será secretária de Cultura do Governo Bolsonaro

A atriz Regina Duarte, de 72 anos, será a nova secretária especial de Cultura do governo federal. Após se reunir com o presidente Jair Bolsonaro no Palácio do Planalto, na tarde desta quarta-feira (29), ela confirmou a jornalistas ter aceitado o convite para o cargo, que integra o Ministério do Turismo.

“Sim [aceitei], só que agora vão ocorrer os proclamas [trâmites formais] antes do casamento”, afirmou ao deixar a sede do Executivo federal, sem dizer a data em que deverá ser nomeada. Ela estava acompanhada da reverenda Jane Silva, que foi nomeada secretária especial adjunta de Cultura.

O presidente Jair Bolsonaro também confirmou o “sim” de Regina, sem dar prazo para que ela assuma as funções. “Está tudo certo, está caminhando, ela está acertando as questões pessoais dela. Não tem prazo”, afirmou ao chegar no Palácio do Alvorada, residência oficial, depois do encontro com a atriz.

A atriz foi convidada pelo presidente para assumir o cargo de secretária especial da Cultura após a exoneração do dramaturgo Roberto Alvim, no último dia 17 de janeiro. Na semana passada, ela veio a Brasília conhecer a estrutura da pasta e voltou essa semana para definir com o presidente se assumiria mesmo o cargo.

Ontem (28), Bolsonaro afirmou que Regina Duarte terá liberdade para montar sua equipe. “Para mim seria excepcional, para ela, ela tem a oportunidade de mostrar realmente como é fazer cultura no Brasil. Ela tem experiência em tudo que vai fazer. Precisa de gente com gestão ao seu lado, tem cargo para isso, vai poder trocar quem ela quiser lá sem problema nenhum. Então tem tudo para dar certo a Regina Duarte”, disse Bolsonaro.

Regina Duarte nasceu no dia 5 de fevereiro de 1947. Com 55 anos de carreira, é uma das atrizes mais famosas do país, com dezenas de novelas no currículo. Os seus papéis mais marcantes foram em folhetins como Selva de Pedra, Irmãos Coragem, Vale Tudo, Roque Santeiro, Rainha da Sucata e Malu Mulher, além da personagem Helena em três obras do autor Manoel Carlos (História de Amor, Por Amor e Páginas da Vida). Para assumir o cargo de secretária especial, a atriz terá que suspender seu contrato com a TV Globo, segundo informou a própria emissora.

 

wscom