Arquivo da tag: quarentena

Órgãos da Paraíba esticam quarentena contra coronavírus

Após a Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) prorrogar a suspensão das atividades legislativas até o dia 10 de abril por conta da pandemia do coronavírus, outros órgãos também resolveram esticar a quarentena na Paraíba como medida de prevenção. O Tribunal de Contas do Estado, Tribunal de Justiça, Ministério Público, Defensoria e OAB já se manifestaram pela prorrogação.

Tribunal de Contas do Estado da Paraíba

O TCE-PB prorrogou os prazos processuais e a realização de sessões do colegiadas do Tribunal Pleno, bem como da Primeira e da Segunda Câmaras, até o dia 30 de abril de 2020.

De acordo com a Portaria nº 052, assinada na segunda-feira (30) pelo presidente do TCE-PB, conselheiro Arnóbio Viana, o objetivo maior é de prevenir e conter a propagação da pandemia no âmbito do tribunal, de forma a preservar a saúde dos servidores, dos usuários externos e, por conseguinte, da sociedade em geral, além do impacto negativo dessa pandemia sobre a economia e, particularmente, sobre as finanças públicas.

Prestação de Contas

O Tribunal de Contas informa que permanece o prazo para apresentação das contas anuais dos gestores dos entes, órgãos e de entidades das administrações públicas, municipais e estaduais, referentes ao exercício de 2019. Porém, excepcionalmente, não haverá cobrança de multa por atraso, desde que sejam entregues até o dia 4 de maio de 2020, o mesmo ocorrendo com relação à entrega dos balancetes dos meses de fevereiro e março de 2020. A edição do documento diz que permanecem em vigor as normas previstas nas Resoluções Normativas 09/16, 04/17 e 06/19, em especial as relativas à obrigatoriedade de remessas dos dados do Sagres Diário.

Teletrabalho

A sede do TCE-PB segue fechada e os servidores continuam trabalhando em regime de teletrabalho obrigatório para membros e servidores, renovável automática e sucessivamente, enquanto perdurar a situação motivadora da medida. Nesse período, os servidores exercerão suas funções na modalidade de trabalho remoto, sem interrupção nos serviços prestados pela Corte de Contas.

A Portaria ressalta ainda que no atendimento presencial, em hipóteses excepcionais e imprescindíveis, em que for necessária a presença de servidor no tribunal, o acesso deverá ser autorizado por conselheiro, conselheiro substituto, procurador do MPC,  diretorias e chefes de departamentos, e informado por e-mail institucional à  Assessoria de Segurança, no dia anterior à ida ao TCE.

Ato Conjunto do TJPB, MP, Defensoria e OAB

As medidas temporárias de prevenção ao contágio pelo novo coronavírus (Covid-19), constantes nos Atos Normativos Conjuntos nº 002 e 003/2020/TJPB/MPPB/DPE-PB/OAB-PB (com validade até 31 de março), serão prorrogadas até o dia 30 de abril de 2020. O Ato Conjunto nº 04/2020, assinado pelos gestores das instituições envolvidas na última segunda-feira, foi publicado no Diário da Justiça eletrônico (DJe) dessa terça-feira (31), suspendendo os prazos judiciais e administrativos até a referida data.

O Ato Conjunto nº 04 dispõe, ainda, que, no período de suspensão dos prazos, fica mantida a publicação de atos, as intimações, a distribuição, a instauração e a tramitação de processos e procedimentos.

O documento considerou a evolução da pandemia e a consequente necessidade de manter o regime de trabalho remoto para evitar disseminação do vírus.

O documento é assinado pelo presidente do Tribunal de Justiça do Estado da Paraíba, desembargador Márcio Murilo da Cunha Ramos, pelo corregedor-geral de Justiça, desembargador Romero Marcelo da Fonseca Oliveira, pelo procurador-geral de Justiça da Paraíba, Francisco Seráphico, pelo defensor público-geral, Ricardo Barros, e pelo presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Paraíba, Paulo Maia.

 

portalcorreio

 

 

Especialista dá dicas de exercícios para fazer em casa durante a quarentena

A pandemia do novo coronavírus está mudando o dia a dia de muitas pessoas. Por conta das recomendações de isolamento social para conter a disseminação da covid-19, principalmente,  idosos e outros grupos de risco evitam sair de casa. Algumas empresas já estão liberando funcionários para home office e os infectados encaram a quarentena em solidão para não espalhar a doença. Em entrevista a imprensa a nutricionista e personal trainer Pollyanna Freire, revela que é necessário continuar fazendo exercícios livres em casa para manter o corpo saudável.

“Não caiam no sedentarismo sentados no sofá vendo filmes e séries, façam exercícios livres utilizando o peso do próprio corpo, pulem cordas, façam polichinelo, agachamento, abdominal, apoio de frente e corrida estacionada levantando bem os joelhos, para não perderem a massa muscular”, diz Pollyanna, informando que algumas academias de João Pessoa já estão disponibilizando para seus alunos aulas através de suas redes sociais para que ninguém fique parado.

“A maior consequência que eu vejo neste período de quarentena na verdade, é a questão da ansiedade, porque as pessoas estão mais ociosas em sua maioria. Elas estão sem trabalhar, sem ir para academia e sem fazer as suas atividades naturais  da rotina. E tudo isso faz com que elas comam mais e como consequência ganhem mais peso, perdendo principalmente massa muscular”, comentou a nutricionista.

“Na minha opinião, todos devem dormir e acordar nos horários habituais, não trocar o dia pela noite e não ficar o dia todo deitado no sofá consumindo alimentos, internet e Netflix”, disse. E para quem tem criança em casa, a opção são as brincadeiras e buscar mais formas de lazer ativo, como ligar o som e dançar, por exemplo.

Confira abaixo:

Agachamento

O agachamento é muito bom para melhorar a postura, fortalecer os músculos das coxas, definir os glúteos e ajudar a ter uma barriga sarada. Com certeza é um dos exercícios mais completos que existem e é fácil de fazer. Para realizar o exercício, você precisa separar os pés na largura do quadril e colocar os braços para frente, flexione os joelhos e agache, faça três séries de 20 agachamentos com 30 segundos de intervalo entre uma série e outra.

Flexão de braço

Utilizando o peso do seu próprio corpo, a flexão de braço fortalece a parte superior, garantindo um bíceps mais firme. Faça a posição de prancha como na imagem abaixo, estique e posicione os braços a uma distância levemente superior à largura dos ombros, deixe os pés juntos e o joelho encostado no chão. Desça o tronco até que o peitoral quase toque o chão e depois volte para a posição de início. Faça três séries de 20, com o tempo de pausa de 30 segundos.

Afundo

Esse exercício utiliza o peso do próprio corpo para fortalecer as pernas, braços e para secar a barriga. Ele deve ser feito em uma superfície plana e dura. Fique com as pernas posicionadas paralelamente uma da outra e levemente afastadas, coloque a mão no quadril, dê um passo para a frente com o pé direito e deixe o pé esquerdo ligeiramente para cima, dobre os dois joelhos ao mesmo tempo, mantenha a coluna ereta e o abdômen contraído como na imagem a abaixo. Faça a repetição dessa atividade umas 20 vezes em cada perna.

 

pbagora

 

 

Com escolas em quarentena, Startup leva simulado do ENEM online a estudantes

Com mais de 2.500 escolas parceiras, Evolucional já prepara alunos para o Enem e aplicará pela primeira vez o simulado do exame via internet
Enquanto surgem especulações sobre a possibilidade do adiamento do ENEM 2020, devido à suspensão de aulas provocada pelo coronavírus, a Evoluciona– empresa que auxilia gestores e educadores a tomarem decisões pedagógicas baseadas em dados e evidências – programa seu primeiro simulado online do Enem para seguir preparando alunos no Brasil todo. O simulado, que é muito similar à versão oficial, é aplicado presencialmente nas mais de 2500 escolas clientes da empresa e agora será oferecido no formato digital, durante a quarentena.

“Neste momento de isolamento social, as escolas precisam criar alternativas para manter os alunos engajados em sua proposta pedagógica, além de não deixá-los despreparados para os vestibulares e exames, que vão acontecer, mesmo se adiados. Um dos principais desafios neste período é a estruturação e aplicação de uma avaliação significativa da aprendizagem”, comenta o Diretor de Inovação Pedagógica da Evolucional, Vinícius Freaza. A empresa destaca que o simulado presencial do Enem ainda é a melhor forma de avaliação, “mas a versão online, elaborada para a quarentena, já é um passo para que as escolas comecem a experimentar novos formatos de avaliação e estejam preparadas para essa revolução digital no ensino. O próprio INEP já divulgou uma aplicação oficial do ENEM, no formato digital, para 500 mil alunos em outubro deste ano”, complementa.

Questão do Simulado Enem online da Evolucional
Assim como na versão presencial, o simulado online terá seus resultados calculados com a metodologia conhecida como TRI (Teoria de Resposta ao Item), a mesma usada no Enem. O algoritmo desenvolvido pela Evolucional para apurar os resultados dos simulados presenciais permite prever, com até 99,7% de precisão, o resultado da escola no exame oficial. O simulado online contará com questões já calibradas pela startup, distribuídas nas 4 áreas do conhecimento trabalhadas pelo ENEM: Matemática, Linguagens e Códigos, Ciências da Natureza e Ciências Humanas. A partir desta terça-feira (31), escolas parceiras da Evolucional poderão conectar seus alunos do 9º ano do Ensino Fundamental à 3ª série do Ensino Médio no simulado online do Enem, em todo Brasil.

“Nesse curto período de tempo, as escolas estão dando grandes saltos rumo à implementação de uma cultura digital. No processo de adaptação de aulas para o ambiente online e estruturação de novos modelos de avaliação, é importante oferecer aos alunos estímulos e recursos capazes de mantê-los preparados para o ENEM, mesmo à distância”, finaliza Freaza.

 

Espanha registra recordes 832 mortes em 24 horas; Alemanha prorroga quarentena até ao menos 20 de abril

Pelo segundo dia consecutivo, a Espanha teve um número recorde de mortes, chegando a 832 vítimas — 63 a mais que as registradas nas 24 horas anteriores. O numero diário é o segundo maior contabilizados no mundo, atrás apenas das 919 mortes registradas na sexta pela Itália, país europeu mais afetado pela crise sanitária. Em parelelo, a chanceler alemã Angela Merkel, cuja resposta à pandemia do novo coronavírus vem sendo elogiada, agradeceu os alemães por respeitarem as medidas de precaução, em meio ao anúncio de que a quarentena no país será prorrogada ao menos até o dia 20 de abril.

Apesar da alta cifra registrada neste sábado, os indícios são de que a crise de saúde pública na Espanha vem se aproximando de seu pico: o aumento no número de mortes nas últimas 24 horas foi de 12,7%, em comparação com 14% na sexta-feira e 18% na quinta. Devido ao período de incubação da doença e a evolução dos sintomas, o governo espanhol espera que o pico de internações em UTIs ocorra na semana que vem e que, a partir daí, o número de mortos comece a registrar quedas absolutas.

No total, o número de óbitos na Espanha chegou a 5.690, com 72.248 infecções desde que pandemia começou. Em seu boletim diário, a força-tarefa do governo espanhol de combate ao coronavírus anunciou que 40.630 pessoas no país precisaram de hospitalização, 4.575 das quais estão em unidades de terapia intensiva. O número de curados, segundo Madri, é 12.285 — entre quinta e sexta-feira, eram apenas 9.357, uma forte alta de 31,3% em 24 horas.

O número absoluto dos casos confirmados nas últimas 24 horas, também voltou a crescer: na sexta-feira, foram 7.921 e, neste sábado, 8.189. As novas infecções registradas neste sábado, no entanto, são inferiores às vistas há 48 horas, quando o número de casos diários chegou a 8.578.

As regiões mais afetadas são Madri, com 2.757 mortos, quase metade do total, e Catalunha, com 1.070 vítimas fatais. A taxa de mortalidade na capital é tamanha que a partir de segunda-feira a cidade habilitará um segundo necrotério em uma instalação pública que estava abandonada. O governo local já havia instalado um necrotério em uma pista de patinação de um centro comercial.

Com a grande quantidade de casos na Itália e na Espanha, que, juntos, somam mais de 72 mil casos, a Europa continua a ser o novo epicentro da pandemia de Covid-19 ao lado dos Estados Unidos, o país mais afetado pela doença no mundo, com quase 105 mil infectados.

Alemanha prorroga quarentena

A Alemanha, por sua vez, é um dos países europeus mais elogiados por sua resposta à Covid-19. Segundo um virologista que faz parte da força-tarefa de Berlim para combater o vírus, o país vem realizando cerca de 500 mil testes para a doença por semana, algo que explica a baixa mortalidade: no total, há mais de 53,3 mil casos confirmados no país, com 395 mortes.

Em seu podcast, a chanceler Angela Merkel, que testou negativo para o novo coronavírus, agradeceu os alemães por respeitarem as medidas de conteção, enquanto seu chefe de Gabinete afirmou que as medidas de quarentena deverão durar ao menos até o dia 20 de abril. Entre as medidas impostas pelo governo alemão, estão o fechamento de escolas, shoppings, playgrounds, lojas de esportes e a interrupção de parte da atividade industrial.

— Quando eu vejo hoje como quase todo mundo mudou completamente de comportamento, como a vasta maioria de vocês vêm evitando contatos desnecessários, precisamente porque é um risco de infecção, então eu quero simplesmente dizer: obrigada, obrigada, obrigada, do fundo do meu coração — disse Merkel, que ainda está de quarentena em casa. — Eu devo pedir para que vocês sejam pacientes. Infelizmente, os números diários de infecções não nos dão motivo para relaxar.

 

O Globo

 

 

Jovem com caso suspeito de coronavírus está em quarentena em Serraria

Um jovem de Serraria, residente na Zona Rural, que chegou recentemente do Recife está sendo investigado como primeiro caso suspeito de coronavírus do município Ele está em quarentena de 14 dias. De acordo com a secretária de saúde, Greycianny Ribeiro, a medida foi necessária para evitar uma possível contaminação de outras pessoas caso fique comprovado que o rapaz foi infectado durante viagem para a Capital pernambucana.

A secretária de saúde, ainda informou, que o médico suspeitou que o rapaz poderia está infectado com o coronavírus, e que todo paciente sintomático e que veio de área endêmica com sintomas  Covid-19 tem que ficar em isolamento social.

O monitoramento do paciente será realizado todos os dias, para acompanhar a evolução.

A secretária de saúde de Serraria, Greycianny, disse que o caso foi notificado à secretaria do estado da Paraíba.

 

MIDIA PARAIBA

 

 

Na contramão dos dados da OMS, Walber Virgulino sai em defesa de Bolsonaro e de fim da quarentena: “Está certíssimo”

Diferentemente do que orienta a Organização Mundial de Saúde (OMS), o deputado estadual Walber Virgulino (Patriotas) durante entrevista nesta quarta-feira (25), o posicionamento do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) em apoiar o fim da quarentena no país.

Segundo o parlamentar, o país não pode escapar de uma crise na saúde para acabar morrendo em uma crise econômica caso os setores produtivos continuam paralisados.
As declarações do parlamentar foram postadas em grupos de whatsapp nesta manhã.

“Rapaz parece que os socialistas do grupo passaram a noite falando mal de Bolsonaro. O presidente está certíssimo. Ele só disse com as palavras dele o que era preciso se dizer. O Brasil não pode parar, a Paraíba não pode parar. Estamos sensacionalizando com populismo, estamos agravando uma crise que é grave sim, ninguém vai esconder isso, mas não podemos escapar de uma crise de saúde e morrermos com uma crise econômica”, disse.

Walber foi mais além e tachou os governadores que são contra as medidas do governo federal de vagabundos que não sabem gerir seus estados e querem transferir a frustração das más administrações para a administração central.

“Os governadores dos Estados, esse mói de vagabundos, incompetentes, que não sabem gerir seus estados e vão colocar a frustração da administração deles no governo Bolsonaro. Então Bolsonaro tem que estimular sim o trabalho. Àquelas pessoas que não estão nos grupos de riscos, os produtores rurais e os caminhoneiros que não colocam a Paraíba em risco têm que continuar a trabalhar. Nós temos que incentivar isso, temos que incentivar a produção. Daqui a pouco o caminhoneiro vai reclamar porque não tem onde consertar o pneu, não vai poder andar porque não tem onde dormir, não vai ter onde almoçar. Então daqui a pouco a produção vai parar e vamos comer o que? Daqui a pouco vamos viver de cartão de crédito, porque não temos como produzir. O presidente Bolsonaro está certíssimo, temos que apoiar. O homem e a mulher de bem da Paraíba têm que apoiar Bolsonaro. Então conta com meu apoio Bolsonaro”, emendou.

 

PB Agora

 

 

Deputado Tião Gomes elogia iniciativa de sessão remota da ALPB e apela para população manter quarentena

Durante a 1ª sessão deliberativa da Assembleia Legislativa realizada nesta segunda-feira (23) de forma remota, os deputados paraibanos aprovaram o decreto de Calamidade Pública contra o coronavírus (Covid-19), publicado no último sábado (21) pelo Governo do Estado.

O deputado Tião Gomes (Avante) participou da primeira sessão virtual da história do Poder Legislativo paraibano e elogiou a iniciativa e a aprovação do decreto que visa reduzir a disseminação do novo coronavírus na Paraíba.

“Aprovamos esse importante decreto do executivo. Em momento único, usamos a tecnologia para que de forma online a Assembleia se reunisse para aprovar e ajudar o Governo do Estado no combate ao coronavírus. Um momento muito importante que dá poderes à gestão estadual para melhor distribuir os recursos e aplicar de forma mais efetiva na saúde. Aproveito e peço à população que fique em casa. Eu estou fazendo minha parte, estou bem, graças a Deus e quero que vocês também fiquem bem, com saúde que é o mais importante”, destacou Tião Gomes.

Mais de 30 deputados participaram da sessão e aprovaram, por unanimidade, o decreto do Executivo, que leva em consideração a imposição do aumento de gastos públicos e o estabelecimento das medidas de enfrentamento da emergência de saúde pública.

portaldolitoralpb

 

Em vídeo, João cobra à população cumprimento de quarentena e faz alerta

O governador da Paraíba, João Azevêdo, neste domingo (22), usou seu perfil nas redes sociais para alertar à população com relação às medidas adotadas no plano de contingência de enfrentamento ao novo coronavírus (Covid-19) que está sendo executado na Paraíba.

O líder do Executivo ressaltou a necessidade da quarentena para que a saúde pública do estado não entre em colapso. Segundo ele, as medidas duras, porém necessárias, se forem cumpridas, podem ajudar na não disseminação do Covid-19.

O governador garantiu que vem realizando investimentos necessários para garantir o atendimento às vítimas do Coronavírus no estado. No último sábado, João anunciou ainda ontem (21), mais 300 novos leitos de UTI serão instalados na Paraíba.

João Azevêdo autorizou às forças de segurança a fazerem valer a determinação de isolamento social, fechando comércios considerados não problemáticos essenciais, como bares e restaurantes e retirando das ruas as pessoas que não fazem parte do grupo de profissionais dos serviços essenciais. Em caso de desobediência, as polícias podem até prender os infratores.

– Nesse momento a chegada do vírus é inevitável, mas o caos na saúde pública pode ser evitado. Depende de nós.

E acrescentou:

– Por isso, pedimos a todos que entendam, quarentena não é férias, trabalhar de casa não é folga. Evitam aglomerações, fiquem em casa.

 

PB Agora

 

 

Quarentena exige cuidados contra outras doenças oportunistas da mudança brusca de estilo de vida

Prof. Dr. Filippo Pedrinola, médico e criador do protocolo Medicina Estilo de Vida, alerta que é preciso manter o cuidado com a saúde de forma global com a nova rotina que estimula comer mais e se exercitar menos

Muita gente tem partido para o bom humor com a situação, e muitos memes brincam com o fato de que ficar em quarentena, em casa, aumentará a ansiedade e, consequentemente, a fome. Além disso, a prática de atividades físicas, como uma simples caminhada e ir à academia, estarão dificultadas. O endocrinologista Prof. Dr. Filippo Pedrinola alerta que, ao descuidar da saúde, o Covid-19 não será o único problema para se preocupar. “A mudança brusca no estilo de vida pode trazer doenças oportunistas e crônicas, por isso é importante o alerta para não se descuidar dos quatro pilares para uma vida saudável, ou seja, alimentação, atividade física, controle do estresse e espiritualidade”.

O ideal é adequar o novo, e temporário, estilo de vida focando no equilíbrio desses quatro pilares essenciais para a saúde e o bem-estar. Pedrinola explica porque isso é tão importante. “O conceito do que seria ter uma vida saudável não se resume apenas à ausência de doenças, mas um sentido mais global que envolve o bem-estar do ser humano. Neste momento crítico, a sobrecarga de informações, juntas ao medo e à sensação de impotência, dificultam o devido cuidado com o corpo e com a mente”.

Alimentação

Fortalecer o sistema imunológico em um período como este é mais do que necessário, e uma alimentação saudável é capaz de prevenir e até mesmo reverter doenças. O indicado é resistir às tentações e seguir uma dieta variada e rica em alimentos como frutas, legumes, verduras e grãos, e evitando alimentos processados, com muita gordura e açúcar. Além de reforçar o sistema imunológico, impede a ingestão de calorias em excesso enquanto a pessoa está impossibilitada de voltar a sua rotina normal.

Exercícios físicos

É possível manter o corpo ativo durante um período de quarentena. Embora a carga e intensidade sejam amplamente reduzidas, isso não é prejudicial e nem fará o seu corpo se desacostumar com o que vem executando até agora nas academias. A internet possui diversos tutoriais sobre como se exercitar de forma moderada sem ir a uma academia. Além da ajuda em manter o peso ideal, a atividade física libera substâncias benéficas ao cérebro que comprovadamente diminuem os efeitos da ansiedade.

Controle do Estresse

Tão importante quando o cuidado com a saúde do corpo, também é o cuidado com a saúde de nossa mente. O controle do estresse é uma das áreas que mais merecem atenção. Uma das alternativos para esse problema é a prática Mindfulness.

“Nos deixar tomar pelo estresse só colabora para piorar a situação. É o momento de pensarmos na nossa saúde e no que podemos fazer para ajudar toda a comunidade. Cada um fazendo sua parte e estando saudável, será a maior colaboração”, diz o endocrinologista.

Espiritualidade

A espiritualidade também deve ser levada em consideração, e isso nada tem a ver com crenças pessoais ou religião, mas com uma ligação do indivíduo para consigo mesmo, com seus familiares, amigos e com o universo. Meditação, ioga e a própria prática Mindfulness, citada anteriormente, são algumas das atividades que oferecem essa ligação íntima ao indivíduo

Sobre o Dr. Filippo Pedrinola

O Dr. Filippo Pedrinola, criador do protocolo Medicina de Estilo de Vida, é médico formado pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP) com residência médica em clínica e endocrinologia no Hospital das Clínicas de São Paulo.

Após período de um ano do Fellowship Program do Cedars Sinai Medical Center da University of California em Los Angeles (UCLA), concluiu doutorado em endocrinologia pela Faculdade de Medicida da USP.

É membro da The Endocrine Society dos Estados Unidos, da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia (SBEM) e da Associação Brasileira de Estudos sobre Obesidade (ABESO).

Possui certificação em medicina mente-corpo pelo Body-Mind Institute da Harvard Medical School, pela International Stress Management Association no Brasil (ISMA-BR) e pela University of Texas em Arlington (UTA).
Além de estar à frente de suas clínicas médicas próprias, faz parte do corpo clínico do Hospital Albert Einsten e do Hospital BP Mirante, neste último é Coordenador do Núcleo de Bem-Estar e Terapias Integrativas.

C+M Comunicação

 

 

Família de homem com caso suspeito de coronavírus está em quarentena, na PB

A família do homem de 59 anos que está sendo investigado como o primeiro caso suspeito de coronavírus na Paraíba está em quarentena por 14 dias. De acordo com a Secretaria de Estado da Saúde, a medida foi necessária para evitar uma possível contaminação de outras pessoas e para quebrar a cadeia de transmissão, caso fique comprovado que o paciente foi infectado pelo vírus durante viagem à Itália.

Além da esposa do homem, de 55 anos, que viajou com ele, e está sem sintomas da doença, também estão em quarentena o filho, de 27 anos, e a nora, de 25 anos. Todos estão em quarentena em sua residência, orientados a não receberem visitas e não saírem de casa para fins de controle epidemiológicos. Uma equipe da vigilância epidemiológica mantém contato diário com eles para monitorar o quadro de saúde do grupo.

Já o homem está internado no Complexo Hospitalar Clementino Fraga desde a noite da última terça-feira (25). A expectativa da SES é que o resultado do primeiro exame seja divulgado nesta sexta-feira (28), mas ainda será feito um outro exame mais conclusivo.

Ele esteve em viagem à Itália entre os dias 14 e 23 de fevereiro, chegando ao Brasil na segunda-feira (24), em voo internacional com destino a Recife. Ele buscou o atendimento médico por conta própria, acompanhado por familiares.

Ao hospital, o paciente relatou que apresentou no dia 10 de fevereiro um resfriado e que já viajou apresentando tosse seca, mas sem relato de febre neste período. Ainda durante a viagem, o homem, que reside em João Pessoa, apresentou sintomas como tosse, febre e coriza.

O Complexo de Doenças Infectocontagiosas Clementino Fraga, onde o paciente está internado, é uma unidade preparada para atender casos suspeitos de coronavírus, conforme plano estadual para notificação e assistência divulgado pela SES em janeiro. Qualquer caso que se encaixe no perfil deve ser transferido para o hospital.

Além do Clementino Fraga, o Hospital Universitário Lauro Wanderley (HULW), também em João Pessoa, está apto para atender casos suspeitos exclusivamente em pacientes da pediatria.

Foto: Kleide Teixeira / Jornal da Paraíba

G1