Arquivo da tag: região

Vigilante é executado com vários tiros em feira livre na região do Curimataú

O vigilante Hélder Aleixo Alves de Sena, mais conhecido como “Dedê”, foi executado com vários de revólver, calibre 38, e de pistola, quando trabalhava como segurança na Feira Livre do município de Cuité, na região do Curimataú paraibano. O crime aconteceu próximo ao Hotel Serrano, na manhã desta segunda-feira (13).

Testemunhas, que estavam na feira, contaram que o vigilante foi surpreendido por dois homens, armados, em uma moto Pop100. Um deles já chegou com uma pistola na mão e tentou disparar contra a vítima, quando a arma teria falhado.

Feira livre de Cuité Foto: Flávio Fernandes

De acordo com as testemunhas, “Dedê” tirou uma faca peixeira da cintura para tentar se defender, mas foi atingido pelo mesmo homem que usou, dessa vez, um revólver. O vigilante ainda tentou correr e foi alvejado também por tiros de pistola.

Hélder Aleixo não resistiu a gravidade dos ferimentos e morreu no local. A dupla fugiu e até o momento não foi identificada pela polícia que investiga o caso.

Paulo de Pádua/Flávio Fernandes

 

 

Apagão deixa Campina Grande e região sem luz e água

Um apagão deixou Campina Grande e cidades da região sem energia por pelo menos uma hora na noite dessa sexta-feira (27). Segundo apuração da TV Correio, o fornecimento já está normal.

A Energisa informou à TV Correio que um cabo teria se rompido e provocado a interrupção no abastecimento de energia. As causas do problema ainda são investigadas pela concessionária.

A falta de energia também provocou problemas no abastecimento de água na região. A Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa) disse à TV Correio que está trabalhando para que o fornecimento de água seja normalizado gradativamente a partir das 18h deste sábado (28).

 

(Foto: Arquivo/Jornal CORREIO)

portalcorreio

 

 

AFINK e parceiros desenvolvem ações para promover um Natal solidário para a população carente de Araruna e região

Desde o último dia 15 de novembro diversas entidades não governamentais, a exemplo dos bombeiros civis de Araruna (Araras Negras), realizam uma força tarefa na arrecadação de alimentos não perecíveis.

As ações ocorrem em Araruna e diversas cidades da região, o objetivo é proporcionar um natal diferente para diversas famílias que vivem em extrema carência.

Muitos tem acolhido de forma satisfatória os voluntários que estão realizando visitas e efetuando esse trabalho especial e isto é mais clara realidade de que a nossa gente se preocupa com o bem-estar do próximo.




Por: Marcos Lima

 

 

Dupla é detida suspeita de vários roubos na região de Bananeiras, no Brejo paraibano

A Polícia Militar prendeu um homem de 24 anos e apreendeu um adolescente de 17 anos na sexta-feira (11), suspeitos de praticarem diversos roubos na região de Bananeiras, no Brejo da Paraíba. A ação foi resultado de denúncias anônimas.

Ricardo dos Santos Salustino e o adolescente foram localizados no Distrito de Roma.

Com eles, os policiais da Força Tática da 7ª CIPM, apreenderam uma espingarda de calibre indefinido e uma moto Yamaha YBR, cor verde e placa KIT-7641/PE.

Segundo a polícia, imagens de câmeras de segurança flagraram os indivíduos com as mesmas características durante as práticas criminosas.

Eles utilizaram a moto, arma e vestimentas para render os frentistas de um posto de combustíveis e praticar o assalto.

Os dois suspeitos foram encaminhados a Delegacia de Polícia de Solânea para as providências cabíveis.

Eles vão responder por roubo e porte ilegal de arma de fogo, segundo a polícia.

 

ROTA DA NOTÍCIA

 

 

Por falta de sala, população pode ficar sem atendimento da Defensoria Pública em Araruna e Região

Centenas de pessoas carentes assistidas mensalmente pela Defensoria Pública na Comarca de Araruna oriundas ainda de cidades vizinhas, a exemplo de Tacima e Riachão, poderão ficar a partir desta semana sem o atendimento e a assistência judiciária gratuita prestada pela Instituição.

“Na última quarta-feira, a juíza-diretora do Fórum, Cláudia de Farias Queiroz nos comunicou oralmente através da gerente Claudineia, que teríamos de desocupar ‘o mais rápido’ possível a sala cedida à DPE-PB”, afirmou, perplexa, a defensora pública que atua na Comarca, Valéria Fonsêca.

Ela externou sua preocupação com as consequências da medida, pois devido às limitações orçamentárias que a Defensoria enfrenta e ao seu imediatismo, os maiores prejudicados serão justamente às pessoas pobres na forma de lei, que não podem pagar a um advogado particular.

Esse prejuízo pode ser dimensionado pela crescente demanda diária, que teve de ser limitada a até 20 atendimentos dos mais variados deles, os mais comuns nas áreas penal e de família, como investigação de paternidade, adoção e divórcio. Até o fechamento dessa matéria, a Defensoria Pública da Paraíba não havia sido formalmente informada da referida decisão.

 

 Foto. Fivulgação/Assessoria
Assessoria

 

 

Auditorias regionalizadas facilitam ações do TCE nos municípios e apontam problemas em cada região

Responsável pelo Controle Externo da Administração Pública estadual, o Tribunal de Contas da Paraíba (TCE-PB) tem cumprido sua missão constitucional, não só na condição de órgão orientador e julgador das contas anuais dos gestores municipais, mas também como indutor do desenvolvimento regional. Essa realidade avança na atual gestão do conselheiro Arnóbio Alves Viana, que, logo após sua posse no início do ano, priorizou o Programa de Auditorias Regionalizadas.

Com essa nova sistemática, a Paraíba foi dividida em 10 regiões envolvendo os 223 municípios do Estado, distribuídas por sorteio para os relatores, que são os conselheiros. Eles ficarão responsáveis pelos agrupamentos de processos da região, referentes a cada municipalidade durante o biênio 2019/2020.

A idéia das auditorias regionalizadas, segundo o conselheiro Arnóbio Alves Viana, presidente do TCE, facilita o trabalho de acompanhamento da Corte de Contas, não só no que se refere à fiscalização, mas também busca detectar os problemas regionais, que em muitas vezes atingem vários municípios. “Os relatores dos processos e a própria Auditoria terão acesso a situações que abrangem toda a região” frisou ele.

O conselheiro explica ainda que o propósito das Auditorias Regionalizadas possibilita a cada relator e sua equipe própria de auditores fazer o exame das contas de determinado bloco de prefeituras, incluídas nas dez regiões do Estado, ou seja, cada equipe da Auditoria terá conhecimento mais detalhado e imediato dos problemas que neste setor afetam os municípios da região sob seus cuidados.

Essa realidade permite, durante o acompanhamento da gestão, ações mais rápidas e racionais. O trabalho do Tribunal ganha decorre com mais agilidade, beneficiado também com os painéis eletrônicos criados pelo TCE para identificar questões referentes à evolução das despesas, das despesas, quadro de pessoal, obras públicas, preços de combustíveis e transparência.

O último painel de acompanhamento da gestão lançado pelo TCE trás informações minuciosas, região por região, sobre dados populacionais, despesas com medicamentos, número de hospitais, postos, equipamentos, quadro de médicos e demais setores da área de saúde. ( AQUI )  “A iniciativa acarreta a celeridade processual. As informações já estão regionalmente disponibilizadas, além de beneficiar a sociedade desejosa da pronta interveniência do Tribunal, sempre que for necessário”, observa o conselheiro Arnóbio Viana.

 

 

 Ascom/TCE-PB

 

 

Em carta, governadores do NE traçam metas para desenvolvimento da região; Segurança Hídrica está entre prioridades

Nesta segunda-feira (29), em Salvador, na Bahia, o governador João Azevêdo participou da primeira reunião após a formalização do Consórcio Nordeste (Consórcio Interestadual de Desenvolvimento do Nordeste). Ao lado dos governadores dos demais estado da região, o chefe do Executivo da Paraíba atuou da definição de um plano de trabalho para os próximos meses na áreas da saúde e desenvolvimento econômico.

Participaram do encontro Flávio Dino (MA), Wellington Dias (PI), Izolda Cela (CE), Fátima Bezerra (RN), Paulo Câmara (PE), Luciano Barbosa (AL), Belivaldo Chagas (SE) e Rui Costa (BA).

O Consórcio, de acordo com os governadores, pretende implantar um processo único de compra para os Estados da Região, além de construir uma agenda com o objetivo de adquirir financiamentos de projetos com outros países.

O grupo aproveitou a oportunidade para reivindicar ao Governo Federal a liberação de recursos no valor de R$ 1,1 bilhão do Fundo Nacional de Segurança Pública. O governador João Azevêdo avaliou a reunião como positiva e saiu satisfeito do encontro. “Estabelecemos algumas metas importantes para o funcionamento do Consórcio, que tem o objetivo maior de promover intercâmbios, financiamentos de infraestrutura e padronização de processos e procedimentos nos Estados do Nordeste. Dessa forma, vamos continuar avançando e tenho certeza de que esse Consórcio trará grandes novidades e possibilidades para a Região”, declarou.

Confira abaixo a íntegra da Carta dos Governadores do Nordeste:

 

PB Agora

 

 

4º BPM participa de lançamento de projeto de arborização de cinco cidades da região

Policiais do 4º BPM (Batalhão de Polícia Militar) participaram, na semana passada, do lançamento do projeto “Muda: mude de vida, plante uma árvore!” que será desenvolvido nas cidades de Alagoa Grande, Alagoinha, Mulungu, Juarez Távora e Araçagi, que integram a área do Batalhão, que é um dos parceiros do projeto. A iniciativa, que visa à conscientização e educação ambiental, além da arborização e embelezamento dos municípios da região, através do plantio de ipês e outras árvores ornamentais, também conta com as parcerias da Afink (Associação de Formação e Incentivo para o Nordeste Karente), Poder Judiciário e Ministério Público das Comarcas de Alagoa Grande e Alagoinha, e as Prefeituras Municipais de Alagoa Grande, Alagoinha, Mulungu, Juarez Távora e Araçagi.

Na solenidade compareceram várias autoridades representantes das instituições parceiras, entre eles, o subcomandante do 4º BPM, tenente-coronel Brandão, o comandante e subcomandante da 2ª Companhia, respectivamente capitão Jones e tenente Eslley, o juiz das Comarcas de Alagoa Grande e Alagoinha, José Jackson Guimarães, o prefeito de Mulungu, Melquíades Nascimento, o coordenador do projeto junto a Afink, Luís Carlos, secretários de Educação, Agricultura e Assistência Social dos municipais envolvidos, além de alunos do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos do Município de Araçagi.

Ao final da solenidade, mudas de árvores foram distribuídos entre as pessoas presentes.

Fotos: Gustavo Chaves e cabo Marconi

 

Assessoria 4º BPM

 

 

Operação Tabuleiro prende 06 pessoas por tráfico de drogas e roubos na região de Solânea

Durante Operação integrada das Polícias Civil e Militar da Paraíba, através da 21ª Delegacia Seccional em Solânea, juntamente com Polícia Militar, 7ª CIPM, prenderam 06 pessoas investigadas por tráfico de entorpecente e roubos nas cidades de Solânea, Cacimba de Dentro, Arara e Casserengue, a ação foi realizada na manhã desta sexta-feira (24).

Ainda foi apreendida maconha, crack e cocaína, balança de precisão, 01 revolver cal 32, 01 rifle repetição cal 32, 02 espingardas de fabricação caseira, 02 motocicletas e 05 celulares.

De acordo com a investigação, a “quadrilha” agia com muita violência na prática de assaltos e atuava também na distribuição de droga na região.

Os PRESOS serão encaminhados a cadeia local.

PRESOS NA OPERAÇÃO TABULEIRO:

*JORGE AGNALDO DOS SANTOS SILVA, “Capucho” 23 anos;

*ROBERTO DE OLIVEIRA GOMES, 36 anos;

*JOÃO DANIEL SILVA DE ARAÚJO, 23 anos;

*BRUNA SANTOS DA SILVA, 22 anos;

JOÃO FÁBIO CESÁRIO DA SILVA, 18 anos

*JOÃO DANIEL SILVA ARAÚJO, “PEIXE “, 23 anos;

Errata: Anteriormente o Focando a Notícia informou que Murilo Santos Vicente da Silva, havia sido preso por tráfico. Em contato com nossa equipe o advogado do mesmo informou que Murilo se apresentou apenas para assinar um TCO por estar com uma pequena quantidade de drogas caracterizando-o como usuário e não por tráfico. O FN lamenta o ocorrido informando que publicou a informação baseada nos dados da 21ª Delegacia Seccional.

 

FN com Polícia Civil

 

 

Na região do Brejo, trabalhadores protestam contra a reforma da previdência

Um ato público contra a reforma da previdência e às políticas do governo Bolsonaro, ocorrido na tarde da sexta-feira (26), fez com que pessoas de vários municípios se deslocassem até Belém, região do Brejo paraibano.

Sindicatos rurais e de servidores públicos trouxeram suas caravanas compostas por agricultores familiares, a maioria, e trabalhadores urbanos. Muitos exibiam faixas e cartazes com frases contra a reforma da previdência e pedindo Lula Livre, lidas durante o evento.

Todos se concentraram em frente ao Sindicato dos Trabalhadores Rurais, de onde saíram em caminhada pelas ruas, cantando e gritando palavras de ordem, até chegar a praça central. Neste local, os oradores expuseram as contradições da reforma previdenciária e de outras políticas do governo Bolsonaro; pediram a liberdade do ex-presidente Lula e defenderam a democracia.

Associações de assentamentos de diversas cidades, ADUFPB, CUT, FETAG, SINTRICOM-JP, SINDSERVEM, SINSERMA e SINDAF (Araruna), Secretaria Pastoral da Diocese de Guarabira e Polo da Borborema estiveram representados no ato público regional.

Dirigentes partidários, vereadores, representantes dos deputados federais Frei Anastácio (PT), vereador Nelson Anacleto, e Gervásio Maia (PSB), prefeita Renata Christinne, também marcaram presença.

O ato foi organizado pelos STRs de Guarabira, Belém, Pirpirituba e Bananeiras; Núcleo da Frente Brasil Popular (Guarabira); SINSERTA (Sindicato dos Servidores Públicos de Sertãozinho e Adjacências), e Associação do Assentamento Nossa Senhora das Graças, igualmente de Bananeiras. FETAG E CUT apoiaram a iniciativa.

FOCANDO A NOTÍCIA