Arquivo da tag: saúde

Saúde libera R$ 15 milhões para aquisição de ambulâncias na PB

O Ministério da Saúde liberou R$ 15 milhões para mais de 50 municípios paraibanos em recursos destinados à aquisição de ambulâncias e unidades móveis eletivas para o transporte de pacientes.

A relação com os primeiros 25 municípios beneficiados foi publicada na edição desta quarta-feira (22) no Diário Oficial da União (DOU). E, até a sexta-feira (24), será publicada a relação com os outros 25 municípios beneficiados.

De acordo com o DOU, as ambulâncias de pequeno porte custam R$ 80 mil; as de porte médio, R$ 170 mil; e as vans para transporte de pacientes, R$ 190 mil. Alguns municípios chegarão a receber os três veículos.

portalcorreio

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Ministério da Saúde incorpora medicamento para Alzheimer no SUS

Memantina age em neurotransmissor e impede morte de neurônios (Foto: Divulgação)

Após avaliação, o Ministério da Saúde incluiu o medicamento memantina para casos de Alzheimer moderados e graves no SUS. A inclusão foi oficalizada nesta quinta-feira (9) em publicação no Diário Oficial. O medicamento já é aprovado pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária).

A memantina age impedindo a ação do excesso do glutamato nos neurônios. Altos níveis do composto facilitam a entrada do cálcio nas células neuronais, levando-os à morte.

O medicamento foi indicado para casos moderados e graves. Não há indicação para casos leves. Para os casos graves, o composto deve ser combinado com medicamento inibidor de colinesterase, substância que inibe a ação de enzimas que destroem a acetilcolina, neurotransmissor atuante na memória. Já nos casos leves, a memantina pode ser usada isoladamente.

A recomendação da incorporação no SUS foi feita por comissão de avaliação em julho desse ano. O relatório concluiu que “apesar do tamanho do efeito ser pequeno, ele é significativo e influencia favoravelmente a qualidade de vida dos doentes e cuidadores”, diz.

O Alzheimer é uma doença neurodegenerativa que acomete 33% dos indivíduos com mais de 85 anos e compromete de mais de 35 milhões de pessoas no mundo. A condição leva ao declínio de habilidades cognitivas, como a memória e orientação no tempo e no espaço. Há também mudanças na personalidade e no comportamento, bem como prejuízos na habilidade de realizar funções diárias.

G1

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Prefeitura de Pirpirituba receberá ambulância (tipo SAMU) para reforço no serviço de saúde

Prefeitura de Pirpirituba foi contemplada com um veículo ambulância no mesmo porte dos veículos que atendem as demandas do SAMU, e assim reforçará os serviços de saúde no município.

A notícia foi repassada ao Prefeito Denilson de Freitas Silva (Didiu) através do gabinete do Deputado Federal Rômulo Gouveia, que já fez o encaminhamento do empenho, documento que garante o benefício junto ao Ministério da Saúde.

Antes de tomar posse, no mês de Novembro de 2016, o Prefeito Didiu realizou sua primeira viagem à Capital Federal e já aproveitou a oportunidade para levar as demandas do município que foram frutos das plenárias realizadas na zona urbana e na zona rural ainda durante o período de campanha eleitoral. Didiu priorizou a necessidade da reforma do Mercado Público, uma ambulância, dentre outras ações importantes.

A partir de então, quando assumiu o mandato, a gestão fez o cadastramento das propostas, instrumentos que credenciam o município na disputa pelos recursos e o Prefeito viajou outras duas vezes à Brasília para reforçar as cobranças junto aos gabinetes dos parlamentares e aos Ministérios.

Na última semana foi empenhado o recurso para a reforma do Mercado, mais de R$ 600 mil reais, e agora o município recebe a garantia de uma ambulância, no valor de R$ 170 mil. Ainda durante uma de suas viagens, o Prefeito conseguiu o resgate de quase R$ 4 milhões para investir na educação municipal.

O Prefeito Didiu comemorou a notícia e disse que as conquistas só lhe dão mais incentivo para ir em busca de novos benefícios para população.

manchetepb

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Após retirada de sonda, estado de saúde de Temer é estável

O Hospital Sírio-Libanês informou no início da tarde deste domingo, 29, por meio de um boletim médico, que o estado de saúde do presidente Michel Temer é estável. Ele passou por uma cirurgia para desobstrução da uretra na noite de sexta-feira, 27, e, na manhã deste domingo, foi submetido a um procedimento de retirada da sonda vesical.

Temer está internado em São Paulo desde sexta-feira, 27.© Foto: Joédson Alves/EFE Temer está internado em São Paulo desde sexta-feira, 27. O hospital reforçou também que Temer deve receber alta na segunda-feira, 30, acrescentando, dessa vez, que o presidente deverá ser liberado no início da tarde. O presidente, que está internado em São Paulo desde sexta-feira, é acompanhado pelas equipes coordenadas pelos médicos Roberto Kalil Filho, Miguel Srougi e Felipe A. Barroso Braga.

Após visita a temer, Skaf diz que presidente está “muito bem”

O presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), Paulo Skaf, visitou, neste domingo, o presidente Michel Temer no Hospital Sírio-Libanês. Ao deixar o local, Skaf contou que Temer lhe disse que está “muito bem” e que deve mesmo receber alta amanhã, como já havia informado ontem a equipe médica responsável.

Skaf afirmou ainda que não conversou sobre política com o presidente, apenas sobre “amenidades”. O hospital deve divulgar mais tarde um boletim médico sobre o estado de saúde de Temer.

Estadão

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

No Outubro Rosa, secretaria de saúde de Solânea realiza 160 exames de mamografia

O mês de outubro é um mês simbólico na luta pela prevenção ao câncer de mama, e a Secretaria Municipal de Saúde tem oferecido vários serviços para priorizar e enfatizar a importância dos processos preventivos a esta enfermidade, através de exames e principalmente de informação. Por isso, com a Parceria Público-Privada, foi promovida a 1ª Convenção Municipal de Saúde envolvendo o Governo de Solânea, a Clínica Polivida e o Laboratório F. Diniz. Paralelamente, a SMS realizou 160 exames de mamografia nos dias 10 e 11 de outubro, contabilizando agora 640 exames deste tipo de janeiro até agora.

As mamografias aconteceram na Policlínica Municipal através do Caminhão Amigo do Peito, um veículo devidamente equipado para a realização dos exames. A campanha foi feita baseando-se na faixa etária recomendada pelo Ministério da Saúde, que é de 50 a 69 anos. Segundo o Secretário João Rocha Neto, todo o esforço está sendo feto para que novos exames estejam disponíveis até o final do ano.

Ascom-PMS

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Barba pode trazer benefícios à saúde, diz pesquisa

A barba se tornou tendência ao longo dos últimos tempos, sendo usada por diversos famosos como George Clooney, Rodrigo Hilbert, David Beckham, Hugh Jackman e Brad Pitt. Independentemente das diferentes formas, o cuidado com a aparência da barba virou prioridade para muitos homens.

Porém, a barba não é apenas sinônimo de beleza, ela também pode fazer bem para saúde. Um estudo, realizada por pesquisadores Universidade de Southern Queensland, na Austrália, constatou que a barba protege contra alergias, tosse e ainda funciona como protetor solar.

Para análise, os cientistas colocaram manequins ao sol, dos quais metade recebeu uma barba feita de Barba de pau (uma espécie de planta que se apoia em outras para viver), enquanto a outra parte continuou com a cara lisinha. Após isso, eles mediram a quantidade de radiação absorvida por cada um deles.

Os resultados mostraram que aqueles que tinham barba tiveram quase 35% menos de exposição aos raios UV. Os pesquisadores descobriram que dependendo do tamanho e grossura dos pelos, a barba pode funcionar como um protetor solar com FPS de até 20.

Além disso, revelaram que o bigode serve como uma barreira de proteção contra as bactérias trazidas pela poeira, sendo que em alguns casos essa sujeira pode desencadear os sintomas da asma.

Notou-se também que quando a barba é longa a ponto de cobrir parte do pescoço, os ataques de tosse causados por inflamações na garganta podem durar menos tempo, isso porque ela deixa a região mais aquecida.

Os pesquisadores mostram que a barba ainda é capaz de manter a região facial mais jovem, a explicação para isso é que a pele se protege melhor contra o vento e permanece hidratada por mais tempo.

Contudo, assim como os cabelos, a barba também acumula impurezas ao longo do dia e, por isso, precisa ser higienizada diariamente. A solução é lavar o rosto duas vezes ao dia ou após as refeições com um sabonete neutro, que é menos propenso a causar irritações.

minhavida

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Temer anuncia R$ 344 milhões para programas de saúde bucal do SUS

O presidente Michel Temer e o ministro da Saúde, Ricardo Barros, anunciaram nesta quinta-feira (20) investimento federal de R$ 344,3 milhões em programas do Sistema Único de Saúde (SUS) voltados para a área de saúde bucal. O recurso, segundo o governo, beneficiará mais de 116 mil pessoas.

Investimento em saúde bucal

R$ 89,9 milhões para o custeio de novas equipes
R$ 2,6 milhões para aquisição de 17 Unidades Odontológicas Móveis
R$ 1,9 milhão para custeio de 34 equipes de UOMs
R$ 250 milhões para compra de 10 mil cadeiras odontológicas
Investimento total: R$ 344,4 milhões

Entre as medidas anunciadas com o uso da verba está o custeio de 2.229 equipes de saúde bucal e o credenciamento de 34 Unidades Odontológicas Móveis (UOMs).

Segundo o Ministério da Saúde, atualmente foram entregues 267 UOMs, das quais 112 estão em funcionando e recebendo o custeio mensal de R$ 4,6 mil por unidade. Esses espaços atendem 386.400 usuários.

As UOMs são de uso exclusivo de profissionais de saúde bucal e atendem, geralmente, populações rurais, quilombolas, assentadas, em situação de rua ou em áreas isoladas ou de difícil acesso. Nas unidades, são efetuados atendimentos de saúde básica e preventiva.

O ministro da Saúde ressaltou no evento que o repasse para os municípios acontecerá em poucos dias e será descentralizado. Ricardo Barros, no entanto, não informou o prazo exato.

“Os municípios poderão se inscrever no programa e serão responsáveis por comprar os consultórios”, disse o titular da Saúde.

‘Eficiência’

Ao discursar na cerimônia de anúncio da verba, o presidente Michel Temer destacou que, apesar da “dificuldade orçamentária” que o governo passa, se “economizou fantasticamente” e isso foi convertido em novos investimentos.

“São milhões de reais, não são poucos. Verifico que são valores expressivos e frutos dessa gestão muito eficiente. Esta é mais uma prova de que o Brasil não parou”, declarou o presidente.

O presidente disse ainda que muitos avaliam que o Brasil parou, mas, segundo ele, a prova de que isso não aconteceu são as novas conquistas do governo, como a aprovação da reforma trabalhista.

“Quero registrar com muita ênfase para que nós não sejamos os arautos do catastrofismo. Pelo contrário, que tenhamos aquilo que é muito comum entre os brasileiros, que é o otimismo extraordinário”, declarou.

Embora esteja para anunciar um aumento no PIS/Cofins que incide sobre os combustíveis, Temer também elogiou no discurso a ‘eficiência’ do governo.

Samu

Na semana passada, o governo havia anunciado R$ 1,7 bilhão para ampliar investimentos no Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), atenção básica de saúde e transporte sanitário.

Ricardo Barros afirmou na solenidade desta quinta-feira que os recentes anúncios de dinheiro para a área da saúde não significam que a pasta está utilizando novos recursos.

“É uma ação administrativa interna do ministérios. Estamos economizando e fazendo boa gestão”, explicou.

O Ministério da Saúde vem renegociando contratos para economizar, segundo dados da assessoria.

Ao todo, 873 contratos foram revistos pela pasta, resultando em uma economia diária de R$ 9,6 milhões por dia. Eles englobam serviços como medicamentos, vacinas e serviços gerais.

g1

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Paraíba notifica 201 novos casos suspeitos de microcefalia em 2017, diz Ministério da Saúde

A Paraíba notificou 201 novos casos suspeitos de bebês com microcefalia e outras alterações ligadas à zika este ano, mas apenas um deles foi confirmado. Os dados são referentes ao período entre janeiro e o dia 24 de maio, de acordo com relatório divulgado nesta quarta (5) pelo Ministério da Saúde.

Os casos foram registrados em 63 cidades paraibanas. Segundo o relatório do Ministério, 191 dos casos ainda estão sendo investigados, cinco das notificações já foram descartadas e outras três foram excluídas ou inativadas. Apenas um feto foi notificado e monitorado com suspeita de alterações ligadas ao vírus, mas já excluído. Uma morte suspeita de ligação com o vírus segue sendo investigada e uma segunda, que tinha sido notificada, foi excluída.

G1

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Ministério da Saúde declara fim da emergência em saúde pública por zika e microcefalia

Mosquito Aedes aegypti é responsável pela transmissão de dengue, zika e chikungunya (Foto: Felipe Dana/Arquivo/AP Photo)

Ministério da Saúde anunciou, nesta quinta-feira (11), o fim da emergência nacional em saúde pública por zika e microcefalia no Brasil. O governo tinha declarado a situação de emergência em novembro de 2015, quando foi notado um aumento incomum dos casos de microcefalia no Nordeste. A malformação foi, posteriormente, relacionada à infecção pelo vírus da zika.

Segundo a pasta, o fim da emergência ocorre devido à queda no número de casos de zika e microcefalia no país. Do início do ano até 15 de abril, foram registrados 7.911 casos de zika no país, o que representa uma redução de 95,4% em relação a 2016. Na mesma época do ano passado, havia 170.535 casos da doença.

Em 2017, foram confirmados 230 novos casos de microcefalia e 2.837 casos suspeitos continuam sob investigação. Ao todo, desde o início da emergência em saúde, em novembro de 2015, o Ministério da Saúde recebeu 13.490 notificações de casos suspeitos de microcefalia, dos quais 2.653 foram confirmados.

No primeiro ano da emergência – desde o início da emergência até o fim de 2016 – o país teve 2.205 casos confirmados de bebês afetados, de um total de mais de 10 mil notificações de suspeitas. Além disso, 259 mortes de fetos e recém-nascidos tiveram a confirmação de relação com o vírus nesse período.

De acordo com o governo, o Brasil “não preenche mais os requisitos exigidos para manter o estado de emergência”, que são: impacto do evento sobre a saúde pública; se é incomum ou inesperado e se há risco de propagação internacional.

Redução de casos de arboviroses

Nos primeiros meses de 2017, até o dia 15 de abril, o Brasil registrou 113.381 casos suspeitos de dengue, 43.010 de chikungunya e 7.911 de zika. Somadas, as três doenças transmitidas pelo Aedes aegypti tiveram uma redução de 88,9% no número de casos em comparação ao mesmo período de 2016. Os dados são de boletim epidemiológico elaborado pelo Ministério da Saúde.

 G1

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

PB tem 34 mortes por chikungunya em menos de 16 meses, diz Ministério da Saúde

Trinta e quatro pessoas morreram por conta da febre chikungunya na Paraíba entre janeiro de 2016 e o dia 15 de abril deste ano, de acordo com dados divulgados nesta segunda-feira (8) pelo Ministério da Saúde. O número representa 17,3% dos 196 óbitos registrados em todo o Brasil.

A Paraíba é o terceiro estado brasileiro com maior número de mortes confirmadas pela febre. Em Pernambuco foram 58 mortes e no Rio Grande do Norte, 37.

Só este ano são 275 casos notificados de febre chikungunya, sendo que em 2016 foram 7.112 notificações. Ano passado, o Ministério identificou 177,8 casos para cada 100 mil habitantes.

O relatório também informa que apenas um caso de dengue grave foi registrado este ano na Paraíba, mas já são 967 casos prováveis da doença. Em 2016 foram 25.617 casos notificados.

Já os casos de febre pelo vírus zika somam 64 em 2017, enquanto em todo o ano de 2016 foram 2.171 registros.

G1

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

O Jornalismo em Ação