Arquivo da tag: promoções

Governador João Azevêdo autoriza promoções e Polícia Militar da Paraíba ganha mais de 540 novos cabos

A Polícia Militar da Paraíba agora conta com 546 novos cabos. A promoção dos soldados à essa nova graduação profissional foi publicada na noite desta quinta-feira (6), no boletim interno da corporação, e contempla policiais de todas as regiões do estado.

A promoção foi assinada pelo comandante-geral da PM, coronel Euller Chaves, após autorização do governador João Azevêdo. Os promovidos receberão os atos de promoção em três solenidades simultâneas que acontecem nesta sexta-feira (7), nas cidades de João Pessoa, Campina Grande e Patos.

O comandante-geral da Polícia Militar, coronel Euller Chaves, agradeceu ao Governador a autorização e parabenizou a todos os promovidos, falando que novos avanços estão para acontecer. “É mais um momento de ascensão profissional, totalizando mais de 9 mil promoções, sendo 6.437 delas de praças. Desde 2011, tivemos a honra de receber 472 novos graduados, através das seleções internas de sargentos e cabos que foram retomadas e deveremos tê-las novamente nos próximos meses, além de possibilidades de progressões que estamos analisando para termos uma Polícia Militar cada vez mais pautada na valorização profissional, no trabalho, nos resultados e nas conquistas históricas”, destacou.

Em Campina Grande, os policiais promovidos receberão os atos do próprio governador João Azevêdo, que fará a entrega durante o lançamento da Operação São João 2019, no Sesc do Açude Velho. Ainda na solenidade, a PM receberá 13 viaturas novas e 18 motos, que fazem parte de um investimento total de mais de 1,2 milhões de reais feito pelo governador João Azevêdo para garantir uma frota nova e moderna para operar nas 15 unidades operacionais da PM, na 2ª Região Integrada de Segurança Pública, que abrange Campina Grande, Brejo e Cariri.

 

clickpb

 

 

Ricardo revela porque bloqueou promoções na PM e UEPB

O governador Ricardo Coutinho (PSB) comentou sobre os decretos publicados no Diário Oficial do Estado que beneficiam o plano de cargo e carreira da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) e da Polícia Militar, publicados na última quarta-feira(11). Segundo o gestor, as promoções haviam sido bloqueadas devido ao momento da crise econômica.

“Atualizamos todas as promoções da polícia, foram mais de seis mil e, também, dentro do orçamento proposto pelo reitor Rangel Junior, dentro do orçamento da UEPB, sem ultrapassar os limites da Lei Orçamentária Anual e os limites de pessoal dentro da legislação, foi autorizada a recomposição das promoções dos anos de 2005, 2006 e 2007”, explicou o governador.

Ricardo explicou que houve uma negociação com a Reitoria, o ADUEPB e o SINTESPB acerca do desbloqueio das promoções.  Em relação à Polícia Militar, ele ressaltou que começou a fazer as liberações dentro da polícia, pois aponta que, além da promoção, o serviço destes apresenta o diferencial da patente, dentro do exercício de poder e funções da corporação.

“Governar neste momento não é nada fácil. As coisas de uma hora para outra mudam completamente. A Paraíba é um estado em transformação, que vem avançando muito sua receita própria e nós nos preparamos pra crise sem parar nada”, destacou, aproveitando para comentar as inaugurações e os investimentos na educação para o próximo ano.

 

Juliana Cavalcanti –  MaisPB

Acompanhe mais notícias do FN nas redes sociais: FacebookTwitterYoutube e Instagram

Entre em contato com a redação do FN:  WhatsApp (83) 99907-8550. 

E-mail: jornalismo@focandoanoticia.com.br

Maior campeão da Copinha, Timão tem histórico de promoções ao profissional

(Foto: Miguel Schincariol/LANCE!Press)
(Foto: Miguel Schincariol/LANCE!Press)

Depois de bater o Botafogo-SP na manhã deste domingo por 1 a 0, o Corinthians levou o nono título da Copa São Paulo de Futebol Júnior da sua história. Com a conquista, o Timão ampliou ainda mais a vantagem em número de taças sobre os rivais. O Fluminense vem logo atrás dos paulistas, tendo levantado o caneco cinco vezes. O Alvinegro faturou o titulo da Copinha em 1969, 1970, 1995, 1999, 2004, 2005, 2009, 2012 e 2015.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Algumas promessas alvinegras se destacaram na competição e chegaram a vingar pelo clube, enquanto outros não deram certo, mas foram emprestados para outras equipes do futebol brasileiro. Em 1999, o Timão venceu o Vasco, e jogadores como o lateral-esquerdo Kléber, o volante Edu Gaspar e os atacantes Ewerthon, Gil e Fernando Baiano subiram para o profissional.

Desses, Edu e Kléber não atuam mais. Atualmente, o ex-volante é gerente de futebol do Timão. Já Kléber defendeu o Figueirense em 2014, mas rescindiu o contrato com o clube catarinense e anunciou a aposentadoria em seguida. Ewerthon, Gil e Fernando Baiano continuam jogando. O primeiro jogou no Atlético Sorocaba, o segundo jogou no ABC-RN e o terceiro passou pelo Mogi Mirim no ano passado.

Em 2004, o Corinthians derrotou o rival São Paulo na decisão. O goleiro Júlio César, o lateral-esquerdo Fininho, o volante Nilton, o meia Rosinei e os atacantes Bobô, Abuda e Jô se destacaram no campeonato e foram promovidos à equipe principal. O arqueiro defende hoje o Náutico, o ala joga no Metalist Kharkiv (UCR) e o volante foi récem-contratado pelo Internacional. Abuda está no Tokyo Verdy (JAP), Bobô atua pelo (Kayserispor – TUR) e Jô segue no Atlético-MG desde 2012.

No ano seguinte, o Corinthians faturou a Copinha pela sexta vez após vencer o Nacional-SP. O lateral-esquerdo Bruno Bertucci, o volante Bruno Octávio e os meia Elton e Ronny surgiram como joias e opções para o time profissional. Bertucci disputará o Paulistão deste ano pela Portuguesa, o volante defende o Marcílio Dias (PR), Elton está Al Fateh (SAU) e Ronny defende as cores do Herta Herlim (ALE).

O hepta em 2009 veio em cima do Atlético-PR. A garotada do Terrão que se acabou sendo promovida para o profissional foi formada pelo volante Boquita e o meia Lucas Sasha. O volante chegou a rodar em várias equipes do país, mas atualmente está no Marília. Já Sasha atua no Hapoel Aviv (ISR).

O último título corintiano conquistado antes deste domingo aconteceu quatro anos mais tarde, após vitória sobre o Fluminense. O goleiro Matheus Vidotto, o zagueiro Marquinhos, o lateral-esquerdo Denner, o volante Gomes, os meias Giovanni e Matheusinho e o atacante Douglas Tanque participaram do oitavo título do Timão e se destacaram no torneio.

O arqueiro continua treinando no alvinegro com os profissionais. O zagueiro Marquinhos defende o PSG, da França, e o lateral-esquerdo defendeu o Boa Esporte em 2014. O volante Gomes e o meia Matheusinho atuaram no ano passado pelo Guaratinguetá. Giovanni disputou a Série B pela Portuguesa, enquanto o Douglas atuou pela Ponte Preta, tendo conquistado o acesso para a Série A do Brasileirão deste ano.

LANCENET!

Operadoras brigam na Justiça contra regras da Anatel e dizem que promoções podem acabar

celularO Regulamento Geral de Direitos do Consumidor de Serviços de Telecomunicações (RGC), aprovado pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) em março, pode acabar com as promoções para novos clientes feitas pelas empresas de telefonia e TV por assinatura. A avaliação é do presidente da Associação Brasileira das Prestadoras de Serviços de Telecomunicações Competitivas (Telcomp), João Moura — que representa operadoras como Claro, Embratel, Nextel, TIM, Oi e Vivo — e de Oscar Simões, presidente da Associação Brasileira de Televisão por Assinatura (ABTA) — que reúne empresas como a Sky, GVT e Net. As duas entidades estão com ações na Justiça Federal, tentando suspender alguns dos mais de cem artigos do RGC, entre eles o 46, que determina que toda oferta, incluindo as de caráter promocional, deve ser válida para todos os clientes, e não apenas os novos.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Segundo Moura, não é possível para as operadoras estender os benefícios aos antigos consumidores.

— Você pode ter impactos operacionais e econômicos tão grandes que a operadora não terá condições (de sustentar as promoções). Então, o consumidor vai ficar sem (elas). Se prevalecer essa regra, o cliente vai perder muito do glamour da promoção. Vai ficar só “o serviço é esse e esse. E uma vez por ano muda o preço” — acredita Moura.

Oscar Simões também diz que o consumidor vai ser prejudicado, porque as empresas não vão ter condições de arcar com os custos:

— O que vai acontecer é que vão acabar as promoções. Não vai ter condições. Não estamos contra o consumidor. Mas é impossível dar descontos para a base inteira.

ONG contesta empresas

Para Dane Avanzi, diretor do Instituto Avanzi, ONG de defesa dos direitos do consumidor usuário de serviços de telecomunicações, a diferença de preços entre clientes novos e antigos é um desrespeito.

— Elas ganham muito bem para investir nisso. Para pegar consumidores das outras (empresas), elas fazem promoções. Aí, o cliente antigo fica com uma qualidade de serviço pior, comparativamente, em relação ao novo (porque paga mais pelo mesmo serviço).

Em nota oficial, a Advocacia-Geral da União (AGU), que representa a Anatel nos processos judiciais no Distrito Federal, afirmou que “considera que as regras criadas pelo RGC representam um avanço nos direitos do consumidor de telecomunicações e defende a legalidade dos seus artigos”.

Batalha judicial sem prazo para terminar

Dois processos que correm na Justiça Federal têm alternado a validade de algumas das normas do Regulamento para os consumidores. Isso porque liminares têm ora derrubado, ora estabelecido as regras da Anatel. Na quinta-feira, tanto a Anatel quanto a Advocacia-Geral da União (AGU) afirmaram que vão recorrer da decisão da 1ª Vara Federal da Seção Judiciária do Distrito Federal, tomada no dia 07 deste mês, em favor da Associação Brasileira de Televisão por Assinatura (ABTA). Na liminar, o juiz federal substituto Tiago Borré suspendeu seis artigos da Resolução 632, válidos desde o dia 8 de julho.

Essa foi a segunda liminar contra o RGC que as empresas conseguiram na Justiça Federal. Em julho, a Telcomp conseguiu suspender dez artigos do Regulamento na 21ª Vara. A decisão, no entanto, foi anulada duas semanas depois pela juíza federal substituta Célia Regina Bernardes. Em entrevista, o presidente da associação afirmou que ainda avalia se vai recorrer.

Em nota, a AGU afirmou que “considera que as regras criadas pelo RGC representam um avanço nos direitos do consumidor de telecomunicações e defende a legalidade dos seus artigos”. Se, nos dois processos, a Anatel e as associações continuarem recorrendo sucessivamente, as novas regras poderão ser decididas em tribunais superiores.

Para Avanzi, as operadoras estão tentando ganhar tempo com as decisões judiciais.

— E a Justiça está prestando um grande desserviço ao consumidor dando liminares a essas operadoras, uma vez que isso já foi tudo definido. Antes de a Anatel editar essa norma, houve uma discussão com as operadoras.

Como se já não bastassem os dois processos na Justiça, as empresas também tentam mudar ou adiar as regras na esfera administrativa. Ontem, a Anatel informou que o Conselho Diretor negou o recurso do Sindicato Nacional das Empresas de Telefonia e de Serviço Móvel Celular e Pessoal (SindiTelebrasil), que pedia novos prazos, escalonados, para as normas do RGU.

Procurado, o SinditeleBrasil informou que não vai se manifestar sobre o RGC.

 

Extra 

 

Ricardo recebe representantes da Polícia Militar e anuncia promoções para policiais e bombeiros

ricardo-coutinhoO governador Ricardo Coutinho recebeu, neste domingo (12), na Granja Santana, representantes de categorias da Polícia Militar. Durante o encontro, que durou mais de três horas, foram tratados temas sobre a corporação e o Corpo de Bombeiros, tais como: reajuste salarial (data-base), Plano de Cargos e Carreiras, condições de trabalho, entre outros assuntos. Na ocasião, o governador adiantou que vai anunciar nesta terça-feira (14), no Palácio da Redenção, as promoções para milhares de policiais e bombeiros militares.

CURTA o FOCANDO A NOTÍCIA no Facebook

Ricardo destacou o avanço que a Paraíba dá com as promoções dos policiais e bombeiros militares. “São milhares de militares e bombeiros militares que terão suas promoções reconhecidas. O que prova que este Governo, além de estruturar a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros com novas viaturas, armas, coletes, munição, também está pensando no benefício coletivo dos homens e mulheres que integram as forças de Segurança do nosso Estado. Vamos ter um grande impacto na folha de pessoal, mas temos a percepção e a sensibilidade de que nossos policiais e bombeiros merecem esse reconhecimento”, afirmou o governador.

Ricardo lembrou ainda que o Governo da Paraíba já promoveu, em apenas três anos de gestão, 1.820 homens e mulheres da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros, sendo 1.200 praças, 300 oficiais e 320 bombeiros militares. Além de garantir o aumento real (excluindo a inflação) de 22% para os policiais.

As regras para as promoções dos policiais e bombeiros militares serão apresentadas no Palácio da Redenção, às 10 horas, para comandantes e representantes de militares e bombeiros de todos os batalhões da Paraíba.

O comandante geral da Polícia Militar, coronel Euller Chaves, ressaltou o reconhecimento do Governo aos policiais e bombeiros militares. “Essas promoções demonstram, mais uma vez, o reconhecimento do Governo aos homens e mulheres que estão nas ruas combatendo o crime e defendendo o cidadão. É um gesto de humanidade e respeito do governador face não apenas pelo número, mas também ao local escolhido para o anúncio [Palácio da Redenção], fato que nunca aconteceu antes”, ressaltou o comandante.

Os representantes reconheceram o trabalho que vem sendo realizado pelo Governo da Paraíba, desde o aspecto da infraestrutura, condições de trabalho até o poder de polícia, de modo que hoje eles trabalham sem influência ou interferência de político ou poderes nas ações e operações.

Participaram do encontro na Granja Santana: cabo Sérgio Rafael, cabo M. Greiz, capitão Edgar, soldado Guimarães (Associação dos Militares da Paraíba); cabo Eliane, sargento Erivan (Associação dos Cabos e Soldados); cabo Silvano (Ong Abolição Militar); além dos secretários Luís Tôrres (Comunicação Institucional), Aracilba Rocha (Finanças), coronel Dênis (subcomandante do Corpo de Bombeiros); Livânia Farias (Administração), Jean Francisco (executivo Segurança Pública) e o secretário-chefe da Controladoria Geral do Estado, Luzemar Martins.

Redação com Assessoria

Semana de festa: Ótica Diniz é inaugurada em Solânea com promoções e atendimento de alta qualidade

 

Otica DinizA semana promete ser de muita festa no município de Solânea. É que a chegada da Ótica Diniz  a cidade trará, além de um atendimento de alta qualidade, promoções incríveis que vai fazer a população solanense ter um motivo a mais para fazer seus exames de vista e comprar seus óculos.

A movimentação na cidade começou no sábado (19) quando a loja realizou uma carreata pelas principais ruas distribuindo camisas e bonés aos populares.

E, a partir de hoje (21) até a próxima sexta-feira aqueles que forem até a loja vão poder aproveitar as várias promoções reservadas para a inauguração, a exemplo de armações grátis, consultas com médicos qualificados e vários brindes.

OticaAndré Caetano, diretor afiliado da loja, convida toda região para visitar a ótica durante a semana de inauguração. “Nós reservamos uma semana inteira de muita premiação, consultas com médicos especializados, brindes, entregas de armações gratuitas e muito mais. Quem vier a Ótica Diniz também vai encontrar funcionários preparados para dar o melhor e o maior atendimento da região”, disse.

 

 

Redação/Focando a Notícia

Operadoras de celular vão poder voltar a fazer promoções, diz Anatel

O presidente da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), João Rezende, disse que todas as operadoras de telefonia celular serão liberadas para fazer suas promoções a partir dessa quinta-feira (17).

A agência publicou nesta quinta um despacho liberando a promoção Infinity Day, da TIM, que estava suspensa desde novembro. Segundo a Anatel[bb], a medida foi adotada por temor de que a rede da operadora não suportasse o tráfego adicional.

No final do ano passado, visando as vendas de Natal, outras operadoras chegaram a consultar a Anatel sobre o lançamento de suas promoções. Pelo menos uma delas, a Claro, teve negado o pedido para colocar sua oferta no mercado.

Em entrevista ao G1 em dezembro, o superintendente de Serviços Privados da Anatel, Bruno Ramos, informou que a agência havia decidido suspender as promoções das operadoras de celular até este mês de janeiro. De acordo com ele, a medida tinha o objetivo de evitar queda na qualidade do serviço[bb] numa época em que as redes das operadoras costumam registrar aumento do tráfego.

“Estamos mandando hoje (quinta) ofício às empresas dizendo que elas podem fazer as suas promoções”, disse Rezende. “Mas nós vamos voltar a avaliar a rede das operadoras daqui a três meses e, se a gente verificar que houve queda na qualidade do serviço, essas promoções podem ser suspensas”, completou.

Queixas
Na quarta-feira, a Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon) do Ministério da Justiça informou que a telefonia celular foi a líder de queixas nos Procons do país em 2012.

De acordo com o boletim do Sistema Nacional de Informações de Defesa do Consumidor (Sindec), do total de 1.877.966 de queixas recebidas no ano passado, 172.119 (9,17%) foram provocadas por problemas[bb] com telefonia celular.

G1