Arquivo da tag: Ricardo Marcelo

Ricardo Marcelo defende consenso no PMDB ou vai partir para outra legenda

(Foto: Walla Santos)
(Foto: Walla Santos)

O deputado estadual Ricardo Marcelo confirmou que permanece no PMDB e que por hora não pretende sair do partido. Entretanto, o parlamentar disse que se não conseguir resolver as questões internas do partido irá cuidar de outra legenda.

“Por hora não pretendo de forma nenhuma sair do PMDB. Agora, se não conseguir nosso intento, aí sim que vou ter que cuidar de outra legenda”, disse o deputado.

O intento ao qual Ricardo Marcelo se refere é a união do partido. Na visão do deputado, o partido precisa ter um consenso e que a questão de ter a bancada dividida, com dois deputados na oposição e dois na situação precisa ser resolvida.

“Aqui mesmo temos a divisão do partido. Quatro deputados, a divisão com dois de um lado e dois de outro. Então essas coisas têm que ser resolvidas. Tem que ter um consenso”, disse Ricardo Marcelo.

O deputado, que é oposição ao governo, disse que ainda não sabe se o PMDB continuará na oposição. Ele defende que, na reunião da executiva marcada para os meados de fevereiro, seja definido um consenso. Caso não haja um consenso, o deputado procurará outra legenda.

clickpb

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

Ricardo Marcelo confirma apoio a reeleição de Edgard e diz que Cris continuará ao lado do povo

Ricardo-e-Cris“Há tempo para tudo na vida. Há tempo de avançar e tempo de recuar. De prosseguir e de parar. De agir e de esperar”.

Utilizando o livro bíblico de Eclesiástico, o deputado estadual Ricardo Marcelo (PMDB) falou pela primeira vez sobre a retirada do nome de sua esposa Crisneildes Rodrigues (PTB) da disputa municipal em Belém (PB).

Na entrevista concedida a Rua Nova 87,9 FM de Belém (PB), o parlamentar deixou claro que realizou pelo menos cinco pesquisas de consumo interno para nortear sua decisão.

Ricardo reiterou a capacidade de gerenciamento de dona Cris e a sua forte aceitação popular, mas ao final, prevaleceu a humildade dela que preferiu somar para Belém (PB) ganhar mais e não criar conflitos em detrimento dos que mais precisam. “Dona Cris continuará dedicada aos projetos sociais que beneficiam crianças e adolescentes de Belém (PB), sua política social não será interrompida, o futuro e o povo dirão se um dia ela disputará cargo eletivo, desta vez apoiaremos os amigos”, lembrou.

“Ao final das consultas internas percebemos uma tendência clara do nosso eleitorado de acompanhar o atual prefeito Edgar Gama (PSB) e o verdadeiro líder é aquele que não impõe ao povo sua vontade e sim o escuta e com ele decide”, frisou Ricardo Marcelo.

O deputado filho de Belém (PB), esclareceu que não fez exigências pessoais ao prefeito, apenas pontuou áreas que podem avançar mais, como educação, saúde e ação social.

“Nossa aliança é de trabalho e desenvolvimento e sei que para melhorar a administração municipal, diante de uma crise nacional tão forte, precisamos dar as mãos e para isso Edgard contará com minha modesta colaboração”, reforçou Marcelo.

Sobre a indicação do ex-vereador Severino Porpino, o popular Bau, para vice de Edgard, Ricardo alegou que é um nome que tem passado limpo e coerente, é paciente e sabe conviver com os diferentes.

Rafael San

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Gestão de Ricardo Marcelo na Assembleia é lembrada como referência para Belém

Ricardo-e-CrisO Tribunal de Contas do Estado da Paraíba aprovou, nesta quarta-feira (24), a prestação de contas da Assembleia Legislativa exercício 2011, quando o órgão estava sob o comando do deputado estadual Ricardo Marcelo.

O fato foi comemorado por correligionários e amigos do parlamentar na cidade de Belém, sua terra natal.

Para a vice-prefeita de Belém, Betânia Barros (PCdoB), o parecer do TCE/PB representa a responsabilidade e o compromisso com o dinheiro público. Betânia parabenizou Ricardo Marcelo.

O vereador Júnior Porpino (PSB) cumprimentou o ex-presidente da Assembleia Legislativa destacando sua seriedade e criatividade. Para Júnior, Ricardo é um dos orgulhos de Belém.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

O vereador Betinho Barros (PCdoB) utilizou as redes sociais e afirmou: “enquanto isso as contas do nosso prefeito atual foram reprovadas 2013 e 2014. É uma administração assim que Belém está precisando, com coerência e responsabilidade sem colocar a mão no dinheiro do povo”.

O deputado Ricardo Marcelo é casado com Crisneildes Rodrigues (PTB), um dos nomes cotados para a disputa municipal em Belém.

Rafael San

Deputado denuncia existência de “pacote de maldades” deixado pela gestão de Ricardo Marcelo na ALPB

bubaAutor do projeto que derrubou o Orçamento Impositivo aprovado no fim de 2014 na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), o deputado estadual Buba Germano, do PSB, lamentou que no final da legislatura passada projetos, segundo ele, inconstitucionais tenham sido aprovados. O deputado citou o orçamento impositivo e disse que a oposição aproveitou a oportunidade em ser maioria para aprova-lo. “Na Paraíba foi feito um pacote de maldade no final do exercício da legislatura. Saíram aprovando o que queriam”, afirmou o deputado.

O Plenário ALPB revogou, na última quarta-feira (22), a Lei nº 10.373, de 16 de dezembro de 2014, que tratava sobre o orçamento impositivo. Os deputados aprovaram o PL 56/2015, de propositura do deputado Buba Germa(PSB), que anula a imposição no orçamento.

O orçamento impositivo, em vigor desde dezembro de 2014, tornava todo o orçamento do Governo do Estado impositivo, incluindo um artigo imputando crime de responsabilidade caso o Governador não cumprisse. “Hoje corrigimos, definitivamente, o orçamento da Paraíba para 2015”, disse o deputado.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

Com a decisão dos deputados, o governador não estará mais obrigado a executar emendas de parlamentares no orçamento.

PB Agora

Ricardo Marcelo vai protocolar pedido de licença de 120 dias da ALPB até sexta-feira

Ricardo-MarceloO deputado estadual Ricardo Marcelo (PEN), ex-presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), vai mesmo se licenciar do cargo por 120 dias. Ele pretende protocolizar o pedido, na Casa de Epitácio Pessoa, até a próxima sexta-feira (6). O fato era tido até então como especulação da imprensa, mas foi confirmado ao WSCOM Online por uma fonte ligada ao parlamentar.

O deputado deve se licenciar para descansar, tratar da saúde e cuidar de assuntos particulares.

Ricardo Marcelo não tem sido visto na Casa de Epitácio Pessoa desde a derrota para o atual presidente da ALPB, Adriano Galdino (PSB), por dois votos de diferença, na última eleição da mesa diretora.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

A informação de que Ricardo Marcelo iria se licenciar já tinha sido confirmada pelo deputado Antonio Mineral (PSDB), primeiro suplente na linha de sucessão da coligação. “Vou assumir a vaga do ex-presidente Ricardo Marcelo por 121 dias. Ele já comunicou que vai se licenciar do mandato nos próximos dias”, disse o tucano em entrevista à imprensa paraibana.

WSCOM Online

Após perda de prestígio, Ricardo Marcelo fica com pior gabinete da Assembleia Legislativa

ricardo-marceloApós mais de quatro anos ocupando o melhor gabinete da Assembleia Legislativa da Paraíba, o ex-presidente da Casa, Ricardo Marcelo (PEN), recebeu agora o pior gabinete dentre os 36 alojamentos dos parlamentares da ALPB.

Sem mais nenhum prestígio que o cargo de presidente lhe confere, Ricardo Marcelo ficou com o pior gabinete da AL. A sala fica perto da garagem e nem o banheiro está funcionando.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

O gabinete que RM desejava era o mesmo que tinha antes de ser presidente e que estava com Gilma Germano. Agora perence ao o deputado Genival Matias (PT do B).

No começo do mês outro parlamentar que passou por “maus bocados” foi o deputado Tovar Correa (PSDB). Ele tinha a garantia de que se instalaria em um dado gabinete, mas ao chegar no local se deparou com o colega João Bosco Carneiro (PSL) já instalado.

Assim como Tovar, Ricardo Marcelo também é da bancada que fez oposição à nova Mesa Diretora da ALPB. Por outro lado, os deputados governistas, estariam tendo outro tratamento.

Segundo informações publicadas na Coluna de Laerte Siqueira, governistas e deputados de oposição estão engasgados com o tratamento que o colega Edmilson Soares (PEN) está recebendo. De acordo com muitos insatisfeitos, ele tem o gabinete mais caro do parlamento. É mais “rico”, inclusive, que o do presidente. O custo, segundo os parlamentares, chega a R$ 400 mil. Edmilson foi vice-presidente do parlamento na legislatura passada e teria apoiado Galdino com a condição de não ter seus benefícios de vice cortados. Está gerando ciumeira geral.

PBAgora

Raniery Paulino evita fazer prognóstico, mas se diz confiante na vitória de Ricardo Marcelo

DEPUTADO-RANIERYO deputado estadual Raniery Paulino do PMDB evitou fazer prognóstico sobre a eleição da Mesa Diretora,  mas se disse confiante na vitória de Ricardo Marcelo.

Raniery é do PMDB, cujo partido compõe a chapa do segundo biênio com Gervásio Maia presidente, mas manteve o compromisso de voto no atual presidente.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Ricardo Marcelo do PEN e Adriano Galdino do PSB disputam a presidência da Casa Epitácio Pessoa em sessão que começou há pouco.

Marcos Weric

Raniery Paulino será vice na chapa de Ricardo Marcelo para presidente da Assembleia

DEPUTADO-RANIERYO deputado estadual Raniery Paulino (PMDB) será o vice na chapa de reeleição de Ricardo Marcelo (PEN) para presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba.

A escolha não foi divulgada ainda e o parlamentar será apresentado de surpresa no próximo domingo (1), quando acontecerá a eleição da mesa da Casa.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Com a decisão, Raniery Paulino concorrerá diretamente com o seu companheiro de partido, Gervásio Maia, que disputará a vice na chapa de Adriano Galdino (PSB).

A bancada peemedebista, que possui quatro parlamentares, estará divida por igual na Casa. Trócolli Júnior também ficará com Ricardo Marcelo. Já Nabor Wanderley seguirá Galdino.

Roberto Targino – MaisPB

Após Galdino pedir neutralidade, Cássio declara que bancada tucana apoiará candidatura de Ricardo Marcelo

cassio-e-camilaApesar dos deputados do PSDB reiteradamente afirmarem que Cássio não vai se envolver diretamente na disputa pela presidência da Assembleia Legislativa, o próprio senador, durante evento na manhã desta segunda-feira (26), teria dito, ao próprio Adriano Galdino, que a bancada tucana na ALPB deverá votar em Ricardo Marcelo.

Cássio revelou que durante o encontro com o deputado socialista, teria lembrado da amizade que há entre eles há mais de trinta anos, mas que a escolha era política, e não pessoal.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Para Cássio, não faria sentido apoiar a candidatura de Galdino. “Nada contra você, Adriano, mas não faz sentido o PSDB, que é oposição, votar na candidatura apoiada pelo governo”, declarou Cássio.

Galdino teria ido até Cássio para pedir que o senador não se envolvesse com a eleição do legislativo.

Na semana passada, a deputada Camila Toscano (PSDB) afirmou que Cássio não estava se envolvendo nas decisões da bancada tucana na ALPB. “Ele não interviu com relação aos nomes que podemos apoiar ou não. Ele deixou esta decisão para a bancada e respeitou a nossa opção. O que é certo é que vamos votar em bloco”, declarou a deputada, contrariando as declarações de Cássio, que confirmou seu envolvimento no processo em favor de Ricardo Marcelo.

 

paraiba.com.br

Deputado novato compra briga de Ricardo Marcelo e fica numa situação difícil na Assembleia Legislativa

renatoAs constates posições do deputado novato Renato Gadelha (PSC) que comprou a briga da oposição e anunciou recorrer na Justiça contra a unificações de eleições na Assembleia Legislativa não foi bem digerida pelo principal concorrente do presidente Ricardo Marcelo (PEN), o socialista Adriano Galdino que conta com o apoio do Pálácio da Redenção na disputa.

Galdino que não é de ter papas na língua, partiu para confronto verbal e mandou um recado para o representante de Sousa na Casa de Epitácio Pessoa. Galdino disse que é legal a realização de duas eleições no mesmo dia:

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook
“Claro que é permitida. Eu vou ensinar ao deputado Renato Gadelha que uma frase que é praxe e que é lei maior na Assembleia é que o plenário é soberano. Tudo aquilo que o plenário decide, inclusive mudanças no regimento, é válido. Então o plenário vai decidir, e decidindo, é lei, tem validade”, alfinetou Galdino demonstrando convicção que no dia 1º de fevereiro Renato Gadelha terá que engolir cada palavra.

O socialista que tem Gervazio Maia Filho (PMDB) como companheiro no biênio 2017-2018 defendeu uma novos ares na Assembleia Legislativa.

“O que acontecia antes era antecipar a eleição para que o presidente que estava no cargo se perpetuasse no poder. Estamos fazendo diferente. Estamos querendo promover a renovação, a alternância de poder, que é uma coisa que a ALPB precisa fazer há um bom tempo”, disparou, Assim como Tião Gomes (PSL) e Lindolfo Pires (DEM) não são digeridos pelo presidente Ricardo Marcelo, o grupo de Adriano Galdino já escolheu o seu primeiro algoz: Renato Gadelha.


PB Agora