Arquivo da tag: rede social

Fugitivo de cadeia publica foto na rede social: ‘só de boa mundão’

Um homem que fugiu da Cadeia Pública de Sumé publicou uma foto em uma rede social comemorando a liberdade. A legenda dizia: “só de boa mundão”.

Hugo Henrique Martins da Silva, conhecido como Huguinho, estava detido na unidade prisional e conseguiu fugir na madrugada do domingo (25), juntamente com outros três detentos. Os fugitivos abriram um buraco em uma das celas.

A fuga só foi percebida durante a contagem de presos na manhã de domingo.

Até o momento nenhum dos fugitivos foi recapturado.

Foto: reprodução

paraiba.com.br

 

 

Padre de MT causa polêmica após postar foto com arma em rede social

(Foto: Reprodução)

Uma postagem do padre Thiago Bruno da Paróquia de São José dos Quatro Marcos, município a 343 km de Cuiabá, causou polêmica nesta terça-feira (2). Numa foto publicada no WhatsApp Status, o padre aparece deitado numa cama apontando uma arma e a mensagem #2018 escrita. A foto circula nas redes sociais.

Procurado pelo G1, o sacerdote afirmou que ainda deve se manifestar sobre o caso através de uma nota.

Após a repercussão da polêmica, um suposto amigo do padre afirma que a foto foi tirada na casa dele no dia 1º de janeiro. O homem alega que a arma usada na foto é um artigo de decoração e foi trazida junto com outros objetos da Espanha.

“São armas de decoração, que não dão tiro. São apenas armas do estilo faroeste daqueles filmes que comprei para fazer decoração”, declara o homem no vídeo.

Nas redes sociais, internautas repercutiram a foto com cometários a favor e contra o padre.

“Não importa se a arma é de brinquedo ou não! O que importa é a mensagem que ele passa, que não é nenhuma mensagem de paz”, diz um comentário.

Em outro texto, um internauta critica a atitude. “A atitude dele não condiz com a imagem que ele tem que passar para sociedade. Sem contar que armas não trazem a paz”, diz trecho de uma declaração.

Já em defesa do padre, alguns usuários da rede social dizem não ver maldade na foto. “Que mal tem isso? Uma pessoa de bem com uma arma? Ele também pode ter carro, faca, moto, etc”, diz o comentário.

Padre Thaigo Bruno de São José dos Quatro Marcos (Foto: Facebook/Reprodução)

Padre Thaigo Bruno de São José dos Quatro Marcos (Foto: Facebook/Reprodução)

G1

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Prefeito de Boqueirão cobra de Luan Estilizado em rede social R$ 40 mil de reembolso

Após cancelamento do show de Luan Estilizado no domingo (25 de junho) em Boqueirão, região da Borborema da Paraíba, o prefeito da cidade pede o reembolso do cachê de R$ 40 mil. De acordo com o prefeito de Boqueirão, o show estava marcado para às 23h50 do dia 25 de junho e o artista não cumpriu e o empresário de Luan informou que ele não conseguiria chegar antes das 3h do dia 26. O empresário de Luan nega.

O prefeito de Boqueirão João Paulo Segundo (PSD) publicou no Facebook uma foto do contrato do show de Luan Estilizado junto a uma nota onde diz também que o artista subiu ao palco na madrugada da segunda-feira, 26 de junho, e anunciou que o show foi remarcado para o dia 13 de julho. Entretanto, João Paulo afirma que não houve negociação entre a equipe de Luan e a prefeitura para a nova data.

“Eu jamais concordei quando fiquei ciente na segunda-feira, Boqueirão merece respeito, uma festa numa quinta-feira onde todos são trabalhadores não seria viável. Quem escolhe o dia de fazer festa na nossa cidade não é o cantor que está sendo PAGO e sim o povo que em sua maioria não achou certo numa quinta (sic)”, disse o prefeito em sua página no Facebook.

No mesmo posto o reembolso dos R$ 40 mil é cobrado porque o prefeito João Paulo não vê “necessidade de fazer festa fora de época” e diz que “outros eventos virão e festas também”.

Luan Estilizado e seu empresário apresentaram versão diferente da versão do prefeito de Boqueirão (Foto: Kamylla Lima/G1/Arquivo)

Luan Estilizado e seu empresário apresentaram versão diferente da versão do prefeito de Boqueirão (Foto: Kamylla Lima/G1/Arquivo)

Dinheiro devolvido

O empresário de Luan Estilizado, Fábio Almeida, apresenta uma versão diferente da versão do prefeito de Boqueirão. Ele diz que o horário acertado desde o início foi às 3h: “eu fui claro com eles, disse que Luan não chegava antes das 3h e ficamos nesse impasse”, conta.

Além disso, Fábio Almeida lembra que tinha uma restrição de horários de shows em praça pública na cidade, de até 2h, que eles só ficaram sabendo poucos dias antes do show. Esta mesma versão foi apresentada pelo cantor, no seu Instagram, no dia seguinte ao show.

“Acertamos de dar um show em outra data. Lançamos opções de datas, porque em julho temos 26 shows. Passamos as datas livres e acertamos o dia 13 de julho. Ficou tudo certo”, diz o empresário de Luan Estilizado sobre a afirmação do prefeito de que não concordou com a data acertada entre a banda e a prefeitura.

Fábio ainda diz que ficou surpreso com o pedido de reembolso do prefeito João Paulo Segundo: “Fomos surpreendidos com ele pedindo o dinheiro de volta e a gente tem que aceitar. O dinheiro inclusive já foi devolvido. Eu mesmo falei com ele e disse que está tudo bem”, concluiu.

Sendo assim, não vai haver show de Luan Estilizado em Boqueirão numa nova data.

G1

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Em rede social, agente de Gabigol dá o “furo” do acerto com Inter de Milão

gabigolNem Inter de Milão, muito menos Santos. Quem anunciou a venda de Gabigol para o clube italiano foi o empresário dele, Wagner Ribeiro.

No Facebook, o agente publicou fotos do atacante passando por exames e já vestindo a camisa de seu novo time, na noite desta sexta-feira.

Uma das fotos mostra Wagner, Gabigol e dirigentes do clube italiano jantando em Milão. A legenda é “Estamos jantando e vamos definir se ele vai em setembro ou janeiro”.

Dos 27 milhões de euros (R$ 98,81 milhões) que serão pagos pela transferência, o Peixe receberá 18 milhões de euros (cerca de R$ 65 milhões), referentes à cláusula de saída prevista no contrato de Gabriel. O atacante ficará, portanto, com 9 milhões de euros (R$ 32,93 milhões). O fundo de investimentos Doyen Sports tem direito a 20% da parte do Alvinegro, que contesta a venda da porcentagem na Justiça.

Como o próprio Wagner Ribeiro deixou claro em seu Facebook, o que falta ser definido para que Gabriel seja anunciado como jogador do Inter de Milão é a data da transferência dele. O camisa 10 do Santos quer deixar o Brasil apenas no começo do ano que vem, para disputar o Campeonato Brasileiro até o fim. Os italianos batem o pé e querem contar com ele agora.

O Santos receberá o valor da transferência agora e à vista, independentemente de quando Gabriel for para o Inter de Milão. O presidente Modesto Roma Júnior não aceitou receber em parcelas.

globoesporte

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Gracyanne Barbosa posa nua e publica foto em rede social

Sem nenhuma peça de roupa, Gracyanne Barbosa ousou ao postar uma foto em sua conta no Instagram nesta quarta, 29. No clique feito pelo fotógrafo Samuel Melim, a morena fez carão e escondeu os seios com os cabelos longos. “Cada um tem que descobrir suas razões para ser feliz! Elas estão aí na sua frente… Enxergue-as e lute por elas! Ensaio lindo com essa equipe top”, escreveu Gracyanne na legenda da publicação. No dia 28 de julho, a gata também postou uma das fotos do ensaio, mas um pouco mais comportada. “Parabéns pelo profissionalismo e dedicação, vocês arrasam”, ela elogiou a equipe do ensaio.

Os seguidores da musa fitness elogiaram a foto nos comentários. “Sério! Tô muito certa em ter te escolhido como minha musa inspiração fitness”, escreveu uma fã. “Nossa, que perfeição de mulher”, disse outro.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

Mas nem tudo é perfeição na vida de Gracy. Após correr o risco de ter que leiloar itens de decoração de sua casa para pagar dívidas, a morena conseguiu resolver seu problema com um acordo. O advogado de Gracyanne, Ivo Peralta, conversou com o EGO na tarde desta quarta-feira e esclareceu o caso.

Gracyanne Barbosa (Foto: Reprodução / Instagram)Gracyanne Barbosa (Foto: Samuel Melim)

Gracyanne Barbosa (Foto: Samuel Melim)Gracyanne Barbosa (Foto: Samuel Melim)
EGO

Estudantes criam ‘turma do estupro’ em jogos universitários e debocham em rede social

FACENo último feriado, cerca 1.500 estudantes participaram da quarta edição dos Jogos Universitários de Comunicação Social (JUCS), na cidade de Vassouras, na Região Centro-Sul do estado do Rio de Janeiro. Entre competições acirradas e festas, o evento, que era para ser uma confraternização entre alunos, foi marcado por discriminações de gênero, raça, orientação sexual, tipo físico e até apologia ao estupro.

Nas arquibancadas dos JUCS, esteriótipos e ofensas comuns em estádios de todo o Brasil são reproduzidos por estudantes não só de comunicação, mas também por outros jovens que vão para acompanhar as disputas e as festas. Terminada a competição, as redes sociais viraram espaço de discussão, provocação e ainda mais ofensas. Pessoas que estavam presentes relataram que alunos de uma universidade particular da capital se classificavam como a “turma do estupro”. Nas redes, alguns deles ainda debocharam de uma crítica feita anonimamente, em um grupo que reúne pessoas que participaram do evento. “Fazemos sim e no próximo vamos fazer pior #turmadoestupro”. Questionado sobre o fato de fazer apologia ao estupro ser considerado crime, o aluno seguiu desdenhando: “Me prenda!”, escreveu.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

Após críticas, estudantes que criaram #turmadoestupro debocham
Após críticas, estudantes que criaram #turmadoestupro debocham Foto: Reprodução / Facebook

Alunos também relatam que foram vítimas de ofensas racistas. Uma estudante, que prefere não se identificar, conta que ouviu, enquanto participava de uma das competições, gritos preconceituosos contra ela.

— Algumas pessoas da PUC falaram que meu cabelo era “de bandido”, me chamaram de piranha. Como isso pra mim não é nenhuma ofensa, pedi para cantarem mais alto. Nesse dia eu sofri várias provocações e, claro, não cedi a nenhuma. Antes do jogo, ouvi algumas meninas da PUC cantarem “Ai ai ai”, da Vanessa da Mata, enquanto eu passava. A tentativa de ofensa virou elogio. Comecei a cantar mais alto que elas, já que a música é ótima e a cantora também — conta a estudante, de 19 anos.

Estudantes debocharam após serem criticados por #turmadoestupro
Estudantes debocharam após serem criticados por #turmadoestupro Foto: Reprodução / Facebook
Comentários machistas são comuns entre as discussões dos alunos, no Facebook
Comentários machistas são comuns entre as discussões dos alunos, no Facebook Foto: Reprodução / Facebook

A aluna revela ainda que manifestações machistas são comuns entre todas as torcidas que participam do evento. Nos Jogos Jurídicos, realizados no mesmo feriado, alunos de Direito realizaram uma campanha para evitar que atletas e torcedores usassem gritos e cânticos machistas durante os jogos.

— Não sabia dessa iniciativa dos jogos (jurídicos). Achei ótimo, já está na hora dessa situação absurda ser reconhecida como tal: um absurdo — opina.

Comentários machistas são frequentes na discussão entre os estudantes pela internet
Comentários machistas são frequentes na discussão entre os estudantes pela internet Foto: Reprodução / Facebook

Ao EXTRA, Rafael Cotta, representante da JC2 Esportes, empresa que organiza os JUCS, disse que a companhia repudia qualquer ato discriminatório dentro dos jogos e que o evento conta com um tribunal de justiça desportiva para avaliar a conduta de atletas e torcidas durante as competições. Segundo Cotta, durante o evento, houve apenas um caso de racismo registrado com a administração, que foi apurado e encerrado. Ele conta ainda que já há uma mobilização para que, na próxima edição, a ser realizada em 2016, haja maior conscientização dos participantes sobre a postura no evento.

— Nunca tinha tido nada nessa esfera, então ninguém se preocupou em fazer nada previamente. Sempre foi uma festa bonita, de integração. Durante o evento, chegaram alguns boatos, reclamações sobre xingamentos generalizados, coisa normal em torcida. Quando chega um registro formal de uma torcida com esse tipo de atitude, há a apuração dos fatos com a nossa comissão. O único caso formal que chegou pra gente foi apurado e foi constatado que não houve o fato.

Extra

Transexual ‘crucificada’ na Parada Gay relata ameaças em rede social

 (Foto: REUTERS/Joao Castellano )
(Foto: REUTERS/Joao Castellano )

Viviany Beleboni, a modelo transexual que saiu como Jesus Cristo para protestar na 19ª Parada do Orgulho LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais), em São Paulo, neste domingo, 7, relatou em sua página no Facebook que seu protesto lhe rendeu mais do que polêmicas com grupos religiosos e membros da própria comunidade gay. Segundo ela, mensagens e ligações em tons de ameaça estão sendo feitos nesta segunda-feira, 8: “Muito obrigada por todos os agradecimentos, porém o negócio está ficando sério, recebendo ligações de morte e agressões inúmeras em minhas fotos e por inbox”, escreveu.

Pela manhã, Viviany já havia comentado a polêmica sobre a sua performance. Em desabafo, ela reclamou que foi mal interpretada por muitas pessoas e criticou também alguns membros do movimento LGBT, que se mostraram contra o protesto de Viviany.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

“Até um repórter que não é do meio entendeu que representei todas as mortes e agressões que vêm acontecendo contra a classe LGBT, também por falta de leis. E os gays, os próprios gays do meio, que já viram e veem casos de agressões de amigos travestis falando mal, dizendo que por isso não vão mais na Parada Gay. Não vão mesmo! Vocês gostam de travesti de short socado no ra** e de peito para fora. Se fosse um homem sarado com pi**** com volume, vocês iriam amar e fazer comentários positivos e promísscuos. Eu fui e dei minha cara a tapa, não me importo com comentário de vocês, dessa classe LGBT desunida. Sempre foi assim. Já sabia que iria acontecer isso, acharam muito forte, agressivo, como se agressão saísse purpurina do corpo e confete em vez de sangue e hematoma. Jesus morreu por todos e foi humilhado, motivo de chacotas, agredido e morto, que é o que vem acontecendo diariamente com LGBTs, por não termos leis”, escreveu.

E continuou o desafabo: “Gente ignorante que não entende arte e acha que Parada Gay e só ir cheio de brilho e com ra** pra fora, carnaval fora de época é mais bonito do que fazer um protesto da realidade que vivemos. O dia que vocês sofrerem agressões, xingamentos, apanharem, fizerem piadinha de vocês, recorram aos Gogo Boys e as travestis que vão nuas sem protestar por nada, ao invés de quem se dispôs a fazer isso para acordar a sociedade hipócrita. Bando de mal agradecido… beijo no ombro pra quem não gostou. Nem Deus agradou a todos, não é mesmo? Eu nem faço questão, mas o dia que sofrerem agressões não reclamem e muito menos achem forte. Madonna, Lady Gaga, entre outras, fizeram coisas muito piores com uma cruz e elas vocês não falam nada. Eu representei as dores, olhava para cima, interpretava as dores e até chorei lembrando de pessoas amigas minhas que faleceram há alguns dias, bando de iludidos”.

Entenda o caso
Neste domingo,  aconteceu em São Paulo a 19ª Parada do Orgulho LGBT. Viviany saiu em um dos 18 trio elétricos que fizeram a festa do público presente na Avenida Paulista para a parada, que teve como tema “Eu nasci assim, eu cresci assim, vou ser sempre assim: respeitem-me!”, inspirado na música tema de Gabriela, personagem criado por Jorge Amado.

A performance de Viviany, que estava “crucificada” como Jesus Cristo em um dos carros, causou polêmica. Grupos religiosos e não-religiosos se manisfetaram nas redes socias e o deputado e pastor evangélico Marco Feliciano também se pronunciou.

“Imagens que chocam, agridem e machucam. Isto pode? É liberdade de expressão, dizem eles. Debochar da fé na porta denuda igreja pode? Colocar Jesus num beijo gay pode? Enfiar um crucifixo no ânus pode? Despedaçar símbolos religiosos pode? Usar símbolos católicos como tapa sexo pode? Dizer que sou contra tudo isso não pode? Sou intolerante, né?”, escreveu no Facebook.

Viviany Beleboni em foto-montagem sobre sua participação na Parada Gay (Foto: Reprodução/Facebook)Viviany Beleboni se compara a outros artistas que foram “crucificados” em foto-montagem sobre sua participação na Parada Gay

Desabafo de Viviany no Facebook (Foto: Reprodução/Facebook)Desabafo de Viviany no Facebook (Foto: Reprodução/Facebook)
EGO

Vereador usa rede social e faz apelo ao Governador: “Tenha pena de nós”

MateusO vereador pilonense, Mateus Silva, usou sua perfil no facebook para fazer um apelo ao governador do estado. Em postagem publicada em sua linha do tempo, o parlamentar mostrou fotos da situação da rodovia que liga Pilões a Cuitegi e lembrou que apesar de várias solicitações encaminhadas ao Departamento de Estradas e Rodagens e mesmo com a assinatura da ordem de serviço realizada há mais de um ano, as obras sequer iniciaram efetivamente.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Ainda na publicação, Mateus foi enfático ao pedir que Ricardo Coutinho “tenha pena” dos cidadãos e que desconsidere questões políticas.

A Prefeita do município, Adriana Andrade, que recepcionou com grande festa o governador no ato da assinatura da ordem de serviço para o rejuvenescimento da rodovia, decidiu apoiar a candidatura de Cássio Cunha Lima na disputa pelo governo, e integrantes do grupo da gestora acreditam que por esse motivo a obra não foi executada.

Veja postagem do vereador:

postagem Mateus

manchetepb

Jovem rouba celular e é preso pelo GTE após postar ‘selfie’ em rede social

jovemUma ação de investigação realizada na noite desta terça-feira (02) pelo Grupo Tático Especial (GTE) em conjunto com a Polícia Militar resultou na prisão do jovem Joseilton Tertulino da Silva, mais conhecido como “Dudu” de 20 anos, na cidade de Sousa, Sertão paraibano. O acusado responde pelos crimes de roubo e homicídio.

De acordo com informações do GTE, o acusado assaltou uma jovem e subtraiu um celular. Após o ato criminoso, o ladrão postou uma Selfie no aplicativo WhatsApp do celular da vítima. Os amigos da vítima salvaram a imagem do acusado e entraram em contato com a Polícia Civil.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Após diligências, a Polícia Civil conseguiu localizar e prender o acusado no Conjunto Frei Damião. Com o criminoso, os agentes do GTE apreenderam uma faca, uma pistola de brinquedo e uma motocicleta roubada.

O acusado foi conduzido até a delegacia de Polícia Civil de Sousa. Conforme informações da Polícia, “Dudu”, participou do bárbaro crime de homicídio do jovem Jonas Andrade, assassinado brutalmente em agosto de 2011.

Diário do Sertão