Arquivo da tag: Roberto

Convenção do PSD e PSL confirma Petrônio e Roberto para prefeito e vice em Serraria

Roberto Bernardino e Petrônio
Roberto Bernardino e Petrônio

Foi realizada na tarde deste domingo (31), no Grupo Escolar Francisco Duarte, em Serraria, a convenção dos partidos do PSD, PSDB, PSL, PR, PP e PRB, onde na oportunidade homologaram as candidaturas de Petrônio Freitas, para prefeito e Roberto Bernardino, para vice.

O evento contou com a presença do deputado Tião Gomes, e dezenas de pessoas e correligionários que prestigiaram o evento. Também foram escolhidos os candidatos a vereador, para disputar o pleito municipal deste ano.

Balbino Silva

MÍDIA PARAÍBA

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Filha de Paulo Roberto Costa recebeu R$ 500 milhões por engano

Paulo-Roberto-CostaUm cheque de R$ 500 milhões virou motivo de discórdia entre o Bradesco e Arianna Costa Bachmann, filha do ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa. Na segunda-feira, o banco recorreu à Justiça para obter um mandado de busca e apreensão contra Arianna e, assim, receber de volta o cheque errado que havia emitido em nome dela há mais de um mês. Costa foi preso na Operação Lava-Jato e deverá entregar todo seu patrimônio à Justiça.

Na versão do advogado dela, Raphael Montenegro, tudo começou no dia 30 de dezembro, quando Arianna foi ao Bradesco do Largo da Carioca para sacar uma aplicação de previdência privada no valor de R$ 650 mil. Segundo ele, tratava-se de recursos que não estão bloqueados pela Justiça, apesar de Arianna figurar como beneficiária do acordo de delação premiada que o pai firmou com o Ministério Público Federal.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Cheque de R$ 500 milhões entregue pelo Bradesco à filha de Paulo Roberto Costa – Raphael Montenegro Hirschfeld

Ainda de acordo com Montenegro, aquele era o último expediente bancário do ano, e Arianna solicitou dois cheques administrativos: um de R$ 150 mil e outro de R$ 500 mil. Guardou-os sem conferir. Só em 3 de janeiro, após as festas de fim de ano, ela percebeu que um deles tinha valor mil vezes maior que o original: R$ 500 milhões, em vez de R$ 500 mil.

O que poderia ser motivo de felicidade para muita gente, virou, segundo o advogado, uma dor de cabeça a mais para Arianna. O pai dela foi preso em março de 2014 depois que a Polícia Federal descobriu que ele estava destruindo provas com a ajuda de familiares. Arianna, uma irmã e seus maridos figuram como sócios de empresas usadas no esquema de corrupção operado por Costa. O ex-diretor obteve prisão domiciliar e livrou os parentes da cadeia ao se comprometer com a delação e a entrega do patrimônio fruto de sua ação criminosa. Todos os bens do ex-diretor estão bloqueados. Se a família for flagrada movimentando recursos ocultados da Justiça, os benefícios perderão efeito.

— A família já está muito fragilizada, com a intimidade devassada. Arianna ficou com medo de que esse cheque circulasse como indício de movimentação de dinheiro não declarado. Por isso, pedi uma reunião no Bradesco para garantir a solução do mal-entendido em vez de entregar o cheque na agência — contou Montenegro. — Dei uma cópia do cheque. O banco pediu tempo para fazer uma auditoria interna, alegando que não tinha como saber se ele havia sido adulterado. A troca ficou acertada para após a apuração.

A reunião foi realizada na segunda-feira, num escritório do Bradesco na Rua Senador Dantas. No mesmo dia, o banco pediu à Justiça a apreensão do cheque na casa de Arianna. O mandado foi autorizado na terça-feira, em regime de urgência, pelo juiz Luiz Felipe Negrão, da 3ª Vara Cível da Barra da Tijuca, onde ela mora. O magistrado registrou que “há prova inequívoca” de que Ariana solicitou o cheque no valor de R$ 500 mil e que tudo indica que houve erro de funcionários do banco. Ele suspendeu imediatamente os efeitos do cheque, mas negou o sigilo judicial solicitado pelo Bradesco. Ontem, antecipando-se a uma possível busca, o advogado entregou o cheque ao juiz.

Procurado pelo GLOBO, o Bradesco não quis comentar o caso. É o segundo erro cometido pelo banco envolvendo um personagem da Lava-Jato. No dia 23, o Bradesco atribuiu a um “erro humano” a informação equivocada enviada ao Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf), em 2011, de um saque de R$ 200 mil do ex-diretor da Petrobras Nestor Cerveró.

 

O Globo

Luiz Couto e Wellington Roberto são citados como beneficiários da ‘caixinha eleitoral’

luiz-couto-e-wellington-roiberto-sao-citados-como-beneficiarios-da-caixinha-eleitoral.Os deputado federais Luiz Couto  (PT) e Wellington Roberto (PR) são os únicos paraibanos que disputaram algum mandato em 2014, citados pela reportagem do Congresso em Foco  como envolvidos na chamada ‘caixinha eleitoral’ do Congresso.

A ‘caixinha eleitoral  consiste em doação de campanha por assessores e subordinados. Embora a lei não proíba esse tipo de prática, a caixinha caracteriza uma clara vantagem dos parlamentares em relação aos candidatos que não contam com mandato. Muitos assessores veem na permanência do chefe a chance de continuar no emprego.

O deputado Luiz Couto, por exemplo recebeu doações de R$ 46.624 mil. Já Wellington Roberto abiscoitou apenas R$ 13.500 mil de assessores.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Confira a reportagem do Congresso em Foco:

Os valores variam de simbólicos R$ 50 até quase R$ 91 mil. Os partidos contemplados vão da esquerda à direita, da base aliada à oposição – ao todo, 20 das 28 legendas com assento no Congresso. No total, 233 parlamentares receberam R$ 3 milhões em doações eleitorais de quase 750 assessores, de acordo com cruzamento de dados feito pela Revista Congresso em Foco com base na prestação de contas entregue pelos candidatos à Justiça eleitoral.

Há servidores que abdicaram de férias para trabalhar em campanha, outros que cederam horas de trabalho para os chefes, funcionários que tiraram da conta bancária valores até superiores aos seus vencimentos mensais. O expediente da chamada caixinha eleitoral foi utilizado por quase metade dos congressistas que disputaram algum mandato em 2014.

Embora a lei não proíba esse tipo de prática, a caixinha caracteriza uma clara vantagem dos parlamentares em relação aos candidatos que não contam com mandato. Muitos assessores veem na permanência do chefe a chance de continuar no emprego. A maioria dos congressistas, no entanto, alega que não pressionou nem exigiu qualquer oferta dos subordinados e que as contribuições – em dinheiro, chefe ou serviço – foram de livre e espontânea vontade. Pela legislação eleitoral, qualquer pessoa física pode doar valor correspondente a até 10% dos rendimentos que declarou à Receita Federal no ano anterior.

Veja a relação dos parlamentares que receberam doações dos servidores e o total levantado por cada um deles no respectivo gabinete:

Parlamentar Partido UF Valor recebido (R$)
Rubens Otoni PT GO 90.701
Mário Couto PSDB PA 80.800
Lídice da Mata PSB BA 79.400
Chico Alencar Psol RJ 67.525
Acir Gurgacz PDT RO 63.400
Alfredo Kaefer PSDB PR 58.000
Marcus Pestana PSDB MG 56.100
Janete Rocha Pietá PT SP 50.813
Marcelo Crivella PRB RJ 50.000
Luiz Couto PT PB 46.625
João Campos PSDB GO 46.000
Leonardo Monteiro PT MG 43.083
Eudes Xavier PT CE 41.384
Assis Melo PCdoB RS 39.680
Mozarildo Cavalcanti PTB RR 38.483
Osmar Júnior PCdoB PI 35.848
Marco Maia PT RS 35.800
Paulo Pimenta PT RS 35.410
Sibá Machado PT AC 35.000
Eduardo Amorim PSC SE 35.000
Edio Lopes PMDB RR 34.850
Marcon PT RS 33.263
Ságuas Moraes PT MT 32.300
Bohn Gass PT RS 30.600
Wellington Dias PT PI 28.222
Íris de Araújo PMDB GO 28.000
Marcelo Matos PDT RJ 27.500
Afonso Florence PT BA 25.500
Hugo Napoleão PSD PI 24.500
Luisa Erundina PSB SP 24.230
Roberto Santiago PSD SP 24.100
Hélcio Silva PT SP 24.000
Vicentinho PT SP 24.000
Izalci PSDB DF 24.000
Benedito de Lira PP AL 24.000
Subtenente Gonzaga PDT MG 23.184
Giovani Cherini PDT RS 22.000
João Arruda PMDB PR 21.966
Flávia Morais PDT GO 21.743
Padre Ton PT RO 21.715
Policarpo PT DF 21.700
Paulo Teixeira PT SP 21.143
Márcio Macedo PT SE 21.000
Abelardo Camarinha PSB SP 21.000
Rodrigo Rollemberg PSB DF 20.400
Anselmo de Jesus PT RO 20.250
Luiz Sérgio PT RJ 20.070
Marinha raupp PMDB RO 20.000
José Mentor PT SP 18.800
Miguel Corrêa PT MG 18.600
Givaldo Carimbão PROS AL 18.000
Andréia Zito PSDB RJ 18.000
Luiz Fernando Machado PSDB SP 18.000
Weverton Rocha PDT MA 18.000
Glauber Braga PSB RJ 17.650
Walney Rocha PTB RJ 17.492
Gim Argello PTB DF 17.100
Valmir Assunção PT BA 17.000
Pedro Chaves PMDB GO 17.000
Ronaldo Fonseca PROS DF 16.920
Jefferson Campos PSD SP 16.400
Álvaro Dias PSDB PR 16.000
Vander Loubet PT MS 15.870
Jô Moraes PCdoB MG 15.436
Padre João PT MG 15.200
Décio Lima PT SC 15.000
André Moura PSC SE 15.000
Iracema Portella PP PI 15.000
Assis Carvalho PT PI 14.867
Alessandro Roso PSB RS 14.765
Fernando Collor PTB AL 14.640
Penna PV SP 14.000
Edmar Arruda PSC PR 13.500
Wellington Roberto PR PB 13.500
Maurício Quintela Lessa PR AL 13.000
Pedro Eugênio PT PE 13.000
Bruna Furlan PSDB SP 12.500
Acelino Popó PRB BA 12.500
Danilo forte PMDB CE 12.100
Carlos Sampaio PSDB SP 12.000
Walter Tosta PSD MG 11.510
Paes Landim PTB PI 11.429
Eduardo Barbosa PSDB MG 11.336
Ataídes de Oliveira PROS TO 11.150
Eurico Junior PV RJ 11.100
Maria do Rosário PT RS 11.000
Milton Monti PR SP 11.000
Sandes Júnior PP GO 10.570
Ivan Valente Psol SP 10.509
Francisco Praciano PT AM 10.218
Jandira Feghali PCdoB RJ 10.000
Zé Geraldo PT PA 10.000
Edinho Araújo PMDB SP 10.000
Ronaldo Benedet PMDB SC 10.000
André de Paula PSD PE 10.000
Giovanni Queiroz PDT PA 10.000
Luiz Carlos Busato PTB RS 10.000
Vicente Arruda PROS CE 10.000
Dalva Figueiredo PT AP 9.900
Arnaldo Jordy PPS PA 9.850
Paulo Feijó PR RJ 9.300
João Paulo Lima PT PE 9.200
Davi Alcolumbre DEM AP 9.000
Mendonça Prado DEM SE 9.000
Ademir Camilo PROS MG 9.000
Valtenir Pereira PROS MT 9.000
Magarida Salomão PT MG 8.900
Roberto de Lucena PV SP 8.651
Gustavo Petta PCdoB SP 8.650
Luci Choinacki PT SC 8.560
Wandenkolk Gonaçalves PSDB PA 8.500
José Carlos Araújo PSD BA 8.500
Nilson Leitão PSDB MT 8.427
Lourival Mendes PTdoB MA 8.400
Vanderlei Siraque PT SP 8.100
Luciano Castro PR RR 8.060
José Priante PMDB PA 8.050
Guilherme Mussi PP SP 8.000
Mauro Lopes PMDB MG 7.800
Nelson Marquezelli PTB SP 7.200
Luiz Alberto PT BA 7.180
Cláudio Puty PT PA 7.000
Pastor Eurico PSB PE 7.000
Katia Abreu PMDB TO 7.000
Mauro Mariani PMDB SC 6.973
Waldir Maranhão PP MA 6.850
Amauri Teixeira PT BA 6.810
Jean Wyllys Psol RJ 6.710
Nilson Pinto PSDB PA 6.706
Eros Biondini PTB MG 6.500
Berinho Bantim SD RR 6.500
Salvador Zimbaldi PROS SP 6.100
Luiz Carlos PSDB AP 6.080
Janete Capibarebe PSB AP 6.000
Nelson Marchesan Junior PSDB RS 6.000
Danrlei de Deus PSD RS 6.000
Márcio Marinho PRB BA 6.000
Roberto Requião PMDB PR 6.000
Nilmário Miranda PT MG 5.930
Gabriel Guimarães PT MG 5.500
Rogério Carvalho PT SE 5.500
Ronaldo Zulke PT RS 5.500
Beto Faro PT PA 5.400
Vicente Cândido PT SP 5.300
Elcione Barbalho PMDB PA 5.300
Leonardo Quintão PMDB MG 5.241
Guilherme Campos PSD SP 5.200
Irajá Abreu PSD TO 5.200
Sérgio Brito PSD BA 5.200
Professora Dorinha DEM TO 5.100
Inácio Arruda PCdoB CE 5.100
Carlos Zarattini PT SP 5.000
Emiliano José PT BA 5.000
Raimundo Gomes de Matos PSDB CE 5.000
Vaz de Lima PSDB SP 5.000
Dilceu Sperafico PP PR 5.000
Eliene Lima PSD MT 5.000
Vieira da Cunha PDT RS 5.000
Antonio Balhmann PROS CE 5.000
Alice Portugal PCdoB BA 4.950
Ronaldo Caiado DEM GO 4.870
Luiz Pitimam PSDB DF 4.500
Liliam Sá PROS RJ 4.500
Esperidião Amim PP SC 4.333
Érika Kokay PT DF 4.000
José Stédile PSB RS 4.000
Roberto Balestra PP GO 4.000
Antônio Bulhões PRB SP 4.000
César Halum PRB TO 4.000
Genecias Noronha SD CE 4.000
Urzeni Rocha PSD RR 3.850
Edson Santos PT RJ 3.800
Carlos Alberto Lereia PSDB GO 3.750
Washington Reos PMDB RJ 3.500
George Hilton PRB MG 3.000
Waldenor Pereira PT BA 3.000
Marllos Sampaio PMDB PI 3.000
Stefano Aguiar PSB MG 3.000
Nelson Meurer PP PR 3.000
Silas Câmara PSD AM 3.000
Odair Cunha PT MG 2.730
Dimas Fabiano PP MG 2.560
Dr.Grilo SD MG 2.550
Sandra Rosado PSB RN 2.530
Dr. Ubiali PSB SP 2.500
Miro Teixeira PROS RJ 2.500
Erivelton Santana PSC BA 2.350
José Sarney Filho PV MA 2.100
Maura Gabrilli PSDB SP 2.100
Marcelo Aguiar DEM SP 2.040
Magela PT DF 2.000
Miriquinho Batista PT PA 2.000
Alceu Moreira PMDB RS 2.000
Luiz Otávio PMDB PA 2.000
Pastor Marco Feliciano PSC SP 2.000
Sérgio Moraes PTB RS 2.000
Hermes Parcianello PMDB PR 1.850
Fabio Trad PMDB MS 1.500
Paulo Bornhausen PSB SC 1.500
Hélio Santos PSDB MA 1.500
Pedro Fernandes PTB MA 1.500
Arlindo Chinaglia PT SP 1.400
Domingos Dutra SD MA 1.400
Jorge Bittar PT RJ 1.300
Delegado Protógenes PCdoB SP 1.300
Jaqueline Roriz PMN DF 1.300
Onyx Lorenzoni DEM RS 1.200
Paulão PT AL 1.000
João Magalhães PMDB MG 1.000
Fernando Coelho Filho PSB PE 1.000
Josue Bengtson PTB PA 960
Perpétua Almeida PCdoB 900
Marcos rogério PDT RO 900
Henrique Fontana PT RS 800
Renato Simões PT SP 800
Benedita da Silva PT RJ 750
Simplício Araújo SD MA 650
Laercio Oliveira SD SE 600
Daniel Almeida PCdoB BA 500
Diego Andrade PSD MG 500
Paulo Pereira da Silva SD SP 500
Nelson Pellegrini PT BA 400
Chico Lopes PCdoB CE 200
Edinho Bez PMDB SC 170
Eduardo Suplicy PT SP 150
Angelo Vanhoni PT PR 142
Lelo Coimbra PMDB ES 114
Mandetta DEM MS 100
Átila Lins PSD AM 100
Rogério Peninha Mendonça PMDB SC 50
Carlos Melles DEM MG 50

 

Fonte: Revista Congresso em Foco, com base na prestação de contas final dos candidatos e na relação dos funcionários da Câmara e do Senado.

Roberto e Fátima Paulino decidem por apoio a reeleição de Ricardo Coutinho

Foto: Ascom
Foto: Ascom

O ex-governador Roberto Paulino (PMDB), a ex-prefeita de Guarabira, Fátima Paulino (PMDB), seis vereadores e sete suplentes do município anunciaram, nesta sexta-feira (10), apoio à reeleição do governador Ricardo Coutinho (PSB) neste segundo turno. As adesões foram e construídas pelo empresário e suplente de senador João Rafael.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Também anunciaram apoio a Ricardo, os vereadores Bica (PSC), Saulo de Biu (PPS), Gerson do Gesso (PPL), Zé Ismai (PHS), Michele Paulino (PMDB) e Adriana Severo (PSC).

As adesões foram confirmadas nesta manhã, durante encontro que reuniu mais de 150 lideranças de associações de bairros e representantes de entidades de classe.

Após anunciar sua decisão, Roberto Paulino falou com o governador por telefone e comprometeu-se em se engajar na campanha do candidato da ‘Força do Trabalho’ em toda a região do Brejo.

Poucas horas depois de aderir a Ricardo, Roberto e Fátima Paulino já estavam arregimentando o apoio de outras lideranças políticas de várias cidades da região, como Guarabira, Araçagi, Pirpirituba, Cuitegi, Sertãozinho e Pilõezinhos.

“Nós tínhamos que tomar uma posição, então convidei a militância, liguei para muita gente, consultei na zona rural, nos bairros, os vereadores, fizemos uma reunião prévia com os vereadores e o apelo era para que nós pudéssemos anuncia o apoio a Dilma e a Ricardo Coutinho”, disse o o ex-governador peemedebista.

O suplente de senador João Rafael ressaltou que, com o apoio do grupo liderado por Roberto e Fátima Paulino, Ricardo vai conseguir vencer as eleições no Brejo neste segundo turno.

Ele contou que, no final da tarde de sexta-feira, mais de 200 carros foram adesivados com material de propaganda do governador socialista. “Já estamos programado para domingo (12) um reunião com todas as lideranças da nossa região para traçarmos estratégias de campanha para a próxima semana”, revelou.

Fonte: Da Redação com Ascom

CPI Mista da Petrobras vai ao STF na terça para agilizar acesso a delação de Paulo Roberto Costa

cpiApós a reunião marcada pelo silêncio do ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa, os integrantes da CPI Mista que investiga irregularidades na empresa concentram suas atenções nos documentos referentes ao depoimentos que o ex-executivo deu após acordo de delação premiada firmado entre o acusado, o Ministério Público e a Polícia Federal.

Na tentativa de ter acesso às informações, os parlamentares vão se reunir nesta terça-feira (23), às 18h, com o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski, e com o procurador-geral da República, Rodrigo Janot. Também deve participar do encontro o ministro Teori Zavascki, relator da ação judicial resultante da operação Lava Jato, que desarticulou o esquema de corrupção e desvio de dinheiro público do qual o doleiro Alberto Youssef e Paulo Roberto Costa são acusados de participar.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Pressa

Na última reunião da CPI na quarta-feira (17), oposicionistas e aliados do governo concordaram com a importância de terem em mãos a íntegra das informações prestadas por Paulo Roberto, até porque parte delas já vazou por meio da imprensa e incriminou políticos.

— A Comissão deve ter como meta obter do Supremo o compromisso definitivo de ter acesso imediato a cada depoimento da delação premiada para que possa cumprir seu papel constitucional — cobrou o senador José Agripino (DEM-RN).

O líder do PSDB na Câmara, Antonio Imbassahy (BA), também cobrou do presidente da CPI Mista, senador Vital do Rêgo (PMDB-PB) acesso às informações:

— Enquanto esse material não chegar, praticamente esta CPMI nada vai poder fazer do ponto de vista de resultados práticos. Então, apelo, mais uma vez para que esses documentos cheguem o quanto antes. Só assim, poderemos avançar — afirmou.

O senador Humberto Costa (PT-PE) chegou até a ponderar que a ida ao Supremo pode ser inútil, se o conteúdo da delação não tiver chegado à Corte.

– Nossa ida ao STF agora pode ser inócua porque se há de fato um processo de delação, este é um acordo feito entre o depoente e o Ministério Público e a Polícia Federal. Portanto, só deverá chegar ao Supremo no momento em que estiver devidamente concluído. É possível que o Presidente do Supremo diga que ainda não está de posse desse processo – advertiu.

Requerimentos

A ida ao Supremo é o único compromisso formal da comissão nos próximos dias, visto que o presidente da CPI Mista, Vital do Rêgo (PMDB-PB) não definiu o dia da próxima reunião. Além de sessão administrativa para análise de centenas de requerimentos à espera de votação, estão pendentes mais oitivas de pessoas já convocadas para prestarem depoimentos, como o doleiro Alberto Youssef e a contadora dele, Meire Poza. Vital do Rêgo já pediu a prorrogação dos trabalhos da comissão por um mês. O prazo atual vai até o dia 7 de dezembro.

Agência Senado

TRE-PB julga hoje ação contra Caio Roberto por propaganda antecipada

TREPB-300x179Nesta quarta-feira (23), o Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba analisará uma representação contra o deputado estadual Caio Roberto (PR) por propaganda eleitoral antecipada em veiculação de propaganda partidária. A representação é ajuizada pelo Ministério Público Eleitoral.

Como punição, a ação pede a aplicação de uma multa mínima de R$ 5 mil e máxima de R$ 25 mil, ou um valor equivalente ao custo da propaganda, caso seja maior.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Também por propaganda eleitoral antecipada, a Procuradoria Regional Eleitoral havia movido representação contra a deputada Daniella Ribeiro e seu partido, o PP. Neste caso, o Partido Progressista haveria veiculado propaganda partidária fora do regramento legal.

Clickpb

 

Vizinho invade casa e mata carpinteiro por se sentir incomodado com som alto

Pedro Roberto morreu com facada no coração
Pedro Roberto morreu com facada no coração

O carpinteiro Pedro Roberto Fernandes de Lucena, 50 anos, foi assassinado na cidade de Sousa e o principal suspeito é seu vizinho, o servente de pedreiro Sebastião Rufino da Silva, que teria lhe desferido dois golpes de faca, sendo um à altura do coração. O servente estaria se sentindo incomodado com o barulho do som ligado na residência da vítima.

O crime foi registrado por volta das 23h desta terça-feira (03) na rua do Paredão, no Bairro do Angelim, naquela cidade do Sertão paraibano.

Leia mais Notícias no Portal Correio

As primeira informações são de que o carpinteiro Pedro Roberto teve sua casa invadida pelo servente de pedreiro, conhecido por ‘Basto Filho de Cersão’.

De acordo com a Polícia Militar, a vítima bebia em sua residência com o som ligado, o que estaria incomodando ‘Basto’.

Quando a equipe do Samu chegou ao local, encontrou o carpinteiro na posição de decubito dorsal (pessoa que deita com a barriga voltada para cima), apresentando uma perfuração em cima do peito esquerdo e outra no quadril.

Informações de plantonistas foram de que a vítima chegou no Hospital Regional de Sousa  sem vida. A violência foi tamanha que na perfuração no peito esquerdo da vítima, chegou a quebrar uma costela.

O suspeito Sebastião Rufino da Silva fugiu do local do crime. A polícia informou que ‘Basto’ está foragido.

O delegado Claudio Bezerra esteve no hospital e autorizou a remoção do corpo para o IML de Patos,  para a necropsia.

 

portal correio

Belém (PB): ausência de Roberto Flávio no anúncio das atrações do São Pedro reforça suspeita de rompimento com Edgar Gama

 

belemA possibilidade de rompimento entre o Prefeito de Belém (PB), Edgar Gama, e o ex-prefeito, Roberto Flávio, a cada dia vem dando sinais cada vez mais evidente. Na manhã da sexta-feira (07) na Coletiva de Imprensa para anúncio das atrações do São Pedro de Belém, o ex-prefeito Roberto Flávio não esteve presente, tão pouco se fez representar.

A ausência de Roberto foi sentida por toda a imprensa, já que durante os oito anos ele foi o protagonista da coletiva de imprensa, atividade que se tornou tradicional antes da festa de São Pedro.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Para completar um repórter de uma emissora de rádio da região questionou o Prefeito Edgar Gama se havia um rompimento entre ele e o ex-prefeito. Logo Edgar orientou o repórter a fazer esse questionamento ao próprio ex-prefeito, mas que da parte dele (Edgar) não havia rompimento, inclusive, o ex-prefeito teria sido convidado para a coletiva pelo secretário de comunicação Rodrigo Costa.



Fonte: Expresso PB

Roberto Paulino assume vice-presidência do PMDB

roberto paulinoA Executiva Estadual do PMDB da Paraíba, elegeu nesse domingo (2), o ex-governador Roberto Paulino como 1º vice-presidente do partido. Ele assume o lugar deixado pelo presidente do PTB, ex-senador Wilson Santiago, após sua desfiliação.

De acordo com Roberto Paulino, “lutar incansavelmente pelo fortalecimento do PMDB rumo às eleições de 2014; participar, juntamente com os demais dirigentes do partido na organização dos encontros regionais; atrair ex-companheiros para a legenda e manter a chama peemedebista permanentemente acesa” serão suas prioridade na vice-presidência.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Ele foi eleito, neste domingo (02), em substituição ao ex-senador Wilson Santiago, que se desfiliou do partido e hoje integra os quadros do PTB.

A eleição de Paulino, em chapa única, foi muito prestigiada pelas lideranças peemedebistas, a exemplo do ex-governador e presidente estadual da legenda, José Maranhão; dos deputados federais Manoel Junior e Nilda Gondim; do deputado estadual Raniery Paulino; do ex-prefeito de Campina Grande e pré-candidato do partido ao Governo do Estado em 2014, Veneziano Vital do Rêgo; do tesoureiro Antonio Souza da Silva; vereador Fernando Milanez; prefeitos de Pilôezinhos, Rosinaldo Lucena; de Cabedelo, Luceninha; de Bonito de Santa Fé, Alderi Caju e de Caiçara, Célia Maria de Queiróz Carvalho, além de lideranças de todo o Estado, Juventude do PMDB, PMDB Mulher e militância peemedebista.

A Executiva Estadual do PMDB, a partir da eleição de Roberto Paulino como 1º vice-presidente, passa a ter a seguinte composição:

Presidente: JOSÉ TARGINO MARANHÃO
1º Vice Presidente: ANTONIO ROBERTO DE SOUSA PAULINO
2º Vice Presidente: MANOEL ALVES DA SILVA JUNIOR
3º Vice Presidente: GERVÁSIO AGRIPINO MAIA
Secretario Geral: VENEZIANO VITAL DO RÊGO SEGUNDO NETO
Secretário Adjunto: ROBERTO RANIERY DE AQUINO PAULINO
Primeiro Tesoureiro: ANTONIO SOUZA DA SILVA
Segundo Tesoureiro: BENJAMIN GOMES MARANHÃO NETO
VOGAIS:
1 – VITAL DO RÊGO FILHO
2 – JOSÉ WILSON SANTIAGO FILHO
3 – OZANILDA GONDIM VITAL DO RÊGO
4 – HUGO MOTTA WANDERLEY DA NÓBREGA
LIDER DO PMDB NA ASSEMBLEIA
ROBERTO RANIERY DE AQUINO PAULINO
SUPLENTES DA COMISSÃO EXECUTIVA:
1– OLENKA TARGINO MARANHÃO
2 – NABOR WANDERLEY DA NOBREGA FILHO
3 – MÁRCIO ROBERTO DA SILVA
4 – IVALDO MEDEIROS DE MORAES
MEMBROS DO CONSELHO FISCAL
1 – MARIA NEUZA DE MORAIS COSTA
2 – SEVERINO FERNANDES DE LIMA
3 – ANTONIO GUALBERTO VIANA CHIANCA
SUPLENTES DO CONSELHO FISCAL:
1- JOSÉ ROBERTO DANTAS
2- ANA PAULA CAVALCANTI RAMALHO
3- JOSENETE DANTAS

 

 

assessoria

Major Fábio aceita convite de Roberto Freire para disputar o Governo da PB

majorO deputado federal Major Fábio confirmou, na noite desta quinta-feira (17), que migrará do Democratas (DEM) para o Mobilização Democrática (MD), criado com a fusão do PPS e PMN.

O deputado disse que foi convidado pelo presidente nacional do PPS e agora presidente do MD, Roberto Freire, para ser candidato a governador da Paraíba em 2014.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Major Fábio revelou que a presidente do MD no Estado será a jornalista Lídia Moura, presidente do PMN na Paraíba.

Deputada Gilma Germano, que preside o PPS na Paraíba perdeu o comando do partido e deve procurar outro partido.

MaisPB com Balanço Geral – 98FM