Arquivo da tag: quebra

Santos vence Atlético-PR na Arena e quebra tabu

Dois gols no contra-ataque e fim em um tabu de dez anos. Dessa forma, avassalador, como um furacão, o Santos venceu o Atlético-PR por 2 a 0, neste domingo, na Arena da Baixada, pela 6ª rodada do Brasileirão. Como todo furacão, este também teve nome e fez jus ao apelido do rival.

Kayke batizou o acontecido e principalmente as redes de Santos, goleiro substituto de Weverton, que está na Seleção Brasileira. Apesar do autor dos gols levar a fama, merece os louros Elano, que em sua última partida no comando do Peixe foi essencial para a primeira vitória do Peixe fora de casa no campeonato.

Kayke comemora um dos dois gols que marcou na vitória do Santos sobre o Atlético-PR, em Curitiba
Kayke comemora um dos dois gols que marcou na vitória do Santos sobre o Atlético-PR, em Curitiba

Foto: Ernani Ogata/Código19/Gazeta Press

O interino, que estava sob observação de Levir Culpi, que assume o time nesta segunda-feira, armou o Alvinegro com Copete e Bruno Henrique pelos lados do ataque. A mudança em relação à vitória sobre o Botafogo teve um motivo, o contra-ataque. Assim saíram os dois gols do Santos.

O time de Eduardo Baptista, que quando técnico do Palmeiras soube neutralizar muito bem o Peixe, desta vez sofreu com a ofensiva santista. O Peixe deixou o Atlético atacar, se postou no campo de defesa como um legítimo visitante e esperou.

 Atlético-PR x Santos

Mesmo sem parecer uma atitude digna da equipe do DNA ofensivo, era questão de tempo para dar certo. Mais precisamente de 26 minutos, quando Bruno Henrique roubou a bola pela direita, lançou Thiago Maia, que só tocou para Kayke completar.

O segundo parecia uma continuação do furacão, que só mudou de lado e aconteceu pela esquerda, mas com o mesmo fim: de Bruno Henrique para Kayke e para as redes.

Os donos da casa chegaram a esboçar uma reação no segundo tempo, mas só na bola parada levaram perigo a Vanderlei. Lucho Gonzales e Grafite marcaram após cobrança de falta, ambos em impedimento marcados corretamente. O susto fez Elano colocar mais um zagueiro, Cleber, no lugar de Vitor Bueno, para conter o jogo aéreo.

O resultado final, além dos três pontos na conta do Santos e a subida para a 10ª posição com a mesma pontuação do São Paulo, foi a quebra de um tabu que já durava dez anos. A última vitória santista na Arena da Baixada havia sido em 2007. Na próxima rodada, o Santos recebe o Palmeiras, na Vila Belmiro, na quarta-feira.

Na lanterna do Brasileirão e há três jogos sem vencer, o Atlético-PR vai buscar a reabilitação contra o Atlético-MG, fora de casa.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-PR 0 X 2 SANTOS

Local: Arena da Baixada, Curitiba (PR)
Data-Hora: 11/6/2017 – 19h
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ)
Auxiliares: Dibert Pedrosa Moises (RJ) e Michael Correia (RJ)
Público/renda: 18.112 pagantes/R$ 386.600,00
Cartões amarelos: Paulo André (APR)
Cartões vermelhos: Daniel Guedes (SAN), aos 40’/2ºT (2º Amarelo)
Gols: Kayke (26’/1ºT) (0-1), Kayke (35’/1ºT) (0-2)

ATLÉTICO-PR: Santos; Jonathan, Paulo André, Thiago Heleno e Sidcley; Otávio, Lucho González e Matheus Rossetto (Éderson, no intervalo); Douglas Coutinho (Grafite, no intervalo), Nikão e Pablo (Felipe Gedoz, aos 24’/2ºT). Técnico: Eduardo Baptista.

SANTOS: Vanderlei; Daniel Guedes, Lucas Veríssimo, David Braz e Jean Mota; Thiago Maia (Alison, aos 17’/2º), Renato e Vitor Bueno (Cléber, aos 36’/2ºT); Bruno Henrique, Copete e Kayke (Leandro Donizete, aos 42’/2ºT). Técnico: Elano.

Lance

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Por suspeita de corrupção, sindicato pede quebra de sigilos bancário e telefônico de árbitros da PB

Genildo Januário, vice-presidente do Sindicato dos Árbitros de Futebol do Estado da Paraíba (Sinafep) (Foto: Larissa Keren / Globoesporte.com/pb)
Genildo Januário, vice-presidente do Sindicato dos Árbitros de Futebol do Estado da Paraíba (Sinafep) (Foto: Larissa Keren / Globoesporte.com/pb)

As suspeitas sobre um possível esquema de corrupção na arbitragem de futebol na Paraíba – que surgiram há duas semanas – estão sendo investigadas, mas ainda não foram esclarecidas. E nesta semana o caso ganhou uma nova repercussão.

O Sindicato dos Árbitros de Futebol do Estado da Paraíba (Sinafep) solicitou que o Tribunal de Justiça Desportiva da Paraíba (TJD-PB) quebre os sigilos bancário e telefônico de todos os árbitros que prestam serviços à Federação Paraibana de Futebol (FPF). O pedido foi enviado por escrito, através de ofício, assinado pelo vice-presidente do Sinafep, Genildo Januário, e endereçado ao presidente do TJD-PB, Lionaldo Santos.

No documento, enviado à FPF nessa terça-feira, Genildo Januário explica que o pedido para que sejam quebrados os sigilos bancário e telefônico de todos os árbitros é um meio de fazer com que “não pairem dúvidas de imparcialidades no exercício da função”. O vice-presidente do Sindicato dos Árbitros ainda se coloca à disposição para também passar pelo procedimento de quebra de sigilos.

O dirigente afirma ter confiança de que os árbitros estão dispostos a ajudar a esclarecer todos os pontos que rondam as suspeitas sobre corrupção no futebol paraibano: “certo estou que todos os nossos árbitros estão fazendo o possível para dirimir quaisquer dúvidas que pairem em vossos nomes”.

Vale lembrar, no entanto, que os tribunal de Justiça Desportiva não têm poder de determinar a quebra de sigilos bancários e telefônicos. Para isso, teria que recorrer à Justiça Comum, esta sim com poder para isso.

Entenda o caso

As suspeitas sobre um suposto esquema de corrupção na arbitragem surgiram há duas semanas, quando um áudio – supostamente gravado pelo zagueiro Walter, ex-Botafogo-PB e atualmente no Rio Claro – se tornou público através das redes sociais e rapidamente ganhou repercussão. No áudio, a acusação é de que, em 2015, o Botafogo-PB teria pago para que árbitros lhe favorecessem em campo, e que essa seria uma prática recorrente.

De acordo com o que é dito na gravação atribuída a Walter, o repasse do dinheiro (R$ 50 mil) do clube aos árbitros era feito pelo então vice-presidente do Belo, Breno Morais, que hoje é diretor de futebol do Alvinegro. O árbitro João Bosco Sátiro é mencionado no áudio como sendo um dos que teriam recebido para favorecer o Botafogo-PB em um jogo contra o Auto Esporte no hexagonal final do Campeonato Paraibano de 2015.

Após esse áudio ganhar repercussão, o zagueiro Walter foi a público através de outro áudio, para garantir que a primeira gravação não era dele e que não tinha qualquer informação sobre esquemas de corrupção na arbitragem da Paraíba. O Botafogo-PB, sentindo-se vítima de uma calúnia, foi à Polícia Civil para que a veracidade do áudio atribuído a Walter fosse analisada.

Posteriormente, foi a vez de o Tribunal de Justiça Desportiva da Paraíba entrar na jogada. O TJD-PB abriu inquérito para investigar o suposto esquema de corrupção. Tão logo soube da abertura do inquérito, o departamento jurídico do Botafogo-PB definiu o posicionamento do TJD-PB como sendo precipitado, já que a perícia sobre o primeiro áudio, atribuído a Walter, ainda não havia sido concluída e, portanto, não havia objeto de acusação.

O resultado final da perícia da Polícia Civil sobre o áudio deve sair em mais uma semana.

Ofício, Sinafep, Sindicato dos Árbitros (Foto: Divulgação / Sinafep)

Globo Esporte

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Vídeo: Evangélica quebra imagem de Nossa Senhora e causa revolta

santaUm vídeo feito por membros de uma igreja evangélica de Botucatu (SP) e postado no Facebook nesta quarta-feira mostra uma mulher, apontada como pastora, quebrando uma imagem de Nossa Senhora Aparecida, a padroeira dos católicos no Brasil. Enquanto a mulher, ajoelhada na grama, destrói o objeto com um martelo, outras pessoas que acompanham o ritual a céu aberto fazem orações.

“Quebra toda obra contrária. Teu nome seja glorificado, senhor, Aleluia Jesus, abençoa senhor meu pai. Essa obra feita pelas mãos do inimigo, senhor, agora está sendo quebrada, senhor meu Deus e meu pai, em nome de Jesus”, prega um dos homens no local.

“Nós não aceita (sic.) outro Deus a não ser o senhor”, diz outra mulher.

 Ao contrário de outras denominações religiosas, como a católica, os evangélicos não cultuam imagens de santos.

Por meio de nota, o Conselho de Pastores da Cidade de Botucatu afirma que “não esteve envolvido e nem apoia nem uma prática de intolerância religiosa. Fazendo dessa nota um pedido de perdão aos nossos irmãos e amigos católicos que se sentiram ofendidos com o vídeo de uma prática isolada que está circulando nas redes sociais”.

Um caso semelhante ganhou notoriedade em 1995, quando o bispo Von Helde, da Igreja Universal do Reino de Deus, chutou uma imagem de Nossa Senhora em pleno culto, que era transmitido pela TV Record.

O caso gerou muita polêmica e fez com que Von Helder deixasse o país – ele retornou em 2014. Segundo o jornal Folha de S. Paulo, ele foi condenado a dois anos e dois meses de prisão por discriminação religiosa e vilipêndio de imagem religiosa.

O episódio voltou à tona nas eleições municipais deste ano, quando foi usado por adversários contra o agora prefeito do Rio, Marcelo Crivella (PRB), que é bispo licenciado da Igreja Universal do Reino de Deus.

Veja o vídeo:

Veja

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

 

PF pede quebra de sigilos de ministros do TCU e advogado

tcuA Polícia Federal pediu a quebra dos sigilos bancário e fiscal do presidente do Tribunal de Contas da União, Aroldo Cedraz, e do ministro Raimundo Carreiro, em razão das suspeitas de corrupção envolvendo a atuação do advogado Tiago Cedraz, filho do presidente da corte.

Os indícios surgiram durante a investigação que apura tráfico de influência no TCU. Cedraz é acusado pelo empreiteiro Ricardo Pessoa, da UTC, de ser o intermediário de repasses para o ministro Raimundo Carreiro. No total, Ricardo Pessoa diz em sua delação que pagou R$ 1 milhão a Cedraz, em parcelas de R$ 50 mil.

Com apenas 34 anos de idade, Cedraz chamou atenção nos bastidores de Brasília pela meteórica carreira na advocacia. Ele faz parte de um grupo de filho de autoridades que, apesar do curto tempo na advocacia, exibia uma vida de luxo. A PF descobriu despesas como R$ 500 mil na festa de casamento, além de quase R$ 3 milhões na compra de apartamento, reforma e material de obras. Ele ainda deu de presente para a esposa uma BMW de R$ 190 mil, de acordo com a PF.

A partir da delação de Pessoa, a PF mapeou as relações de Cedraz, realizou buscas e descobriu dezenas de e-mails e ligações consideradas suspeitas. Isso levou a Lava Jato a pedir a quebra dos sigilos do advogado e dos ministros Aroldo Cedraz e Raimundo Carreiro ao Supremo Tribunal Federal.

A quebra do sigilo telefônico do escritório de Tiago Cedraz mostra que sua relação no TCU extrapolava o fato de ser filho do presidente da corte, de acordo com a investigação. O escritório ligou 44 vezes para Carlos Maurício Lociks de Araújo, funcionário do gabinete do ministro Raimundo Carreiro e responsável pelo voto no processo de interesse da UTC. Chamou atenção ainda as ligações do escritório de Cedraz para o gabinete do pai. Isso porque o pai do advogado se declara impedido e não julga os casos que envolvem o filho. Para a PF, as ligações mostram que sua atuação extrapolava a relação de parentesco com o ministro Aroldo Cedraz. Foram 186 ligações para o gabinete do pai, sendo 115 para o chefe de gabinete, Sérgio Teixeira Albuquerque e outras para três servidoras.

Por outro lado, Cedraz fez 49 ligações para números da UTC, incluindo Ricardo Pessoa. Em quatro ligações, as datas coincidem com os repasses citados pelo empreiteiro. Há outros elementos que mostram a proximidade de Tiago Cedraz com Ricardo Pessoa. A PF descobriu uma contradição no depoimento de Luciano Araújo. Ele era sócio de Cedraz e, segundo Ricardo Pessoa, era quem recolhida o dinheiro na sede da UTC. Aos policiais, Luciano Araújo admitiu apenas um encontro com o empreiteiro. Mas a PF descobriu, a partir dos registros de entrada na sede UTC, que ele esteve no local sete vezes, entre 2013 e 2014.

Os documentos apreendidos, segundo a PF, mostram a influência de Tiago Cedraz. Quando Cedraz foi citado na delação, ele disse que “o escritório advogados nunca patrocinou nenhum caso do Grupo UTC perante o Tribunal de Contas da União”. Mas a PF pegou uma tabela na casa de Tiago Cedraz com o acompanhamento de processos da UTC no tribunal. Há ainda diversos e-mails entre Cedraz e advogados da UTC sobre processos no TCU. Um dos e-mails chamou atenção da PF. Era uma mensagem enviada por Antonio Carlos Miranda, executivo da UTC, a Bruno de Carvalho Galiano, sócio de Cedraz. De acordo com o relatório, na mensagem é citado um pedido de 5% feito por um ministro do TCU. A defesa do advogado nega e diz que houve uma interpretação equivocada de uma mensagem que tratava de uma cláusula de 5% para imprevistos em obras, conforme a jurisprudência do TCU.

O presidente do TCU, Aroldo Cedraz (Foto: Valter Campanato/Agência Brasil)

O presidente do TCU, Aroldo Cedraz (Foto: Valter Campanato/Agência Brasil)

 A Polícia Federal suspeita ainda que o advogado Tiago Cedra pode ter dinheiro no exterior. A PF apreendeu documentos de uma agência do Banco do Brasil informando que valores estavam disponíveis para remessa para fora do país. A PF cruzou a informação com as entradas e saídas de Tiago Cedraz no Brasil. Ele fez uma viagem de três dias para a Suíça em fevereiro de 2015. O voo de São Paulo a Zurique dura em média 12 horas.

Procurado, o advogo de Tiago Cedraz, Eduardo Toledo, disse que desde o início das investigações a defesa ofereceu os dados bancários, como forma de esclarecer os fatos. De acordo com o advogado, houve tratativas entre Cedraz e a UTC, mas não prosperaram. “Houve, sim, uma efetiva troca de e-mails na qual as partes negociaram de forma lítica, ética e transparente uma possível contratação para processos específicos e nominalmente listados, todos de interesse da UTC. Naquela ocasião, o escritório ressaltou que implicaria no impedimento do ministro Aroldo Cedraz, o que por essa razão acarretaria na impossibilidade de atuar nos processos do ministro. Diante da impossibilidade de assumir todos os processos no TCU, a UTC decidiu encerrar as tratativas e procurar outro advogado”. Toledo afirma que o escritório prestou serviço para analisar o edital da licitação da Eletronuclear, de interesse da UTC. O advogado afirma que foi feita uma análise dos possíveis custos trabalhistas e que foi citada ainda a “invocação da cláusula de imprevisibilidade dos contratos, admitida pela jurisprudência do TCU em até 5%”. “A análise jurídica se fez de forma lítica, atendendo a uma consulta da UTC e não se destinava a ministros do TCU. O teor dos e-mails não deixa margem a questionamentos sobre a conduta ética e lítica do escritório de advocacia”. A defesa nega que Cedraz tenha feito ligações para servidores ou que tenha influência nos gabinetes de Aroldo Cedraz e Raimundo Carreiro. Toledo afirma ainda que Tiago Cedraz não tem conta na Suíça e que todas as suas contas estão declaradas no imposto de renda.

O ministro Aroldo Cedraz nega que seja investigado. O ministro Raimundo Carreiro disse que, antecipadamente, já forneceu seu sigilo bancário, fiscal e telefônico. Ele disse ainda que “das investigações tornadas públicas, no que diz respeito ao seu gabinete e à sua pessoa, não consta nenhuma ligação telefônica com o referido advogado”.

Época

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

TRE-PB garante menor índice de quebra de urnas nas eleições deste domingo (2)

urna-eletronicaNa Paraíba, 11.293 urnas eletrônicas estarão à disposição das eleições este ano. São 9.802 destinadas às seções eleitorais, 21 para MRJ e 1.470 urnas de contingenciamento. De acordo com o coordenador das Eleições 2016 do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB), Fábio Falcão, haverá uma redução no índice de quebra de urnas este ano.

Isso se dará não somente pelo volume de novas urnas no pleito, mas também pelo trabalho de manutenção realizado pelo tribunal. “A gente fez dois ciclos de manutenção nas urnas. Todos que apresentaram problemas já foram para a correção e já voltaram. Além disso, realizamos dois simulados para verificar compatibilidade do sistema com a votação biométrica. Na preparação, a gente teve o menor índice de quebra de urna, 1,15%. É o menor índice dos últimos pleitos. Portanto, o índice de quebra sendo pequeno na preparação, significa que também será durante o pleito”, explicou o coordenador.

blogdogordinho

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Sheik marca após 6 meses, Fla vence e quebra jejum na Sul-Americana

MARTIN BERNETTI/AFP
MARTIN BERNETTI/AFP

A fase é realmente boa no Flamengo. E agora não apenas no Campeonato Brasileiro, mas também na Copa Sul-Americana. Mesmo atuando com uma formação recheada de reservas, o time venceu o Palestino, do Chile, fora de casa, e ficou em situação confortável após o duelo de ida das oitavas de final, nesta quarta-feira (21). O gol da vitória por 1 a 0 no estádio Monumental, de Santiago, foi marcado por Emerson Sheik, preterido nos últimos jogos e que não balançava as redes há mais de seis meses – último gol fora em 12 de março.

O triunfo quebrou ainda um jejum do time da Gávea no torneio: o Flamengo não sabia o que era vencer times estrangeiros na Copa Sul-Americana. Em 2011, duas derrotas para a Universidad de Chile.

Com o gol de Sheik que selou o 1 a 0, o Flamengo joga por um empate no jogo de volta do confronto, na próxima quarta (28), em Cariacica (ES). Tranquilo na competição internacional, o Rubro-negro volta suas atenções para a briga pela liderança no Campeonato Brasileiro: próximo desafio é no domingo (18), contra o Cruzeiro, também no Espírito Santo.

Palestino surpreende e pressiona Fla

A humilde equipe chilena tinha tudo para não incomodar o Flamengo no jogo desta quarta. Com pouca torcida, quase nenhum histórico em competições internacionais e um orçamento anual semelhante ao que o Rubro-negro gasta por mês (cerca de R$ 8 milhões), o Palestino entrava como uma zebra. Ainda assim, os donos da casa surpreenderam os cariocas. Com uma boa marcação e saídas rápidas de bola, criaram chances e levaram perigo durante todo o jogo. No segundo tempo, só não abriram o placar graças às boas defesas de Alex Muralha. A derrota por 1 a 0 doeu ao bravo time da capital chilena.

Só faltou o gol: Guerrero vai bem, mas esbarra na trave

Após ficar longe do time por conta de problemas físicos e estomacais, Guerrero voltou ao time do Flamengo. E mesmo isolado no ataque, incomodou os chilenos. Se não chegou a ser o atacante brilhante de outros tempos, mostrou movimentação e utilidade. Fez boas jogadas e chegou a colocar uma bola no travessão após linda jogada. Ainda teve tempo de ganha ruma disputa no corpo dentro da área que deixou Emerson Sheik livre para fazer o gol da vitória

“Auxiliar” Alan Patrick ajuda Zé Ricardo

Com o Flamengo em dificuldades durante o primeiro tempo e o início do segundo, coube ao meia Alan Patrick assumir o papel de auxiliar técnico e ajudar Zé Ricardo. O jogador foi até a beira do campo e sugeriu uma mudança tática ao comandante, que prontamente aceitou. Alan voltou para o lado esquerdo, enquanto Fernandinho passou a atuar pela direita do ataque – Cirino entrou depois para a função. A movimentação, de fato, deu resultado, o time melhorou e achou o gol

Convocado e intocável

Convocado por Tite para a seleção brasileira, Alex Muralha está em alta. E o Flamengo não quer saber de abrir mão de seu goleiro nem nos jogos menos importantes. O arqueiro foi titular nesta quarta-feira e teve mais uma atuação segura, salvando o time com pelo menos quatro grandes defesas. Nem mesmo os quatro pontos na boca após um choque com o zagueiro Juan abalou o jogador.

“El capitán”

Com os titulares poupados e Juan em campo, a tendência era que o experiente zagueiro assumisse o posto de capitão no Rubro-negro. No entanto, a comissão técnica decidiu dar a braçadeira a Paolo Guerrero. Além de prestigiar o atacante que não vive bom momento, a escolha tinha uma justificativa: aproveitar a fluência do peruano na língua espanhola para possíveis debates com o árbitro uruguaio Jonathan Fuentes.

PALESTINO-CHI 0 x 1 FLAMENGO

Data: 21 de setembro de 2016 (quarta-feira)
Local: Estádio Monumental, em Santiago (Chile)
Árbitro: Jonathan Fuentes (Uruguai)
Auxiliares: Mauricio Espinosa e Nicolas Taran (ambos do Uruguai)
Cartões amarelos: Rodinei (FLA)
Gols: Emerson Sheik, aos 33 minutos do segundo tempo

Palestino
Dario Melo; Sierralta, Luna, Vidal e Cereceda; Farías, Carvajal, Vidangossy (Silva) e Mazurek; Valência e Benegas
Técnico: Nicolas Córdova

Flamengo
Alex Muralha; Rodinei, Rafael Vaz, Juan e Jorge; Cuéllar, Márcio Araújo, Mancuello (Emerson), Alan Patrick (Chiquinho) e Fernandinho (Marcelo Cirino); Paolo Guerrero
Técnico: Zé Ricardo

Uol

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Botafogo-PB quebra invencibilidade de Cuca, mas Palmeiras avança

almeidaoEra um time majoritariamente formado por reservas. No entanto, para o torcedor, basta o símbolo do Palmeiras para o apoio ser igual. Foi assim no Estádio Almeidão, em João Pessoa, que recebeu um bom número de palmeirenses. A classificação às quartas de final da Copa do Brasil veio, mas com um gosto um pouco amargo: derrota por 1 a 0 para o Botafogo-PB.

O resultado negativo derruba uma longa série acumulada pelo técnico Cuca: dez partidas de invencibilidade – nove delas no Campeonato Brasileiro. O placar, entretanto, não ameaçou a vaga entre os oito melhores da Copa do Brasil; o sorteio da fase quartas de final está marcado para sexta-feira.

No primeiro duelo, o Palmeiras vencera por 3 a 0, placar que obrigaria ao Botafogo-PB golear por quatro gols de diferença para avançar de fase no torneio mata-mata. Esta vantagem confortou o elenco, que pouco arriscou na Paraíba.

Classificado apesar do revés, o Palmeiras retoma a concentração na disputa da Série A. Líder com 51 pontos, o time comandado por Cuca recebe no sábado, a partir das 16h (de Brasília), o Coritiba, no Allianz Parque, em duelo pela 27ª rodada da competição.

Quem foi bem: Carlinhos

Em uma partida morna, destacou-se o autor de um belo gol. Carlinhos se apresentou como uma das principais opções ofensivas do Botafogo-PB pela movimentação e anotou um belo gol. Após cruzamento da direita, o atacante arrematou de primeira – e contou com a sorte do desvio no meio do caminho para enganar o goleiro palmeirense Vagner.

Quem foi mal: Lucas Barrios

Mais uma oportunidade desperdiçada pelo centroavante do Palmeiras. Convocado para a seleção do Paraguai, Lucas Barrios teve uma atuação para lá de discreta em João Pessoa. Travado, o paraguaio mostrou lentidão e se tornou um alvo fácil para a marcação dos paraibanos. Cuca se mostrou insatisfeito e tirou o camisa 8 antes da metade da segunda etapa.

Alecsandro volta após quase dois meses

Absolvido pelo caso de doping – após a defesa comprovar o resultado de ‘falso positivo’, Alecsandro retornou aos gramados após quase dois meses afastado – entrou em campo pela última vez em 24 de julho, na derrota por 1 a 0 para o Atlético-MG. Relacionado pela primeira vez, o atacante recebeu a oportunidade de atuar mais de 30 minutos, essenciais para o atleta acumular ritmo de jogo nesta reta final de temporada.

Palmeiras ‘protocolar’

Sem forçar, o Palmeiras garantiu a passagem para as oitavas de final da Copa do Brasil. Mesmo com uma equipe alternativa, o clube alviverde sofreu pouco no Almeidão. As presenças dos veteranos Zé Roberto e Edu Dracena, além do lateral defensivo Fabiano, seguraram qualquer tentativa de pressão por parte dos paraibanos. Quando exigido, o goleiro Vagner foi bem.

Botafogo-PB perde chance de ‘blitz’

Com menos de dez minutos de partida, o Botafogo-PB criou duas boas oportunidades para modificar o clima no Estádio Almeidão. Na primeira, o veterano Warley desperdiçou uma rara chance livre. Em outra oportunidade, Vagner espalmou. As chances perdidas custaram caro, e o Palmeiras imediatamente cresceu e segurou o confronto até o gol de Carlinhos na parte final do jogo.

Cuca descansa elenco, mas não ganha ‘dores de cabeça’

O descanso dado aos principais jogadores poderia gerar um problema para o técnico Cuca. Afinal, quem sobrasse no duelo diante do Botafogo-PB poderia se credenciar ao time titular no Campeonato Brasileiro. A atuação morna diante dos paraibanos, no entanto, evitou qualquer discussão. Nomes como Cleiton Xavier e Lucas Barrios, discretos, desperdiçaram uma boa chance de convencer.

Reclamação

Apesar da tranquilidade do placar adquirido no lance de ida, os palmeirenses deixaram o estádio em João Pessoa frustrados por uma decisão da arbitragem. Os jogadores reclamaram de pênalti sobre Rafael Marques, travado no momento da batida. Jailson Macedo de Freitas mandou o jogo seguir.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO-PB 1 x 0 PALMEIRAS

Local: Estádio Almeidão, em João Pessoa (PB)
Data: 21 de setembro de 2016 (quarta-feira)
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Jailson Macedo Freitas (BA)
Assistentes: Elicarlos Franco de Oliveira e Jucimar dos Santos Dias (ambos da BA)
Cartões Amarelos: Sapé e Carlinhos (Botafogo-PB); Gabriel, Vitinho e Matheus Sales (Palmeiras)

GOL:
BOTAFOGO-PB: Carlinhos, aos 30min do 2º tempo

BOTAFOGO-PB: Michel Alves; Gustavo (Saldanha), Plínio, Marcelo Xavier e David Luis; Djavan, Sapé (Henik), Pedro Castro e Marcinho; Warley (Danielzinho) e Carlinhos.
Técnico: Itamar Schulle.

PALMEIRAS: Vagner; Fabiano, Thiago Martins, Edu Dracena, e Zé Roberto; Gabriel (Matheus Sales) e Arouca; Allione, Cleiton Xavier (Vitinho) e Rafael Marques; Lucas Barrios (Alecsandro).
Técnico: Cuca.

Uol

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

 

Avião quebra minutos antes de decolar e voo para SP tem nove horas de atraso

Reprodução/Infraero
Reprodução/Infraero

Um problema mecânico impediu que um avião da companhia área TAM decolasse na madrugada desta terça-feira (27), na Grande João Pessoa. A aeronave sairia do Aeroporto Castro Pinto com destino ao Aeroporto de Guarulhos, em São Paulo. O vôo estava marcado as 2h45, mas acabou sendo reprogramado para as 11h55.

De acordo com a Infraero, o atraso em nove horas no vôo acontece porque será necessário usar outra aeronave. “O avião quebrou mesmo, então teremos que esperar chegar outro avião”, informou o atendente Abraão Flores. A Infraero não soube informar quantos passageiros foram prejudicados pelo atraso no vôo, nem qual foi o defeito detectado.

Por meio da assessoria de imprensa, a TAM lamentou o ocorrido e garantiu que os passageiros estão recebendo a assistência necessária. Em nota enviada ao Portal Correio, a companhia área confirmou que o cancelamento do voo foi necessário “em virtude de uma manutenção corretiva” e que a empresa considera “a segurança um valor imprescindível e todas as decisões visam garantir uma operação segura”.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

Portal Correio

Carro bate em viaduto, motorista quebra pernas e fica inconsciente, na Grande JP

Imagem compartilhada por WhatsApp
Imagem compartilhada por WhatsApp

O condutor de um carro Volkswagen Fox de cor vermelha ficou ferido após bater o veículo na mureta lateral do viaduto Major Ciraulo, nas proximidades do acesso ao aeroporto Castro Pinto, em Bayeux, na Grande João Pessoa. O acidente ocorreu na noite desta segunda-feira (29). O motorista, de 26 anos, teve as duas pernas fraturadas e ficou inconsciente.

De acordo com a Polícia Militar, que atendeu a ocorrência, o jovem também sofreu uma pancada forte no tórax. Ele foi retirado das ferragens por agentes do Corpo de Bombeiros e conduzido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência ao Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena. A instituição de saúde ainda não havia divulgado informações sobre o quadro clínico dele.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

O condutor seguia sozinho e não atingiu nenhum outro veículo. A estrutura do viaduto não foi danificada. A PM interpretou que o jovem provavelmente perdeu o controle do automóvel, que chegou a raspar a mureta por alguns metros após colidir. Os oficiais classificaram o estado do veículo como “perda total”.

 

portalcorreio

Cansado de esperar atendimento de saúde, popular quebra porta de prefeitura e danifica prédio do PSF em Caiçara

prefeituraUm fato inusitado foi registrado nesta quinta-feira (16) na cidade de Caiçara, no brejo paraibano, quando um popular quebrou a porta de vidro da Prefeitura Municipal daquela cidade e segundo testemunhas o cidadão alegou que a cerca de 8 dias procurava atendimento em um PSF e não teria sido atendido.

O popular revoltado ainda danificou a fachada de um PSF que fica ao lado da edilidade, no centro da cidade.

Um servidor da prefeitura  de nome Junior disse ao Felipe Silva do Serra da Raiz em Foco que desconhece a falta de atendimento relatado pelo cidadão, mas não informou as providências que a prefeitura deverá tomar com relação ao fato.

A Prefeitura de Caiçara é administrada pelo prefeito Cícero Francisco da Silva.

ACOMPANHE O FOCANDO A NOTÍCIA NAS REDES SOCIAIS:

FACEBOOK                TWITTER                    INSTAGRAM

Da Redação
Do ExpressoPB