Arquivo da tag: Rita

Justiça determina retorno de Gustavo Santos para presidência da Câmara de Santa Rita

Gustavo Santos foi citado para apresentar sua defesa e tem um prazo de dez dias para se pronunciar (Foto: Reprodução)

A Justiça determinou o retorno do presidente da Câmara de Vereadores de Santa Rita ao cargo por meio de uma liminar concedida na última terça-feira (10). Gustavo Santos havia sido afastado do cargo no dia 3 de abril para que denúncias contra sua gestão fossem apuradas em uma comissão instalada na Câmara.

Os próprios vereadores decidiram afastar Gustavo Santos por 14 votos a 3. Com a decisão em plenário, foi instalada uma comissão processante e as investigações começaram no processo que poderia cassar seu mandato.

De acordo com Anésio Miranda, presidente da comissão processante instalada, “a 5ª Vara Mista da Comarca de Santa Rita concedeu a liminar com a condição do presidente não interferir no trabalho da comissão processante”. Gustavo Santos foi citado para apresentar sua defesa e tem um prazo de dez dias para se pronunciar.

Após todo o trâmite previsto na comissão processante, deve ser elaborado um relatório sobre o caso para votação no plenário. A Câmara apura denúncias de descumprimento da tramitação de projetos e leis, além de gratificação indevida.

De acordo com a denúncia, Gustavo Santos teria atrasado por até seis meses a tramitação de projetos de lei que não tinham sua aprovação política. Ele ainda teria recebido R$ 5 mil referente a uma gratificação indevida.

ClickPB

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Motorista de alternativo e passageiros são baleados em Santa Rita

As tentativas de homicídio aconteceram por trás do Presídio Padrão, de acordo com informações policiais (Foto: Reprodução)

Um motorista de transporte alternativo e três passageiros que estavam no veículo ficaram feridos a tiros na manhã desta terça-feira (06) após um atentado na cidade de Santa Rita, na região metropolitana de João Pessoa.

As vítimas foram socorridas após o crime e ainda não há informações sobre o que teria motivado os disparos. Não há informações sobre óbitos.

As tentativas de homicídio aconteceram por trás do Presídio Padrão, de acordo com informações policiais. Os suspeitos do crime ainda não foram identificados.

MaisPB

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Polícia encontra casa com 140 pés de maconha em Santa Rita

Os vizinhos não souberam explicar como era o que movimento na residência. (Foto: Reprodução/Secom-PB)

Na noite dessa quarta-feira (14), a Polícia Militar encontrou uma casa que era usada para cultivar maconha na cidade de Santa Rita, na Grande João Pessoa. Também era produzida uma variação da droga, o skunk – que tem efeito sete vezes maior em relação ao tipo comum.

Segundo a PM, foram encontrados pelo menos 200 pés de maconha na residência. Em um dos cômodos havia uma estufa equipada com lâmpadas especiais e ar-condicionado.

Em outro cômodo da casa, estava sendo construída outra estufa. Os vizinhos não souberam explicar como era o que movimento na residência.

O dono da casa ainda não foi localizado e a PM acredita que os suspeitos que foram vistos na residência, o que motivou a denúncia, estavam praticando um furto no local.

Droga incinerada

Com a chegada do delegado, a maconha foi toda incinerada, conforme prevê a lei de drogas desde 2014. Os equipamentos encontrados no local foram levados para a 6ª Delegacia Distrital, em Santa Rita.

Clickpb

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Santa Rita apresenta maior índice de homicídios de adolescentes na PB

homicídioA cidade de Santa Rita, na Região Metropolitana de João Pessoa, é a cidade paraibana com o maior índice de homicídios de adolescentes de acordo com um levantamento divulgado pela Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da república (SDH/PR) nesta quarta-feira (28). Segundo o estudo, o índice no município é de 14,80 mortes de pessoas na faixa etária de 12 a 18 anos para cada mil adolescentes. No Brasil, Santa Rita só apresenta um número menor do que as cidades baianas de Lauro de Freitas (18,87), Itabuna (17,11) e Eunápolis (15,35).

O Índice de Homicídios na Adolescência (IHA) considera dados de 2012. Entre as capitais brasileiras, João Pessoa é a quarta com o maior risco de adolescentes serem assassinados antes de completarem seu 19º aniversário, com 6,49 mortes para cada mil adolescentes.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Em comparação com o ano de 2011, o índice da cidade de Santa Rita apresentou um aumento, passando de 11,36 para 14,80 em 2012. A cidade registrou 168 mortes na faixa etária de 12 a 18 anos em 2011 e esse valor subiu para 215 mortes no ano de 2012.

Considerando o ano de 2005, primeiro ano que teve os dados divulgados no levantamento, a cidade mais do que quadruplicou o índice. Em 2005 a taxa foi de 3,74 mortes. O menor índice apontado na pesquisa foi no ano de 2009, quando a cidade apresentou 2,94 mortes a cada mil adolescentes. A partir de 2010, este número apenas aumentou.

O levantamento foi preparado pela SDH/PR, pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF), Observatório de Favelas e Laboratório de Análise da Violência da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (LAV-UERJ). O desempenho da Paraíba também é destacado no relatório, já que o estado registrou o 5º IHA mais alto do país. Em 2010, a Paraíba era o 4º colocado no ranking, com 6,05 mortes por mil adolescentes.

Em nota enviada ao G1 na tarde desta quarta-feira (28), a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (Seds) da Paraíba esclarece que o número de jovens vítimas de homicídios na Paraíba vem sofrendo redução. De acordo com o Núcleo de Análise Criminal e Estatística da Seds (Nace), em 2012 foram 89 vítimas na faixa etária de 12 a 18 anos, o que corresponde a 17% do total dos casos no ano. Em 2013 este número caiu para 84 (queda de 5,6%)  e em 2014 foi de 72 (queda de 14,3%).

 

G1

Santa Rita é cidade mais violenta para jovens negros no país, diz estudo

imagem da Internet
imagem da Internet

Santa Rita, na Grande João Pessoa, foi apontada a cidade mais violenta para jovens negros do Brasil. A versão final do Mapa de Violência 2014 sobre a população entre 15 e 29 anos, publicada na terça-feira (4), apontou que a cidade da Região Metropolitana de João Pessoa tem uma taxa de 384,1 assassinatos de jovens negros para cada 100 mil habitantes. O estudo é referente às mortes registradas no ano de 2012.

Ainda de acordo com o estudo, Cabedelo, na mesma região, também aparece entre as cinco mais violentas para jovens negros com uma taxa de 346,9 mortes para cada 100 mil habitantes. A cidade aparece no estudo como o terceiro município que apresenta maior vulnerabilidade para jovens negros. Em 2012, conforme o Mapa, foram assassinados 85 jovens negros entre 15 e 29 anos, enquanto no mesmo período apenas duas vítimas consideradas brancas foram mortas.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Completam o ranking das cinco mais violentas as cidades de Ananindeua, no Pará, que fica em segundo lugar com 349,1 mortes por 100 mil habitantes; de Maceió, em Alagoas (327,6 mortes); e Simões Filho, na Bahia (326,7 mortes). No ranking das 10 cidades mais vulneráveis para jovens negros no país, João Pessoa aparece na sétima colocação, com uma taxa de 313 mortes para cada 100 mil habitantes.

As cinco mais violentas para negros entre 15 e 29 anos na Paraíba, além de Santa Rita, Cabedelo e João Pessoa, incluem Patos, no Sertão paraibano, com 270,7 mortes para cada grupo de 100 mil habitantes, e Guarabira, na região do Brejo, com 176 mortes por 100 mil habitantes.

G1 entrou em contato com a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (Seds) da Paraíba para repercutir o estudo. Por meio de sua assessoria, a Seds informou que se posicionará o mais breve possível sobre os dados divulgados pelo Mapa da Violência

 

G1

Santa Rita está entre as cidades que mais demitiram no Brasil, diz MTE

imagem da Internet
imagem da Internet

Enquanto João Pessoa apareceu no ranking do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho, entre as 20 cidades do país que mais contrataram profissionais formais. O município de Santa Rita, região metropolitana da Capital, apresentou o pior índice da Paraíba, estando entre as cinco cidades brasileiras que mais demitiram.

Conforme os dados, em todo o país, as contratações formais superaram as demissões em 588.671. Em junho, foram 25.363 postos de trabalho criados – no pior resultado para o mês em 16 anos.

 

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

50 CIDADES QUE MAIS CONTRATARAM NO 1º SEMESTRE:

São Paulo:  48.392
Brasília (DF): 13.756
Curitiba (PR): 13.266
Goiânia (GO): 12.632
Porto Alegre (RS): 8.841
Rio de Janeiro (RJ): 8.485
Altamira (PA): 7.150
Santa Cruz do Sul (RS): 7.141
Franca (SP): 6.740
Joinville (SC): 6.468
Belo Horizonte (MG): 6.118
Lauro de Freitas (BA): 5.896
Blumenau (SC): 5.758
Duque de Caxias (RJ): 5.044
Campos dos Goytacazes (RJ): 4.748
Teresina (PI): 4.728
João Pessoa (PB): 4.724
Aracaju (SE): 4.698
Bebedouro (SP): 4.617
Rio Grande (RS): 4.379
Petrolina (PE): 4.302
Venâncio Aires (RS): 4.243
Guarulhos (SP): 4.057
Natal (RN): 4.045
Olinda (PE): 4.020
Itajaí (SC): 4.002
São José do Rio Preto (SP): 3.973
Maringá (PR): 3.901
Canaã dos Carajás (PA): 3.778
Nova Serrana (MG): 3.734
Cascavel (PR): 3.676
Uberlândia (MG): 3.658
Ribeirão Preto (SP): 3.609
São José (SC): 3.295
Pontal (SP): 2.951
Londrina (PR): 2.890
Juazeiro (BA): 2.881
Caxias do Sul (RS): 2.872
Botucatu (SP): 2.848
Itaguaí (RJ):  2.812
Sorocaba (SP): 2.784
Fortaleza (CE): 2.673
Mogi das Cruzes (SP): 2.537
Florianópolis (SC): 2.508
Niterói (RJ): 2.505
Campo Grande (MS): 2.441
Cristalina (GO): 2.378
Goianésia (GO): 2.363
Brusque (SC): 2.353
Serra (ES): 2.345

50 CIDADES QUE MAIS DEMITIRAM NO 1º SEMESTRE:

 

Ipojuca (PE): -11.537
Coruripe (AL): -7.062
Manaus (AM): -6.261
Santa Rita (PB): -4.237
Contagem (MG): -4.177
Rio Largo (AL): -3.680
São Bernardo do Campo (SP): -3.509
Baia Formosa (RN): -3.160
Três Lagoas (MS): -3.044
Rio Formoso (PE): -3.034
Cabo de Santo Agostinho (PE): -3.022
Salvador (BA): -3.007
Atalaia (AL): -2.860
Sirinhaém (PE): -2.451
Imperatriz (MA): -2.396
Igreja Nova (AL): -2.201
São Miguel dos Campos (AL): -2.180
São José da Laje (AL): -2.121
Diadema (SP): -2.073
Barra de Guabiraba (PE): -2.066
Escada (PE): -2.056
São Luis do Quitunde (AL): -1.915
Urucânia (MG): -1.905
Vicência (PE): -1.849
Boca da Mata (AL): -1.808
Pelotas (RS): -1.797
Lagoa do Itaenga (PE): -1.757
Igarassu (PE): -1.741
Goiana (PE): -1.731
Campo Alegre (AL): -1.728
São Jose dos Pinhais (PR): -1.696
Porto Real (RJ): -1.661
Camutanga (PE): -1.657
Ipubi (PE): -1.618
Teotônio Vilela (AL): -1.594
Tamandaré (PE): -1.555
Porto Velho (RO): -1.552
Capela (SE): -1.542
Mariana (MG): -1.520
Cruz Alta (RS): -1.451
Rio Tinto (PB): -1.421
Anchieta (ES): -1.413
Brumado (BA): -1.404
Sobral (CE): -1.375
São Luis (MA): -1.368
Acailândia (MA): -1.365
Jequiá da Praia (AL): -1.362
Colônia Leopoldina (AL): -1.300
Taubaté (SP): -1.271
Maceió (AL): -1.270

 

 

Click com G1

Por unânimidade, Câmara de Santa Rita afasta prefeito Reginaldo Pereira pela 3ª vez

reginaldo-pereiraA Câmara Municipal de Santa Rita votou na manhã desta terça-feira (1), pela 3ª vez, o afastamento do prefeito de Santa Rita, Reginaldo Pereira. Todos os presentes votaram acompanhando o relator do processo. Um parlamentar, sobrinho do prefeito, não estava presente.

Na galeria da Câmara, dezenas de cidadãos acompanhavam a votação e vibravam a cada voto positivo pelo afastamento.

O afastamento tem efeito de 90 dias ou até a conclusão do processo. Dentre diversas acusações, Reginaldo é denunciado por nepotismo, o qual ele admitiu, já que esposa, cunhada, e genro ocupam secretarias na Prefeitura.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

O vice-prefeito Netinho deve assumir novamente a Prefeitura, pela 3ª vez.

Pedro Callado

Polícia Militar desarticula quadrilha suspeita de tráfico e apreende armas e maconha em Santa Rita

armasA Polícia Militar desarticulou um ponto de venda de drogas, na noite desta sexta-feira (28), na cidade de Santa Rita, e apreendeu com uma quadrilha duas armas de fogo, 300 gramas de maconha, uma balança de precisão, moedas estrangeiras (euro e dólar), documentos falsos e um acessório para consumir ópio (droga asiática para provocar euforia).

Foram presos quatro suspeitos e apreendidos dois adolescentes durante a ação, que começou após policiais do 7º Batalhão receberem uma denúncia de que o bando estava em uma casa na rua Nossa Senhora do Rosário, no bairro Popular, conforme informou o sargento Valcir de Araújo.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

“Nossa guarnição foi orientada pela coordenadoria de inteligência da Polícia Militar para ir até a casa, pois tinha chegado uma denúncia de que os suspeitos estavam armados nesta residência, onde funcionava como ponto de venda de drogas. Quando chegamos lá, cercamos o local e do lado de fora prendemos um deles armado e dentro da casa flagramos o restante com o material apreendido”, detalhou o policial.

Os presos Ronie de Souza Silva, de 24 anos; Josenildo Amâncio Rosas, de 19; Joalisson da Cruz Silva, 19; Felipe de Almeida Maciel, 19 anos; além dos dois adolescentes de 17 anos foram levados, juntamente com o material apreendido, para a 6ª Delegacia Distrital, em Santa Rita.

Os seis foram autuados por tráfico de drogas, porte ilegal de arma, falsidade ideológica e formação de quadrilha. Eles estão à disposição da Justiça.

Secom-PB

Idosa é presa acusada de chefiar boca de fumo em Sta Rita

idosaA idosa Maria Eunice Miranda, 63 anos, foi presa na madrugada desta quarta-feira (12) acusada de comandar uma boca de fumo na Comunidade do Onze, bairro Alto das Populares, em Santa Rita, região metropolitana de João Pessoa. Um jovem de 20 anos foi preso por está portando uma arma de fogo.
Com a idosa foram apreendidas oito pedras de crack escondida em seus seios além de um pacote de maconha que a mulher estava sentada em cima. Uma motocicleta roubada e três celulares também foram apreendidos pela Polícia.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

As prisões aconteceram após policiais militares do 7º Batalhão receberem informações do funcionamento de ponto de venda de drogas no local. Após abordagem a droga foi descoberta. A Polícia acredita que a moto seria utilizada para praticar assalto.

No momento, outras pessoas, entre elas um adolescente, foram detidas, mas segundo o delegado de plantonista da 6ª Delegacia Distrital, José Guedes Sobrinho, foram liberados por não ser comprovada a participação deles com crimes.

Hoje pela manhã, Maria Eunice Miranda e o jovem Elenildo Miranda da Silva foram levados para fazerem exame de corpo de delito no Instituto para de Policia Científica (IPC) e posteriormente encaminhados para presídios da Grande João Pessoa.

MaisPB

Cantor de arrocha não estuprou irmãs em Santa Rita, revela laudo do IPC

cristiano silvaO Instituto de Polícia Científica (IPC) de João Pessoa divulgou nesta quinta-feira (16) o resultado do exame de material genético colhido no cantor de música brega Cristiano Vasconcellos Silva, 36 anos, preso em dezembro do ano passado, suspeito de ter estuprado duas irmãs de 12 e 14 anos, em Santa Rita, região metropolitana de João Pessoa. Segundo a advogada de defesa, Laura Almeida, o resultado deu negativo e comprovou que ele não estuprou as irmãs.

“Foram feitos dois exames. Um confirmou que as irmãs foram abusadas e o resultado do outro – onde o cantor era acusado do estupro – deu negativo. O material colhido da gengiva dele e das partes íntimas das garotas não deu compatível. Isso prova que o Cristiano Vasconcellos não estuprou as irmãs, como sempre afirmou. O exame só veio comprovar que ele é inocente”, comemorou a advogada.

Segundo o delegado seccional de Santa Rita, Everaldo Medeiros, a Polícia Civil deve enviar ainda nesta quinta à Justiça, o laudo que analisou o sêmen colhido no corpo de uma das garotas vítimas de estupro.

À época, Everaldo Medeiros disse ao Portal Correio, que as meninas e o menor, que estava com ela, entraram em estado de choque ao avistar o cantor na sala de reconhecimento da delegacia e confirmaram, de forma veemente, que Cristiano Vasconcellos teria sido o autor do estupro.

Ainda de acordo com o delegado, “a prova genética se caracteriza como um novo elemento substancial e concreto que pode gerar um novo entendimento do juiz sobre o caso, resultando na concessão ou não de liberdade ao suspeito”, finalizou.

A advogada Laura Almeida revelou que vai requerer a liberdade do seu cliente, tendo em vista, que foi considerado inocente do estupro. “Vou imediatamente solicitar que o meu cliente deixe o presídio, através de habeas corpus. Já estou de posse do documento para entregar à 5ª Vara Mista de Juizado de Santa Rita”.

Cristiano Vasconcellos Silva está detido em uma das celas do Presídio Padrão de Santa Rita, desde que teve sua prisão preventiva decretada. “Apesar de estar preso, ele foi bem tratado pelos outros presos, que acreditavam na inocência dele”, disse a advogada.

Portal Correio