Arquivo da tag: Regional

Técnicos e engenheiros do Estado realizaram inspeção no Matadouro Público Regional de Solânea

Os profissionais avaliaram as necessidades estruturais de adequação para posterior abertura do matadouro.

Na manhã dessa terça-feira (16) técnicos da Superintendência de Obras do Plano de Desenvolvimento do Estado (Suplan) e da Secretária de Defesa Agropecuária da Paraíba realizaram uma visita de inspeção ao Matadouro Público Regional de Solânea. O objetivo da visita foi realizar um levantamento e fazer o diagnóstico estrutural do matadouro para instalação dos equipamentos.

Estiveram presentes todo corpo técnico de engenheiros da Suplan e médicos veterinários da defesa agropecuária que juntos avaliaram como estão as instalações elétricas, hidráulicas, acomodações dos animais, currais, lagoas de tratamento e baías para inspeção dos animais. O prefeito de Solânea Kayser Rocha e o Secretário de Agricultura Késsio Furtado acompanharam a visita. “Os técnicos e engenheiros realizaram o levantamento e diagnósticos para iniciar o processo de adequações e modificações. Depois disso, iremos receber os equipamentos. O processo está bem adiantado e o objetivo é preparar o matadouro para receber os equipamentos e  posteriormente iniciar o funcionamento”, contou o prefeito de Solânea, Kayser Rocha, durante a visita.

         

 Assessoria de Comunicação

 

Tião Gomes solicita ao governo conclusão das obras do Matadouro Regional no Brejo paraibano

O deputado estadual Tião Gomes (Avante) se reuniu na manhã desta segunda-feira (1º), em João Pessoa, com o secretário de Infraestrutura e Recursos Hídricos do Estado, Deusdete Queiroga, para pedir celeridade na conclusão das obras do Matadouro Público Regional do município de Solânea. O parlamentar destacou que a reunião foi positiva e confirmou que o Governo Estadual liberou os recursos para finalizar no prazo de 60 dias a obra, devido à necessidade dos munícipes e comércio local.

O encontro de emergência solicitado pelo deputado ocorreu depois que comerciantes o procuraram para relatar os problemas gerados e o impacto financeiro provocado depois que a justiça acatou o pedido do Ministério Público da Paraíba (MPPB) e determinou na quinta-feira (27), a suspensão imediata das atividades no matadouro que funciona de forma irregular no Sítio Chã do Carro, zona rural do município de Bananeiras.

Na sentença, o juiz Jailson Suassuna argumentou que o direito à vida e à saúde, ameaçados com o funcionamento de um matadouro que desatende a legislação, devem se sobrepor a qualquer outro direito.

Tião Gomes explicou que com o fechamento do matadouro, cidades da região ficaram prejudicadas tendo em vista que o local abastecia as feiras livres dos municípios vizinhos a exemplo de Solânea.

“Participei de uma reunião muito produtiva com o secretário Deusdete Queiroga e pedi a ele urgência por parte do governo para a conclusão das obras do Matadouro regional em Solânea. As obras estão 90% concluídas. A interdição do matadouro de Bananeiras por parte da justiça prejudicou o comércio de carne de Solânea e de outras cidades vizinhas. Os feirantes não podem sair no prejuízo e, portanto, tive a iniciativa de correr atrás e ter respostas positivas do Governo que nos garantiu concentrar esforços para que no prazo de 60 dias, as obras do matadouro da região sejam concluídas”, afirmou o parlamentar.

O deputado disse ainda que quando inaugurado, o Matadouro Regional irá atender não só o município de Solânea, como também Bananeiras, Arara, Casserengue, Serraria e Borborema.

“O impacto social da conclusão dessa obra, é, sem sombra de dúvida gigantesca, para esses municípios. Esse matadouro será idêntico aos que o Governo está construindo em Itaporanga e Mari, ou seja, de grande porte e excelente estrutura”, finalizou o deputado.

 

Assessoria

 

 

Barragem que abastece 6 municípios no Regional Brejo volta a sangrar; já Canafístula II pode entrar em colapso total

Com as chuvas na última semana, a barragem de São Salvador, localizada na cidade de Sapé, que tem capacidade de armazenar 12 milhões de metros cúbicos de água, voltou a sangrar neste final de semana. A sangria havia parado no mês passado e com a ocorrência de novas chuvas, sangra pela segunda vez no ano.

A barragem atende os municípios de Sapé, Sobrado, Mari, Mulungu, Gurinhém e Cajá/Caldas Brandão.

Enquanto já tem barragem sangrando, várias cidades do Regional do Brejo, segundo a Cagepa, estão em regime de racionamento e correm o risco de colapso se não houver recarga em barragens.

As cidades de Bananeiras, Solânea, Araruna e Cacimba de Dentro, abastecidas pela barragem de Canafístula 2, que encontra-se com pouco mais de 5% de sua capacidade, estão submetidas a racionamento, algumas delas tendo água somente três dias a cada duas semanas.

Belém, Caiçara, Logradouro, Pirpirituba, Sertãozinho, Duas Estradas, Serra da Raiz e Lagoa de Dentro, também estão em racionamento.

Ainda na região, as cidades de Dona Inês, Tacima, Riachão e Damião estão em colapso e são abastecidas através de carros pipa. A barragem de Jandaia, que atende os municípios, secou e ainda não recebeu recarga suficiente para voltar a operar.

Veja o vídeo

portal25horas

 

 

Homem morre com suspeita de H1N1 no Hospital Regional de Sousa, no Sertão da PB

O homem de 59 anos que estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Regional de Sousa, no Sertão da Paraíba, com suspeita de H1N1, morreu nesta terça-feira (11), de acordo com a Secretaria de Estado da Saúde (SES). Ele foi transferido para a instituição no domingo (9), após ser atendido em uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

A direção do hospital havia informado, na segunda-feira (10), que ele deu entrada na unidade com um quadro gripal, tosse, dificuldade intensa de respirar e fraqueza. Ainda na UPA, foi coletado material do paciente e enviado para o Laboratório Central do Estado (Lacen), para investigação do caso.

A SES declarou que a morte foi causada pela evolução do quadro do paciente e que a suspeita de H1N1 só poderá ser confirmada ou descartada com o resultado dos exames, que devem ser obtidos dentro de 15 dias.

A esposa dele, cujo caso também tem suspeita de H1N1, segue internada, em tratamento, com um estado de saúde considerado estável, segundo a SES.

G1

 

Tribunal Regional Eleitoral cancela cerca de 120 mil títulos na Paraíba

Cerca de 120 mil eleitores na Paraíba tiveram seus títulos cancelados desde essa segunda-feira (22) porque não fizeram o recadastramento biométrico em 2017. A informação foi divulgada, nesta terça-feira (23), durante entrevista coletiva no Tribunal Regional Eleitoral.

De acordo André Soares Cavalcanti, diretor-geral do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba,  os eleitores que tiveram os títulos cancelados devem tirar novo documento até o dia 9 de maio para poder votar nas eleições 2018.

Entretanto, quem faz  parte das 14 zonas que foram extintas por causa do rezoneamento só devem procurar a Justiça Eleitoral a partir do dia 8 de fevereiro quando os postos voltam ao funcionamento.

“Ele não vai poder fazer aquelas atualizações no cadastro como alistamento, transferência e revisão. Ele vai poder fazer a partir do dia oito de fevereiro quando a gente regularizar o atendimento”, afirmou.

Confira vídeo

Roberto Targino e Bruno Lira MaisPB

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Conselho Regional de Medicina vai investigar licenças de deputados na Paraíba

O presidente do Conselho Regional de Medicina da Paraíba (CRM-PB), o médico João Medeiros (foto), revelou durante entrevista nesta segunda-feira (14), que vai investigar atestados e licenças médicas concedidas a deputados na Paraíba.

Segundo ele, há deputados que usam atestados para se afastar da assembleia por questões políticas e não de saúde.

– Vamos investigar a emissão desses atestados para conversar e ver a necessidade desses atestados. Vamos avaliar com detalhes para que possamos fazer um juízo de valor. O que nos chamou atenção é que essas licenças parecem ser mais conveniências políticas. São sempre 120 dias. O atestado médico é uma coisa séria – salientou.

As declarações repercutiram na Rádio Campina FM

paraibaonline

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Presídio Regional de Campina Grande está superlotado, diz relatório do Siop

(Foto: Delmiro Nóbrega/Arquivo Pessoal)
(Foto: Delmiro Nóbrega/Arquivo Pessoal)

O Presídio Regional Raymundo Asfora, em Campina Grande, está com três vezes mais presos do que suporta. A unidade prisional, mais conhecido como Serrotão, comporta oficialmente 300 presos, mas tem uma população carcerária de 900 apenados atualmente. Os dados são de um levantamento feito pelo Setor de Inteligência de Operações (Siop) e divulgado na noite de segunda-feira (2).

De janeiro a dezembro, a penitenciária registrou a apreensão de 1.338 acessórios de aparelhos celulares, como baterias, fones, chips e carregadores, além de 284 materiais perfurocortantes, como facas, facões e espetos. Também foram encontrados 72 kg de maconha e 1 kg de cocaína foram encontrados dentro da unidade prisional no ano passado.

Apesar da superlotação expressiva, o levantamento aponta que em 2016 não houve registros de nenhuma fuga ou rebelião no presídio. Ainda conforme o estudo, as medidas preventivas, aliadas aos procedimentos de pente fino, realizadas pelos agentes penitenciários em parceria com a Polícia Militar, resultaram na apreensão de mais de 500 aparelhos celulares no ano passado.

Para o diretor do Presídio Regional de Campina Grande, Delmiro Nóbrega os números apresentados pelo estudo merecem ser comemorados. “Considero que foi um ano muito positivo, pois não houve registro nem de fuga e nem de rebelião. E com procedimentos constantes de fiscalização que resultou no saldo de apreensões expressivo. Além da realização de diversos projetos de ressocialização. Fruto de muito trabalho da equipe da unidade” avaliou.

G1 PB

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

Alcione Beltrão deve assumir direção do Hospital Regional de Guarabira

alcioneA prefeita da cidade de Alagoinha, Alcione Beltrão (PSB), deve assumir a direção do Hospital Regional de Guarabira, no brejo paraibano.

Alcione teria recebido o convite do governador Ricardo Coutinho para ocupar o cargo logo após deixar o mandato que encerra no dia 31 de dezembro.

De acordo com a imprensa local, Alcione  teria aceito o convite. Alcione Beltrão é formada em odontologia e antes de ingressar na política exerceu a profissão por muito tempo.

Com Alcione Beltrão estando à frente da direção do Hospital Regional de Guarabira, o atual diretor Cleonaldo Freire deverá exercer uma outra função.

MaisPB

com Portal Independente

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Tribunal Regional Eleitoral não acata apelo de juíza e indefere pedido de tropas federais para Mari

treO Tribunal Regional Eleitoral negou, nesta quinta-feira (29), pedido de tropas federais para a cidade de Mari, na Zona da Mata paraibana.

O pedido foi feito pela juíza e a promotora da 4ª Zona Eleitoral na cidade de Sapé após o prefeito e candidato a reeleição, Marcos Martins (PSB), alegar que sofreu tentativa de assassinato a faca.

Tanto o relator da matéria como o membro do Ministério Público entenderam que a Polícia Militar, Civil e Federal teriam condições para manter a segurança e a ordem na cidade.

Além do mais, a corte considerou tardia uma solicitação para o pleito do próximo domingo (2). Todos os membros da corte acompanharam o relator.

MaisPB

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Tribunal Regional Eleitoral aprova resolução da revisão biométrica

biometriaO Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB) aprovou, em 27/08, a Resolução nº10/2015, que regulamenta a revisão do eleitorado com coleta de dados biométricos em noventa e oito municípios do estado, a saber: Alagoa Nova, Alcantil, Algodão de Jandaíra, Amparo, Aparecida, Araçagi, Areia de Baraúnas, Areial, Assunção, Bananeiras, Barra de Santana, Barra de São Miguel, Bayeux, Boa Ventura, Boqueirão, Borborema, Cabaceiras, Cacimba de Areia, Cacimbas, Cajazeirinhas, Camalaú, Caraúbas, Caturité, Congo, Coxixola, Cubati, Cuitegi, Curral de Cima, Curral Velho, Desterro, Diamante, Dona Inês, Esperança, Guarabira, Gurjão, Imaculada, Itaporanga, Jacaraú, Juazeirinho, Junco do Seridó, Lagoa de Dentro, Lagoa, Lastro, Livramento, Lucena, Mãe d’Água, Marizópolis, Matinhas, Maturéia, Montadas, Monteiro, Nazarezinho, Olivedos, Parari, Passagem, Patos, Paulista, Pedra Branca, Pedro Régis, Pilões, Pilõezinhos, Pombal, Quixaba, Remígio, Riacho de Santo Antônio, Salgadinho, Santa Cruz, Santa Luzia, Santa Rita, Santa Terezinha, Santo André, São Bentinho, São Domingos de Pombal, São Domingos do Cariri, São Francisco, São João do Cariri, São José do Tigre, São José da Lagoa Tapada, São José de Caiana, São José de Espinharas, São José do Bonfim, São José do Sabugi, São José dos Cordeiros, São Mamede, São Sebastião de Lagoa de Roça, São Sebastião do Umbuzeiro, São Vicente do Seridó, Serra Branca, Serra Grande, Soledade, Sousa, Sumé, Taperoá, Teixeira, Tenório, Várzea, Vieirópolis e Zabelê.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

A decisão considera, entre outros itens, o que disciplina o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) como sendo procedimentos para a realização da atualização ordinária do cadastro eleitoral com implementação de nova sistemática de identificação do eleitor.

A Resolução, encaminhada à publicação, determina a obrigatoriedade aos eleitores, em situação regular ou liberada, inscritos nas localidades envolvidas ou para elas movimentados.

Os eleitores deverão apresentar, no ato da revisão, a seguinte documentação: carteira de identidade ou carteira emitida pelos órgãos criados por lei federal, controladores do exercício profissional; certificado de quitação do serviço militar (para os do sexo masculino com idade entre 18 e 45 anos); certidão de nascimento ou casamento, extraída do Registro Civil; instrumento público pelo qual se comprove ter o eleitor idade igual ou superior a 16 (dezesseis) anos, e do qual constem, também, os demais elementos necessários à sua qualificação; e documento do qual se infira a nacionalidade brasileira do requerente.

No momento da atualização dos dados, o eleitor será fotografado e serão colhidas as impressões digitais dos dez dedos por meio de leitor óptico, ressalvada a impossibilidade física, além de ser tomada a assinatura digitalizada.

 

Iparaiba