Arquivo da tag: satisfeito

Satisfeito como torcedor, Abel destaca coletivo forte em triunfo sobre o Vasco

O bom desempenho na estreia do Campeonato Carioca, com vitória por 3 a 0 sobre o Vasco neste domingo, no Nilton Santos, deixou Abel Braga satisfeito como um torcedor. Foi o que revelou o comandante do Fluminense em entrevista coletiva após o clássico. Ainda com alguns pontos a serem corrigidos na equipe, porém, com a força do coletivo, o treinador vibrou ao ver a torcida feliz.

Abel sentiu o calor da torcida durante a partida. Na saída de campo, foi aplaudido de pé pelo público. Retribuiu o carinho com acenos.

– A minha satisfação é igual a do torcedor, não tenha dúvida disso. Hoje fez muito calor, jogamos na terça-feira e o Vasco, não. Cumprimos muito o que combinamos. Ver o torcedor pulando na arquibancada foi muito bom. Mas não vamos sair daqui achando que está tudo bem. Erramos muito até os 20 minutos do primeiro tempo. Contra o Criciúma, viramos o jogo, coisa que não acontecia no ano passado. E hoje melhoramos após os 20 minutos que não fomos bem – analisou o comandante.

Abel ainda elogiou muito a parte defensiva e o espírito coletivo de sua equipe. Gostou do “teste” feito com o jovem volante Luiz Fernando e não poupou elogios aos equatorianos recém-chegados:

– Não levamos gols, tivemos 11 escanteios contra. O Vasco é o time que mais aproveita a bola parada no Brasil. Então, o nosso aproveitamento foi quase 100%. Futebol tem dessas coisas. Tiramos um peso dos 10 jogos sem vitória contra o Criciúma. Hoje fizemos coisas interessantes. Quem entrou foi bem. Queria ver ainda o Luiz Fernando, vi logo em um clássico contra dois meias fantásticos, como o Nenê e o Andrezinho. Estamos formando um coletivo forte e, a partir daí, as individualidades vão aparecer. O Orejuela foi fantástico, o Sornoza foi bem. A relação humana está muito bem, isso para mim é tudo. Eu encontro um grupo feliz. E não deixará de ser assim nas derrotas.

abel braga (Foto: andré durão)Abel Braga durante boa vitória do Flu em clássico contra o Vasco (Foto: André Durão)

A íntegra da coletiva:

Dourado
Às vezes, a gente olha só para a bola. E não repara quem se movimenta para receber. Quantas vezes chegamos na cara do Martín Silva sem ele aparecer? Isso mostra a importância dele, a inteligência dele. E olha que só tínhamos o Wellington como jogador rápido pelo lado. Foi legal. A torcida vai entender a importância dele. Ele batalha com os zagueiros, ele quem comanda o time para marcar alto. É a nossa referência. A gente está bem no ataque e bem na defesa, com o Renato e o Henrique. Mas falta muito. A nossa recuperação tem de ser a melhor possível. Temos de jogar na quarta em Bangu, e lá vocês sabem como é difícil, ainda mais com o calor que anda fazendo. Estou muito feliz. Na primeira reunião com o Marcelo, falei que só não queria lateral esquerdo. Estou encantado com o Leo. No jogo passado, em Juiz de Fora, estava inibido ao estar do meu lado. Mudou e melhorou. Já me acostumei com ele. Ele me falou que ganhou uma bola no alto do Thales. E isso é legal. É trabalho, após os treinos. Duas atuações em dois jogos.

Animado?
Estou animado, claro, pelo torcedor. No ano passado, estava preocupado e decepcionado como eles. Meu lado tricolor mexeu ao ver o público cantando hoje. Isso mexe, dá confiança. Volto a frisar: não queria jogar clássico na primeira rodada. Deu o resultado, mas falta muita coisa. Temos de melhorar e criar mais situações de jogo.

Orejuela
O rapaz deu show hoje. Orejuela deu show de primeiro volante. Falei que não gostaria de usar o Douglas como primeiro volante, a não ser em situação de jogo. Eu tiraria 65% da capacidade dele. Vasco deixou o paraguaio (Julio dos Santos) centralizado e adiantou o Andrezinho para a linha do Nenê. Tomei sufoco. O Sornoza tinha de ir para trás, para pegar o André. Depois, coloquei o Luiz Fernando e adiantei o Douglas. E pararam de acontecer as jogadas perigosas deles. Ele foi muito bem ao cumprir o que foi pedido.

Globoesporte.com

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

“Dirceu está satisfeito com o apoio”, diz presidente do PT

O presidente nacional do PT, Rui Falcão, declarou, neste sábado (8), que o ex-ministro da Casa Civil, José Dirceu, está satisfeito com o apoio do partido. Mesmo condenado a dez anos e dez meses de prisão no processo do mensalão, Dirceu mantém sua rotina de trabalho, segundo o presidente do legenda.

— Ele prossegue com suas reuniões e encontros, como vem fazendo até hoje. Ele falou comigo, disse que está satisfeito com a carta em defesa dos condenados e nosso posicionamento em relação ao julgamento do mensalão.

Dirceu participou dos dois dias de reunião do Diretório Nacional do PT, nesta sexta (7) e sábado (8), em Brasília. No entanto, o ex-ministro entrava e saia da sede do PT, no centro da cidade, pela garagem privativa e não falou com a imprensa.

Logo após a fixação das penas dos petistas condenados pelo STF (Supremo Tribunal Federal), o PT divulgou nota declarando que considera a decisão injusta e que pretende recorrer das condenações. No entanto, a direção do PT rejeitou, durante o primeiro dia de reunião do Diretório Nacional, a proposta de campanha contra o julgamento do mensalão no STF .

A sugestão foi apresentada por um dos membros do diretório, líder da chapa Trabalho, Terra e Soberania, Serge Goulart. Ele defendia que o PT não reconhecesse o julgamento e promovesse uma campanha de rua contra o Supremo. O objetivo seria defender José Dirceu, José Genoino e outros petistas históricos que foram condenados pelo esquema de venda de apoio no Congresso Nacional durante o primeiro mandato do presidente Lula.

Assim que a proposta foi apresentada, surgiram ponderações de que o posicionamento poderia trazer problemas para o partido e, por isso, o próprio Goulart retirou a sugestão, que nem chegou a ser votada.

Dirigentes do partido negam que Dirceu tenha fica frustrado com a decisão e afirmam que ele também se posicionou contra a proposta.

G1

José Maranhão mostra-se satisfeito com resultado da pesquisa, mas diz que números não refletem cenário atual

O pré-candidato a prefeito de João Pessoa pelo PMDB, José Maranhão, comemorou os números da pesquisa para corrida eleitoral de outubro próximo em que aparece na liderança com 22% das intenções de votos. O ex-governador afirmou estar feliz e satisfeito com o resultado, mas adiantou que o levantamento não reflete o cenário atual.

“Estou feliz e satisfeito, não posso me fazer de rogado, contudo essa pesquisa não reflete os reais números”, advertiu.

Ao MaisPB, Maranhão revelou que os números das pesquisas internas realizadas pelo PMDB mostram um outro quadro, em ele aparece melhor posicionado. Porém, o peemedebista avisou que os números não podem ser divulgados, já que, o levantamento não foi registrado no Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB).

Ainda sobre a pesquisa, o pré-candidato disse está ainda mais tranquilo e confiante para um possível segundo turno. Analisando os cenários com Cícero Lucena, Estelizabel Bezerra (PSB) e Luciano Cartaxo (PT), Maranhão ganha dos três concorrentes.

“Estou muito tranquilo com a situação. Se esse quadro se manter, ganhamos no segundo turno de todos três candidatos”.

Naira Di Lorenzo – MaisPB